Espanha, tiempos calientes, grandes manifestaciones y Greves.

Tópico em 'Off-Topic' iniciado por Snark 4 Fev 2011 às 13:55.

  1. Snark

    Snark
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    24 Nov 2005
    Mensagens:
    181
    Local:
    Villalba (Madrid 917mtr 60.000habitantes)
    Espanha vive momentos calientes, el gobierno del Partido Socialista (Derecha) quiere destruir ayudas, bajar sueldos y subir la edad de jubilación. Muchos trabajadores estamos cansados, el Partido Socialista ya no es de izquierdas, es un partido de Derechas, mandado por los grandes bancos mundiales.


    Madrid 27 Janeiro 2011:

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    En Sevilla, Pamplona, Bilbao, Barcelona y muchas otras ciudades industriales los trabajadores se manifiestan en las calles para defender nuestros derechos.

    Los grandes sindicatos Espanholes (CCOO y UGT) defienden a Zapatero y su economía de derechas, los trabajadores se sienten solos y eso es un problema. La extrema izquierda crece en las ciudades importantes y la extrema derecha crece en las zonas rurales.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  2. Agreste

    Agreste
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    29 Out 2007
    Mensagens:
    8,051
    Local:
    Aljezur (48m) - Faro (11m)
    As grandes cidades protestam porque não há trabalho, o campo protesta porque não há quem queira trabalhar. Direcção económica não há. O pleno emprego morreu, o modelo de assistência social é caro. Pelo meio assistimos todos a uma das maiores vigarices de sempre. Um sector bancário reconstruido com fundos públicos pronto para iniciar uma nova era de especulação. E ninguém foi parar à cadeia!

     
    #2 Agreste, 4 Fev 2011 às 22:03
    Editado por um moderador: 21 Set 2014 às 03:58
  3. trepkos

    trepkos
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    10 Out 2008
    Mensagens:
    1,409
    Local:
    Eborae
    Agreste, o que precisamos é disto:




    Trabalho para toda a gente, verdadeiro emprego, verdadeira industria, verdadeira liberdade e só com bancos do estado.
     
    #3 trepkos, 4 Fev 2011 às 22:56
    Editado por um moderador: 21 Set 2014 às 03:52
  4. Aristocrata

    Aristocrata
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    28 Dez 2008
    Mensagens:
    4,547
    Local:
    Paços de Ferreira, 292 mts
    O que dizes não é correcto, pois este partido socialista Espanhol pode não ser de esquerda mas de direita não é de certeza!

    Enquanto tiveram um partido de direita no vosso país (o governo que antecedeu este governo do Zapatero) tiveram uma economia pujante, um crescimento industrial notável e uma criação de riqueza que nos criava "inveja"...
    A partir do momento que o partido socialista de Zapatero tomou posse a vossa economia nunca mais foi a mesma - o Zapatero só subiu ao poder depois do trágico atentado bombista de Madrid; se não fosse esse momento ainda estaria no poder o VERDADEIRO partido de direita, e com isso a vossa economia talvez estivesse muito melhor do que actualmente.

    Por cá também apelidam de "DIREITA" o governo socialista que temos - mas a nossa economia vai muito mal, socialmente estamos na penúria.
    Nos últimos 30 anos apenas tivemos crescimento económico com governos de DIREITA - com a ESQUERDA apenas criamos problemas...

    Está na hora de deixar este estigma de que os problemas da esquerda só surgem porque governam como a direita. Esse é um mito!
    A VERDADE é que a esquerda afunda-se em pressupostos completamente errados - eles que deixem ideologias da treta: eles não são defensores do povo!!! Eles são tutores desse povo - dão-lhe migalhas para que o povo se cale; é o princípio segundo o qual todos somos iguais com os mesmos direitos e deveres, mesmo aqueles que nada contribuem para o bem comum. Mas acima deste "TODOS" há aqueles que mandam e são esses de esquerda que usam e abusam dos nossos direitos.
    As políticas de esquerda de ideologia socialista\comunista não contribuem para um mundo melhor...acordem de vez! Vejam os exemplos de países com essas ideologias e digam quem está melhor.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  5. MSantos

    MSantos
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    3 Out 2007
    Mensagens:
    6,689
    Local:
    Figueira de Castelo Rodrigo (650m)
    Concordo com as tuas palavras:palmas::palmas::palmas:

    Tenho o pressentimento este tópico vai ser polémico e vai acabar por ser encerrado:rolleyes:
     
    Collapse Signature Expand Signature
  6. vinc7e

    vinc7e
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    30 Nov 2008
    Mensagens:
    1,029
    Local:
    Vila Verde
    Não digas isso muitas vezes, ainda levas alguém a acreditar que é verdade :lol:
     
  7. Agreste

    Agreste
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    29 Out 2007
    Mensagens:
    8,051
    Local:
    Aljezur (48m) - Faro (11m)
    Utopia - Fazer parte de uma sociedade em pouco mais precisaríamos para viver do que essas migalhas...

    Os tutores do povo - O encontro de Davos onde a malta da banca e da especulação financeira liberta das dívidas voltou a ameaçar os governos com aumento dos custos do dinheiro (através dos tais ratings...) se o projecto de regulação Basileia III (que está há mais de 1 ano em discussão) entrar em acção. Comeram de graça aquilo que querem agora vender a peso de ouro.

    Veja-se o caso português onde os bancos aumentaram os seus lucros com reduções escandalosas de impostos. Veja-se o BES que aumentou a participação accionista na PT para que 117 milhões euros pudessem escapar ao fisco.

    Para que serve uma banca privada se ela não participa em nenhuma actividade produtiva?

    Aqueles que nada contribuem para o bem comum - Os que protestam sem tornar consequente o seu protesto a cada acto eleitoral, os que protestam mas não se apresentam a votos nem propõem qualquer candidato que os represente. Os que protestam mas não participam no esclarecimento do povo acerca das suas propostas.

    É sempre assim:

    Quando fica claro a todos, o carácter liberal para uns e desigual para todos, de cada novo governo e se esboroam as esperanças na transitoriedade das medidas excepcionais, à direita associam-se sempre alguns sectores centristas e de centro-direita, apodados de democráticos e liberais, que tendo apoiado ou consentido a instauração de tais políticas deixam de se reconhecer nelas para propor soluções alternativas que mais não são do que uma perpetuação do poder e a continuidade do que está... Uma actualização permanente do reviralhismo.
     
  8. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    Crescimento explosivo demasiado assente em construção privada e obras públicas. Endividamento público e privado excessivo. Bolha de crédito e imobiliária. Incapacidade de estabilizar/arrefecer a bolha aumentando por exemplo juros por pertencer ao Euro. Estoiro. Grandes desígnios nacionais, TGV, jogos olímpicos, energias renováveis (20 mil milhões de défice tarifário), produção industrial subsidiada (fábricas da Airbus por exemplo), grande competição inter-regiões por industria subsidiando tudo e todos. Salários mínimos elevados. Políticas abertas de imigração que geraram uma grande vaga. Desemprego na ordem dos 20%, nos jovens acima dos 40%. Aznar tinha conseguido diminuir o desemprego, criaram-se 5 milhões de novos postos de trabalho. Agora o desemprego regressou aos 20%. Mas não culpo esquerda ou direita, reduzir estas crises a isso é redutor, pertencer ao euro, receber fundos, juros excepcionalmente baixos, comprar casa, carro, salários mínimos elevados, todos queremos, da esquerda à direita. Há que aprender com os erros e corrigir o que está mal. Lá como cá, cortando na matéria gorda, é possível recuperar.


    Mas se querem politizar, a taxa de desemprego em Espanha:

    [​IMG]
     
  9. David sf

    David sf
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    8 Jan 2009
    Mensagens:
    3,514
    Local:
    Oeiras / Portel
    E como se vê o desemprego baixou nos primeiros 4 anos de PSOE, só depois aquando da crise mundial, disparou, não só devido à crise, mas também pelas razões que o Vince referiu.

    O PSOE chegou ao poder em 2004, não só pela péssima gestão do 11-M pelo governo da altura, com um ministro do interior, Angel Acebes, a fazer uma figura muito ao estilo do ministro da informação de Saddam Hussein. O apoio aos EUA na invasão do Iraque também não ajudou. Mas o que todas as sondagens previam antes do 11-M era que o PP não teria maioria absoluta nas cortes, e muito provavelmente não a conseguiria obter em coligação com a CiU, única força política parlamentar que não é de esquerda em Espanha. Portanto o mais provável era que o PSOE não apoiasse a investidura de um governo PP e o Rei acabasse por convidar os socialistas a formar governo. Até porque na altura havia uma grande crispação política em Espanha.

    As diferenças ideológicas PSOE/PP são muito fortes em Espanha, nada tem a ver com Portugal onde os partidos do centrão são, como diria o nosso PM a falar castelhano, "mui semelhantis". Mas essas diferenças, muito por culpa do PP ser o único partido de direita em Espanha, englobando várias facções do centro à extrema direita, têm mais a ver com valores (aborto, religião, casamento), com terrorismo (ETA), relações com grupos separatistas (principalmente na Catalunha) e política externa. Ao nível económico não são muito diferentes, até porque não o podem ser, porque de há vários anos para cá quem governa economicamente a maioria dos países ocidentais são os grandes grupos económicos, bancos, construtores civis, etc.
     
  10. Knyght

    Knyght
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Mai 2009
    Mensagens:
    2,013
    Local:
    Madeira - Funchal
    :thumbsup:

    Estás lá!!!
    Alguém quer comparar os Açores a Madeira? (...)
     
    Collapse Signature Expand Signature
  11. duero

    duero
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Dez 2009
    Mensagens:
    1,038
    Local:
    valladolid
    Espanha vive momentos calientes, el gobierno del Partido Socialista (Derecha) quiere destruir ayudas, bajar sueldos y subir la edad de jubilación. Muchos trabajadores estamos cansados, el Partido Socialista ya no es de izquierdas, es un partido de Derechas, mandado por los grandes bancos mundiales.


    Todo eso han sido condiciones impuestas por ALEMANIA, y es lógico, esas ayudas de las que tanto hablan los sindicatos han salido en buena medida de los bolsillos alemanes, y ahora se han hartado de pagar a gente que nada ha sabido hacer salvo trincar la pasta que le llegaban.....conozco bien como han funcionado los "cursos de formación de empleo" de algunos sindicatos.

    Pero bueno, es lo que se ha querido.......¿no quería todo el mundo entrar en la CEE en 1986? o en tragar todos los tratados......¿ como era aquello de EUROPA HUELE A AZAHAR cuando el referendum que se hizo hace unos años?

    PUES A JODERSE TOCA.

    Esto es lo que se ha estado buscando desde 1986, al ir de europeistas por la vida, de entrar de cualquier manera en el club, de aceptar el euro como tontos, y de aprobar por referendum tratados que ni siquiera habiamos leído......

    Ahora viene LA FRACASADA DE MERKEL y te dice que se acabó el chollo, y que haces lo que ella diga y a callar.

    Tenemos lo que hemos querido, yo recuerdo que aún siendo adolescente estaba contra la entrada en la CEE, en contra de todos los tratados y en contra del euro, lo malo es que también yo tengo que pagar por la estupidez de otros.
    Ahora que nadie cuente conmigo para protestar, que asuman sus responsabilidades.
     
  12. Agreste

    Agreste
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    29 Out 2007
    Mensagens:
    8,051
    Local:
    Aljezur (48m) - Faro (11m)
    Y que mas dá? A Merkel le gusta Ibéria. La Ibéria del sol, de las vacaciones y de las noches de copas... sobretodo ahora porque ya no somos gitanos ni muçulmanes...

    El gran chollo va a ocurrir con los prestamos de Irlanda y Grécia... :cold:
     
  13. Agreste

    Agreste
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    29 Out 2007
    Mensagens:
    8,051
    Local:
    Aljezur (48m) - Faro (11m)
    Nada de muito diferente de um qualquer McDonalds...

    Jornadas Mundiais da Juventude Católica, Madrid 2011:

    Os confessionários!

    [​IMG]
     
  14. trepkos

    trepkos
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    10 Out 2008
    Mensagens:
    1,409
    Local:
    Eborae
    Continuo sem ver onde está o problema, sem ser um ataque reles à fé dos outros.
     
  15. Agreste

    Agreste
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    29 Out 2007
    Mensagens:
    8,051
    Local:
    Aljezur (48m) - Faro (11m)
    Ataque reles é a entrevista do Gallardón no ABC. Há 2 juventudes, a do 15M que luta por melhores condições de vida de forma ruidosa e com estrondo (essa não presta) e esta outra juventude, a que canta, reza e coisas mil sem que isso acrescente um átomo que seja à discussão. A outra está acomodada, esta é a boa. O que interessa é cantar.
     

Partilhar esta Página