Seguimento Meteorológico Livre - 2021

Davidmpb

Cumulonimbus
Registo
7 Jul 2014
Mensagens
4,341
Local
Portalegre( 600m)/ Fundão
Tanto alarido com o calor, os valores extremos, a canícula e os 40°C ou mais... que com um jeitinho o grande calor previsto para o fim de semana ainda se irá transformar em grande frescura... É que os modelos continuam a cortar no calor incessantemente, dia após dia, run após run. Como tem sido o habitual desde meados de junho. Afinal onde andas tu verão?
Já há três semanas que andamos com este tempo incerto, e pelas últimas saídas parece que é para continuar... A temperatura sobe em flecha no fim de semana mas voltará a descer logo na segunda-feira... Como tem sido o habitual desde 15 de junho. O que é muito bom para as gripes (ainda para mais em plena pandemia) e muito mau para a agricultura e saúde das pessoas...
Desde essa data contam-se pelos dedos de uma só mão os dias de calor a sério, de pleno verão (leia-se temperaturas iguais ou superiores a 30°C). Houve aqueles últimos dias de maio e grande parte da primeira quinzena de junho para desfrutar do calor e do verão. Desde meados de junho que tem sido para esquecer... Apenas se aproveitaram 3 ou 4 dias... Depois mais 2 ou 3 dias de pleno verão no fim de semana para depois voltar a descer. É isto o "verão" até ao momento.
Quo vadis, verão 2021?
Consultem as médias climatológicas, ficámos tão mal habituados nos últimos anos, que agora um verão normal, é descrito como fresco e fiasco.:facepalm:
 

Ricardo Carvalho

Cumulonimbus
Registo
23 Jul 2015
Mensagens
2,911
Local
Azeitão/Sesimbra
Tanto alarido com o calor, os valores extremos, a canícula e os 40°C ou mais... que com um jeitinho o grande calor previsto para o fim de semana ainda se irá transformar em grande frescura... É que os modelos continuam a cortar no calor incessantemente, dia após dia, run após run. Como tem sido o habitual desde meados de junho. Afinal onde andas tu verão?
Já há três semanas que andamos com este tempo incerto, e pelas últimas saídas parece que é para continuar... A temperatura sobe em flecha no fim de semana mas voltará a descer logo na segunda-feira... Como tem sido o habitual desde 15 de junho. O que é muito bom para as gripes (ainda para mais em plena pandemia) e muito mau para a agricultura e saúde das pessoas...
Desde essa data contam-se pelos dedos de uma só mão os dias de calor a sério, de pleno verão (leia-se temperaturas iguais ou superiores a 30°C). Houve aqueles últimos dias de maio e grande parte da primeira quinzena de junho para desfrutar do calor e do verão. Desde meados de junho que tem sido para esquecer... Apenas se aproveitaram 3 ou 4 dias... Depois mais 2 ou 3 dias de pleno verão no fim de semana para depois voltar a descer. É isto o "verão" até ao momento.
Quo vadis, verão 2021?

Nas últimas saídas operacionais quase todos os modelos voltaram a carregar nas temperaturas, infelizmente! O único que se mantém mais soft, é o ECM ! :unsure:

Consultem as médias climatológicas, ficámos tão mal habituados nos últimos anos, que agora um verão normal, é descrito como fresco e fiasco.:facepalm:

Eu percebo o que queres dizer David, mas olha que para o IPMA o que está previsto para o Alentejo é perfeitamente normal :confused:

https://www.publico.pt/2021/07/06/s...podem-chegar-40-graus-sabado-alentejo-1969260

"Apesar do tempo quente, a meteorologista do IPMA diz que não está prevista uma onda de calor. “Não se pode chamar de onda de calor. Meteorologicamente falando, são precisos mais de cinco dias com temperaturas acima da média. Nós vamos ter quatro dias e se calhar o Alentejo nem chega a estar acima da média” "

“Hoje as temperaturas descem em todo o país, mas a partir de amanhã [quarta-feira] começam a subir de forma gradual e de acordo com o que nós temos nos nossos modelos. As temperaturas vão chegar perto dos 40 graus na região do Alentejo, que é uma situação normal para esta época do ano. Pontualmente poderá haver sítios no interior do Alentejo que passem dos 40 graus, mas nas capitais de distrito espera-se que Évora e Beja cheguem aos 40 e 39 graus respectivamente”, "
 

"Charneca" Mundial

Cumulonimbus
Registo
28 Nov 2018
Mensagens
3,816
Local
Corroios (cota 26); Aroeira (cota 59)
"Apesar do tempo quente, a meteorologista do IPMA diz que não está prevista uma onda de calor. “Não se pode chamar de onda de calor. Meteorologicamente falando, são precisos mais de cinco dias com temperaturas acima da média. Nós vamos ter quatro dias e se calhar o Alentejo nem chega a estar acima da média"

“Hoje as temperaturas descem em todo o país, mas a partir de amanhã [quarta-feira] começam a subir de forma gradual e de acordo com o que nós temos nos nossos modelos. As temperaturas vão chegar perto dos 40 graus na região do Alentejo, que é uma situação normal para esta época do ano. Pontualmente poderá haver sítios no interior do Alentejo que passem dos 40 graus, mas nas capitais de distrito espera-se que Évora e Beja cheguem aos 40 e 39 graus respectivamente”
O IPMA praticamente só consulta o ECMWF, o que explica o porquê de dizerem que a situação prevista é, de facto, normal. Ter 40ºC no Alentejo durante 4 dias não é nada de anormal, acontece todos os anos e é um valor que, no Vale do Guadiana, está somente uns 3ºC acima da média mensal. O problema é que o IPMA está, como é costume, a negar as previsões dos outros modelos - se 40ºC é normal, 45ºC como muitos modelos preveem já não é propriamente muito normal e até é uma situação de risco. :buh:
 
  • Gosto
Reactions: joselamego

Jorge_scp

Nimbostratus
Registo
17 Fev 2009
Mensagens
1,067
Local
Casal do Rato (Odivelas)
O IPMA praticamente só consulta o ECMWF, o que explica o porquê de dizerem que a situação prevista é, de facto, normal. Ter 40ºC no Alentejo durante 4 dias não é nada de anormal, acontece todos os anos e é um valor que, no Vale do Guadiana, está somente uns 3ºC acima da média mensal. O problema é que o IPMA está, como é costume, a negar as previsões dos outros modelos - se 40ºC é normal, 45ºC como muitos modelos preveem já não é propriamente muito normal e até é uma situação de risco. :buh:

O IPMA de facto baseia as suas previsões no centro Europeu (que é o melhor modelo) e no AROME. É com essas entidades (e bem) que tem parceria, logo são os seus modelos que estão operacionais. Não quer dizer que não haja meteorologistas que não saibam o que mostram outros modelos. De qualquer forma, ainda há tempo para ajustar as previsões e eventuais avisos caso o GFS tenha razão. Se tal acontecer, o ECMWF certamente convergirá nessa solução a tempo. Sinceramente, duvido que venha a acontecer o modelado pelo GFS, o ECMWF não está completamente sozinho. Para já, como diz o IPMA, não há evidencias que este venha a ser um evento de calor fora do normal. O que não quer dizer que não se esteja atento a qualquer alteração do panorama...
 

RedeMeteo

Nimbostratus
Registo
13 Nov 2017
Mensagens
830
Local
Serpa
O IPMA praticamente só consulta o ECMWF, o que explica o porquê de dizerem que a situação prevista é, de facto, normal. Ter 40ºC no Alentejo durante 4 dias não é nada de anormal, acontece todos os anos e é um valor que, no Vale do Guadiana, está somente uns 3ºC acima da média mensal. O problema é que o IPMA está, como é costume, a negar as previsões dos outros modelos - se 40ºC é normal, 45ºC como muitos modelos preveem já não é propriamente muito normal e até é uma situação de risco. :buh:
Exacto. E quase todos os outros modelos estão com muito mais calor
 
  • Gosto
Reactions: joselamego

Orion

Furacão
Registo
5 Jul 2011
Mensagens
19,654
Local
Açores
O problema é que o IPMA está, como é costume, a negar as previsões dos outros modelos - se 40ºC é normal, 45ºC como muitos modelos preveem já não é propriamente muito normal e até é uma situação de risco.

9ojBKee.gif
 

Orion

Furacão
Registo
5 Jul 2011
Mensagens
19,654
Local
Açores
WWHco2a.gif


Bitaites de um total ignorante...

Duvido que os delírios ocasionais de temperaturas elevadas tenham sido corrigidos na nova versão do GFS.

Assim, a médio prazo as temperaturas do IFS/ECMWF irão ser ligeiramente mais elevadas já que a depressão não descerá tanto. Por outro lado, alguns ficarão arrasados porque o GFS irá efetuar colossais cortes (em termos relativos).

Algures no meio estará a virtude?
 
Última edição:

rozzo

Staff
Registo
11 Dez 2006
Mensagens
2,467
Local
Montijo/Lisboa
Honestamente, não me parece que venham a ser valores assim tão extremos (próximos de recorde e/ou acima de 45ºC).
Mas serão claro sempre valores bastante altos e dignos de avisos a certa altura!

Pela experiência passada destes eventos, tenho a percepção que as temperaturas que se acabam por observar ficam sempre ali no meio-termo entre a previsão a médio-prazo do ECMWF (mais suavizada) e a do GFS (mais extremada).
O próprio GFS já esteve bem mais "agressivo". E está a ficar isolado relativamente aos valores "loucos" de Domingo. ECMWF e outros modelos começam a mostrar bastante "refresco" já nesse dia a entrar pelo NW. De qualquer forma, o GFS parece também estar a aproximar-se gradualmente do padrão menos exagerado, mantendo apenas esses tais valores mais assustadores no Domingo.
Por sua vez, o ECMWF, costuma prever bem o padrão a maior distância, mas tenho a sensação que só apresenta valores extremos mais próximos do real mais em cima do acontecimento.
Para já parece estar a ir de acordo com este "padrão típico" dos modelos. Mas veremos se acontecerá mais uma vez ou não.

O que me parece também significativo (e talvez até mais relevante que propriamente os extremos do f-d-s) será a tendência cada vez mais marcada nos modelos de o calor poder persistir toda a semana seguinte. Mesmo sem ser muito extremo, começa a aparecer esse sinal, de uma espécie de "pântano" quente, mesmo no Ensemble do ECMWF. Verificar-se esta persistência de tempo bastante quente e de noites tropicais durante tantos dias será na verdade até mais gravosa provavelmente do que os eventuais extremos de 1-2 dias que estamos a discutir para o f-d-s.

Esperemos a evolução nos próximos dias...
 

Aurélio Carvalho

Nimbostratus
Registo
5 Out 2018
Mensagens
1,021
Local
Faro
Sim mas esses delírios sempre foram normais mas caramba logo daqui a 2 dias as diferenças são de 2c, e depois a 10 e 11 deste mês ronda uns 4c de diferença...
Se as ISO são idênticas porque esta diferença tão grande nas temperaturas a 2 metros, é pior a apenas cerca de 3 ou 4 dias de distância...
O que me parece é que no gfs a ISO é um pouco mais elevados a latitude de Lisboa do que noutros modelos!
 

ALBIMETEO

Furacão
Registo
25 Abr 2008
Mensagens
20,951
Local
CASTELO BRANCO (382m)
Boas...por cá mais um dia de verão :),muito bom para se andar na rua todo o dia ;),afinal os dias de inferno não vão ser de abundância :pray:,já havia gente por aqui a bater palmas :trovao:.vamos gozando um dia de cada vez :D.
 

Orion

Furacão
Registo
5 Jul 2011
Mensagens
19,654
Local
Açores
WWHco2a.gif


Bitaites de um total ignorante...

Duvido que os delírios ocasionais de temperaturas elevadas tenham sido corrigidos na nova versão do GFS.

Assim, a médio prazo as temperaturas do IFS/ECMWF irão ser ligeiramente mais elevadas já que a depressão não descerá tanto. Por outro lado, alguns ficarão arrasados porque o GFS irá efetuar colossais cortes (em termos relativos).

Algures no meio estará a virtude?

5NA0XMW.gif