Alterações Climáticas ou Ciclo Climático ?

Aurélio

Cumulonimbus
Registo
23 Nov 2006
Mensagens
4,335
Local
Faro
Bom dia !!

Resolvi criar este tópico com a ideia de ser diferente do tópico do Aquecimento Global.
Com isto pretendo que seja analisado o clima de Portugal e seu comportamento nas ultimas décadas ou séculos, e tirarmos conclusões se as alterações claramente visiveis no clima de Portugal e em especial no Sul de Portugal resultam do Aquecimento Global ou se trata-se de ciclos climáticos de décadas ou séculos !!
Espero que contribuam com documentos, noticias, gráficos, opiniões e que não transformem isto numa disputa Aquecimento/Arrefecimento global pois não é esta a ideia deste tópico !!

O que pretendo assim é tornar este tópico como uma espécie de documento de alterações/ciclo climático.
 

Aurélio

Cumulonimbus
Registo
23 Nov 2006
Mensagens
4,335
Local
Faro
Uma noticia que saiu no resumo do relatório do IM referente a Fevereiro:

O mês de Fevereiro em Portugal continental, em termos de precipitação, classificou-se como normal a seco. A média da quantidade de precipitação foi inferior ao valor médio de 1971-2000. Nos últimos 20 anos, somente em 4 foram registados valores de precipitação acima do valor normal de 1071-2000. O número de dias com precipitação superior a 1mm, 7 dias foi inferior à normal de 1971-2000 (9 dias).

Relativamente à temperatura do ar, a média da temperatura máxima em Prtugal continental, foi ligeiramente superior ao valor normal de 1971-2000, com uma anomalia de +0,4ºC, no que diz respeito aos valores médias da temperatura mínima e média do ar, estes foram inferiores em -1,3ºC e -0,4ºC respectivamente.
Fonte: IM

Daqui destaco a seguinte frase:
"Nos últimos 20 anos, somente em 4 foram registados valores de precipitação acima do valor normal de 1071-2000"

Creio que é um ponto que podemos começar a analisar !!

No Sul (Faro)
A minha média de Janeiro é de 36/38mm (não oficial) dos ultimos 9 anos e fevereiro tem uma média relativamente igual !!
Curioso é que Março e Abril mantém a média que tinham anteriormente !!

Gostava que opinassem sobre este assunto e os dados que coloquei aqui !!
 
Última edição:

stormy

Super Célula
Registo
7 Ago 2008
Mensagens
5,117
Local
Lisboa
na minha opiniao há alteraçoes climaticas e ciclos, um bocado de tudo, numa interacçao intima.
é obvio que perturbamos ( uns acham que muito e outros acham que pouco) o equilibrio que havia outrora, principalmente desde a revoluçao industrial e isso vai alterar tambem o clima nos anos vindouros alterando os padroes a que estavamos habituados e quiçá tornando o clima mais extremado... mas prognosticos só no final do jogo.
 

Dan

Staff
Registo
26 Ago 2005
Mensagens
9,792
Local
Bragança (675m)
Daqui destaco a seguinte frase:
"Nos últimos 20 anos, somente em 4 foram registados valores de precipitação acima do valor normal de 1071-2000"

Creio que é um ponto que podemos começar a analisar !!

No Sul (Faro)
A minha média de Janeiro é de 36/38mm (não oficial) dos ultimos 9 anos e fevereiro tem uma média relativamente igual !!
Curioso é que Março e Abril mantém a média que tinham anteriormente !!

Gostava que opinassem sobre este assunto e os dados que coloquei aqui !!

A redução de precipitação no mês de Fevereiro também se verifica aqui. Nas últimas duas décadas caiu para menos de metade, em relação à normal de 1961-1990. Aliás, a normal de 1971-2000 já reflecte parte dessa redução no mês de Fevereiro, ao passar de 102mm para 75mm.

Estará a acontecer a Fevereiro o mesmo que sucedeu ao mês de Março, que viu a sua precipitação bastante reduzida, nomeadamente a partir do inicio da década de sessenta.
 

Vince

Furacão
Registo
23 Jan 2007
Mensagens
10,624
Local
Braga
Estará a acontecer a Fevereiro o mesmo que sucedeu ao mês de Março, que viu a sua precipitação bastante reduzida, nomeadamente a partir do inicio da década de sessenta.

Por coincidência aqui há uns tempos tinha tropeçado num estudo que se referia à diminuição da precipitação em Março. Provalmente é mesmo isso que referes, além de Março o mesmo já deve estar a suceder com Fevereiro.

Understanding Precipitation Changes in Iberia in Early Spring: Weather Typing and
Storm-Tracking Approaches


DANIEL PAREDES
Departamento de Física de la Tierra II, Facultad de Físicas, Universidad Complutense, Madrid, Spain, and CGUL, Faculdade de
Ciências, Universidade de Lisboa, Lisbon, Portugal

RICARDO M. TRIGO
CGUL, Faculdade de Ciências, Universidade de Lisboa, and Departamento de Engenharias, Universidade Lusófona,
Lisbon, Portugal

RICARDO GARCIA-HERRERA
Departamento de Física de la Tierra II, Facultad de Físicas, Universidad Complutense, Madrid, Spain

ISABEL FRANCO TRIGO
Instituto de Meteorologia, and CGUL, Faculdade de Ciências, Universidade de Lisboa, Lisbon, Portugal
(Manuscript received 25 February 2005, in final form 7 June 2005)

ABSTRACT
March monthly accumulated precipitation in the central and western regions of the Iberian Peninsula
presents a clear continuous decline of 50% during the 1960–97 period. A finer analysis using daily data
reveals that this trend is exactly confined to the month of March. However, this is merely the most visible
aspect of a larger phenomenon over the North Atlantic/European sector.
The European precipitation
trends in March for the period 1960–2000 show a clear distribution of increasing precipitation in the
northern regions (the British Isles and parts of Scandinavia) together with decreasing trends throughout the
western Mediterranean Basin.

Relevant circulation changes over the North Atlantic and European sectors explain these precipitation
trends. First, a regional Eulerian approach by means of a weather-type (WT) classification shows that the
major rainfall contributors in March display significantly decreasing frequencies for the Iberian Peninsula,
in contrast to the corresponding “wet” weather types for the U.K./Ireland sector, which display increasing
frequencies. Within a larger context, a Lagrangian approach, based on the analysis of storm tracks over
Europe and the North Atlantic region, reveals dramatic changes in the location of cyclones in the last four
decades that coincide with the corresponding precipitation trends in Europe. The North Atlantic Oscillation
is suggested to be the most important large-scale factor controlling both the circulation changes and the
precipitation trends over the Euro–Atlantic area in March. Finally, the potential impact of reduced precipitation
for rivers and water resources in the Iberian Peninsula is considered.

Link:
http://www.igidl.ul.pt/Ricardo/paredes_et_al.2006.pdf