Évora, Dezembro de 1992

Tópico em 'Eventos Meteorológicos' iniciado por jonsered 27 Jul 2020 às 10:11.

  1. jonsered

    jonsered
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    16 Jun 2020
    Mensagens:
    27
    Local:
    Montanhas de Portugal
    Segundo o arquivo de dados históricos do IPMA, em Dezembro de 1992 registou-se, em Évora, nada mais nada menos que... 679(!) mm de precipitação acumulada. Um valor de fazer claramente inveja ao Gerês, mas que levanta muitas dúvidas, dada a região (Alentejo) em que se encontra. Dezembro de 1992 foi o mês em que cairam no Algarve cerca de 400 mm em apenas uma semana e foi também o mês do trágico acidente no aeroporto de Faro. Mas nada justifica este valor duvidoso de 679 mm em Évora... a não ser que tenha passado um furacão por esta cidade do Alentejo!!!
     
    Maxwell Black gostou disto.
  2. Orion

    Orion
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    5 Jul 2011
    Mensagens:
    18,697
    Local:
    Ponta Delgada, Açores
    Parece ser credível.

    [​IMG]

    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #2 Orion, 27 Jul 2020 às 10:56
    Última edição: 27 Jul 2020 às 11:01
    Maxwell Black e "Charneca" Mundial gostaram disto.
  3. jonsered

    jonsered
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    16 Jun 2020
    Mensagens:
    27
    Local:
    Montanhas de Portugal
    Essa cut-off foi de facto responsável pelos 400 mm que cairam no Algarve na semana antes do Natal e pelo acidente do aeroporto. Mas custa-me imenso acreditar em tal valor acumulado, ainda para mais em Évora.
    Esses valores "astronómicos" de precipitação acumulada mensal, como o que supostamente foi registado em Évora nesse dezembro de 1992, são algo comuns no Gerês e noutros pontos do Minho e até mesmo no topo da serra da Estrela. No Alentejo é praticamente impossível.
    Lembro-me de no ano passado alguns locais do Minho terem tido acumulados brutais de 600-700 mm ou mesmo mais só em outubro e novembro, tendo mesmo passado a barreira dos 1000 mm no Gerês.
    Consta-se também que, há 33 anos, no já longínquo mês de outubro de 1987 entre os dias 14 e 16 (aquando da grande tempestade que deixou grande parte do Reino Unido debaixo de água e que também afetou Portugal com bastante intensidade ao nível da chuva e do vento) alguns locais do Minho atingiram acumulados brutais de 500 mm nesses três dias, tendo provocado cheias, inundações e avultados prejuízos materiais. Se isto acontecesse no Alentejo toda a região virava um oceano.
    Acredito que essa tal cut-off de dezembro de 1992 tenha deixado para aí entre 200 a 300 mm em Évora, o que mesmo assim e por si só já é um valor muito elevado para a região que é. Agora quase 700 mm de precipitação só num mês... esse valor faria com que Évora virasse um mar em grande parte da cidade. Se os 400 mm registados no Algarve provocaram o caos e o pandemónio com o trágico acidente de avião no aeroporto... nem quero imaginar tal valor de quase 700 mm em Évora, a cidade praticamente desaparecia do mapa.
     
  4. joralentejano

    joralentejano
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Set 2015
    Mensagens:
    6,329
    Local:
    Arronches | Leiria
    Sim, aparentemente não foi registado tal valor. Segundo o infoclimatic, estes foram os valores de precipitação registados em dezembro de 1992 em alguns locais da região Sul:

    Portalegre: 121,2mm
    Beja: 166,2mm
    Faro (Aeroporto): 271,8mm
    Sagres: 141,5mm

    Évora não tem vários registos, mas tendo em conta os valores das outras cidades, não atingiu tais valores de certeza. Os dados aí presentes podem não ser totalmente fiáveis, mas sempre é melhor que nada e dá para ter uma ideia.

    Basta pesquisar -> https://www.infoclimat.fr/climatologie/annee/1992/portalegre/valeurs/08571.html
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    "Charneca" Mundial gostou disto.
  5. okcomputer

    okcomputer
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    13 Jul 2020
    Mensagens:
    15
    Local:
    Minho
    "Charneca" Mundial gostou disto.
  6. jonsered

    jonsered
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    16 Jun 2020
    Mensagens:
    27
    Local:
    Montanhas de Portugal
    Tendo em conta os valores acumulados mensais registados em Portalegre e Beja, Évora deve tido acumulado mensal à volta de 150 a 180 mm. Via-se logo que os 679 mm era um valor muito duvidoso, fosse a altura que fosse (mesmo no inverno) e ainda para mais na região que é. Cá para mim o valor acumulado mensal nesse dezembro foi de 179 mm e não 679, quem escreveu os registos em vez de escrever um 1, escreveu um 6.
     
  7. jonsered

    jonsered
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    16 Jun 2020
    Mensagens:
    27
    Local:
    Montanhas de Portugal
    Esse valor de quase 700 mm em Évora encontrei num boletim climatológico do extremamente chuvoso dezembro de 2000 disponibilizado pelo então IM no archive.org:
    https://web.archive.org/web/2005041...Climatica/Meses/Dezembro2000/Precipitacao.htm
     
    Thomar gostou disto.
  8. okcomputer

    okcomputer
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    13 Jul 2020
    Mensagens:
    15
    Local:
    Minho
    "Charneca" Mundial gostou disto.
  9. jonsered

    jonsered
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    16 Jun 2020
    Mensagens:
    27
    Local:
    Montanhas de Portugal
    De certeza que foi gralha. O valor correto deverá ser 179 mm (tendo em conta o evento da altura) e não 679 mm.
     
    "Charneca" Mundial gostou disto.

Partilhar esta Página