Oeste: Habitantes de 5 concelhos aconselhados a não consumir água

Tópico em 'Media' iniciado por Gerofil 18 Dez 2007 às 19:59.

  1. Gerofil

    Gerofil
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mar 2007
    Mensagens:
    8,554
    Local:
    Estremoz (401 metros)
    Água/Oeste:Habitantes de cinco municípios aconselhados a não beber nem cozinhar com água da rede pública

    Os habitantes Arruda dos Vinhos, Sobral de Monte Agraço, Alenquer, Torres Vedras e Mafra estão a ser aconselhados a não beberem nem cozinharem alimentos com a água da rede pública, informou hoje a empresa Águas do Oeste. A Águas do Oeste, gestora do sistema de água e saneamento da região informou hoje que foram detectadas "alterações visuais do estado da qualidade da água fornecida pela Águas do Oeste, S.A." ao municípios de Arruda dos Vinhos, Sobral de Monte Agraço, Alenquer, Torres Vedras e Mafra.
    Nesse sentido, recomenda que, "por medida de precaução e até que se perceba a origem do problema, a água distribuída pela rede pública de abastecimento não seja utilizada para consumo directo ou para cozinhar".

    © 2007 LUSA
     
  2. Gerofil

    Gerofil
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mar 2007
    Mensagens:
    8,554
    Local:
    Estremoz (401 metros)
    Água/Oeste:Análises revelam que devem ser mantidos cuidados no consumo em Arruda dos Vinhos e Sobral de Monte Agraço

    Os habitantes dos Concelhos de Arruda dos Vinhos e Sobral de Monte Agraço devem ferver a água da rede pública para cozinharem os alimentos, informou a empresa Águas do Oeste que mandou efectuar com urgência análises à água. A empresa Águas do Oeste, que terça-feira ao fim do dia recomendou à população de Arruda, Sobral, Torres Vedras, Alenquer e Mafra que não bebesse ou cozinhasse com água da rede pública, restringe agora a medida a Arruda e Sobral. "Os resultados obtidos afastam a existência de qualquer risco significativo ligado à qualidade da água", afirmou, esta noite, em comunicado, a empresa responsável pelo abastecimento de água à região Oeste.
    Contudo, especifica, "um dos parâmetros analisados (oxidabilidade) apresenta valores inferiores mas próximos do limite máximo admissível, apenas no caso do sistema que serve Arruda dos Vinhos e Sobral de Monte Agraço". Por isso, apenas para os dois Municípios e, até análises mais conclusivas que deverão chegar hoje "solicita-se às populações que, podendo embora utilizar a água para todos os fins, tenham o cuidado de fervê-la para fins alimentares".
    A empresa mandou realizar análises com urgência após ter sido detectada película sobre a água, nos depósitos de Arruda dos Vinhos e Sobral de Monte Agraço. Segundo explicou à Lusa fonte da Águas do Oeste (empresa que recebe água da Epal), os depósitos de Arruda e Sobral interligam-se ao sistema de Alenquer, Torres Vedras e Mafra, razão pela qual estes Municípios também foram alvo do alerta.
    A empresa assegura que "não há já razão para quaisquer limitações ao consumo nos Municípios de Alenquer, Torres Vedras e Mafra".

    © 2007 LUSA
     

Partilhar esta Página