Praia da Grota /Piscina dos ouriços - Cascais - Setembro 2015

Tópico em 'Natureza e Viagens' iniciado por jonas_87 20 Set 2015 às 22:29.

  1. jonas_87

    jonas_87
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    11 Mar 2012
    Mensagens:
    11,931
    Local:
    Alcabideche, Cascais - cota 119 mts
    Ontem, dia 19 de Setembro, dei um salto á costa selvagem do concelho de Cascais, freguesia de Alcabideche, a escolha foi a praia da Grota e a ainda pouco conhecida piscina dos ouriços, que assim continue.
    Segundo os pescadores, a zona chama-se " os cinzentos" nas fotos percebe-se bem a razão de tal nome.

    A caminho da praia, Guincho e Cabo Raso no horizonte.

    [​IMG]

    Com zoom

    [​IMG]

    Um elemento sempre presente na paisagem.

    [​IMG]

    A dita praia, a arriba em termos de altura não é nada por aí alem, ronda os 40 metros, isto na zona de descida.

    A água estava barrenta, mas a meio da tarde, ficou com uma cor mais agradável.

    [​IMG]


    Já na praia, forte do Abano no horizonte.

    [​IMG]

    Mar relativamente calmo.

    [​IMG]

    [​IMG]

    Eis a piscina dos ouriços.
    Mede uns 15 metros de comprimento, em termos de profundidade, fui surpreendido, em grande parte não se tem pé, chegando mesmo os 2,5 mts.

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    Como o StormRic tem criado/ dito em inúmeros tópicos espantosos desta linha de costa, a costa selvagem de Cascais/Sintra tem recantos incríveis, este é certamente um deles.
    Cumprimentos :thumbsup:
     
    Collapse Signature Expand Signature
  2. StormRic

    StormRic
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jun 2014
    Mensagens:
    10,142
    Local:
    Carcavelos (praia) alt.20m / Póvoa de Sta.Iria
    :viva: excelente! Era isto que eu via de cima mas nunca vi mesmo ao pé. Uma beleza, repare-se na mudança do tipo de rocha, a piscina instalou-se numa camada menos resistente entre ambas, daí o ser tão profunda. As lajes inclinadas fazem parte do esporão da Ponta da Abelheira e são um detalhe geológico magnífico.
    As fotos ficaram belíssimas! A maré nem sequer estava muito baixa, quando vim aqui pareceu-me que o acesso estaria mais condicionado por esse facto. Passaste por cima daquele caos de blocos do cone de detritos da falésia da Abelheira, certo? A piscina é quase invisível desde o caminho cá em cima.

    Venham mais explorações, esta costa cada recanto é uma descoberta!

    ps: por acaso não conseguiste alcançar aquele saco de plástico e trazê-lo;), estou sempre a recolher objectos destes, são tão nefastos para estes frágeis habitats.
     
    Pedro1993 e jonas_87 gostaram disto.
  3. Tiagolco

    Tiagolco
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    15 Jul 2015
    Mensagens:
    2,859
    Local:
    Carnaxide, Oeiras/Alvalade, Lisboa
    Espantoso!!! :viva:
    Na semana passada fui a esse forte e realmente a vista é deslumbrante!!
    Agora, essa piscina é algo dos deuses mesmo!
    Muito boas fotos!! Então as da piscina, nem digo nada...:D
    Uma coisa que tenho reparado é que a água tem estado com uma cor lindíssima!!
    Um dia irei dar um passeio mais aprofundado por aí :thumbsup:
     
    jonas_87 e StormRic gostaram disto.
  4. jonas_87

    jonas_87
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    11 Mar 2012
    Mensagens:
    11,931
    Local:
    Alcabideche, Cascais - cota 119 mts
    Obrigado, sim é de uma beleza geológica brutal.
    A inclinação da arriba junto á piscina é assutadora, mete respeito!
    Quanto ao saco, era meu, falha minha quando tirei foto com ele lá presente, claro que não deixei lá qualquer lixo.
    As proximas explorações serão às praias imediatamente norte da Grota, e tambem quero ir a Assentiz.
     
    Collapse Signature Expand Signature
    StormRic gostou disto.
  5. jonas_87

    jonas_87
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    11 Mar 2012
    Mensagens:
    11,931
    Local:
    Alcabideche, Cascais - cota 119 mts
    Obrigado, sim a piscina é fenomenal, dei uns belos mergulhos.
    Fazes bem em passear por aquela zona, basta um bom calçado e minima preparação fisica.
     
    Collapse Signature Expand Signature
    StormRic e Tiagolco gostaram disto.
  6. StormRic

    StormRic
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jun 2014
    Mensagens:
    10,142
    Local:
    Carcavelos (praia) alt.20m / Póvoa de Sta.Iria
    Cuidado com os terrenos instáveis nas falésias das enseadas do Assobio e Abelheira, logo a seguir à Grota, são muito traiçoeiros. Houve também um incêndio que devastou uma parte do topo das falésias contribuindo para o solo e pedras ficarem mais soltos. ;)
     
    jonas_87 gostou disto.
  7. jonas_87

    jonas_87
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    11 Mar 2012
    Mensagens:
    11,931
    Local:
    Alcabideche, Cascais - cota 119 mts
    Sim obrigado pelo conselho, já faço caminhadas junto ao mar, ha muitos anos, mas claro todo o cuidado é pouco, e não convém facilitar.
    Quando vou ao Cabo da Roca, vejo pessoas na ponta da arriba, ignorando sempre as cercas de protecção/segurança, portanto da parte da protecção Civil de Sintra/ Freguesia de Colares/Câmara municipal de Sintra, ou outra entidade qualquer, fizeram claramente o que lhes competia,quanto ao resto, é incontrolável...
     
    Collapse Signature Expand Signature
    StormRic gostou disto.
  8. StormRic

    StormRic
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jun 2014
    Mensagens:
    10,142
    Local:
    Carcavelos (praia) alt.20m / Póvoa de Sta.Iria
    :thumbsup: a experiência progressiva e o hábito de caminhar em terrenos de todo o tipo e situações é efectivamente a melhor garantia de segurança, a par de equipamento adequado e boa condição física mínima, especialmente ao nível do equilíbrio. Estas zonas de trilhos quase selvagens não são, obviamente, recomendadas no caso de ausência de algum destes requisitos. No caso do Cabo da Roca, nas minhas frequentes visitas, estou sempre a alertar certos visitantes para o risco de se abeirarem das falésias ultrapassando as barreiras existentes. Um dos perigos mais insuspeitos e menos conhecidos é o das súbitas rajadas de vento que se formam localmente nas falésias, com direcções diversas em relação ao vento dominante. E também o deslumbramento que as vistas produzem fazendo as pessoas esquecer-se de olhar para o chão, ao mesmo tempo que o grande espaço aberto lhes retira referências de equilíbrio.
    Uma regra de ouro que sempre segui é a de não dar um passo sequer sem que o olhar esteja dirigido para o terreno; olha-se, desfruta-se a vista ou realiza-se qualquer outro gesto que desvie o olhar do chão, apenas estando parados. Só em estrada e caminhos bem trilhados afastados de declives se pode andar de olhos levantados, mesmo assim com o periódico reconhecimento da extensão de percurso adiante, claro.
     
    jonas_87 gostou disto.

Partilhar esta Página