2009 será um dos anos mais quentes da história

Tópico em 'Climatologia' iniciado por Mário Barros 5 Jan 2009 às 22:05.

  1. Mário Barros

    Mário Barros
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    18 Nov 2006
    Mensagens:
    12,479
    Local:
    Cavaleira (Sintra)
    2009 será um dos anos mais quentes já registrados na história

    O ano que vem será um dos cinco mais quentes já registrados, disseram cientistas climáticos britânicos na terça-feira.

    A temperatura média mundial de 2009 deverá ficar 0,4 grau Celsius acima da média de longo prazo, apesar do resfriamento contínuo de grandes áreas do Oceano Pacífico, um fenômeno conhecido com La Niña.

    Portanto, seria o ano mais quente desde 2005, de acordo com os pesquisadores do Met Office, que também disseram que há uma probabilidade crescente de temperaturas recordes depois do ano que vem.

    Atualmente, o ano mais quente já registrado foi 1998, que teve temperaturas médias de 14,52 graus Celsius --bem acima da média de longo prazo entre 1961 e 1990 de 14 graus Celsius.

    O calor daquele ano foi fortemente influenciado pelo El Niño, um aquecimento anormal da superfície do oceano no Pacífico tropical.

    Existem inúmeras teorias sobre os mecanismos que causam El Niños e La Niñas, mas os cientistas concordam que esses fenômenos desempenham um papel cada vez mais importante nos padrões do clima do planeta.

    A força dos ventos que sopram do leste para o oeste em todo o Pacífico equatorial é visto como um fator importante.

    "O aquecimento em níveis recordes se torna provável quando um El Niño moderado se desenvolve", disse o professor Chris Folland, do Met Office. "Fenômenos como o El Niño e a La Niña tem uma influência significativa na temperatura de superfície mundial."

    O professor Phil Jones, diretor de pesquisa climática da Universidade de East Anglia, disse que o aquecimento global não foi embora, a despeito do fato que em 2009, como em 2008, recordes não serão quebrados.

    "O que importa é a taxa de aquecimento fundamental", disse ele.

    Ele observou que a temperatura média entre 2001 e 2007 foi de 14,44 graus Celsius, 0,21 grau Celsius mais quente que os valores correspondentes entre 1991 e 2000.

    (Reportagem de Christina Fincher)

    http://www.swissinfo.org/por/notici...ect=143&sid=10145762&cKey=1230678560000&ty=ti

    Que a batalha começe :lmao::lmao: o gelo até pode ir aos mínimos, tal facto não significa que o ano venha a ser quente.
     
  2. psm

    psm
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    25 Out 2007
    Mensagens:
    1,509
    Local:
    estoril ,assafora
    Bem, quente quente vai ser ao nivel da politica no nosso pais:disgust::(. Que desculpem este desabafo aqui:p.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  3. miguel

    miguel
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    4 Fev 2006
    Mensagens:
    11,960
    Local:
    Setúbal
    De novo??mas agora todos os anos vão ser os mais quentes?:huh: já ando a ouvir essa historia a pelo menos dois anos seguidos e depois temos o verão mais frios dos últimos 20 anos e coisas de género :lmao:
     
    Collapse Signature Expand Signature
  4. mirones

    mirones
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    24 Nov 2006
    Mensagens:
    918
    Local:
    Setúbal
    Todos os anos atiram com isso...a ver se alguma vez acertam :lmao:

    Mas parece que não devem jogar no euromilhões :lol:
     
  5. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    Este tipo de trocadilhos e jogos com os títulos é uma coisa que me enerva solenemente. Seja para os do calor, seja para os do frio. O ano de 2009 será obviamente um ano quente em termos históricos, mas não tanto como os mais recentes.

    Este modo de divulgar as coisas denota as lutas mediáticas que travam as diversas agendas por detrás destas questões. Por exemplo, um lado da barricada escreveu "2008 entre os 10 anos mais quentes de sempre. É a mais pura das verdades. O outro lado escreveu "2008 foi o ano mais frio do século". Também é a mais pura das verdades.

    Mas eu discordo radicalmente deste tipo de opções editoriais, uns e outros fazem pequenos jogos "manipulativos" com os títulos. E percebe-se que estes títulos (de uns e outros) não nascem do céu, são agendas mediáticas bem definidas, a guerra de press-releases numa coisa que não devia ser uma guerra, apenas deveria ser uma discussão cientifica completamente afastada da filosofia "tablóide" de criação de títulos.
     
  6. irpsit

    irpsit
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    2,057
    Local:
    Entre Mortágua e Tondela
    Os nevões que Portugal teve até agora realmente vão ajudar a 2009 a ser um dos anos mais quentes da história (ironia).
    O meu palpite: o ano vai ser invulgarmente fresco, no geral.
    Podemos ter calor no verão (é normal) mas haverá alturas por este Inverno e Primavera em que o frio anormal teimará em insistir.


     
    Collapse Signature Expand Signature
  7. José C

    José C
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    14 Jan 2009
    Mensagens:
    21
    Local:
    Loures
    Olá amigos

    Gostava de saber onde se consegue tanta convicção quando se aborda a temática de previsões meteorológicas a médio e longo prazo!

    Concordo com o que Vince escreveu; perante toda esta mediatização atribuída ao provável (e não passa disso mesmo) tipo de comportamento atmosférico, certamente concluiremos que igual a tantos outros alarmismos neste âmbito, a cada ano que passa, nada de novo se diz.
    O nosso lado cómico poderia até dizer que “fará sol se não chover”!:rolleyes:

    Obviamente, calcular uma previsão meteorológica para um período de 4 ou 5 meses e ainda com um afastamento de igual período; a ser correcta e sujeita a margens mínimas de erro, isto de facto seria fantástico!!!:unsure:
     
  8. Aristocrata

    Aristocrata
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    28 Dez 2008
    Mensagens:
    4,547
    Local:
    Paços de Ferreira, 292 mts
    "Existem inúmeras teorias sobre os mecanismos que causam El Niños e La Niñas, mas os cientistas concordam que esses fenômenos desempenham um papel cada vez mais importante nos padrões do clima do planeta."
    Evidentemente que se atribui mais importância a estes fenómenos a partir do momento que se estuda com mais profundidade estes últimos. Mas há que não esquecer que estes fenómenos já existem há muitos séculos e só agora se estuda com algum rigor. Quem nos diz que já foram mais intensos ou mais "fracos" séculos atrás e que consequências tiveram no clima global?
    El niño e el niña causam o aquecimento\ esfriamento global ou são eles apenas uma causa de outros fenómenos ainda pouco ou nada estudados?
    Há muita confusão no ar mesmo dentro da comunidade científica.:confused:
    Faz-me lembrar o gelo do pólo norte: tem vindo a regredir ano após ano, com abertura de passagens marítimas que nunca foram observadas; isto é, a comunidade científica nunca as observou mas há relatos das populações em como isso já aconteceu há mais de 50 anos atrás e por variadas vezes. Então onde está a verdade?
    Digo eu: estude-se, investigue-se mas a comunidade científica devia ir mais ao terreno, aos registos escritos, orais, trocar informação com as populações mais tradicionais para recolher dados que possam ajudar a dar ideias mais concretas sobre o que se há-de esperar do clima. Temos mais el niños\niñas? Sinal de aquecimento global? Sem ter dados concretos e imparciais não é possível dar certezas e quem as dá tem afinal falta de rigor.
    Mas atenção, sou eu a pensar para comigo:(
     
    Collapse Signature Expand Signature
  9. Orvalho

    Orvalho
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    14 Nov 2007
    Mensagens:
    59
    Local:
    Vila Nova De Poiares e Serra da Estrela (400 m)
    O que eu tenho a dizer é apenas:
    -Neste Inverno há neve a cotas baixas em Portugal com entradas de Noroeste
    O frio da próxima terça feira acontece devido ás baixas temperaturas que se fazem sentir na América do Norte(é só observar o trajecto desta massa de ar),vindas da Ártica nestes dias América do Norte, e apesar de atravessarem um Atlantico inspirádo pela corrente do Golfo ainda conseguem aportar -35 ou -37ºC de temperatura a 850hpa.
    -Pelo Mundo sucedem-se vagas de frio polar(no ano passado apenas a Europa Ocidental escapou)
    -Veja-se a PDO fria a alastrar para o Atlantico com as consequentes frias temperaturas. Trata-se de uma viragem climática evidente no sentido de termos temperaturas mais frias.
    -Raios cósmicos aumentando a refleção do calor solar em virtude do aumento de nebulosidade?( ler Svensmark, Landscheidt) opinião partilhada por físicos Russos chineses,etc.
    Só faltam mesmo mudanças na órbita da Terra e erupção de vulcões.O frio está garantido.
    E o padrão ventoso e ameno do nosso Inverno parece cada vez mais dasvaneçer-se tal como o vento que agora sopra muito menos.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  10. ferreira5

    ferreira5
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    18 Mar 2007
    Mensagens:
    1,794
    Local:
    Bragança (alt.665m) Lamego (alt.558m)
    "35 ou -37ºC de temperatura a 850hpa." ?:cold:
     
  11. Orvalho

    Orvalho
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    14 Nov 2007
    Mensagens:
    59
    Local:
    Vila Nova De Poiares e Serra da Estrela (400 m)

    500 :Dhpa
     
    Collapse Signature Expand Signature
  12. Orvalho

    Orvalho
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    14 Nov 2007
    Mensagens:
    59
    Local:
    Vila Nova De Poiares e Serra da Estrela (400 m)
    Sobre a actividade solar www.solarcycle24.com
    temperaturas globais-li que num cenário de arrefecimento global como parece estarmos a viver o fenómeno la niña acontece com mais frequência que o El niño. Se analizarmos os últimos anos faz sentido. Arrefecimento global-la ninã
    1998, pico de calor global-el niño
     
    Collapse Signature Expand Signature
  13. Orvalho

    Orvalho
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    14 Nov 2007
    Mensagens:
    59
    Local:
    Vila Nova De Poiares e Serra da Estrela (400 m)

    A cobertura e espessura de gelo na Antartida encontra-se em crescendo. Em relação ao Polo Norte existem teorias que atribuem parte do degelo,digo parte porque há um degelo durante o Verão todos os anos normal,
    atribuem parte do degelo a existência de grande actividade geotérmica submarina no Ártico. Será?
     
    Collapse Signature Expand Signature
  14. Paulo H

    Paulo H
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    2 Jan 2008
    Mensagens:
    2,843
    Local:
    Castelo Branco 386m(489/366m)
    1. A evolução do ártico está sendo diferente da antartida? (tendo em atenção o desfazamento temporal das estações do ano)

    Se existem disparidades na evolução anual da superfície de gelo no artico em relação à antartida, há que estudá-las!

    Pois aparentemente, estão ambos equidistantes do equador (recebem a mesma taxa de incidência de raios solares, separada de 6 meses), poderão ocasionalmente num ou outro ano receber mais ou menos precipitação numa época mais propicia a ser solida ou liquida.

    Mas mesmo assim, a antartida é e será sempre um continente, portanto, mais fria que o ártico, com cadeias montanhosas a mais de 3000m de altitude!

    De forma que os pratos da balança, nunca poderão ser iguais.

    2. Será o ano 2009, um dos anos mais quentes da história?

    Da história não diria, desde que há registos talvez.. Ou estarão a incluir estudos de paleoclimatologia?

    E mesmo quando se diz, vai ser o ano mais quente da história, decerto não o será por toda a parte! É apenas uma tendência, ninguém poderá adivinhar como se irá distribuir esta anomalia pelo globo, e haverá sempre anomalias negativas algures. Há que ter noção que na natureza, existem sempre dois pratos numa balança, dum lado o provável e do outro o improvável mas nunca impossível de acontecer, aliás o improvável está sempre acontecendo algures.

    3. Como será a anomalia das temperaturas neste inverno 2008/09, no Hemisfério Norte? Ou pelo menos na faixa de latitudes acima de 30ºN?

    Tendo em conta a possibilidade de 2009 ser dos anos mais quentes da história, aceitando o degelo do ártico e a sua fraca recuperação em défice ainda, como explicar a possível anomalia negativa de temperaturas nas nossas latitudes neste Inverno?

    Será possível, que devido à menor superfície do ártico as correntes marinhas tenham algumas das suas caracteristicas (velocidade, salinidade, temperatura, trajecto) alteradas o suficiente para modificar o clima?
    Esta anomalia negativa na nossa latitude neste inverno, será apenas a mais que aceitável e normal variabilidade climática?
    Será que a menor influencia do albedo polar se está manifestando de alguma forma, ou será que a menor superficie gelada se traduz numa maior influencia maritima no artico de forma a induzir-se uma cadeia de alterações à distância?
    O jet-stream, seria muito diferente se não houvesse gelo no ártico?

    Só tenho perguntas, as respostas deixo-as aos cientistas, mas todos podemos opinar.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  15. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,244
    Local:
    Arroja, Odivelas (142m)
    Tens dados que sustentem esta tua última afirmação?

    E será que o frio está mesmo garantido?

    Temperaturas em Moscovo nos últimos 90 dias:
    [​IMG]

    E quanto ao padrão ameno do nosso Inverno estar cada vez mais a desvanecer-se, peço que meteorologicamente te relembres do nosso Janeiro de 2008. Foi assim tão agreste?


    Não quero com isto defender a teoria de que 2009 será um ano quente e muito menos que "será um dos anos mais quentes da história".
    Quero apenas relembrar que o clima evolui num todo, e não por partes.

    Não é por estar frio na Europa Ocidental, que o planeta está obrigatoriamente a arrefecer. Foi por isso que postei as temperaturas de Moscovo.

    Quando se fala na globalidade, há que ter em conta o que é realmente global. :thumbsup:
     
    Collapse Signature Expand Signature

Partilhar esta Página