3 ciclones a caminho de Moçambique

Tópico em 'Tempo Tropical' iniciado por Luis França 23 Fev 2007 às 02:50.

  1. Luis França

    Luis França
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Mai 2006
    Mensagens:
    1,467
    Local:
    Hades
    Vejam o tamanho deste 3º ciclone a caminho de Moçambique (o Flavio já lá chegou e o 2º já está perto de Madagáscar):

    [​IMG]
    [​IMG]
     
  2. mocha

    mocha
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    5 Dez 2006
    Mensagens:
    1,596
    Local:
    Barreiro
    ora noticias do ciclone Favio, Portugal Diario:

    A passagem do ciclone Favio pelo sul e centro de Moçambique, com ventos superiores a 180 km/h, fez 17 feridos e destruiu total ou parcialmente centenas de edifícios, incluindo uma cadeia em Vilanculo (Inhambane), indica um balanço preliminar.

    A cidade de Vilanculo (cerca de 800 quilómetros a norte de Maputo), por onde o centro do ciclone entrou no país na manhã de quinta-feira, foi a mais atingida, permanecendo sem energia eléctrica e sem comunicações telefónicas fixas e móveis.

    Os telhados de edifícios públicos de Vilanculo como a maternidade, o centro de saúde, o armazém distrital, a delegação do Instituto de Meteorologia, entre outros, foram total ou parcialmente arrancados.

    A força do vento destruiu ainda centenas de casas de construção precária.

    Apesar de o balanço preliminar indicar a existência de 17 feridos, as autoridades temem que o número possa ser mais elevado, face à destruição provocada em edifícios como o hospital.

    A passagem do ciclone sobre Vilanculo originou ainda um episódio insólito: o telhado da prisão da cidade foi arrancado pela força do vento permitindo a fuga aos reclusos, que de encontram todos a monte.

    De acordo com o Centro Nacional de Operações de Emergência (CENOE) existem cerca de 93 mil pessoas afectadas em Govuro, Inhassoro e Vilanculo, na província de Inhambane (sul).

    Quanto a outras regiões do país atravessadas pelo ciclone, as informações disponíveis até ao momento são muito exíguas, já que muitas estradas foram cortadas e as comunicações permanecem interrompidas.

    Durante a última noite, o ciclone avançou pelo interior do país, na direcção noroeste, perdendo gradualmente força (os ventos deverão ter abrandado para 100 a 120 quilómetros por hora).

    As províncias de Sofala e Manica (centro) deverão ainda ser atravessadas pelo ciclone, que se dirigirá depois para o vizinho Zimbabué

    para alem dos estragos, e de alguns feridos, agora tb reclusos a monte:shocking:
     
  3. Mário Barros

    Mário Barros
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    18 Nov 2006
    Mensagens:
    12,479
    Local:
    Cavaleira (Sintra)
    Começo a dar razão aos Hopi ninguém sobreviverá a não ser esteja acima dos 1800 metros.
     
  4. dj_alex

    dj_alex
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    14 Dez 2005
    Mensagens:
    1,913
    Local:
    Lisboa
    Não houve mortos, só feridos??? Isso é que é de estranhar
     
    Collapse Signature Expand Signature
  5. ]ToRnAdO[

    ]ToRnAdO[
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    29 Ago 2006
    Mensagens:
    2,554
    Local:
    Vila Real de Sto António
    ESTA ABERTA A CAÇA TROPICAL!!!

    Ate que enfim...:thumbsup:

    Mas o 3º é uma animal:surprise: :surprise: Desgraçados!!

    Nao queria estar na pele deles!!

    Mas todos eles sao uns optimos exemplares!!

    Cuidem-se
     
    Collapse Signature Expand Signature
  6. Luis França

    Luis França
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Mai 2006
    Mensagens:
    1,467
    Local:
    Hades
    Já está um 4º ciclone a formar-se...

    Terá isto alguma coisa a ver com a tal "onda de choque" galáctica??
    Aguardemos.

    [​IMG]
     
  7. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    Vai levar algum tempo até se conhecer bem a dimensão dos estragos e o número de virimas pois as notícias levam muito mais tempo a circular num país como Moçambique. De qualquer forma, o balanço oficial já vai em 4 mortos.

     
  8. Mário Barros

    Mário Barros
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    18 Nov 2006
    Mensagens:
    12,479
    Local:
    Cavaleira (Sintra)
    O Favio é uma foto impressionante :eek: :eek:

    [​IMG]
     
  9. Santos

    Santos
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    27 Jan 2006
    Mensagens:
    1,110
    Local:
    -------
    Excelente registo Mário :thumbsup:
     
  10. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    Tropical cyclone “GAMEDE”

    [​IMG]
    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]
     
  11. Seringador

    Seringador
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    29 Ago 2005
    Mensagens:
    2,984
    Local:
    Canelas - Vila Nova de Gaia
    De facto Moçambique está a sofre na pele uma ira da natureza semelhante à de 2000/2001.
    Felizmente este Gamede, vai para Sul pq senão poderia ser pior em rela´ção à do início do século XXI.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  12. remy

    remy
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    8 Fev 2007
    Mensagens:
    68
    Local:
    Toulouse
    Realmente um magnífico ciclone. Felizmente qu o olho não passou sobre a ilha das reuniões
     
  13. Luis França

    Luis França
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Mai 2006
    Mensagens:
    1,467
    Local:
    Hades
  14. Luis França

    Luis França
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Mai 2006
    Mensagens:
    1,467
    Local:
    Hades
    Envisat still going strong after five successful years

    [​IMG]

    Tropical Cyclone Gamede is visible making its way across the Indian Ocean just above the islands of Mauritius and Réunion (pictured) in this image acquired on 23 February 2007 by Envisat’s Medium Resolution Imaging Spectrometer (MERIS) instrument working in Reduced Resolution mode to deliver a spatial resolution of 1200 metres. Credits: ESA

    http://www.physorg.com/news91896644.html
     

Partilhar esta Página