1. Postagens no fórum Off-Topic
    Para combater registos que têm por único objectivo o de participar em tópicos controversos, o acesso às postagens está condicionado a membros com um número mínimo de 100 mensagens. Membros que não tenham esta quantidade de mensagens não poderão submeter mensagens ou criar tópicos nesta secção.
    Condições Gerais de Utilização do MeteoPT

Morreu José Saramago

Tópico em 'Off-Topic' iniciado por Gerofil 18 Jun 2010 às 13:25.

  1. Gerofil

    Gerofil
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mar 2007
    Mensagens:
    8,814
    Local:
    Estremoz (401 metros)
    O escritor português e Prémio Nobel da Literatura em 1998 José Saramago morreu hoje

    O escritor português e Prémio Nobel da Literatura em 1998 José Saramago morreu hoje aos 87 anos em Lanzarote. O autor português encontrava-se doente mas em estado «estacionário», mas a situação agravou-se, explicou o seu editor, Zeferino Coelho.
    José Saramago nasceu na aldeia ribatejana de Azinhaga, concelho de Golegã, no dia 16 de Novembro de 1922, embora o registo oficial mencione o dia 18. Os seus pais emigraram para Lisboa quando ele ainda não tinha três anos de idade. Toda a sua vida tem decorrido na capital, embora até ao princípio da idade madura tivessem sido numerosas e às vezes prolongadas as suas estadas na aldeia natal.
    Fez estudos secundários (liceal e técnico) que não pôde continuar por dificuldades económicas. No seu primeiro emprego foi serralheiro mecânico, tendo depois exercido diversas outras profissões, a saber: desenhador, funcionário da saúde e da previdência social, editor, tradutor, jornalista.
    Publicou o seu primeiro livro, um romance («Terra do Pecado»), em 1947, tendo estado depois sem publicar até 1966. Trabalhou durante doze anos numa editora, onde exerceu funções de direcção literária e de produção. Colaborou como crítico literário na Revista Seara Nova.
    Em 1972 e 1973 fez parte da redacção do Jornal Diário de Lisboa onde foi comentador político, tendo também coordenado, durante alguns meses, o suplemento cultural daquele vespertino. Pertenceu à primeira Direcção da Associação Portuguesa de Escritores. Entre Abril e Novembro de 1975 foi director-adjunto do Diário de Notícias. Desde 1976 vive exclusivamente do seu trabalho literário.

    Diário Digital
     
  2. vitamos

    vitamos
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    11 Dez 2007
    Mensagens:
    4,899
    Local:
    Estarreja; Costa da Caparica
    Nunca fui especial admirador da sua pessoa, olhei somente com curiosidade para algumas obras, reconheço-lhe algumas afirmações pertinentes, discordei totalmente de muitas coisas que disse...

    No dia de hoje contudo, a homenagem àquele que foi prémio Nobel português, daquele que certamente foi ser, com família, com próximos, com amigos e com muita gente que nesta hora sentirá, certamente, a dor da perda.

    Honra lhe seja feita. Consolo a todos os que lhe são chegados.
     
  3. AndréFrade

    AndréFrade
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    6 Jun 2009
    Mensagens:
    4,550
    Local:
    Montijo
    Gostava muito deste escritor.
    Consolo a todos os que lhe são chegados.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  4. Zapiao

    Zapiao
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    20 Set 2006
    Mensagens:
    882
    Local:
    Coimbra - 135m alt.
    A esta hora ja deve estar a justificar o "Evangelho..." e "Caim" a Deus;)
     
    Collapse Signature Expand Signature
  5. MSantos

    MSantos
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    3 Out 2007
    Mensagens:
    8,167
    Local:
    Leiria (Guimarota)
    Que descanse em Paz:(

    Não era leitor das suas obras, a única que li foi o "Memorial do Convento", gostei, apesar da sua forma invulgar de escrever.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  6. Pedro

    Pedro
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    15 Abr 2009
    Mensagens:
    4,630
    Local:
    Vila Chã de Sá - Viseu(441m)//Coimbra
    Não digo se era bom ou mau escritor, se era bom homem, nunca o conheci, mas verdade seja dita, não gostei nadíssima do pouco que li da sua última obra "Caím".

    A sua morte, castigo de Deus? Talvez, mas ainda assim, não desejo mal a ninguém.

    Que descanse seja onde for, e os meus pensamos aos familiares, amigos e seguidores do escritor.
     
  7. Liliana15

    Liliana15
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    19 Out 2009
    Mensagens:
    155
    Local:
    Chacim-Cabeceiras de Basto (450m)/Bragança (699m)
    Descansa em Paz Saramago
    Bem a literatura portuguesa ficou mais pobre.
    Era um grande escritor e sobretudo um grande homem.

    "Já não há palavras, Saramago levou-as todas"
     
    Collapse Signature Expand Signature

Partilhar esta Página