Morreu José Saramago

Tópico em 'Off-Topic' iniciado por Gerofil 18 Jun 2010 às 13:25.

  1. Gerofil

    Gerofil
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mar 2007
    Mensagens:
    8,554
    Local:
    Estremoz (401 metros)
    O escritor português e Prémio Nobel da Literatura em 1998 José Saramago morreu hoje

    O escritor português e Prémio Nobel da Literatura em 1998 José Saramago morreu hoje aos 87 anos em Lanzarote. O autor português encontrava-se doente mas em estado «estacionário», mas a situação agravou-se, explicou o seu editor, Zeferino Coelho.
    José Saramago nasceu na aldeia ribatejana de Azinhaga, concelho de Golegã, no dia 16 de Novembro de 1922, embora o registo oficial mencione o dia 18. Os seus pais emigraram para Lisboa quando ele ainda não tinha três anos de idade. Toda a sua vida tem decorrido na capital, embora até ao princípio da idade madura tivessem sido numerosas e às vezes prolongadas as suas estadas na aldeia natal.
    Fez estudos secundários (liceal e técnico) que não pôde continuar por dificuldades económicas. No seu primeiro emprego foi serralheiro mecânico, tendo depois exercido diversas outras profissões, a saber: desenhador, funcionário da saúde e da previdência social, editor, tradutor, jornalista.
    Publicou o seu primeiro livro, um romance («Terra do Pecado»), em 1947, tendo estado depois sem publicar até 1966. Trabalhou durante doze anos numa editora, onde exerceu funções de direcção literária e de produção. Colaborou como crítico literário na Revista Seara Nova.
    Em 1972 e 1973 fez parte da redacção do Jornal Diário de Lisboa onde foi comentador político, tendo também coordenado, durante alguns meses, o suplemento cultural daquele vespertino. Pertenceu à primeira Direcção da Associação Portuguesa de Escritores. Entre Abril e Novembro de 1975 foi director-adjunto do Diário de Notícias. Desde 1976 vive exclusivamente do seu trabalho literário.

    Diário Digital
     
  2. vitamos

    vitamos
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    11 Dez 2007
    Mensagens:
    4,557
    Local:
    Lisboa; Costa da Caparica
    Nunca fui especial admirador da sua pessoa, olhei somente com curiosidade para algumas obras, reconheço-lhe algumas afirmações pertinentes, discordei totalmente de muitas coisas que disse...

    No dia de hoje contudo, a homenagem àquele que foi prémio Nobel português, daquele que certamente foi ser, com família, com próximos, com amigos e com muita gente que nesta hora sentirá, certamente, a dor da perda.

    Honra lhe seja feita. Consolo a todos os que lhe são chegados.
     
  3. AndréFrade

    AndréFrade
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    6 Jun 2009
    Mensagens:
    4,490
    Local:
    Montijo
    Gostava muito deste escritor.
    Consolo a todos os que lhe são chegados.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  4. Zapiao

    Zapiao
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    20 Set 2006
    Mensagens:
    882
    Local:
    Coimbra - 135m alt.
    A esta hora ja deve estar a justificar o "Evangelho..." e "Caim" a Deus;)
     
    Collapse Signature Expand Signature
  5. MSantos

    MSantos
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    3 Out 2007
    Mensagens:
    6,685
    Local:
    Figueira de Castelo Rodrigo (650m)
    Que descanse em Paz:(

    Não era leitor das suas obras, a única que li foi o "Memorial do Convento", gostei, apesar da sua forma invulgar de escrever.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  6. Pedro

    Pedro
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    15 Abr 2009
    Mensagens:
    4,574
    Local:
    Vila Chã de Sá - Viseu(441m)//Coimbra
    Não digo se era bom ou mau escritor, se era bom homem, nunca o conheci, mas verdade seja dita, não gostei nadíssima do pouco que li da sua última obra "Caím".

    A sua morte, castigo de Deus? Talvez, mas ainda assim, não desejo mal a ninguém.

    Que descanse seja onde for, e os meus pensamos aos familiares, amigos e seguidores do escritor.
     
  7. Liliana15

    Liliana15
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    19 Out 2009
    Mensagens:
    155
    Local:
    Chacim-Cabeceiras de Basto (450m)/Bragança (699m)
    Descansa em Paz Saramago
    Bem a literatura portuguesa ficou mais pobre.
    Era um grande escritor e sobretudo um grande homem.

    "Já não há palavras, Saramago levou-as todas"
     
    Collapse Signature Expand Signature

Partilhar esta Página