Seguimento Rios e Albufeiras - 2019

Tópico em 'Seguimento Meteorológico' iniciado por Ricardo Carvalho 2 Jan 2019 às 17:28.

  1. Ricardo Carvalho

    Ricardo Carvalho
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    23 Jul 2015
    Mensagens:
    2,114
    Local:
    Azeitão/Sesimbra
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    luismeteo3 gostou disto.
  2. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    16,011
    Local:
    Fatima
    Onze albufeiras com mais de 80% de água no final de dezembro
    04.01.2019 às 8h30

    A bacia do Ave era a que apresentava no final de dezembro maior disponibilidade de água (83,8%), enquanto a bacia do Lima tinha o número mais baixo (26,8%)

    Onze das 60 albufeiras monitorizadas em Portugal continental tinham em dezembro reservas superiores a 80% do volume total e outras tantas estavam a 40%, segundo o Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos (SNIRH).

    No último dia de dezembro e comparativamente com 30 de novembro verificou-se um aumento do volume armazenado em seis bacias hidrográficas monitorizadas e uma descida noutras seis, de acordo com dados divulgados esta sexta-feira pelo SNIRH.

    Das 60 albufeiras monitorizadas, 11 apresentam disponibilidades hídricas superiores a 80% do volume total e 11 têm disponibilidades inferiores a 40%.

    A bacia do Ave era a que apresentava no final de dezembro maior disponibilidade de água (83,8%), seguida do Guadiana (79,1%), Mondego (66%), Douro (64,7%), Cávado (62,5%), Tejo (61%), Mira (59%), Barlavento (58,5%), Oeste (55,9%) e Arade (55.4%). A bacia do Lima tinha o número mais baixo no final de dezembro (26,8%).

    Os armazenamentos de dezembro de 2018 por bacia hidrográfica apresentam-se inferiores às médias de dezembro (1990/91 a 2017/18), exceto para as bacias do Ave, Guadiana e Arade.

    A cada bacia hidrográfica pode corresponder a mais do que uma albufeira.
    https://expresso.sapo.pt/sociedade/...e-80-de-agua-no-final-de-dezembro#gs.cU7ZpqFQ
     
  3. slbgdt

    slbgdt
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    31 Jan 2015
    Mensagens:
    300
    Local:
    Barcelos
  4. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,692
    Local:
    Arroja, Odivelas (140m); Várzea da Serra (900m)
  5. Aurélio Carvalho

    Aurélio Carvalho
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    5 Out 2018
    Mensagens:
    535
    Local:
    Faro
    Parece um valor um bocado preocupante e estranho dado que Novembro até foi extremamente chuvoso nessa zona.
     
  6. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    7,002
    Local:
    Torres Novas(75m)
    Agricultores da Golegã têm de recorrer à rega para não deixar morrer as culturas de inverno

    Nos campos de Golegã, já há agricultores obrigados a ligar os sistemas de rega para não deixar morrer as culturas de inverno. A situação ainda não é de seca, mas são cada vez mais as preocupações com o que vai acontecer com as culturas de verão.

    https://tvi24.iol.pt/videos/socieda...-culturas-de-inverno/5c4716c70cf2a84eaefbe78d

    A agricultura está cada vez mais a fazer um uso racionado de água, principalmente aqui na zona da Golegã, com o uso de sondas, e de estações meteorológicas, isto numa zona onde o lençol freático já foi muito superficial.
    Um furo com 20 metros de profundidade, é já considerado bastante profundo, com água em abundancia, enquanto que eu aqui a cerca de 7 km de distancia, um furo só é considerado profundo, quando vai a mais de 100 metros.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    Tonton e "Charneca" Mundial gostaram disto.
  7. "Charneca" Mundial

    "Charneca" Mundial
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    28 Nov 2018
    Mensagens:
    1,289
    Local:
    Corroios (cota 26); Aroeira (cota 59)
    Se isto já está assim, nem imagino se os modelos a longo prazo, os quais prevêem alguma chuva para fevereiro e março, falharem. Será mais uma calamidade e mais despesas para o Estado! :(
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    Pedro1993 e Tonton gostaram disto.
  8. slbgdt

    slbgdt
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    31 Jan 2015
    Mensagens:
    300
    Local:
    Barcelos
    Segundo um jornal local essa era a mais baixa registada.
    Deixo aqui mais umas fotos tirada por um galego.

    https://m.facebook.com/pg/MeteoLobios/photos/?tab=album&album_id=2345288719037114
     
  9. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,692
    Local:
    Arroja, Odivelas (140m); Várzea da Serra (900m)
    As últimas semanas foram de pouco vento. Como consequência houve uma maior procura pela energia hídrica. Nas horas de ponta, as grandes hídricas estiveram quase sempre em produção.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  10. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    7,002
    Local:
    Torres Novas(75m)
    Pois é a situação está identica ao que se passou no ano passado, muitos desses agricultores dizem já que se não chover mais, nem sequer vão semear milho, pois é uma cultura muito exigente em água.
    E basta o lençol freático estar mais profundo, para aumentar os custos de bombear a água, e em certa parte para já criar prejuízo, em vez de lucro.
    Resta-nos esperar que a situação seja como no ano passado, que depois de meses de seca, ainda assistimos a uma boa cheia, aqui na zona ribatejana.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    "Charneca" Mundial gostou disto.
  11. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,692
    Local:
    Arroja, Odivelas (140m); Várzea da Serra (900m)
    Segundo a REN baixou hoje para os 292,79m. E ainda deve baixar mais.

    Estou boquiaberto com as fotografias dessa aldeia. Impressionante a quantidade de cinzas depositadas.
    E qual é o fenómeno para esta fonte estar a deitar água?

    [​IMG]

    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  12. João Pedro

    João Pedro
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    14 Jun 2009
    Mensagens:
    4,332
    Local:
    Porto, Campo Alegre (50m)
    Podem não ser necessariamente cinzas, podem ser sedimentos "normais". O fenómeno da fonte, bom, uma explicação pode ser que a "fonte" da fonte tem água, altura e pressão suficientes para ao longo destes anos todos ter mantido a saída desimpedida de sedimentos estando continuamente a correr. E agora vê-se :)
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    MSantos, jonas_87 e joralentejano gostaram disto.
  13. joralentejano

    joralentejano
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Set 2015
    Mensagens:
    5,568
    Local:
    Arronches | Leiria
    Sim, com a fonte durante muito tempo debaixo de água o seu nascente tem sempre força. É impressionante o estado da barragem e se não chover nada de jeito nos próximos meses poderá tornar-se preocupante. O mais estranho é o facto de, antes do verão passado começar estava quase a 90% e entretanto, desceu para valores muito baixos e parece que Novembro pouca diferença fez.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    Pedro1993 gostou disto.
  14. slbgdt

    slbgdt
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    31 Jan 2015
    Mensagens:
    300
    Local:
    Barcelos
    Muito incêndio perto do principal afluente do Lindoso, o Rio caldo.
    Aliás está aqui um vídeo
    .

    A zona de fronteira foi muito fustigada por incêndios.
    Do lado esquerdo quem olha do paredão ardeu em 2016 e ainda não recuperou.
    O ano passado foi do lado direito.
    Um Brif que recebia 100€ por cada incêndio ‍♂️
     
    guisilva5000 e Pedro1993 gostaram disto.
  15. slbgdt

    slbgdt
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    31 Jan 2015
    Mensagens:
    300
    Local:
    Barcelos
    Segundo um ex habitante que lá encontrei foi ele que tirou a terra da fonte e a pós á correr.
    Disse me também (confirmado por mais 2 habitantes da zona ) a instalação de sirenes no alto Lindoso, segundo eles há problemas nas 2 barragens a montante (as conchas e salas).
    Porém não me foi possível confirmar isso em alguma notícia
     

Partilhar esta Página