Seguimento Litoral Norte - Fevereiro 2014

frusko

Cumulus
Registo
30 Jan 2009
Mensagens
158
Local
fafe
As ondas estão a aproximar-se das torres de Ofir, em Esposende, mas o avanço do mar não coloca em risco a estabilidade dos edifícios.

O presidente da Câmara de Esposende, Benjamim Ferreira, "não estão em causa as torres nem as fundações", mas a autarquia está em permanente contacto com a agência portuguesa do Ambiente.

O autarca confirma que há verba para, em breve, realizar "uma intervenção" para consolidar as protecções e evitar que os estragos sejam maiores do que já são.

Para já, não está prevista a evacuação das Torres, onde vivem 12 famílias, mas essa avaliação terá que ser permanente nos próximos dias, confirma Benjamim Ferreira.

A maré continua a subir e a situação vai agravar-se entre as 18 horas e as 20 horas, segundo as previsões. A intensidade do vento também se mantém alta.

As Torres de Ofir são três prédios habitados, embora em grande parte de forma não permanente. Ao que a Renascença apurou, um hotel e alguns estabelecimentos próximos destas torres estão a funcionar normalmente.

No entanto, de manhã, o vereador da Protecção Civil da Câmara local referiu que o avanço do mar está a colocar "em sério risco" as Torres de Ofir que já têm a água a "um metro e meio, dois metros".

Em declarações à agência Lusa, Maranhão Peixoto explicou que, no fim-de-semana, por precaução, já foi vedado o acesso ao parque de estacionamento à superfície da torre mais a norte. "Se o mar continuar a avançar com esta ferocidade, as torres correm sério risco", acrescentou.
 
  • Gosto
Reactions: Teles

ipinto

Cumulus
Registo
17 Nov 2012
Mensagens
125
Local
Campanha - Porto
Bem isto de manha por volta das 10 e tal foi um autentico diluvio tinha acabado de sair de casa com a minha mulher e a minha filha tive que me abrigar num supermercado, a chuva vinha toda de lado a bater em cabines telefónicas, ate fazia "vapor" uma cena parecida com os furacões que vemos na TV.. não filmei porque estava preocupado em manter a segurança da minha família, e era muito complicado... Bem nunca tinha passado por uma situação assim
 

frederico

Super Célula
Registo
9 Jan 2009
Mensagens
9,987
Local
Porto
Pode de facto tornar-se preocupante, ainda por cima os próximos dias serão de chuvas por vezes fortes, está tudo saturado..:rain: os campos ali da zona de Vila do Conde/Póvoa parecem autênticas piscinas, tudo que seja ribeiros, rios e afluentes corre com caudais elevados.:rain:

O Rio Leça também está prestes a transbordar segundo informações que tive...:rain: Isto na zona da Ponte de Pedra.

O rio Leça está fora das margens em vários pontos. Fui agora ver. Anteontem estava quase a galgar uma das pontes.
 
  • Gosto
Reactions: Manditu e Teles

Manditu

Cumulus
Registo
18 Jan 2009
Mensagens
171
Local
Caxinas - Vila do Conde (70 metros do oceano)
O rio Leça está fora das margens em vários pontos. Fui agora ver. Anteontem estava quase a galgar uma das pontes.

Sim ainda hoje vi o Rio LEça ja a transbordar na zona de santa cruz do bispo. Mas creio que tal como o snifa disse na ponte da pedra ou junto da nacional 13 possa tambem transbordar
 

Skizzo

Nimbostratus
Registo
24 Set 2007
Mensagens
1,389
Local
Porto (centro) - cerca de 7km da costa
Quanto à media. Eu mesmo fiz a média de 1971 / 2000 na estação da serra do pilar (gaia) que ainda serve de referencia para o Porto nas analises de longo prazo, que a média anual é de 1249 mm!

Hoje alguém disse que a média da precipitação no norte tem diminuído. Considerando as séries de 30 anos que servem para a obntenção das médias climatológicas, a diferença para a mesma estação da serie 1961/1990 para a 1971/2000 foi de quase superior em 50 mm. Logo a media total anual subiu na ultima série.

E voltou a subir a média para alguns meses na série de 1981/2010:

Mar +5,7mm
Abr +2,0mm
Jul +2,1mm
Ago +6,2mm
Set +0,9mm
Out +20,3mm
Nov +13,6mm

Houve no entanto uma diminuição nos meses de Inverno.

Atenção que as normas de 81/10 para a S.Pilar só vão até 2007, altura em que a estação foi desactivada. O IPMA considera a nova estação S.Pilar, activa desde 2009 penso eu, uma estação diferente, daí os records de temperatura desta nova estação não surtirem efeito em relação aos records da antiga estação.
 
  • Gosto
Reactions: Manditu

Manditu

Cumulus
Registo
18 Jan 2009
Mensagens
171
Local
Caxinas - Vila do Conde (70 metros do oceano)
E voltou a subir a média para alguns meses na série de 1981/2010:

Mar +5,7mm
Abr +2,0mm
Jul +2,1mm
Ago +6,2mm
Set +0,9mm
Out +20,3mm
Nov +13,6mm

Houve no entanto uma diminuição nos meses de Inverno.

Atenção que as normas de 81/10 para a S.Pilar só vão até 2007, altura em que a estação foi desactivada. O IPMA considera a nova estação S.Pilar, activa desde 2009 penso eu, uma estação diferente, daí os records de temperatura desta nova estação não surtirem efeito em relação aos records da antiga estação.

Exatamente, como eu mesmo disse, a estação funcionou apenas entre 1882 ate 2007 (infelizmente). Trabalhei lá até ao ultimo dia de 2004.

Obvio que os dados dessa estaçao já nao serão usados para a série de normais climatologicas de 1981/2010. Se bem que há lá agora uma EMA, mas pelo que vejo tem tido algumas falhas de registo...
 
  • Gosto
Reactions: Skizzo

GabKoost

Nimbostratus
Registo
19 Jan 2009
Mensagens
856
Local
Longos, Caldas das Taipas (Entre Brg e Gmr) Altit
As ondas estão a aproximar-se das torres de Ofir, em Esposende, mas o avanço do mar não coloca em risco a estabilidade dos edifícios.

...

O autarca confirma que há verba para, em breve, realizar "uma intervenção" para consolidar as protecções e evitar que os estragos sejam maiores do que já são.

...

No entanto, de manhã, o vereador da Protecção Civil da Câmara local referiu que o avanço do mar está a colocar "em sério risco" as Torres de Ofir que já têm a água a "um metro e meio, dois metros".

O único projecto que deveria ser meritório dos € investidos seria a demolição destas absolutas aberrações. Trabalhei 2 anos no Axis Ofir mesmo em frente e cheguei a entrar nas torres algumas vezes com amigos de lá.

No inverno, em dias como os de hoje, os fundos ficam cheios de água. As torres são horrorosas e estão num estado de conservação calamitosas.

Gastar dinheiro nelas é uma perda de tempo tendo em conta que nos últimos 50 anos o mar comeu DEZENAS de metros à praia (as dunas cessaram de existir o mês passado RIP) e o avanço não irá parar.

Um favor à humanidade: Deitem aquilo abaixo já que se encontra praticamente deserto durante o ano. Aquela zona é boa demais para crimes urbanísticos vindos de um tempo em que qualquer idiota projectava monstruosidades.

_____________

Fora isso, na Póvoa de Varzim também há animação:

 
Editado por um moderador:
  • Gosto
Reactions: Manditu e frederico

GabKoost

Nimbostratus
Registo
19 Jan 2009
Mensagens
856
Local
Longos, Caldas das Taipas (Entre Brg e Gmr) Altit
Eu por acaso acompanhei os modelos e nunca percebi o porquê dos Alertas Amarelos por estas bandas (abaixo da Aveiro), e o IPMA andou reticente a lança´-los primeiro lança-os, depois tira-os e depois volta a colocá-los .. enfim mais um aviso meteorológico mal lançado.

É fácil saber porquê.

O mês passado quando a maior tempestade marítima das últimas décadas se estava a aproximar e as protecções civis da Galiza, Irlanda e Bretanha Francesa estavam a tratar de vedar zonas perigosas e a publicar alertas vermelhos, aqui estava tudo entretido com a morte do Eusébio.

Nós no fórum à espera de cenários caóticos e o IPMA e protecção civil tranquilamente relaxados.

Deu no que deu. Milhões de prejuízo e uma humilhação às autoridades incompetentes. No dia POSTERIOR ao evento, na Póvoa de Varzim, andavam as autoridades a colocar sacos de areia à volta das infraestruturas da praia.

Isso DEPOIS do evento.

Agora, como andam com as orelhas a arder (talvez pelas seguradoras ou entidades camarárias), é alertas para tudo quanto mexe.

Contudo, para o Noroeste, o alerta laranja foi muito bem dado tendo em conta o temporal de vento associado a precipitação por vezes forte que resultou em rios fora do leito, árvores a cair, campos e estradas alagados etc.
 

Aurélio

Cumulonimbus
Registo
23 Nov 2006
Mensagens
4,335
Local
Faro
É fácil saber porquê.

O mês passado quando a maior tempestade marítima das últimas décadas se estava a aproximar e as protecções civis da Galiza, Irlanda e Bretanha Francesa estavam a tratar de vedar zonas perigosas e a publicar alertas vermelhos, aqui estava tudo entretido com a morte do Eusébio.

Nós no fórum à espera de cenários caóticos e o IPMA e protecção civil tranquilamente relaxados.

Deu no que deu. Milhões de prejuízo e uma humilhação às autoridades incompetentes. No dia POSTERIOR ao evento, na Póvoa de Varzim, andavam as autoridades a colocar sacos de areia à volta das infraestruturas da praia.

Isso DEPOIS do evento.

Agora, como andam com as orelhas a arder (talvez pelas seguradoras ou entidades camarárias), é alertas para tudo quanto mexe.

Contudo, para o Noroeste, o alerta laranja foi muito bem dado tendo em conta o temporal de vento associado a precipitação por vezes forte que resultou em rios fora do leito, árvores a cair, campos e estradas alagados etc.

Mas eu falava no que a toca a precipitação ... fonix muito gosto de comer palavras e depois não percebem do que estou a falar.
A sul de Aveiro ou Leiria penso que não choveu nadinha de especial !