Energia Eólica: Que impactos causa ao ambiente

algarvio1980

Furacão
Registo
21 Mai 2007
Mensagens
10,642
Local
Olhão (24 m)
Olá a todos. Preciso da vossa ajuda, quem tiver documentos, sites ou mesmo livros que se possa consultar online ou mesmio em bibliotecas sobre o impacto que a energia eólica causa ao ambiente, ou seja, os contras da energia eólica. Peço que respondam o mais rápido possível, que tenho um trabalho sobre isso para fazer.
Obrigado.
 

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,048
Local
Odivelas (140m) / Várzea da Serra (900m)

belem

Cumulonimbus
Registo
10 Out 2007
Mensagens
4,311
Local
Sintra/Carcavelos/Óbidos
Uma das coisas, assim por alto, que me lembro, são os acessos que se constroem em torno dos parques eólicos que fomentam a deslocação de veículos dentro de certas áreas sensíveis ambientalmente e isso é claramente um factor negativo.
Outra coisa é a fase de construção, que pode ter um impacto muito grande e mesmo depois, como mencionado acima, com o fomento do aumento de trânsito nessa área.
Também há quem diga que as pás das torres, podem ser perigosas para algumas aves, nomeadamente, aves de rapina.
 

olheiro

Cumulus
Registo
18 Nov 2007
Mensagens
138
Local
Santo Estêvão - Santarém
Claro que não há soluções perfeitas e a Energia Eólica também causa impacto no ambiente. A começar pela degradação da paisagem com os aerogeradores a aumentar a sua presença em tudo que seja cumeeiras por todo o Portugal.

A desmatização da área onde são implantados e o rasgar de novos caminhos até esses locais recônditos no alto das serras, poderá ter consequências em certo tipo de flora e até na fauna (redutos de aves de rapina cada vez mais escassas no país, répteis, veados, javalis, estas últimas espécies de retorno ao nossos campos , vinte/trinta anos depois de terem estado completamente exitintas.

Mas não tenhamos ilusões: os combustíveis fósseis estão condenados a prazo e as suas consequências no ambiente são muítíssimo mais graves do que os aparentemente provocados pela energia eólica que não constitui a solução absoluta, mas sim complementar de um mix de energias alternativas, como a energia solar, a energia hídrica, o aproveitamento das marés, das ondas do mar etc. etc.
 

Minho

Cumulonimbus
Registo
6 Set 2005
Mensagens
4,091
Local
Melgaço
Provavelmente já não vai a tempo, mas de qualquer maneira deixo um estudo de impacto ambiental realizador no âmbito do então projecto construção de um dos parques que pertencem ao Parque Eólico do Alto-Minho.

http://rapidshare.com/files/221018722/RNT1345.pdf.html
 

Loureso

Cumulus
Registo
29 Jan 2009
Mensagens
106
Local
Loures e Sacavém(job)
Provavelmente já não vai a tempo, mas de qualquer maneira deixo um estudo de impacto ambiental realizador no âmbito do então projecto construção de um dos parques que pertencem ao Parque Eólico do Alto-Minho.

http://rapidshare.com/files/221018722/RNT1345.pdf.html

Olá bom dia
Não que me seja necessário de momento, mas por curiosidade gostava de ver esse estudo, só que não o consigo abrir!!! Help... :(
 

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,048
Local
Odivelas (140m) / Várzea da Serra (900m)
Olá bom dia
Não que me seja necessário de momento, mas por curiosidade gostava de ver esse estudo, só que não o consigo abrir!!! Help... :(

Basta clicares no link, depois em "Free user", e por fim esperares a contagem decrescente. 20 segundos.:hehe:



No final dessa contagem o download começa de imediato. ;)
 

Loureso

Cumulus
Registo
29 Jan 2009
Mensagens
106
Local
Loures e Sacavém(job)
Basta clicares no link, depois em "Free user", e por fim esperares a contagem decrescente. 20 segundos.:hehe:

No final dessa contagem o download começa de imediato. ;)

Continuo a não ter acesso ao ficheiro; passa de imediato para a página do servidor.
Mas isto também, ocasionalmente sucede sem explicação aparente. Vou tentar mais tarde…
De qualquer forma obrigado pela dica. :thumbsup:
 

algarvio1980

Furacão
Registo
21 Mai 2007
Mensagens
10,642
Local
Olhão (24 m)
Provavelmente já não vai a tempo, mas de qualquer maneira deixo um estudo de impacto ambiental realizador no âmbito do então projecto construção de um dos parques que pertencem ao Parque Eólico do Alto-Minho.

http://rapidshare.com/files/221018722/RNT1345.pdf.html

Ainda veio a tempo, o trabalho é só para apresentar até ao final do mês. Por isso, até lá, podem colocar o que acham útil.
Muito obrigado.:thumbsup:
 

Knyght

Cumulonimbus
Registo
10 Mai 2009
Mensagens
2,042
Local
Madeira - Funchal
Boas
Estou a trabalhar num centro coordenador de energia electrica, e claro que a energia eolica não trazem absolutamente vantagens. O plano por aqui é conseguir-se ter 30% da energia produzida total sendo da eolica. Contudo está a dar altas dores de cabeça. Mas o esforço vale a pena mais do que estragar o planeta a queimar fuel, carvão ou outros.
Espero que compreendam isto e não venham com "mariquices" ambientalistas porque as coisas como estão é que não estão bem.
É que no fundo construção de barragem tem problemas ambientais, parques eolicos e solares tem impactos ambientais, centrais nucleares tem impactos ambientais, mas todos nós a chegar a casa não prescidimos de ligar a luz, acender a televisão e relazar...

O meu registo aqui é tentar aprender e evoluir nas previsões do tempo, ainda tou para perceber as variações de vento conforme o dia, tou para perceber as pressões, quanto varia o vento em cota. Enfim tenho muito de aprender :)
 

Kodiak

Cumulus
Registo
7 Fev 2009
Mensagens
109
Local
Braga
Não se trata de uma mariquice ambientalista mas de uma questão de ordenamento. Neste país continuam a fazer-se as coisas sem primeiro pensar onde e de que maneira devem ser feitas. Com os parques eólicos passa-se exactamente o mesmo. Cometem-se atropelos em nome da exploração do vento, rasgam-se estradas em locais até então inacessíveis e nem as áreas classificadas são poupadas. Virá o dia em que as nossas montanhas ficarão pejadas de lixo. É isto que queremos deixar às gerações do futuro? Uma paisagem completamente artificializada?
 

Knyght

Cumulonimbus
Registo
10 Mai 2009
Mensagens
2,042
Local
Madeira - Funchal
Espero que não leves a mal a minha intervenção até que por aqui sou novo. A energia eolica tem de ser obtida nas zonas que vento. E como disse se não preferes uma energia eolica, solar ou hidrica a uma energia termica ou nuclear é outra questão.

No nosso país, alias no continente, vejo por vezes muito "mato protegido".

Não deixes de ter uma coisa em mente o custo da energia eolica a curto prazo é muito mais cara que a termica, e dão enormes dores de cabeça para ter uma boa gestão da mesma! É que não é simplesmente ligar os cluster dos aerogeradores e termos energia, mas se não tivermos vento não temos nada ;)
 

Kodiak

Cumulus
Registo
7 Fev 2009
Mensagens
109
Local
Braga
Não é uma questão de preferência. É uma questão de ordenamento. Cada "coisa" no seu lugar. A questão é que não houve a preocupação inicial de definir as áreas de exclusão para as eólicas. E agora assistimos a um assédio permanente das empresas. Não estou a falar por falar. Trabalho numa área protegida e infelizmente passam-me pelas mãos EIA, EIncAs e outras trapalhadas. Conheço bem, mesmo muito bem, como eles são feitos, e se existem empresas/promotores sérios, a maioria não o é. É que, parecendo que não, os impactes ambientais em áreas protegidas são vários e reais.
Eólicas sim, mas fora das áreas protegidas.
 

algarvio1980

Furacão
Registo
21 Mai 2007
Mensagens
10,642
Local
Olhão (24 m)
Não é uma questão de preferência. É uma questão de ordenamento. Cada "coisa" no seu lugar. A questão é que não houve a preocupação inicial de definir as áreas de exclusão para as eólicas. E agora assistimos a um assédio permanente das empresas. Não estou a falar por falar. Trabalho numa área protegida e infelizmente passam-me pelas mãos EIA, EIncAs e outras trapalhadas. Conheço bem, mesmo muito bem, como eles são feitos, e se existem empresas/promotores sérios, a maioria não o é. É que, parecendo que não, os impactes ambientais em áreas protegidas são vários e reais.
Eólicas sim, mas fora das áreas protegidas.

No Algarve, existe um parque eólico denominado "Parque Eólico Monte Tolo", situado em pleno Parque Natural Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina, na zona de Vila do Bispo, para mim nessa zona não devia existir nenhum parque eólico devido à rota de migração das aves, devido à existência na àrea da Águia Bonelli (uma espécie em vias de extinção) e o falcão peregrino.