Monitorização Clima de Portugal - 2011

Tópico em 'Climatologia' iniciado por AnDré 14 Jan 2011 às 03:46.

  1. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,244
    Local:
    Arroja, Odivelas (142m)
    Collapse Signature Expand Signature
  2. Gil_Algarvio

    Gil_Algarvio
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Mar 2009
    Mensagens:
    1,476
    Local:
    Lisboa / Altura - Algarve
    Janeiro com onda de frio em Castelo Branco

    Em Janeiro o valor médio da temperatura média e mínima do ar foram superiores ao valor normal (1971-2000), com uma anomalia de +0.31ºC e +0.87ºC, respectivamente.

    No entanto, nos últimos dias do mês registaram-se valores inferiores a 0ºC, em muitos locais do interior Norte e Centro do território do continente, tendo mesmo sido registado, entre os dias 22 e 27 de Janeiro, uma onda de frio na região de Castelo Branco, de acordo com a classificação da OMM.

    A quantidade de precipitação ocorrida no mês de Janeiro (102.6mm) foi próximo do valor normal (1971-2000), classificando-se este mês como normal a seco no continente, exceptuando as zonas de Sines e de Sagres onde foi chuvoso.

    Relatório completo:
    http://www.meteo.pt/opencms/pt/publicacoes/index.html

    Fonte:
    IM
    http://www.meteo.pt/pt/media/noticias/newsdetail.html?f=/pt/media/noticias/textos/rel_clima_jan.html
     
    Collapse Signature Expand Signature
  3. Agreste

    Agreste
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    29 Out 2007
    Mensagens:
    8,027
    Local:
    Aljezur (48m) - Faro (11m)
    Normal a seco é uma classificação correcta para o que se está a passar. A 1 de Janeiro o tempo era normal para a época. Agora estamos em ligeiro stress hídrico atenuado apenas pelas "reservas" de 2010. Tanto que a floração das amendoeiras este ano foi espectacular!
     
  4. Gil_Algarvio

    Gil_Algarvio
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Mar 2009
    Mensagens:
    1,476
    Local:
    Lisboa / Altura - Algarve
    Concordo plenamente contigo Agreste e claro, com o IM também. Porque em 2011 precipitação tem sido mentira... As amendoeiras este ano florearam espectacularmente. Eu queria ter feito um foto reportagem mas a minha maquina não esta em condições.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  5. Agreste

    Agreste
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    29 Out 2007
    Mensagens:
    8,027
    Local:
    Aljezur (48m) - Faro (11m)
    Até agora está a acertar... :(

     
  6. Agreste

    Agreste
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    29 Out 2007
    Mensagens:
    8,027
    Local:
    Aljezur (48m) - Faro (11m)
    Beleza nada comparável ao miserável pólen das Acácias Salignas que dentro de 3-4 semanas começará a ser libertado massivamente... este ano será uma autêntica praga!

    [​IMG]
     
  7. Aurélio

    Aurélio
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    23 Nov 2006
    Mensagens:
    4,335
    Local:
    Faro
    Sim e se continuar assim será ele o unico que acerta, pois se isto continuar assim todos os modelos terão falhado por completo....
    basta lembrar-me de Janeiro o que estava previsto e o que aconteceu realmente 25% a 50% do valor normal ocorrido ....
     
  8. Gil_Algarvio

    Gil_Algarvio
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Mar 2009
    Mensagens:
    1,476
    Local:
    Lisboa / Altura - Algarve
    Chuva e vento forte em Portugal Continental 2011-02-16 (IM)

    Conforme previsto pelo Instituto de Meteorologia, durante o dia de hoje o território do Continente foi atravessado pelo ramo frio de um sistema frontal, em progressão de noroeste para sueste, na circulação de uma depressão localizada a norte da Península Ibérica. A massa de ar póst-frontal frio, que afecta o território, é extremamente instável, o que torna favorável a ocorrência de aguaceiros e trovoadas, por vezes acompanhados de queda de granizo.

    Localmente, as condições de instabilidade, quando acompanhadas por um determinado perfil vertical de vento horizontal, poderão, ainda, potenciar a ocorrência de vento muito forte, o qual se veio a sentir ao longo do dia.


    Embora se trate de episódios de carácter marcadamente local e de duração curta, foi possível observar em algumas estações da rede de observação do IM, valores de rajada de vento muito significativos, designadamente em Coruche (134 km/h às 13 UTC), Cabo Carvoeiro (110 km/h às 4:30 UTC) e Mogadouro (107 km/h).

    As referidas condições meteorológicas, favoráveis à ocorrência de vento, horizontal, muito forte, poderão, em alguns casos, propiciar a formação de tornados, geralmente de nível EF0 (o nível mais baixo segundo a escala de Fujita melhorada). No entanto, o diagnóstico inequívoco de um fenómeno deste tipo, só se torna possível mediante observação visual da característica tromba, a evoluir entre a nuvem-mãe e o solo, pelo que o Instituto de Meteorologia não poderá confirmar a ocorrência destes fenómenos no dia de hoje no território do Continente, unicamente com recurso á informação instrumental de que dispõe

    De acordo com o Centro de Previsão do IM, a situação meteorológica manter-se-á inalterada até ao final do dia de hoje e para amanhã prevê-se que se verifique um desagravamento da situação, particularmente no que refere à intensidade do vento, mantendo-se a ocorrência de períodos de chuva ou aguaceiros que poderão ser fortes na próxima Sexta-feira e Sábado, em especial no Minho e Douro Litoral.

    As condições de agitação marítima junto à costa continuam a justificar o Aviso vermelho já emitido para todo o litoral oeste, prevendo-se o desagravamento a partir da tarde do dia de amanhã, 17.

    Fonte:
    IM
     
    Collapse Signature Expand Signature
  9. Mário Barros

    Mário Barros
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    18 Nov 2006
    Mensagens:
    12,479
    Local:
    Cavaleira (Sintra)
    Valores super interessantes, se não forem mesmo recordes :thumbsup:
     
  10. Gil_Algarvio

    Gil_Algarvio
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Mar 2009
    Mensagens:
    1,476
    Local:
    Lisboa / Altura - Algarve
    Aqui ressalta-se claramente a frase:

    Embora se trate de episódios de carácter marcadamente local e de duração curta, foi possível observar em algumas estações da rede de observação do IM, valores de rajada de vento muito significativos, designadamente em Coruche (134 km/h às 13 UTC), Cabo Carvoeiro (110 km/h às 4:30 UTC) e Mogadouro (107 km/h).

    Com Coruche em grande a registar o máximo de vento do dia de hoje!
     
    Collapse Signature Expand Signature
  11. Gil_Algarvio

    Gil_Algarvio
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Mar 2009
    Mensagens:
    1,476
    Local:
    Lisboa / Altura - Algarve
    É isso mesmo Mário, eu penso que em Coruche devem ser mesmo recordes.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  12. Gil_Algarvio

    Gil_Algarvio
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Mar 2009
    Mensagens:
    1,476
    Local:
    Lisboa / Altura - Algarve
    Janeiro chuvoso em Ponta Delgada observatório 2011-02-16 (IM)

    A estação de Ponta Delgada, nos Açores, no mês de Janeiro, registou 25 dias de precipitação, tendo o máximo ocorrido no dia 13 de Janeiro com 33,6 mm, num total de 206,9 mm observados. Este valor corresponde a uma anomalia de +73,5mm relativamente ao período de referência (1961-1990), e é o maior valor registado desde 2000. Por outro lado, os valores de precipitação observados nas estações das Flores (196,6mm) e de Angra (126,3mm) correspondem a anomalias de -17,7mm e de -7mm respectivamente, para o mesmo período de referência.

    É de notar que este foi o Janeiro mais frio em S. Miguel (Ponta Delgada) desde o ano 2000, tendo-se registado uma anomalia de -0,2 ºC, para o período de referência (1961-1990). No entanto, durante este mês, verificaram-se valores da temperatura média do ar com anomalias positivas em 6 estações do Arquipélago.

    Fonte:
    IM
     
    Collapse Signature Expand Signature
  13. Gil_Algarvio

    Gil_Algarvio
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Mar 2009
    Mensagens:
    1,476
    Local:
    Lisboa / Altura - Algarve
    Estradas encerradas em todo o país devido a inundações e deslizamentos.

    A chuva que se fez sentir ao longo do dia de hoje provocou inundações e deslizamentos que obrigaram ao encerramento de várias estradas de Norte a Sul do país, disse o comando-geral da GNR.

    Perto de 20 estradas em todo o país estão encerradas devido a inundações: na região de Aveiro, três estão intransitáveis há dois dias, sem previsão de abertura, acrescentou.

    Também na Covilhã há várias estradas encerradas, mas devido ao gelo e à queda de neve.

    Em Lisboa, pelo menos seis estradas estão encerradas devido ao mau tempo, bem como em Portalegre, onde três estão também intransitáveis.

    Em Santarém, há pelo menos duas estradas encerradas devido a inundações e, em Setúbal, uma.

    Na capital, segundo fonte do Regimento de Sapadores de Bombeiros de Lisboa, "hoje houve mais pedidos que o habitual por toda a cidade, sem exclusão de partes".

    Entre as 00:00 e as 19:00 de sábado, os bombeiros contabilizaram 85 pedidos, dos quais 70 foram feitos entre as 08:00 e as 19:00.

    Inundações, desabamentos e buracos deram origem aos pedidos feitos pelos lisboetas, referiu fonte dos Sapadores, segundo a qual "o pior período foi entre as 10:30 e as 12:00".

    Lusa

    Vídeo:
    http://sic.sapo.pt/online/video/inf...regiao-oeste-estao-inundados19-02-2011-21.htm
     
    Collapse Signature Expand Signature
  14. Gil_Algarvio

    Gil_Algarvio
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    23 Mar 2009
    Mensagens:
    1,476
    Local:
    Lisboa / Altura - Algarve
    Fevereiro no continente com onda de frio e queda de neve

    Nos primeiros dias do mês de Fevereiro ocorreram valores muito baixos da temperatura mínima do ar, inferiores a 0ºC em muitos locais do interior Norte e Centro do território continental. Foi registada uma onda de frio na região de Braga e na região do litoral que se estende do sul de Setúbal a Sagres.

    Uma massa de ar pós-frontal fria e extremamente instável afectou o continente entre os dias 15 e 17, originando queda de neve em muitos locais do interior Norte e Centro, assim como chuva forte, queda de granizo e vento muito forte em quase todo o território.

    No final do mês, em particular nos dias 25 e 26, registaram-se valores elevados da temperatura máxima do ar superiores a 20ºC em muito locais do território, em especial na região Sul.

    Como consequência, no território do continente verificou-se uma temperatura média muito próxima do valor normal de 1971-2000, com uma anomalia de -0.05ºC, com o valor médio da temperatura máxima do ar superior ao normal, em +0.66ºC, e o valor médio da temperatura mínima do ar inferior ao valor normal, em -0.80ºC.

    A quantidade de precipitação observada (96.9mm) foi próxima do valor normal 1971-2000 (100.1mm), classificando-se este mês como normal a seco no continente, exceptuando as regiões de Lisboa e de Aveiro onde foi chuvoso.

    Fonte:
    IM



    :(Este tópico é só meu...? hehe
     
    Collapse Signature Expand Signature
  15. Kispo

    Kispo
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    17 Ago 2008
    Mensagens:
    188
    Local:
    Monte Abraão, Queluz (195m)
    INVERNO COM FENÓMENOS EXTREMOS NO CONTINENTE

    2011-03-22 (IM)
    O Inverno de 2010/11 (Dezembro, Janeiro e Fevereiro) foi caracterizado pela ocorrência de fenómenos extremos: um tornado que atingiu os concelhos de Torres Novas, Tomar, Ferreira do Zêzere e Sertã, em Dezembro; episódios de neve, nas regiões do Norte e Centro; duas ondas de frio (em Janeiro e Fevereiro); chuva forte com ocorrência de queda de granizo, em Dezembro e Fevereiro; e vento forte, em Fevereiro.

    O valor total da quantidade de precipitação foi de 394.0 mm, superior ao valor normal 1971 – 2000 (352.5 mm). O Inverno classificou-se como normal a chuvoso, em quase todo o território do Continente, sendo muito chuvoso na região de Lisboa e no barlavento Algarvio.

    O valor médio da temperatura máxima, média e mínima foi ligeiramente inferior aos respectivos valores normais 1971 – 2000, com anomalias de -0.3ºC. Nos últimos dias do mês de Janeiro e início de Fevereiro, ocorreram valores da temperatura mínima do ar muito baixos, nomeadamente nas regiões do interior Norte e Centro do continente, verificando-se pelo 3º ano consecutivo um Inverno mais frio que o normal
     

Partilhar esta Página