Evento na noite de 31/05

Tópico em 'Astronomia' iniciado por Lsantos 1 Jun 2010 às 09:28.

  1. Lsantos

    Lsantos
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    1 Jun 2010
    Mensagens:
    2
    Local:
    Lisboa
    Bom Dia

    Antes que pais peço desculpa por vir intrometer-me no vosso forum. Não estou na área de astronomia nem parecido. Apenas sou um curioso.

    A minha curiosidade deve-se do seguinte.
    Ontém (de 31/05 para 01/06/2010) à noite entre a 00:00 e a 00:10 quando vinha na A1 (sentido sul-norte), entre a zona de Alverca e Alhandra, assisti a 2 fenómenos estranhos que me deixaram muito curioso.

    O primeiro foi uma "estrela cadente" de tamanho que para mim foi fora do normal, nunca tinha visto uma assim, e que tinha um brilho esverdeado.

    O segundo foi quando olhei para a lua e reparei que estava com enorme e com uma cor avermelhada.

    Gostava de saber se mais alguém vi estes fenómenos.

    E não, não andei nos copos... :D
     
  2. trepkos

    trepkos
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    10 Out 2008
    Mensagens:
    1,409
    Local:
    Eborae
    Já por várias vezes vi esse fenómeno da Lua, quando ela nasce é enorme e com uma cor avermelhada, mas não sei o que causa esse fenómeno.

    Talvez os mais entendidos nesta matéria no fórum possam explicar.
     
  3. JoãoPT

    JoãoPT
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    4 Nov 2008
    Mensagens:
    1,450
    Local:
    Alcochete
    Apenas a minha sugestão, ma acredito que o que causa esse efeito na Lua será o posicionamento dela face à atmosfera, mas não sei ao certo.. :unsure:

    Quanto à estrela cadente, certamente não passará disso mesmo, mas um pouco maior.
     
  4. Paulo H

    Paulo H
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    2 Jan 2008
    Mensagens:
    2,843
    Local:
    Castelo Branco 386m(489/366m)
    O aspecto avermelhado da Lua, ao nascer, tem a mesma justificação que o aspecto avermelhado do Sol no seu crepúsculo. A razão prende-se com as partículas em suspensão nas camadas altas da atmosfera, que refletem parte da luminosidade deixando passar apenas a maior parte da radiação no espectro próximo ao vermelho e infra-vermelhos.

    O aspecto da Lua que nasce avermelhada, é mais susceptível de ocorrer caso nasça depois do Sol posto, de preferência no Verão. Isso deve-se ao facto, de nos dias quentes haver mais condições para ocorrência de correntes ascendentes, que irão transportar todo o tipo de poeiras e polêns para camadas altas da atmosfera (até ao topo possível), ora de manhã ou madrugada, ainda não há condições para ocorrer essas correntes ascendentes, pelo que o aspecto da atmosfera nos parece mais limpido, refletindo-se na luminosidade clara da Lua ou do Sol.

    Pela mesma razão o aspecto do Sol ao nascer é bem mais luminoso (menos avermelhado) que o aspecto do Sol no crepúsculo.

    PS:
    - O nº de partículas situadas entre o ponto de observação luminoso e a visão do observador é muito maior quando o objecto é observado no plano horizontal do que quando observado no campo vertical;
    - O aspecto "abolachado" ou enorme da Lua ao nascer é na maioria dos casos, pura ilusão, dado que o nosso cérebro processa (interpreta) de forma diferente um objecto situado no horizonte a baixa azimute, em relação a um mesmo objecto situado por cima de nós (azimute máxima).
    Obviamente que o tamanho da Lua também varia, dado que a sua órbita em torno da Terra não é circular, mas elíptica, variando aproximadamente entre os 380000km e os 410000km, mas o seu tamanho aparente é sensivelmente o mesmo, quase indetectavel. Para tirar as dúvidas tirem uma foto da Lua no mesmo dia (ou noite) no horizonte e outra na máxima azimute no cimo céu, e depois comparem com uma régua se for necessário. O tamanho aparente é o mesmo, é pura ilusão óptica!! ;D
     
    Collapse Signature Expand Signature
  5. Serrano

    Serrano
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    9 Nov 2005
    Mensagens:
    1,534
    Local:
    Covilhã - 775m
    Apesar de estar mais a Norte, eu também vi algo semelhante e bem mais notório do que as habituais estrelas cadentes...
     
    Collapse Signature Expand Signature
  6. Lsantos

    Lsantos
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    1 Jun 2010
    Mensagens:
    2
    Local:
    Lisboa
    Eu sinceramente nunca tinha visto a lua assim sem ser numa noite de incendio na terra dos meus pais.
    Mas realmente foi algo fenomenal. Estava assustador e deslumbrante ao mesmo tempo.

    Em relação à estrela cadente. Foi o motivo de ser algo diferente que me fez procurar na net se mais algém tinha visto este fenomeno. Fez-me pensar durante a minha viagem até casa. "...Será que caiu na terra..."
     
  7. Shimmy

    Shimmy
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    27 Mai 2010
    Mensagens:
    40
    Local:
    Lisboa
    Tenho pena de não ter visto, até estava acordada e em casa a essa hora. A minha varanda tem uma vista muito boa para o "nascer da lua" e podia tirar umas fotos. Vou ver se me lembro de ir por essa hora lá ver se hoje também acontece o mesmo.

    Quanto à estrela cadente, já vi em duas ocasiões ao fim da tarde, umas tão grandes que deixaram rasto de fumo (não sei se foi sugestão mas até me pareceu ouvir um ruído estilo "FSSSHHTTT"). Brilhavam azul-esverdeado, com muita intensidade (de outro modo não se veriam contra o céu azul). Também pensei na altura se teriam caído em terra, mas não ouvi nada nas notícias relativamente a isso. A última dessas que vi foi para aí em Outubro/Novembro de 2009.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  8. lmviana

    lmviana
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    21 Dez 2009
    Mensagens:
    92
    Local:
    Felgueiras (Longra) (Alt. 245m)
    Boa tarde pessoal!

    Eu também, e todos que vinham no carro viram essa especi de estrela cadente! Vinha na A29 em direcção a Gaia! Também ficamos a pensar nisso porque de estrela cadente tinha muito pouco! Ser que alguém com mais experiência viu?
     
    Collapse Signature Expand Signature
  9. Nuno Figueiredo

    Nuno Figueiredo
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    29 Mai 2006
    Mensagens:
    214
    Local:
    Cascais
    Boa noite pessoal,

    Estava a ver que estava a alucinar sozinho ontem, assim não sou o único! :D
    É que fui passear o meu cão por volta das 00.00h, olhei para Norte/Nordeste (eu vivo em Santa Clara ao pé do Portugal dos Pequenitos, e olhei na direcção da Universidade) e vi o que parecia ser uma estrela cadente, mas bastante mais próxima/maior do que as normais estrelas cadentes, também em menor altitude, com um tom azulado, com rasto, e a trajectória era descendente, da esquerda para a direita, num ângulo de aproximadamente 40º.
    :huh::huh::huh:
     
  10. Shimmy

    Shimmy
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    27 Mai 2010
    Mensagens:
    40
    Local:
    Lisboa
    Agora quando vi o tópico do buraco em Guantemala por momentos pensei que o meteorito que viram tinha lá caído! :lmao:
     
    Collapse Signature Expand Signature
  11. nimboestrato

    nimboestrato
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    8 Jan 2008
    Mensagens:
    1,865
    Local:
    Pedras Rubras-Aeroporto
    Engraçado. Também eu vi a maior "estrela cadente" ( esverdeada, sim senhor) da minha vida, deslocando-se de norte para sul nos céus a leste observáveis da minha sala.Nem sequer estava à varanda como amiude o faço, já que tenho o péssimo hábito de fumar.
    Não . não .Estava sentado no sofá da sala iluminada quando o clarão em trânsito eclodiu pelos céus...Enorme.No tamanho e no tempo ( Houve tempo para avisar os que connosco estavam para a irreal observação...)
    Este , foi mesmo dos grandes...
    (... admirável mundo novo, este ... Eu quis vir aqui dizer,mas temi
    que fosse o único a ter visto...se tivesse recolhido para o interior da casa,
    talvez de soslaio ou sobranceria olharia para este tópico, não?)
    ......claro que se fosse uma noite em que muitos de nós espreitamos os céus à espera, ui, ui ,que aí este tópico era agora um sucesso de audiências...mas naquele noite, tudo era tranquilidade atmosférica....
     

Partilhar esta Página