Terra Quente? Terra Fria?

Tópico em 'Aprendizagem e Formação' iniciado por Flaviense21 1 Ago 2007 às 22:08.

  1. Flaviense21

    Flaviense21
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    28 Jan 2007
    Mensagens:
    3,690
    Local:
    Oeiras /Chaves / Vilardevós - GZ
    Olá amigos, hoje na palheta com o Rogério surgiu o tema relativo aos climas de Tras-os-Montes... A célebre questão da Terra Quente e Terra Fria, como transmontano e aficionado pela meteorologia deixa-me perturbado saber tão pouco sobre esta temática. Quais as diferenças? Que critérios se utilizam para catalogar uma zona de Terra Quente ou Terra Fria? Extremos registados nas duas zonas?
    Gostaria de contar com o vossa ajuda para entender melhor estas duas realidades climatologicas da minha Região!

    PS: Para os amigos de Bragança: Em Chaves quando se instala aquele nevoeiro gelado que rebenta com tudo, congela postes de electricidade, envolve de gelo as arvores, as casas, os carros... diz-se sempre que é o Nevoeiro da Terra Quente! Aí dizem o mesmo? E porque é então gélido se é vindo supostamente da Terra Quente?
    A pergunta pode parecer básica mas de facto não lhe sei a resposta!
     
    Collapse Signature Expand Signature
  2. Dan

    Dan
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    26 Ago 2005
    Mensagens:
    8,530
    Local:
    Bragança (675m)
    Collapse Signature Expand Signature
  3. Dan

    Dan
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    26 Ago 2005
    Mensagens:
    8,530
    Local:
    Bragança (675m)
    Talvez pelo facto da terra quente coincidir normalmente com depressões de baixa altitude. O que faz com que esses locais apresentem condições muito favoráveis a inversões térmicas e à ocorrência de nevoeiros de irradiação no Inverno. Por isso, o nevoeiro com congelação não deixa de ser algo habitual na terra quente.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  4. Minho

    Minho
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    6 Set 2005
    Mensagens:
    4,091
    Local:
    Melgaço
    Interessante o texto... Desconhecia que no Montesinho fosse tão húmido com 1200mm! Tem o mesmo regime de pluviosidade do Porto mas menos que os 1900mm de Vigo...

    Esse nevoeiro penso que te referes ao sincelo que o Mago o Dan e o Fil tanto nos deliciaram com as suas fotos... :rolleyes:

    http://www.meteopt.com/showthread.php?t=604
    http://www.meteopt.com/showthread.php?t=491
     
    Collapse Signature Expand Signature
  5. Brigantia

    Brigantia
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    20 Jan 2007
    Mensagens:
    2,186
    Local:
    Norte de Portugal
    De facto, a terra quente tem mais dias de nevoeiro por ano que a terra fria, mas acho que sincelo raramente têm...estou certo?!
     
  6. Brigantia

    Brigantia
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    20 Jan 2007
    Mensagens:
    2,186
    Local:
    Norte de Portugal
    O sincelo é de uma beleza extrema...basta entrar nesses tópicos para o constatarmos...
     
  7. Flaviense21

    Flaviense21
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    28 Jan 2007
    Mensagens:
    3,690
    Local:
    Oeiras /Chaves / Vilardevós - GZ
    Já aprendi uma coisa! Aquele nevoeiro que nos "enrregela" chama-se sincelo!;)
    Vou tentar arranjar mais algumas fotos desse fenómeno! E nós em Chaves somos o que? Sempre me disseram que é terra fria! A minha aldeia acredito que seja devido à altitude, mas já a cidade de Chaves deve ser Terra Quente, pois esta a pouca altitude onde a inversão termica no Inverno é quase diária!
    O que me dizem?
     
    Collapse Signature Expand Signature
  8. Dan

    Dan
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    26 Ago 2005
    Mensagens:
    8,530
    Local:
    Bragança (675m)
    Não sei se ainda se pode falar de terra quente mesmo nas áreas de menor altitude. Os níveis de precipitação já devem ser muito elevados.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  9. MiguelMinhoto

    MiguelMinhoto
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    25 Jan 2007
    Mensagens:
    2,573
    Local:
    Lagoa - Ilha de S.Miguel Açores
    Sempre ouvi falar em Terra Quente e Terra Fria, mas sinceramente nunca percebi bem isso. Tive sempre a ideia que em Trás os Montes faz sempre frio de inverno e calor de verão.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  10. Flaviense21

    Flaviense21
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    28 Jan 2007
    Mensagens:
    3,690
    Local:
    Oeiras /Chaves / Vilardevós - GZ
    E faz Miguel!
    Sim a precipitação em Chaves é elevada, é um facto! Então pode-se dizer em linhas gerais que a Terra Fria corresponde ao Norte da região onde os sistemas montanhosos predominam, Larouco, Geres, Padrela, Montesinho, Nogueira... e a Terra Quente corresponde aos vales profundos do Douro e seus afluentes no sul da região! A zona de transição será na zona de Valpaços, Mirandela, Macedo... CERTO?

    [​IMG]

    Eu já havia falado do assunto no Blog da minha terra! Eis o resultado das minhas pesquisas:

    A região de Trás-os-Montes e Alto Douro apresenta um ambiente geográfico de grande diversidade resultante da sua posição interior e da sua própria geomorfologia.

    Assim, o cordão montanhoso litoral que se desenvolve do Alto Minho ao Alvão-Marão constitui uma barreira geográfica que tem influência decisiva na ecologia da região e tem sido um factor de forte isolamento físico, só há pouco tempo desfeito pelo troço IP4 do Marão.
    A sua posição interior faz com que esteja fechada às influências marítimas não só pelo oeste como também pelo norte, sistema Galaico-Duriense (El Teleno, 2188 m) e pelos Cantábricos. Pelo oriente, sofre a influência do planalto Castelhano-Leonês e pelo sul a do planalto Beirão e Maciço Central, prolongamento do sistema Central Ibérico (Almançor, 2592 m, Serra da Estrela, 1993 m).
    Interiormente, dada a variada geomorfologia, a região apresenta duas zonas bem definidas e há muito explicitadas nas designações regionais de Terra Quente e Terra Fria. O seu clima é também bem evidente quando se enuncia o refrão popular de nove meses de inverno e três de inferno. Na realidade o clima tem características continentais mas com regime tipicamente mediterrânico devido a uma xerofilia estival, muito marcada. A distribuição da precipitação é enorme já que varia desde mais de 2500 mm nas montanhas ocidentais aos 1500 mm nas montanhas do interior situadas a norte e os 400 mm nos vales encaixados do Douro Superior. Os valores de temperatura variam entre extremos bem acusados, pois podem verificar-se -16° C nos planaltos da Terra Fria de Bragança-Miranda e os 46° C no Vale do Douro. É neste ambiente geográfico que se desenvolve uma ocupação humana concentrada em aldeias, vilas e cidades que nos últimos anos tem sofrido algumas alterações, principalmente no que se refere a desertificação dos campos com emigração massiva para o estrangeiro, grandes centros populacionais do litoral e ultimamente para os maiores agregados populacionais da região, nomeadamente Bragança, Vila Real e Chaves.
    Mas e nós onde estamos? Terra Quente? Terra Fria? Pois é depois de muito investigar este aspecto do qual sendo transmontano me envergonhava não dominar, cheguei à conclusão que estamos na Terra Fria... A divisão é feita a partir da altitude que influencia o clima determinantemente na nossa região. Assim os lugares acima dos 600 metros de altitude são catalogados por Terra Fria e os a altitudes inferiores são designados Terra Quente... Em termos gerais os municipios do Alto Trás os Montes como Montalegre cuja altutude maxima roça já os 1600 metros de altitude, Boticas, Chaves, Vinhais, Braganca, Miranda, Vila Pouca de Aguiar... se bem que mesmo dentro destes municipios haja zonas de transição, pois a cidade de Chaves está já nessa zona... Terra Quente é o denominado vale do Douro e suas ramificações no vale da Vilariça, dos rios Tua e Sabor, onde a amendoeira é raínha e se produz vinho de excelência. Assim a nossa aldeia cuja altitude varia dos 600 metros nos pontos mais baixos até aos 800 metros nos pontos mais altos situa-se na Terra Fria... Que não é quente todos nós ja sabemos...
    Bem hajam todos...
     
    Collapse Signature Expand Signature
  11. Z13

    Z13
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    20 Set 2006
    Mensagens:
    2,870
    Local:
    Bragança - 690m
    Possivelmente esta denominação que está instituída terá mais a ver com uma questão cultural das antigas populações de Tras-os-montes, muito ligadas à terra e à agricultura, do que propriamente ligada a questões técnicas de altitudes, precipitações e temperaturas médias!!!

    Eu, esde miudo que me habituei a distinguir a "Terra Quente" da "Terra Fria" através das paisagens e das culturas agricolas. Como sou nascido e criado em Bragança mas os meus avós maternos eram de Mogadouro, fartei-me de fazer viagens dentro do distrito, alternando varias vezes os caminhos. E de facto é notoria a diferença de culturas agricolas de toda a zona sul do distrito para a zona norte e até para a área do planalto. Em todos os concelhos que eu aprendi a identificar como sendo "Terra Quente" - Macedo, Mirandela, Vila Flor, Carrazeda, Alfandega, Moncorvo e Freixo- reina a amendoa, a oliveira, o vinho e os pomares... Do mesmo modo, os concelhos que eu identifiquei como sendo "Terra Fria" - Bragança e Vinhais - apenas existe a castanha, a batata e pouco mais... são terras "lixadas"!!!
    Por fim, sempre vi o Planalto - Vimioso, Miranda e Mogadouro - como uma área à parte das outras... não tem montanha, mas é fria e acima de tudo muito ligada à pastorícia.

    Naturalmente que no distrito de Vila Real se conseguirá fazer uma separação nos mesmos moldes dos concelhos do sul - Murça, Alijó, Regua, etc relativamente aos do norte - Boticas, Montalegre, Chaves, etc
     
    Collapse Signature Expand Signature
  12. Fil

    Fil
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    26 Ago 2005
    Mensagens:
    3,830
    Local:
    Bragança
    Eu sempre achei que Terra Quente e Terra Fria fossem nada mais que duas regiões turisticas dentro do distrito de Bragança. A distinção entre elas seria a temperatura média anual, que faz com que as paisagens dominantes entre ambas seja distinta.
     
  13. Brigantia

    Brigantia
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    20 Jan 2007
    Mensagens:
    2,186
    Local:
    Norte de Portugal
  14. belem

    belem
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    10 Out 2007
    Mensagens:
    3,262
    Local:
    Sintra
    São regiões com microclimas bem distintos:
    Terra Fria- Zonas altas e planálticas, expostas aos ventos de Nordeste e Leste, que tanto podem ser muito frios no inverno, como muito quentes no verão. Esta é a zona da castanha, da noz, do mirtilo e do centeio. É onde é dito o provérbio popular « nove meses de inverno, três de inferno». Claro que é exagerado este provérbio, mas espelha o rigor da região.
    Terra Quente- Zonas baixas, abrigadas do vento, em que os solos xistosos absorvem o calor e irradiam-no para a atmosfera, fazendo com que a temperatura atinja valores «impensáveis» para esta região.
    O recorde da Europa, foi registado em Riodades, no séc XIX, sendo de 50,5 graus registados à sombra. Curiosamente nem sequer é esta a região mais quente na região dos Vales do Douro, por exemplo a região de Alfândega da Fé é bem mais quente, mas não tem estação meteorológica. A zona das gravuras do Côa registaram uns não oficiais 52 graus.
    Nesta zona os invernos são muito mais suaves do que nas zonas altas ( o Pinhão registou (1961-1990) no mês mais frio do ano ( Janeiro) 8 graus positivos de média ( dia e noite) e nem sequer é de perto o local mais quente do vale do Douro. Por vezes o Vale do Douro tem «dias de verão» em pleno inverno.Esta é a zona da amêndoa, do figo, do vinho doce.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  15. Brigantia

    Brigantia
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    20 Jan 2007
    Mensagens:
    2,186
    Local:
    Norte de Portugal
    Muito bem informado:thumbsup::thumbsup: Estou a ver te o teu registo no meteopt será uma mais valia para o mesmo. Bem vindo ao mundo dos meteoloucos;)
     

Partilhar esta Página