Estação em Lagos - Praia da Luz

hvalentim

Cirrus
Registo
13 Dez 2007
Mensagens
71
Local
Ch. da Caparica
Parabéns! Veio do Reino Unido?

Estou especialmente interessado em ver o que ela devolve em termos do alegado "Índice UV". A ver se há alguma variação entre distintos lotes de fabrico/importadores.

A minha segue o padrão de praticamente todas as que encontrei no Wunderground: valores disparatados a atingir um máximo de "14" com grande facilidade. E, pior, uns picos que se elevam quando o Sol está mais baixo e descem quando está mais alto (devia ser o contrário).

Não sei o que diabo cozinhou o fabricante para medir os UV mas não me parece que seja isso que de facto é medido. Parece um qualquer esquema para "adivinhar" muito mal os valores UV a partir de parte do espectro visível ou coisa que o valha.
 

Costadinove

Cirrus
Registo
24 Mar 2013
Mensagens
27
Local
Lagos
Parabéns! Veio do Reino Unido?

Estou especialmente interessado em ver o que ela devolve em termos do alegado "Índice UV". A ver se há alguma variação entre distintos lotes de fabrico/importadores.

A minha segue o padrão de praticamente todas as que encontrei no Wunderground: valores disparatados a atingir um máximo de "14" com grande facilidade. E, pior, uns picos que se elevam quando o Sol está mais baixo e descem quando está mais alto (devia ser o contrário).

Não sei o que diabo cozinhou o fabricante para medir os UV mas não me parece que seja isso que de facto é medido. Parece um qualquer esquema para "adivinhar" muito mal os valores UV a partir de parte do espectro visível ou coisa que o valha.

Olá hvalentim

Esta veio das Terras de sua Majestade (UK) sim senhor.

Processo rápido

Está instalada mas de uma forma provisória
Vou retirar para montar o RS e depois coloco online.
Acho que não devo disponibilizar da informação sem antes estar tudo a 100%
Vou dando noticias no desenrolar do processo..

Cumprimentos

Costa
 

Costadinove

Cirrus
Registo
24 Mar 2013
Mensagens
27
Local
Lagos
Parabéns! Venham de lá esses registos! :thumbsup:

Atenção que o RS tem de ficar o mais opaco possível :thumbsup:

Sobre a opacidade do RS penso que está garantida. Comprei uns pratos de um material de plástico mas muito resistente (não sei o nome do material)
Só falta descobrir como montar, porque como o Sensor para o Sol está ligado por um cabo ao RS de origem aquilo não dá muito jeito para fazer a protecção como estava a pensar em fazer.
Estou a estudar a situação, mas se alguém souber de uma maneira de ultrapassar esse problema é só dizer.

Cumprimentos

Costa
 

hvalentim

Cirrus
Registo
13 Dez 2007
Mensagens
71
Local
Ch. da Caparica
A solução que encontrei, no prato de cima, foi perfurar um buraco do diâmetro do "pescoço" - chamemos-lhe assim - do módulo solar com uma broca craniana. Depois serrei o prato desde o bordo até ao centro (com jeito é possível dobrar um pouco, não muito que parte) e passei por aí o cabo. No final selei tudo com silicone branco.

A alternativa seria cortar o cabo rente à ficha e depois voltar a cravar outra.

Quanto ao tal "material de plástico muito resistente", com um toque semelhante à cerâmica, será melamina da Faplana?

Atenção que a melamina é muito resistente à perfuração. As brocas têm dificuldade em penetrar, "resvalam". Mesmo as para metal (é possível fazê-lo com estas mas demora).

Se tivesse de começar de novo tentava provavelmente usar cranianas para betão porque têm um tipo de abrasão/superfície de corte que é provavelmente mais adequado. Brocas para madeira é para esquecer.

A minha mandei vir da astroradio.com (Barcelona). Demorou 24h (MRW).

PS: Compilei aqui meia dúzia de de "lições" aprendidas no processo de instalação. Talvez tenha interesse.
 

Geiras

Cumulonimbus
Registo
16 Jun 2010
Mensagens
4,247
Local
Qta. do Conde / Sintra
Dada a inutilidade do RS de origem, acabei por parti-lo para tirar o cabo...
 

hvalentim

Cirrus
Registo
13 Dez 2007
Mensagens
71
Local
Ch. da Caparica
Ainda a propósito da melamina. Para obter um corte mais perfeito e uniformemente centrado para todos os pratos o ideal é fazer uma sanduíche destes com fita de dupla face de forma a assegurar que não se deslocam (é quase impossível fazer o corte dos pratos todos de uma assentada só, vais ter que parar e recomeçar...).

Por outro lado se, como os meus, pelo tipo de rebordo, eles tiverem uma geometria em que encaixam mal uns nos outros directamente, pode ser útil usar um espaçador uniforme entre eles.

No caso usei as mesmas porcas que depois meti no varão. Seja:
prato
fita de dupla face
porca
fita de dupla face
prato

3 porcas por prato, dispostas em triângulo equilátero. Convém fazer os furos todos (inclusive os do varão) com os pratos ainda colados. E de preferência usar um suporte para o berbequim.

É preciso ainda antecipar que além do grande buraco ao centro onde há-de encaixar o radiation shield de origem há ainda que fazer os dos varões, pelo que na eventualidade do uso de espaçadores estes devem ser colocados o mais próximo possível (quer-se dizer na mesma posição relativa, prato a prato) uns dos outros. Se não, no fim, feito à sorte, quando estás a furar os buracos para os varões a probabilidade é que nalguma altura a broca se depare com uma porca ou o que quer que se use.
 

hvalentim

Cirrus
Registo
13 Dez 2007
Mensagens
71
Local
Ch. da Caparica
Eu não diria que o RS de origem é completamente inútil ou incapaz.

Como já escrevi noutro tópico, tenho um "vizinho" com uma estação igual só com o RS original e surpreendentemente as leituras até não diferem muito das minhas, mesmo em dias mais ensolarados (agora em Março, bem visto).

Acho sobretudo que é frágil, oscila muito no braço plástico e provavelmente não aguenta um temporal como o que por ex. tivemos em Janeiro. Para além do compartimento das pilhas ficar demasiado exposto.
 

Costadinove

Cirrus
Registo
24 Mar 2013
Mensagens
27
Local
Lagos
Parabéns! Veio do Reino Unido?

Estou especialmente interessado em ver o que ela devolve em termos do alegado "Índice UV". A ver se há alguma variação entre distintos lotes de fabrico/importadores.

A minha segue o padrão de praticamente todas as que encontrei no Wunderground: valores disparatados a atingir um máximo de "14" com grande facilidade. E, pior, uns picos que se elevam quando o Sol está mais baixo e descem quando está mais alto (devia ser o contrário).

Não sei o que diabo cozinhou o fabricante para medir os UV mas não me parece que seja isso que de facto é medido. Parece um qualquer esquema para "adivinhar" muito mal os valores UV a partir de parte do espectro visível ou coisa que o valha.

Depois de ver alguns valores que a estação libertou durante estes 2 dias, os valores de UV estão normais (acho eu) máximos de 14 na altura em que o sol está mais alto e baixam ao cair do dia. Vou estar atento aos restantes valores. Parecem valores aceitaveis. Julgo que a estação está a funcionar bem.
 

Geiras

Cumulonimbus
Registo
16 Jun 2010
Mensagens
4,247
Local
Qta. do Conde / Sintra
Eu não diria que o RS de origem é completamente inútil ou incapaz.

Como já escrevi noutro tópico, tenho um "vizinho" com uma estação igual só com o RS original e surpreendentemente as leituras até não diferem muito das minhas, mesmo em dias mais ensolarados (agora em Março, bem visto).

Acho sobretudo que é frágil, oscila muito no braço plástico e provavelmente não aguenta um temporal como o que por ex. tivemos em Janeiro. Para além do compartimento das pilhas ficar demasiado exposto.

Julgo que estejas a referi-te à estação de Vale Fetal. Também a sigo com alguma frequência e até estranho o facto de não ter dados tão absurdos. Pela imagem que está no WU, o RS é o de origem agora se a estação ainda o tem ou se já foi modificado não sei... Eu testei a minha só por curiosidade, cheguei a ter 23ºC a 1 de Fevereiro, mudei o sensor para o meu RS e ao fim de 30 minutos só já tinha 16ºC. :D
 

hvalentim

Cirrus
Registo
13 Dez 2007
Mensagens
71
Local
Ch. da Caparica
Sobre o "Índice UV" da W-8681-Solar

Um índice UV de 14 não é nada normal, para mais nesta altura do ano. Em Portugal ele pode tanto quanto sei atingir 9 ou 10 mas é no Verão.

Com o "Índice UV" produzido por esta estação vejo vários problemas:

1. Desconformidade da escala com a internacionalmente reconhecida.

Dupla incongruência dos valores internamente medidos:

2. Por um lado o valor máximo (14) atinge-se com demasiada facilidade. Se ele devolve 14 quando é 6, é de admitir que podendo chegar-se a 10-12 deveria poder (e estar em conformidade "escalado" para chegar a) atingir internamente pelo menos 20.

3. Por outro constata-se uma tendência inexplicável e contraditória para ao longo do dia em condições atmosféricas uniformes reportar valores mais baixos quando o Sol está mais intenso (ou mais altos quanto está mais baixo, dependendo da perspectiva).

Veja-se um exemplo deste comportamento num dia de Sol em Agosto de 2012 (Caparica - note-se a mudança abrupta em torno das 10 e das 18h, vê-se idêntica coisa em estações por todo o mundo):
exgraficouvagostow8681.PNG


Ou seja, a estação não só reporta os valores numa escala atípica e de amplitude deficiente com dentro dela os mede mal.

Tudo somado, o UVI da estação é para esquecer.

Para paliar a asneira e no fundo tentar encaixar a realidade no instrumento de medida ao invés de usar este como retrato dela (o que é o contrário do que se pretende) apliquei por software (Cumulus) um factor de compensação de -0.3 cumulativamente com um multiplicador de 0.7, o que tem o efeito de reduzir a escala de 0-14 para 0-10 e se traduz no seguinte resultado (em que A=valor devolvido pela estação e B=resultado da aritmética aplicada):

A B
1 0
2 1
3 2
4 3
5 3
6 4
7 5
8 5
9 6
10 7
11 7
12 8
13 9
14 10

A verdade no entanto parece muito clara: o sensor da estação não está a medir de facto os UV. O que também é confirmado por quem a testou (eu pu-la em cima do telhado antes de me dar ao exercício) aplicando-lhe uma fonte de luz conhecida por não emitir UV e obteve leituras elevadas destes.

Enquanto o luxmeter (que há-de ser pouco mais ou menos equivalente aos usados nas máquinas fotográficas) é uma solução barata que produz resultados bastante aceitáveis para estimar a radiação, a idêntica estratégia provavelmente usada para estimar os UV é um perfeito disparate.
 

Costadinove

Cirrus
Registo
24 Mar 2013
Mensagens
27
Local
Lagos
Re: Sobre o "Índice UV" da W-8681-Solar

Um índice UV de 14 não é nada normal, para mais nesta altura do ano. Em Portugal ele pode tanto quanto sei atingir 9 ou 10 mas é no Verão.

Com o "Índice UV" produzido por esta estação vejo vários problemas:

1. Desconformidade da escala com a internacionalmente reconhecida.

Dupla incongruência dos valores internamente medidos:

2. Por um lado o valor máximo (14) atinge-se com demasiada facilidade. Se ele devolve 14 quando é 6, é de admitir que podendo chegar-se a 10-12 deveria poder (e estar em conformidade "escalado" para chegar a) atingir internamente pelo menos 20.

3. Por outro constata-se uma tendência inexplicável e contraditória para ao longo do dia em condições atmosféricas uniformes reportar valores mais baixos quando o Sol está mais intenso (ou mais altos quanto está mais baixo, dependendo da perspectiva).

Veja-se um exemplo deste comportamento num dia de Sol em Agosto de 2012 (Caparica - note-se a mudança abrupta em torno das 10 e das 18h, vê-se idêntica coisa em estações por todo o mundo):
exgraficouvagostow8681.PNG


Ou seja, a estação não só reporta os valores numa escala atípica e de amplitude deficiente com dentro dela os mede mal.

Tudo somado, o UVI da estação é para esquecer.

Para paliar a asneira e no fundo tentar encaixar a realidade no instrumento de medida ao invés de usar este como retrato dela (o que é o contrário do que se pretende) apliquei por software (Cumulus) um factor de compensação de -0.3 cumulativamente com um multiplicador de 0.7, o que tem o efeito de reduzir a escala de 0-14 para 0-10 e se traduz no seguinte resultado (em que A=valor devolvido pela estação e B=resultado da aritmética aplicada):

A B
1 0
2 1
3 2
4 3
5 3
6 4
7 5
8 5
9 6
10 7
11 7
12 8
13 9
14 10

A verdade no entanto parece muito clara: o sensor da estação não está a medir de facto os UV. O que também é confirmado por quem a testou (eu pu-la em cima do telhado antes de me dar ao exercício) aplicando-lhe uma fonte de luz conhecida por não emitir UV e obteve leituras elevadas destes.

Enquanto o luxmeter (que há-de ser pouco mais ou menos equivalente aos usados nas máquinas fotográficas) é uma solução barata que produz resultados bastante aceitáveis para estimar a radiação, a idêntica estratégia provavelmente usada para estimar os UV é um perfeito disparate.

Já fiz a respectiva correcção.
Muito obrigado hvalentim pela partilha da informação.

Cumprimentos
 

Costadinove

Cirrus
Registo
24 Mar 2013
Mensagens
27
Local
Lagos
Carissimos colegas de actividade weathermologica.. lol ....

Vamos lá fazer um update da info da estação:
Desde algum tempo que o meu sensor (meu... como quem diz... da estação.. lol ... este portugues....) sensor de UV que está off.
Para ser mais preciso, é desde Maio que não dá informação e como já estava um pouco aborrecido com a situação e depois de fazer resets - desligar - tirar baterias - e sei lá mais o que, decidi contactar o fornecedor e expor a situação.
Na resposta ao meu email, o fornecedor apenas informou que iria enviar nesse mesmo dia uma unidade RF para substituição.
Esta loja subiu uns pontos muito consideráveis na minha escala de consideração. :)

Resta esperar que chegue e substituir a que lá está.

Nota: Ainda não montei o RS, e se calhar é uma das razões que levou o sensor deixar de funcionar.

Cumprimentos
 

filipe cunha

Nimbostratus
Registo
20 Dez 2009
Mensagens
1,422
Local
Viana do Castelo - interior (160m)
Carissimos colegas de actividade weathermologica.. lol ....

Vamos lá fazer um update da info da estação:
Desde algum tempo que o meu sensor (meu... como quem diz... da estação.. lol ... este portugues....) sensor de UV que está off.
Para ser mais preciso, é desde Maio que não dá informação e como já estava um pouco aborrecido com a situação e depois de fazer resets - desligar - tirar baterias - e sei lá mais o que, decidi contactar o fornecedor e expor a situação.
Na resposta ao meu email, o fornecedor apenas informou que iria enviar nesse mesmo dia uma unidade RF para substituição.
Esta loja subiu uns pontos muito consideráveis na minha escala de consideração. :)

Resta esperar que chegue e substituir a que lá está.

Nota: Ainda não montei o RS, e se calhar é uma das razões que levou o sensor deixar de funcionar.

Cumprimentos

Poderá ser isso, mas geralmente afeta a placa toda, desde a falha de envio de dados;)