Magalhães

Tópico em 'Off-Topic' iniciado por rijo 15 Out 2008 às 23:31.

  1. rijo

    rijo
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    19 Nov 2007
    Mensagens:
    252
    Local:
    Queluz

    Acção de formação do Magalhães a professores de 1º ciclo em Cantanhede.

    «E, meus caros leitores, era ver 200 professores imbuídos naquela actividade com todo o afinco; sei que muitos grupos trabalharam online pela noite dentro e ao outro dia de manhã, os meus olhos ficaram estarrecidos com a produção apresentada. O desfile dos «trabalhos», (era assim que lhe chamavam) começou, e desde o malhão do Magalhães, até à vida de marinheiro do magalhães, passando por coreografias com adereços circenses, tudo de «útil» passou por aquele palco, até as náuseas me obrigarem a sair. Apenas voltei a entrar para ir junto da senhora que tinha o saquinho das senhas para o sorteio e dizer-lhe que não iria colocar lá o meu papelinho.»

    No blog de Paulo Carvalho
     
    Collapse Signature Expand Signature
    #1 rijo, 15 Out 2008 às 23:31
    Editado por um moderador: 21 Set 2014 às 04:03
  2. Mário Barros

    Mário Barros
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    18 Nov 2006
    Mensagens:
    12,479
    Local:
    Cavaleira (Sintra)
    Que porcaria é esta ?? :lmao::lmao::lmao: que raio de sociedade estamos nós a moldar :huh: sociedade do espectáculo suponho eu.
     
  3. vitamos

    vitamos
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    11 Dez 2007
    Mensagens:
    4,562
    Local:
    Lisboa; Costa da Caparica
    Infelizmente tenho sabido de algumas coisas que se têm passado aos professores nas escolas do 1ºciclo ultimamente.

    E só vos digo. Do estado de saúde físico e psíquico de professores que saem das escolas já de noite para entrar de madrugada já nem falo... Mas pobres alunos, que além dos supostos "professores mais qualificados" e "devidamente avaliados", começam a ter simpáticos zombies domesticados, medicados, semi-desmaiados a transmitirem-lhes conhecimento... Até serem substituídos por outros que em prol da era tecnológica sejam robôs espectaculares... independentemente daquilo que sabem ensinar!

    Há coisas fantásticas, não há?
     
  4. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    Vou começar por dizer umas coisas para que fique claro.

    Primeiro, o Magalhães é um bom projecto !! Eu prefiro o dinheiro ser gastado desta forma do que em estádios de futebol.

    Segundo, para quem não sabe, o Magalhães nada custa ao contribuinte. Há muitos anos atrás, quando foram concessionadas licenças de 3G na Europa muitos países leiloaram as licenças por fortunas consideráveis , algumas foram tão caras que os consórcios que as ganharam depois faliram. Em Portugal o governo de Guterres optou por uma outra solução, não entrar nessas loucuras que seriam muito lucrativas para o Estado, optou que as operadoras teriam que contribuir com contrapartidas para a sociedade da informação.

    Acontece que, como por vezes sucede neste país no que se refere a contrapartidas, o governo da altura e os que se seguiram pouco fizeram para receber essas contrapartidas, pelo menos de forma assinalável. O actual 1º ministro está a fazer isso como deve ser, está portanto a fazer um bom trabalho, a exigir para a sociedade o que as operadoras lhe deviam e todos os governos anteriores, quer do PS quer do PSD se "esqueceram".

    Isto foram os pontos bons. Agora os maus. O Magalhães transformou-se numa enorme propaganda sendo a questão do computador "português" um autêntico atentado à inteligência dos portugueses. Lamentável, até porque não era preciso nada isso, o projecto tem muitos méritos e pode ter muito potencial. Por muito mal que as coisas tenham sido sejam planeadas inicialmente, depois pode ir-se corrigindo, Roma não se fez num dia e o perfeito é inimigo do bom. E meio milhão de computadores nas mãos das nossas crianças é algo que terá consequências positivas a longo prazo.

    Agora em relação ao video, realmente uma autêntica palhaçada. Suponho que formar os professores para o projecto Magalhães seja uma tarefa hércula para o qual não haverá muito tempo nem disponibilidade e não imaginava de todo perder-se tempo desta forma. Surreal.

    Mas o que me faz realmente impressão é como o professor que pôs o video na Net está a ser tão duramente atacado só por dar a sua opinião de que aquela parte da sessão foi uma perca de tempo. Um autêntico ambiente de intimação. Lamentável.
     
  5. Snifa

    Snifa
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    16 Abr 2008
    Mensagens:
    7,153
    Local:
    Porto-Marquês:145 m Mogadouro:749 m
    :shocking:

    Que tristeza....

    Acredito que o Magalhães tem potencial para ser um bom projecto, agora esta " formação" é ridicula , podia passar facilmente por uma reunião da Igreja Universal do Reino de Deus.. .....:lmao::lmao::lmao:

    E assim se gastam milhares em formações....ou "pseudo formações"

    Enfim, estamos em Portugal.... :disgust:
     
    Collapse Signature Expand Signature
  6. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,248
    Local:
    Arroja, Odivelas (142m)

    "Entristece-me assistir a milhares e milhares de professores que vão gritando para dentro, chamando nomes feios a Governo e governantes, mas depois perante uma câmara ou um microfone, parece que algo os amedronta, como se dizer que discorda da Ministra, faça com que esta, no dia seguinte, os exonere!

    A todos esses quero dizer que o Governo agradece tal atitude e enquanto ela se mantiver, farão de vós o que quiserem. Não adianta juntarem-se aos milhares na rua e depois manterem-se escondidos atrás de um anonimato cobarde."


    Fonte

    Ontem quando vi este post, tinha visto apenas o video. Mas estive agora no blog de Paulo carvalho, e realmente aquilo por lá "rebentou".
    E foi-se muito além do Magalhães. Houve até quem pusesse em causa do estatuto de professor.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  7. filipept

    filipept
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    11 Out 2006
    Mensagens:
    491
    Local:
    Bico-Amares-Braga
    Que palhaçada... ao menos deu para rir :lmao: parece que estamos no Iraque :lmao: :lmao:
     
  8. rijo

    rijo
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    19 Nov 2007
    Mensagens:
    252
    Local:
    Queluz
    O vídeo utilizado na formação:

     
    Collapse Signature Expand Signature
    #8 rijo, 16 Out 2008 às 23:01
    Editado por um moderador: 21 Set 2014 às 04:03
  9. ecobcg

    ecobcg
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Abr 2008
    Mensagens:
    4,508
    Local:
    Sitio das Fontes e Carvoeiro (Lagoa - Algarve)
    Acho piada a este tipo de projectos do governo, que acaba por ser subsidiado por quem estava menos à espera e sem saber, as autarquias!!
    Do Magalhães, as autarquias terão que pagar a internet (45€ do equipamento mais 150€ anuais da navegação na net). Ora, um projecto "pioneiro" deste governo, que depois se vai subsidiar às autarquias?? NO minimo estranho!!!:shocking:

    Um mail que me chegou relativo a este assunto:

    Não há ninguém em Portugal com acesso aos 'media',

    e que não dependa de lugares ou favores, que possa desmascarar a esperteza saloia destes 'políticos' poucos escrupulosos e sem nível?...

    *** Magalhães ***

    o mais escandaloso golpe de propaganda do ano

    Os noticiários abriram há dias, com pompa e circunstância, anunciando o lançamento do 'Primeiro computador portátil português', o 'Magalhães'.

    A RTP refere que é 'um projecto português produzido em Portugal'
    A SIC refere que 'um produto desenvolvido por empresas nacionais e pela Intel' e que a 'concepção é portuguesa e foi desenvolvida no âmbito do Plano Tecnologico.'

    Na realidade, só com muito boa vontade é que o que foi dito e escrito é verdadeiro. O projecto não teve origem em Portugal, já existe desde 2006 e é da responsabilidade da Intel. Chama-se Classmate PC e é um laptop de baixo custo destinado ao terceiro mundo e já é vendido há muito tempo através da Amazon.

    As notícias foram cuidadosamente feitas de forma a dar ideia que o 'Magalhães' é algo de completamente novo e com origem em Portugal. Não é verdade.
    Felizmente, existem alguns blogues atentos. Na imprensa escrita salvou-se, que se tenha dado conta, a notícia do Portugal Diário: 'Tirando o nome, o logótipo e a capa exterior, tudo o resto é idêntico ao produto que a Intel tem estado a vender em várias partes do mundo desde 2006. Aliás, esta é já a segunda versão do produto.'

    Pelos vistos, o jornalista Filipe Caetano foi o único a fazer um trabalhinho de investigação em vez de reproduzir o comunicado de imprensa do Governo.

    A ideia é destruir os esforços de Negroponte para o OLPC.

    O criador do MIT Media Lab criou esta inovação, o portátil de 100 dólares...
    A Intel foi um dos parcceiros até ver o seu concorrente AND ser escolhida como fornecedor. Saiu do consórcio e criou o Classmate, que está a tentar impor aos países em desenvolvimento.

    Sócrates acaba de aliar-se, SEM CONCURSO, à Intel, para destruir o projecto de Negroponte. A JP Sá Couto, que ja fazia os Tsumanis, tem assim, SEM CONCURSO, todo o mercado nacional do primeiro ciclo.

    Tudo se justifica em nome de um número de propaganda política terceiro-mundista.

    Para os pivots (ex-jornalistas?) Rodrigues dos Santos ou José Alberto Carvalho, o importante é debitar chavões propagandísticos em vez de fazer perguntas.

    Se não fosse a blogosfera - que o ministro Santos Silva ainda não controla - esta propaganda não seria desmascarada. Os jornalistas da imprensa tradicional têm vindo a revelar-se de uma ignorância, seguidismo e preguiça atroz.


    http://pt.wikipedia.org/wiki/Nicholas_Negroponte#O_PC_de_USD_100
     
  10. psm

    psm
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    25 Out 2007
    Mensagens:
    1,509
    Local:
    estoril ,assafora
    Eu estou completamente sem palavras...não consigo pôr palavras, pois isto é surreal, parece que estou no pais:maluco: da FLORIBELA.
    Isto tem haver com a fromação, e não com o computador.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  11. Luis França

    Luis França
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Mai 2006
    Mensagens:
    1,467
    Local:
    Hades
    Só uma pequena correcção:

    A concorrente da Intel não é a AND, mas sim a AMD (Advanced Micro Devices).

    ;)
     
  12. Ike

    Ike
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    6 Set 2008
    Mensagens:
    66
    Local:
    Terreiro - Tomar
    Polémicas e propaganda à parte, na minha opinião fica por dizer o que interessa do Magalhães.

    Os compenentes não são fabricados cá, o PC pode ter muito pouco de Português para além do nome e sim a ideia de um PC de baixo custo não é nova. O Magalhães até podia ser Chinês...mas o que eu acho que é de louvar é querer que cada aluno dos 6 aos 10 anos possua um PC.

    Palavras do Steve Ballmer quando entrevistado pelo Expresso, é que achava isso extraordinário, e uma iniciativa única no mundo. São palavras dele, não minhas (independentemente dos interesses que a Microsoft venha a ter no projecto).

    O próprio jornalista apontou para a existência do Classmate, e que a ideia de um computador de baixo custo não era nova, etc... e ele voltou a insistir na ideia, que a inovação não era de um PC de baixo custo, mas sim de querer que todas as crianças tivessem um...e por fim perguntou: Será que sou o único que acho isso de extraordinário? (se calhar é)
     
  13. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,248
    Local:
    Arroja, Odivelas (142m)
    Toda a tecnologia e inovação é boa quando usada da melhor forma possível.
    E a minha dúvida é esta mesmo: Será que o Magalhães vai ser usado de uma boa forma?
    Estes relatos das formações que estão a ser dadas aos professores põem-me a pensar nisso. Se as formações são assim, que mensagem terão os professores a dar aos seus alunos nesta questão?


    Agora imaginem uma criança com um computador de acesso à internet nas mãos. Sem que a ela lhe seja dada a formação básica de TIC.
    Mais depressa ela se perdem em jogos on-line ou em conversas de chat com desconhecidos, do que aprende a usar o word, excel ou powerpoint.

    E então aí em vez de caminharmos para a inovação, caminhamos para uma nova dor de cabeça. :confused:
     
    Collapse Signature Expand Signature
  14. Ike

    Ike
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    6 Set 2008
    Mensagens:
    66
    Local:
    Terreiro - Tomar
    Corrijo o que disse anteriormente o importante já tinha sido mencionado e tinha-me escapado.

    Compreendo a preocupação nesse sentido, mas acho que é preferível correr esse risco do que haver desigualdade no acesso a essa mesma tecnologia.

    Embora esse acesso já esteja bastante democratizado com uma grande percentagem da população a possuir PC pessoal, haverá ainda muitos pais por este país fora que não se podem dar a esse luxo e os seus filhos estariam sempre em desvantagem em relação a outros mais abonados.

    Tenho um exemplo de um familiar chegado que o primeiro PC a que o seu filho teve acesso em casa foi um 486 que eu dispensei quando adquiri um PC novo para mim. Só recentemente e com o aparecimento de várias máquinas de linha branca e com algum esforço é que adquiriu um PC novo (provavelmente descontinuado) mas mesmo assim esse jovem não dispõe de acesso à internet em casa. Quando esse mesmo jovem me disse que queria seguir informática, fiquei a pensar na desvantagem que ele ia ter em relação a outros futuros colegas dele, que tiveram acesso às tecnologias de informação desde tenra idade.

    Quanto aos vídeos, no primeiro nota-se que é filmagem espontânea já o segundo se querem a minha opinião parece-me um pouco fabricado, parece-me encenação para a câmara, aliás duvido que uma acção de formação se desenvolva num vão de escadas. (perdoem-me a desconfiança) Mas se as acções de formação estão mesmo a decorrer dessa forma, ainda bem que foi denunciada a situação, estamos mais que a a tempo de corrigir a situação. No entanto a brincar muitas vezes também é uma excelente forma de ensinar e de aprender. (conseguindo reconhecer o ridículo das situações retractadas).

    Por último foi ao blog do professor em questão e pelo meio:

    "Quero aqui manter o meu veemente repúdio à política educativa deste Governo, sobretudo no que ao cerrado ataque à dignidade docente diz respeito, mas tenho lucidez suficiente para saudar o Plano Tecnológico da Educação"
     
  15. HotSpot

    HotSpot
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    20 Nov 2006
    Mensagens:
    3,613
    Local:
    Moita, Setubal
    Degradante para os professores??????? Para mim degradante é só criticar-se o que de bem se faz neste país.

    Os professores aceitaram fazer, NÃO FORAM OBRIGADOS, e acho que já todos passamos pela primária e sabemos que os professores do 1º Ciclo teem que ter esta atitude RIDICULA para alguns mas bem aceite pelas crianças. Afinal elas gostam destas palhaçadas.

    As vezes há pequenas alterações na sociedade que podem mudar um país.

    Que diferença elogiar-se o Magalhães e não eleger, Fátimas Felgueiras, Valentins Loureiros, Isaltinos, etc...

    Mas nós não queremos estar bem, preferimos eleger os "Blue Bags" e procurar a infima falha no Magalhães para os miudos verem pornografia. Porque isso vende a este povo pobre....


    Desculpa Gerofil, mas acusam o governo de censura e perseguição e depois é o que se vê...
    E mais não digo :sad:
     
    Collapse Signature Expand Signature

Partilhar esta Página