1. Postagens no fórum Off-Topic
    Para combater registos que têm por único objectivo o de participar em tópicos controversos, o acesso às postagens está condicionado a membros com um número mínimo de 100 mensagens. Membros que não tenham esta quantidade de mensagens não poderão submeter mensagens ou criar tópicos nesta secção.
    Condições Gerais de Utilização do MeteoPT

Erro na Via Verde duplica cobrança nas portagens

Tópico em 'Off-Topic' iniciado por rbsmr 3 Jun 2008 às 10:25.

  1. rbsmr

    rbsmr
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    6 Ago 2007
    Mensagens:
    585
    Local:
    Cabeça Gorda, Torres Vedras (140m)
    www.jn.sapo.pt
    01h00m
    03-06-2007

    A Via Verde cobrou várias vezes a mesma passagem em portagens. A culpa foi da empresa que gere o sistema de Multibanco, a SIBS, que assegurou já ter devolvido o dinheiro, mas ontem o apoio ao cliente da Via Verde ainda recebia reclamações.

    A denúncia partiu de vários leitores, que se queixaram de terem pago repetidas vezes a mesma passagem por uma portagem, e foi confirmada pelo JN junto das empresas envolvidas.

    A SIBS, contratada pela Via Verde para gerir o sistema de pagamentos nas auto-estradas, admitiu ter detectado "uma repetição na cobrança dos valores a alguns clientes", pelo que "alguns débitos foram repetidos indevidamente".

    O erro implicava que cada passagem numa auto-estrada fosse contada inúmeras vezes e depois cobrada ao cliente, directamente na conta bancária indicada quando assinou contrato com a Via Verde.

    O JN perguntou à Brisa, a empresa dona da Via Verde, quantas pessoas foram atingidas, mas não recebeu resposta em tempo útil desta edição.

    O serviço de atendimento ao cliente, por seu turno, informou ter recebido "milhares de reclamações", que continuavam ontem a chegar à linha telefónica da empresa e que davam conta de portagens cobradas até cinco vezes.

    E afirmou ter indicação que todas as pessoas lesadas seriam contactadas e receberiam de volta todo o dinheiro levado a mais até ao final desta semana.

    Já a SIBS assegurou que "todos os envolvidos foram já ressarcidos", na sequência da detecção do erro "no dia 26 de Maio de 2008", ou seja, há uma semana.

    O JN sabe, contudo, que as repetições de cobranças terão começado há, pelo menos, 15 dias. A Brisa foi a primeira empresa, em todo o mundo, a criar um sistema automático de pagamentos em portagens.

    Com cerca de dois milhões de clientes, a mecanismo foi sendo adaptado a outros serviços além das portagens. Hoje, é possível pagar sem sequer sair do carro dois outros tipos de serviço: parques de estacionamento e combustível em estações da Galp.

    O sistema é usado em todas as auto-estradas com portagens reais, mesmo nas que pertencem a outras concessionárias, como por exemplo a Aenor, e que também foram afectadas pela falha.

    Não foi possível apurar se o erro se entendeu também à duplicação da cobrança de parques de estacionamento e de combustível.


    :surprise:
     
    Collapse Signature Expand Signature

Partilhar esta Página