Arrefecimento global ?

Tópico em 'Climatologia' iniciado por Iceberg 29 Nov 2008 às 16:21.

  1. Iceberg

    Iceberg
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    5 Jun 2006
    Mensagens:
    689
    Local:
    Braga
    Meus Caros Amigos, uma Boa Tarde a todos neste dia memorável para os amantes do frio e da neve.

    Os mais antigos deste fórum já me conhecem, toda esta malta nova e muito porreira que agora participa nesta comunidade deve ser a primeira vez que ouve falar neste Iceberg.

    Trata-se de uma pura coincidência escrever este tema neste dia e não tem nada a ver com o artigo do Expresso de hoje intitulado “Arrefecimento Global começou em 2008?”.

    Tinha intenção de escrever estas poucas linhas em pleno Verão, para evitar dar a imagem de estar a ser influenciado por algum fenómeno meteorológico ligado ao frio como aquele que agora estamos a viver.

    Trata-se somente de uma ideia minha, que tenho vindo a desenvolver e a amadurecer, mas cada vez com a mais profunda convicção de estar certo … ou talvez não, só o tempo o dirá.

    Estou profundamente convicto que um processo de Arrefecimento global do planeta já teve início, embora não detectável na curta existência de uma vida humana, e por isso, imperceptível aos nossos olhos. Creio mesmo já termos entrado num novo processo de Glaciação, mas como sabemos estes fenómenos têm escalas temporárias gigantescas e dificilmente detectáveis, pelo que apenas daqui a alguns séculos ou milénios, poderemos confirmar se assim foi de facto.

    Aponto as razões da minha convicção:

    - As fases interglaciais, como a que vivemos nos últimos milénios duram, em média, 10.000 anos, e esta já deveria estar a finalizar. Aliás, há muitos climatólogos, como o nosso mestre Anthimio de Azevedo que defendem esta ideia, referindo que a temperatura média da Terra já deveria ser nesta altura 5º mais baixa.
    - O início das glaciações, ao contrário do que muita gente pensa, caracteriza-se por curtos períodos bruscos de intenso aquecimento, acompanhados por alterações climáticas regionais notáveis e fenómenos meteorológicos extremos.
    - A corrente quente do Golfo, embora continue (e continuará) a exercer a sua actividade, tem decrescido significativamente nas últimas décadas.
    - O degelo importante das calotes polares está a contribuir para a densificação das águas oceânicas e a consequente menor salinidade das mesmas.
    - IMPORTANTE: A Oscilação Decanal do Pacífico (que ocorre periodicamente), mudou brusacamente em 1976 para a sua fase quente, e durando em média 30 anos, está agora a entrar na sua fase fria, provocando Invernos cada vez mais rigorosos no hemisfério Norte.
    - Acompanhando este fenómeno a NAO (North Atlantic Ocean), com uma predominância inusitada de uma fase positiva nos últimos 20 anos, está, mais ano menos ano, a alterar a sua acção para uma fase negativa, característica de tempos mais frios.
    - MUITO IMPORTANTE: o nosso Sol está praticamente sem ocorrência de manchas solares há cerca de um ano, e a última vez que tal fenómeno aconteceu com intensidade, foi durante a última Pequena Idade do Gelo.

    Por tudo isto, e por outras convicções que tentarei desenvolver ao longo do tempo que que for aprofundando as minhas ideias, e sem estar influenciado por qualquer acontecimento presente ou passado, acredito convictamente que estamos a inciar a entrada num período de arrefecimento global do planeta; os próximos anos confirmarão ou não esta minha análise.

    E vocês, o que acham ?
     
  2. belem

    belem
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Out 2007
    Mensagens:
    3,262
    Local:
    Sintra
    Interessante e pertinente ponto de vista.
    Os defensores do aquecimento também têm argumentos igualmente válidos.
    Gostaria de ler mais opiniões.:)
    Bom tópico! :thumbsup:
     
    Collapse Signature Expand Signature
  3. storm

    storm
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    17 Set 2007
    Mensagens:
    491
    Local:
    Bombarral
    Bom tópico,

    Eu diria que no meu pensamento a gente estaria-mos num periodo misto, isto é, periodos extremos de frio e de calor (opinião pessoal, nada cientifica).
    Mas pelo seu ponte de vista também acho que estamos a arrefecer, porque no verão temos picos de calor, mas os verões tem vindo a serem mais frescos e os invernos estão a ser cada vez mais frios.

    Isto e a minha visão sobre o assunto, mas deem as vossas opiniões (conhecimento sobre assunto fraco)
     
    Collapse Signature Expand Signature
  4. rbsmr

    rbsmr
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    6 Ago 2007
    Mensagens:
    555
    Local:
    Cabeça Gorda, Torres Vedras (140m)
    Alguém consegue o link para o artigo do expresso? É que me escapou...

    Será que, ainda que parcialmente, o cenário ficcionado em o "Dia Depois de Amanhã" está-se a concretizar-se?
     
    Collapse Signature Expand Signature
  5. *Dave*

    *Dave*
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    29 Jun 2008
    Mensagens:
    1,912
    Local:
    ASM (Idanha-a-Nova) - Covilhã
    Uma opinião da qual partilho o mesmo fundamento.
    A mim, quando falo disso, dizem-me que sou "daqueles da conspiração" :disgust:....


    Muito bom trabalho.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  6. pedromachado

    pedromachado
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    20 Fev 2008
    Mensagens:
    11
    Local:
    Quinta do Anjo
    Por acaso também partilho da mesma opinião... aliás, vi um documentário na TV que referia precisamente isto. A teoria muito resumidamente era que o aqucimento global poderia levar a Europa a viver uma idade do gelo, pois por diversos factores o principal motivo dos invernos na Europa serem relativamente moderados que é a Correte quente do golfo, poderia parar e então a europa mergulharia numa idade do gelo.... acreditem que o que vi faz bastante sentido... a ver vamos...
     
  7. Ecotretas

    Ecotretas
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    29 Jan 2008
    Mensagens:
    80
    Local:
    Lisboa
  8. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    As coincidências são tramadas ...




    A ideia com que fico é que usas todos os argumentos e mais alguns apenas para uma coisa. A negação. Tudo serve, desde variabilidades naturais, os ciclos das glaciações, as manchas solares, corrente do golfo, etc, etc. Uma amálgama de teorias e ideias, algumas delas sem qualquer base cientifica nas conclusões que supostamente alguns dizem ter. Nada de novo.
    Não vou responder porque quase tudo isso já foi falado, discutido, contrariado, dezenas ou centenas de vezes no outro tópico do aquecimento global e eu infelizmente já não tenho paciência para repetir tudo de novo, já ando cansado destas discussões, fico a aguardar com ansiedade o arrefecimento global e Invernos mais interessantes.

    PS: A utilização de algumas coisas que o Anthímio de Azevedo disse tem sido usadas de forma abusiva por diversas vezes pessoas retirando as afirmações do contexto em que foram ditas. Anthímio de Azevedo acredita no aquecimento global antropogénico e que se devem tomar medidas. Ciclos glaciares são ciclos longos e no AGA estamos a falar do possível impacto do homem no clima numa escala temporal muito mais reduzida e que nos pode afectar em poucas décadas. Achar que não se devem tomar medidas só porque caminhamos para uma glaciação (centenas de anos ? milhares ?) ou para um longo mínimo solar (que ninguém consegue prever) é a mesma coisa que uma pessoa não cuidar da sua saúde e do seu bem estar durante a sua vida porque sabe que um dia irá morrer de qualquer das formas. Num ou noutro caso , isso é ser irresponsável, consigo próprio e com os outros.
     
  9. Ecotretas

    Ecotretas
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    29 Jan 2008
    Mensagens:
    80
    Local:
    Lisboa
    Boa Vince! Espero que aprecies estes nevões tanto quanto eu :thumbsup:
    Ecotretas
     
  10. Iceberg

    Iceberg
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    5 Jun 2006
    Mensagens:
    689
    Local:
    Braga
    Boa Tarde, Vince.

    Antes de mais, agradeço o teu comentário (permite-me tratar-te por tu, dado que aqui no forum todos somos camaradas destas andanças), porque um forum é isso mesmo, um local de discussão e contra-argumentação.

    Em primeiro lugar, a minha vida pessoal e profissional não tem perimitido a minha participação com regularidade, tal como já fiz no passado (sou membro desde Junho/2006), mas ontem e hoje surgiu finalmente essa possibilidade, mas sempre com muita pressa, o que provoca naturalmente alguma superficialidade nas minhas opiniões, pelo que desde já peço desculpa se fui algo leviano nas minhas afirmações que, no entanto, as mantenho.

    Permite-me um breve comentário aos teus comentários:

    “As coincidências são tramadas ...”

    Recuso comentar esta afirmação.

    “A ideia com que fico é que usas todos os argumentos e mais alguns apenas para uma coisa. A negação.”

    Esta afirmação também não comento.

    “…eu infelizmente já não tenho paciência para repetir tudo de novo, já ando cansado destas discussões…”

    Em qualquer fórum de meteorologia que visites no mundo inteiro, esta discussão aquecimento v arrefecimento é sempre presença constante e das mais discutidas; fórum sem este tema tão actual não é fórum … Aliás, mal lancei o tópico, recebi logo alguns elogios pela sua pertinência e amplitude de debate.

    “A utilização de algumas coisas que o Anthímio de Azevedo disse tem sido usadas de forma abusiva por diversas vezes pessoas retirando as afirmações do contexto em que foram ditas.”

    Aqui concordo contigo, de facto isso tem acontecido, mas são riscos que uma figura pública corre, no entanto, foi ele o primeiro a dizer, aquando da recente queda de neve em Lisboa, que não teríamos de esperar outros 50 anos para voltar a ver nevar em Lisboa. Curiosamente, no ano seguinte e na mesma data, voltou a nevar ligeiramente nos arredores da capital. De facto, as coincidências são tramadas …

    Aproveitando este post, quero apenas concluir o meu tópico inicial, que por esquecimento na altura não o fiz, salientando que, tal como o Mário Barros já disse e bem neste forum (apesar de não concordar com o tom exagerado que ele muitas vezes usa, mas que respeito), dizia eu, salientando que, e muita gente se esquece deste facto, o estado natural do nosso planeta é ser um planeta gelado. Este interregno que permitiu o florescimento da humanidade é uma excepção à regra.
     
  11. psm

    psm
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    25 Out 2007
    Mensagens:
    1,509
    Local:
    estoril ,assafora


    Ai é te enganas o nosso planeta já foi muito quente, e o que se vive geologicamente não acontece muitas vezes na história geológica (duas calotes polares), e só é assim há poucos milhões de anos, e é desde o fechar do istmo do Panamá que aconteceu há + - 3 500 000 milhões de anos.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  12. dragSD

    dragSD
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    30 Nov 2008
    Mensagens:
    3
    Local:
    sokna/norway
    bem so posso dizer que ja nao nevava em braga a muitos anos e hoje la caiu neve :P , eu vivo na noruega aqui e normal cair muita neve mas recebi esta noticia da minha familia que vive em braga :P
     
  13. belem

    belem
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Out 2007
    Mensagens:
    3,262
    Local:
    Sintra
    Aqui nada já há dezenas de anos.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  14. rossby

    rossby
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    10 Mar 2007
    Mensagens:
    158
    Local:
    Ponta Delgada - São Miguel
    Boas !

    Por aqui nada há não sei quanto tempo :D
     
  15. belem

    belem
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Out 2007
    Mensagens:
    3,262
    Local:
    Sintra
    Provavelmente nunca nevou aí.
    Existem muitos locais das ilhas onde nunca nevou.
    No continente, penso que tb existem alguns, mas não são tão contínuos como nas ilhas.
     
    Collapse Signature Expand Signature

Partilhar esta Página