1. Postagens no fórum Off-Topic
    Para combater registos que têm por único objectivo o de participar em tópicos controversos, o acesso às postagens está condicionado a membros com um número mínimo de 100 mensagens. Membros que não tenham esta quantidade de mensagens não poderão submeter mensagens ou criar tópicos nesta secção.
    Condições Gerais de Utilização do MeteoPT

O Estado do País 2019

Tópico em 'Off-Topic' iniciado por luismeteo3 4 Jan 2019 às 10:58.

  1. frederico

    frederico
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    6,821
    Local:
    Porto
    A maior dos nossos jornalistas é de Esquerda. Sinceramente este é um tema complexo, mal discutido e compreendido em Portugal. A isenção é uma ilusão. Em certa medida é preferível que as pessoas se assumam para lermos com um pé atrás o que escrevem. Eu já sei que a Câncio é de Esquerda, e quando a leio contextualizo, leio sabendo a opção política dela. Portanto sei que vai puxar para aquele lado. O mais nocivo são as dezenas ou centenas de jornalistas que há em Portugal, a maioria de Esquerda, que vão usando técnicas de manipulação da linguagem e de propaganda para manipular a informação. E a população não está preparada. Nos últimos 20 anos isto foi notório em vários momentos, especialmente quando o Sócrates estava no poder, e para percebermos porquê seria útil ver, por exemplo, quem manda na nossa comunicação social e quem paga mais publicidade.
     
    Pedro gostou disto.
  2. frederico

    frederico
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    6,821
    Local:
    Porto
    E se já é grave que as populações não sejam imunizadas contra os jornalistas, pior ainda com as redes sociais. Se o jornalismo já é eficaz em termos de propaganda, vejam só o que estão a fazer as redes sociais.

    Querem uma causa para a Humanidade? Instruir as pessoas para aprenderem quais são as técnicas de propaganda do jornalismo, e quais são as técnicas de manipulação da linguagem. Vamos acabar com a ilusão da isenção. É tudo treta. É um engodo terrível.
     
    Pedro gostou disto.
  3. frederico

    frederico
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    6,821
    Local:
    Porto
    Bastou ver dois ou três vídeos no Youtube sobre o Salvini e sou inundado de sugestões de vídeos propagandísticos de extrema-direita. Isto é terrível. As pessoas são inundadas de informação manipulada de apenas um dos lados. E eu que sou de Direita(felizmente) não vejo uma máquina deste tipo montada pela Esquerda radical na net. É supreendente a maquinaria de propaganda da extrema-direita nas redes sociais. Questiono-me de onde veio o dinheiro para isto, e se não haverá colaboração até de gente dentro das redes. Eu sou uma pessoa minimamente instruída para ser imune a estas propagandas, mas a maioria das pessoas passa a ler isto diariamente, a partilhar, e depois temos votações brutais em partidos extremistas.
     
    Pedro gostou disto.
  4. Pedro

    Pedro
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    15 Abr 2009
    Mensagens:
    5,054
    Local:
    Vila Chã de Sá - Viseu(441m)//Coimbra
    Óbvio que não. Comediante (autointitulado), cronista, opinador, whatever
     
    ClaudiaRM gostou disto.
  5. ClaudiaRM

    ClaudiaRM
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    2 Dez 2009
    Mensagens:
    5,743
    Local:
    Viseu
    O que é que a ideologia das pessoas tem a ver com a profissão? Há jornalistas de direita e jornalistas de esquerda e haverá, certamente, jornalistas que não se enquadram nesta dicotomia. É há pessoas que são pagas para comentar e escrever coisas e que não são jornalistas. É assim tão difícil de perceber? O Louçã é jornalista, por acaso? Ou a Manuela Ferreira Leite? Ou o Paulo Portas? O Daniel Oliveira?
    Já agora, ser licenciado em Jornalismo ou em Comunicação Social também não faz de ninguém jornalista da mesma maneira que ser licenciado em Direito não faz de ninguém advogado ou ser licenciado em Medicina não faz de ninguém médico.

    Quando não se é capaz de distinguir jornalismo do resto, é muito mais provável que se seja facilmente manipulado, é um facto.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  6. frederico

    frederico
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    6,821
    Local:
    Porto
    O Portas por acaso já foi jornalista e até ajudou a deitar abaixo o Cavaco no Independente para depois ver se conseguia ser PM ahah
     
  7. vitamos

    vitamos
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    11 Dez 2007
    Mensagens:
    5,109
    Local:
    Estarreja; Costa da Caparica
    Frederico tu dizes uma coisa e dez segundos depois exatamente o contrário, misturando um conjunto de conceitos absolutamente antagonicos. Não sei se procuras uma espécie de unanimidade de opinião, mas sinceramente não me parece que isso seja possível...
     
    ClaudiaRM gostou disto.
  8. ClaudiaRM

    ClaudiaRM
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    2 Dez 2009
    Mensagens:
    5,743
    Local:
    Viseu
    Pronto. Vês como é fácil?
    Essa do comediante é, em si própria, uma excelente piada. Mas pensando melhor, já me ri bastante com ele, por isso, se calhar...
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    Pedro gostou disto.
  9. ClaudiaRM

    ClaudiaRM
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    2 Dez 2009
    Mensagens:
    5,743
    Local:
    Viseu
    Obrigada pelo esclarecedor tempo verbal.
    Também disse que tinha horror a cargos políticos. Isto de ter quase 40 anos e ter uma boa memória tem as suas vantagens.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    Pedro gostou disto.
  10. frederico

    frederico
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    6,821
    Local:
    Porto
    Jornalismo a sério é raro.

    Abro uma notícia num jornal sobre a morte de um lince atropelado. Procuro mais informação e constato que fizeram todos copy-paste uns dos outros. O jornalismo hoje em dia vive em parte do copy paste.
     
    Pedro gostou disto.
  11. frederico

    frederico
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    6,821
    Local:
    Porto
    Uma coisa que fui notando ao longo dos anos é que em Inglaterra a BBC costuma ouvir os dois lados de forma equilibrada e com respeito por ambos. É algo que não vejo em Portugal. Isto ficaria mais explícito com exemplos e tentarei procurar alguns para pôr aqui.
     
  12. ClaudiaRM

    ClaudiaRM
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    2 Dez 2009
    Mensagens:
    5,743
    Local:
    Viseu
    Comentadores e cronistas não são jornalistas. Podes usar o whataboutismo que quiseres, fazeres o pino e a espargata (esta última não será muito aconselhável para a saúde reprodutiva!) que mesmo assim comentadores e cronistas não passam a jornalistas. O jornalismo já está suficientemente mau. Não contribuamos para aumentar a desinformação.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  13. frederico

    frederico
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    6,821
    Local:
    Porto
    A tudologia foi uma grande machadada na informação em Portugal. Assim penso. Vistos de fora os nossos telejornais há uns anos eram estudados e vistos como algo exótico. Quem começou a escola foi a TVI com o José Eduardo Moniz por volta do ano 2000 mas a SIC e até a RTP seguiram o mau exemplo. Telejornais longos cheios de directos e comentadores tudólogos. Eu nunca ouvi o Marques Mendes nem o Prof. Marcelo ou outros em comentadorias. Prefiro perder o meu tempo a ouvir uma pessoa que perceba efectivamente de um tema que me interesse. Quem passa a vida a falar de tudo não sabe de nada.
     
  14. frederico

    frederico
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    6,821
    Local:
    Porto
    No entanto não querendo meter tudo no mesmo saco gostava de ouvir o Medina Carreira por várias razões. Uma delas era que pensava pela própria cabeça e antes de toda a gente falar em crise avisou que Portugal caminhava para a bancarrota, ainda nem havia crise global, antes de 2007. Era alguém que apresentava número, factos, gráficos, e explicava. Não há comparação possível com um Marques Mendes conhecido na minha terrinha como o moço dos recados ou a alcotiveira traz e leva.
     
    Pedro gostou disto.
  15. frederico

    frederico
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    9 Jan 2009
    Mensagens:
    6,821
    Local:
    Porto
    E já agora ao longo dos anos apanhei muitas notícias encomendadas e fake news na nossa comunicação social. Ainda nem se falava do problema.

    [​IMG]
     
    Pedro gostou disto.

Partilhar esta Página