Fenómenos climáticos extremos

Tópico em 'Climatologia' iniciado por thewolf 21 Mar 2010 às 13:35.

  1. thewolf

    thewolf
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    21 Mar 2010
    Mensagens:
    2
    Local:
    Lisboa
    Alguém me sabe explicar como se formam ondas de calor e vagas de frio?
     
  2. Mário Barros

    Mário Barros
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    18 Nov 2006
    Mensagens:
    12,479
    Local:
    Cavaleira (Sintra)
    Uma vaga de frio é produzida por uma massa de ar frio e geralmente seco que se desenvolve sobre uma área continental.

    Durante estes fenómenos ocorrem reduções significativas, por vezes repentinas, das temperaturas diárias, descendo os valores mínimos abaixo dos 0ºC no Inverno. Estas situações estão geralmente associadas a ventos moderados ou fortes, que ampliam os efeitos do frio.

    Em Portugal, a sua presença está geralmente associada ao posicionamento do anticiclone dos Açores próximo da Península Ibérica ou de um anticiclone junto à Europa do Norte.

    ----------------

    Uma vaga de calor corresponde a um período de alguns dias da época estival, com temperaturas máximas superiores à média usual para a época.
     
  3. thewolf

    thewolf
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    21 Mar 2010
    Mensagens:
    2
    Local:
    Lisboa
    Obrigado.

    Sabem-me também dizer como se formam ondas de calor?
     
  4. Daniel Vilão

    Daniel Vilão
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    22 Mar 2007
    Mensagens:
    6,966
    Local:
    Moscavide / Degracia
    Definições de:

    Vaga de frio: período de, pelo menos, 6 dias consecutivos com temperaturas mínimas pelo menos 5,0 ºC abaixo da média para o mês de referência.

    Vaga de calor: período de, pelo menos, 6 dias consecutivos com temperaturas máximas pelo menos 5,0 ºC acima da média para o mês de referência.

    ---

    Para uma vaga de calor, a disposição de anticiclones e/ou centros depressionários que permitam entradas de Leste ou SE, geralmente, directamente do Norte de África para a Península Ibérica são as configurações que costumam trazer mais calor nessas situações, com níveis de humidade muito baixos, o chamado Siroco, que nos trouxe a grande e para sempre rainha vaga de calor de 2003.
     
    Collapse Signature Expand Signature

Partilhar esta Página