Alguém aqui fala com sotaque da sua terra?

Tópico em 'Off-Topic' iniciado por belem 9 Mar 2010 às 22:14.

  1. belem

    belem
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Out 2007
    Mensagens:
    3,262
    Local:
    Sintra
    É um assunto que me deixa algo curioso, pois por vezes quem se muda, deixa de falar como falava na sua terra de origem. :D
     
    Collapse Signature Expand Signature
  2. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,244
    Local:
    Arroja, Odivelas (142m)
    Não sei se é por ter lá as minhas raízes, mas tenho bastante facilidade em apanhar o sotaque do norte. Basta estar uns dias lá em cima e fico logo a falar como eles.

    Já sotaque alentejano, madeirense ou açoriano, é algo que nem com esforço consigo. Soa-me sempre mal.

    A minha mãe, que mora há 25 anos em Lisboa, ainda não perdeu o sotaque de Biseu. Acho que já nunca perderá. Está-lhe no sangue.


    O sotaque, é no meu ponto de vista, uma espécie de património de cada região. Por exemplo, o Porto não seria o mesmo, se o sotaque de lá se perdesse. :p
     
    Collapse Signature Expand Signature
  3. actioman

    actioman
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    15 Fev 2008
    Mensagens:
    2,050
    Local:
    Elvas (~300m)
    Epá eu se estiver no meio de alentejanos puros ou se tiver a falar muito depressa "alentejanejo" um bocado! :lmao:

    Há expressões típicas aqui da cidade que são por exemplo o "aventar" = atirar algo fora. Ou o "na" fui, "na sê". Aqui já não existe muito o "caféi" como maneira de falar, mas o "lête" é bem usual.

    Um dos problemas da perda desta identidade cultural é a interacção fácil que hoje todos temos com todos. Depois há outra velha questão que sempre me lembro. E é o toda a minha gente querer falar à lisboeta, como se lá se falasse o português com o sotaque mais correcto de todos. E parto-me todo a rir quando alguém diz "igreija".
    Enfim viva o sotaque, desde que se fale num correcto português.! :thumbsup:
     
    Collapse Signature Expand Signature
  4. Paulo H

    Paulo H
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    2 Jan 2008
    Mensagens:
    2,843
    Local:
    Castelo Branco 386m(489/366m)
    Boa pergunta! :)
    Eu tenho alguma dificuldade em perceber o meu sotaque, a melhor forma é mesmo ouvir-nos a nós próprios (gravação de voz).
    A beira baixa tem sotaques muito variados: pinhal interior sul, raia interior, gardunha, sendo menos marcado nas cidades (covilhã, fundão, castelo branco). Eu diria que nas cidades o que varia mais são algumas expressões próprias. Em castelo branco usa-se muito o "vá atão" e o "aventar", a junção de palavras com vogal (ex: "Ti-a-Ilda") e a omissão em algumas palavras da última letra (ex: "mai-ist", "mai aquil"). Na covilhã usa-se o "a" antes do verbo (ex: vamos a beber?) e usa-se por vezes o "iu" em vez de "u" (ex: jiunho, jiulho). Na gardunha usa-se o "x" em vez de "s" (ex: soalheira). No pinhal interior sul carrega-se no "ê" (ex: cedo->cêêdo) e mil expressões diferentes muito ricas em variedade.
    Eu particularmente, tenho pronúncia de castelo branco, expressões da covilhã e quando falo com os meus pais vem-me alguma pronúncia do pinhal sul (proença-a-nova e Oleiros)! :D
     
    Collapse Signature Expand Signature
  5. Daniel Vilão

    Daniel Vilão
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    22 Mar 2007
    Mensagens:
    6,966
    Local:
    Moscavide / Degracia
    A minha mãe é dos Açores, mas mora cá em Lisboa há mais de 20 anos.

    Perdeu quase toda a pronúncia, mas certas palavras não consegue dizer em sotaque lisboeta.

    Eu quando passava muito tempo nos Açores também apanhava a pronúncia, bastava começar a brincar e a imitar e acabava sempre com ela. Mas natural sou de Lisboa e não tenho menos orgulho por isso. :p
     
    Collapse Signature Expand Signature
  6. João Soares

    João Soares
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    23 Ago 2007
    Mensagens:
    6,112
    Local:
    Canidelo, Vila Nova Gaia
    Os meus pais são de Trás-dos-montes, e vivem em Gaia há mais de 40anos!
    A minha mãe, perdeu toda a pronuncia , mas o meu pai e um rabelo do piorio :lol:
     
  7. stormy

    stormy
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Ago 2008
    Mensagens:
    5,100
    Local:
    Lisboa-Encarnação // Lagoa de sto André
    ehe, eu vivi na lagoa de st andre e na louriceira quando pequeno e por vezes saem-me expressões ou pronuncias meio alentejanas/saloias:p:lol:
    os meus avós então nem se fala...:D
     
    Collapse Signature Expand Signature
  8. Hazores

    Hazores
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    11 Out 2008
    Mensagens:
    1,358
    Local:
    AGH,terceira,açores
    Pessoal por favor não digam que é sotaque Açoriano, é que isso não existe.
    cada uma das nove ilhas têm um sotaque diferente e mesmo dentro de cada ilha existem zonas em que os sotaques são completamente diferentes.
    eu falo sempre à terceirense, foi cá que nasci e criei-me e acho que é um orgulho de qualquer pessoa chegar a um outro local e dizerem que és daqui ou dali, apenas pelo sotaque.

    Ps:eu sei que quando se referem o sotaque açoriano referem-se ao micalense, só que mesmo dentro da ilha existem zonas em que o sotaque não é tão acentuado..
    isto não é nada contra o pessoal de são miguel, mas sim uma questão de fazer justiça a todas as ilhas...
     
  9. MSantos

    MSantos
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    3 Out 2007
    Mensagens:
    6,685
    Local:
    Figueira de Castelo Rodrigo (650m)
    Tópico interessante;)

    Eu sou de Lisboa, nascido e criado no concelho de Oeiras, mas como estudo em Bragança à cerca de 2 anos e meio e a grande maioria dos meus colegas são dos distritos de Braga e Porto eu dou por mim a falar com a sotaque deles mas sempre que chego a Lisboa e estou com os meus amigos rapidamente volto a sotoque Lisbonense:D

    Dou por mim a comparar os sotaques e as diferentes expressões que os meus colegas usam, e por veses variam muito dentro do mesmo distrito;)
     
    Collapse Signature Expand Signature
  10. JoãoPT

    JoãoPT
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    4 Nov 2008
    Mensagens:
    1,450
    Local:
    Alcochete
    Ora, também tenho raízes do Alentejo:D, a minha mãe é natural da Vidigueira, Beja, o meu pai é que é de Lisboa.

    Adoro o Alentejo e o seu sotaque:p basta-me estar lá uma semana que começo a falar com Sotaque Alentejano:lol:
     
  11. João Soares

    João Soares
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    23 Ago 2007
    Mensagens:
    6,112
    Local:
    Canidelo, Vila Nova Gaia
    Dizem que eu tenho algum sotaque do Minho! Mas não sou do Minhoto, sou portuense! :p

    Mas, não acho que tenho pronuncia ou sotaque do Pourto! Tirando algumas expressões, frases típicas daqui! Ou mesmo acrescentar um A nalguns verbos (como por exemplo: Alevantar, Asentar, Alembrar, ...)
     
  12. Chasing Thunder

    Chasing Thunder
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    13 Mai 2008
    Mensagens:
    4,285
    Local:
    Couço
    Ora como eu moro quase no alentejo ( para ai uns 4 a 5km), apanho os dois sotaques, o sotaque alentejano e ribatejano, mas é curioso de se verificar que qaundo vou a Mora já há pessoas de lá que falam como os lisboetas, mas quando vou a coruche já não falam tanto assim, ora será que o sotaque alentejano está a desaparecer:unsure:.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  13. jPdF

    jPdF
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    16 Jan 2007
    Mensagens:
    506
    Local:
    3560- 129 @ 500 msnm
    Sotaque do belo pinhal interior Sul...
    Cortar palavras pelo meio: "nha mãe", juntar éés e óos no final das palavras "mê paiê" (em vez de meu pai), "sim eu seio" (em vez de sim eu sei)... Regionalismos muitos tradicionais: trocar "Dê-me algo" por "Dênha-me algo"...mas muitas mais coisas posso dizer... volto já, vou ligar pa casa :P

    Uma situação engraçada que me aconteceu: num dos primeiros anos de faculdade fui com colegas lá a casa! Resultado, o meu avô não consegui compreender um colega meu madeirense, e o inverso aconteceu...Foi a primeira vez que vi duas pessoas a falarem a mesma língua e a não se compreenderem mutuamente!
     
  14. rozzo

    rozzo
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    11 Dez 2006
    Mensagens:
    1,901
    Local:
    Lisboa
    A mim como lisboeta, a mim o sotaque parece-me "normal".

    Pelos vistos, ao pessoal do Norte parece sotaque ultra-betinho! :lmao:

    Curiosamente, já me perguntaram várias vezes se era de Setúbal.. Por pelos vistos carregar nos R's.. Coisa famosa pelos lados de Setúbal ao que parece.. Já tinha ouvido comentar isso.. Quanto a por esse mesmo motivo perguntarem se era de Torres Novas já achei mais estranho..

    Mais estranho ainda foi aqui em Oeiras um português me perguntar se era estrangeiro pelo meu sotaque!?!
    :unsure:

    Resumindo, como já foi dito, sotaques há e muitos, e mais engraçado é vê-los variar em tão poucos km's, se for preciso de um bairro para o outro na cidade!
    :D
     
  15. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,244
    Local:
    Arroja, Odivelas (142m)
    Peço desculpa Hazores, mas por acaso quando referi "sotaque Açoriano", até me estava a referir ao sotaque da ilha Terceira, por ter uma colega de lá.
    Mas tens razão.
    Quanto ao micalense, esse sotaque é quase estrangeiro! :p

    Eu até podia acreditar se não te conhecesse. A verdade é que nunca percebo quando dizer "são" e "som". :lol:
     
    Collapse Signature Expand Signature

Partilhar esta Página