Sismos Portugal - 2011

fablept

Nimbostratus
Registo
12 Nov 2008
Mensagens
1,311
Local
Ponta Delgada - Açores
O Serviço Regional de Proteção Civil dos Açores alertou hoje para a ocorrência de uma “actividade sísmica acima do normal” na região central da ilha de S. Miguel, apesar de os sismos não serem sentidos pela população

8054.jpg


João Luís Gaspar, responsável do Centro de Vigilância e Informação Sismovulcânica dos Açores, afirmou à Lusa que a zona entre as lagoas do Fogo e do Congro tem estado mais activa nos últimos dias, registando-se um número de eventos mais elevado na segunda-feira.

Trata-se de um fenómeno que ocorre com alguma “periodicidade”, acrescentou este especialista, para quem o alerta da Proteção Civil se justifica com a necessidade de manter a população informada e atenta face à eventual necessidade de precauções.

Os sismos registados nos últimos dias na região Fogo-Congro revelaram baixa magnitude.

AcorianoOriental
2011-10-11 16:53

Esperemos que não seja como em 2005, até chegou a haver rumores que a água da Lagoa do Fogo tinha subido 2/3 graus de temperatura..

Localização dos sismómetros na zona Fogo-Congro
 

Snowy

Cumulus
Registo
28 Set 2011
Mensagens
272
Local
Ponta Delgada
Do pouco que percebo, julgo que essas crises periódicas são saudáveis para a nossa ilha. Quanto mais energia libertada, melhor. Mas facto é que também estamos fartos de saber que mais dia menos dia algo irá ocorrer seja onde for a questão é apenas quando e não se. As crises sismovulcanicas já foram tantas nos últimos anos que se nos assustamos com todas, mais vale não viver nas ilhas :D
Temos que pensar é que temos a sorte de ter um laboratório vivo nos Açores e que isso permite adquirir conhecimentos como em poucos lugares do mundo se consegue e que isso nos traz a vantagem de ter muita gente "atenta" ao que nos rodeia e que em termos de vulcanologia é muito pouco provavel sermos um dia apanhados de surpresa. Quanto aos terramotos, esses já se sabe que acontecem sem prevenir, mas também haverá algum lugar seguro na terra? Nem as passadeiras são seguras! :) É assim que vejo as coisas e ainda bem senão não conseguia viver aqui :)
 

fablept

Nimbostratus
Registo
12 Nov 2008
Mensagens
1,311
Local
Ponta Delgada - Açores
Actualização da notícia

A atividade sísmica no sistema do Fogo-Congro, na parte central da ilha de s. Miguel, nos Açores, continua a merecer a atenção dos especialistas, registando uma frequência de eventos “ligeiramente acima” dos valores de referência

“A situação mantém-se, o número de microssismos continua ligeiramente acima dos nossos valores de referência”, afirmou João Luís Gaspar, do Centro de Vulcanologia e Avaliação de Riscos Geológicos (CVARG) da Universidade dos Açores, em declarações à Lusa.

O especialista referiu que se trata de “sismos de muito fraca magnitude”, acrescentando que “nenhum dos que foram registados até agora foi sentido pela população”.

Os sismos estão localizados numa zona da ilha de S. Miguel entre a Ribeira Grande e a Maia, na costa norte, e Água de Pau e Vila Franca do Campo, na costa sul, salientando João Luís Gaspar que se trata de uma área onde “ocorrem frequentemente episódios de maior índice de sismicidade”.

“É uma situação recorrente”, salientou, recordando que a última crise ocorreu em 2005, teve uma “tipologia parecida” com a que está agora a ocorrer, mas foi “mais forte”.

João Luís Gaspar escusou-se a prever qual pode ser a evolução desta crise, recordando que “em sismologia não há previsões”, mas admitiu que “não se pode eliminar a possibilidade de vir a ocorrer um sismo que venha a ser sentido pela população”.

“Não quer dizer que vá acontecer, mas apenas que não se pode eliminar essa possibilidade”, frisou.

O Sistema vulcanotectónico do Fogo-Congro é, segundo informações disponíveis no sitio do CVARG na Internet, uma das mais importantes áreas sismogénicas do arquipélago dos Açores, já que ali se acumulam tensões que resultam do jogo das placas litosféricas Euroasiática, Africana e Americana.

Por essa razão, mesmo em períodos considerados calmos, este sistema regista, em média, três a cinco microssismos por dia, surgindo, de tempos a tempos, crises sísmicas mais importantes, como as que ocorreram em 1989 e em 2005.

A estrutura do Fogo-Congro representa uma setor emerso de uma das mais ativas zonas de fratura do Atlântico Norte, que se prolonga desde leste de Santa Maria até à Crista Médio-Atlântica, que passa a oeste da Graciosa e do Faial.

A história geológica da ilha de S. Miguel está marcada desde o seu povoamento, no século XV, pela ocorrência de sismos e erupções vulcânicas, tendo o sistema Fogo-Congro registado duas importantes ocorrências.

A primeira em 1522, quando um terramoto seguido por escorregamentos de terras e um tsunami destruiu Vila Franca do Campo.

Mais tarde, em 1563, uma erupção explosiva centrada no interior da caldeira produziu cinzas que se estenderam até ao Nordeste, enquanto outra explosão emitiu lavas que correram pelo lado norte e destruíram a zona da Ribeira Seca.

AcorianoOriental

Snowy, energia libertada só é saudável se for às prestações lol

Alguem sabe se o IM ou CVARG tem os "plots" dos sismometros online?
 

Snowy

Cumulus
Registo
28 Set 2011
Mensagens
272
Local
Ponta Delgada
Se é às prestações isso já não sei que pelos vistos não disponibilizam essa informação :(
E boates também não ligo pois quando foi da crise sismovulcanica na área de Sete Cidades e no Banco D. João de Castro (que não admitiram logo na altura que tbm tinha origem vulcânica...), eu vivia naquela costa, também ouviu-se muito filme de terror desde "cheira a enxofre aqui e ali, a P.Civil já encomendou máscaras blablabla. Houve sismos regulares durante quase 2 anos, por fim já nem ligava quando o chão mexia e no fim não passou mesmo disso. Indícios de isto ou de aquilo pode haver muitos mas às vezes não passa disso mesmo. Da mesma forma que de hoje para amanhã temos uma surpresa como os espanhóis. É assim mesmo e é confiar que tudo estará em boas mãos no que diz respeito à população porque em relação à natureza não podemos fazer absolutamente nada nem impedir seja o que for de acontecer.

Tanto quanto sei, a informação mais detalhada encontra-se no site do IM onde se pode descarregar os relatórios de actividades mensais (para quem está registado no site) De resto, há muitos anos que sigo o site do CVARG e nunca lá vi nada mais que o que lá está...Alias, o IM até costuma actualizar a actividade sísmica dos Açores bem antes do próprio CVARG. Já os espanhóis partilham mais e é possível seguirmos a evolução sísmica nas Canárias online...
 

Duarte Sousa

Staff
Registo
8 Mar 2011
Mensagens
6,021
Local
Loures
Aviso de Sismo Sentido no Arquipélago dos Açores 30-10-2011 15:43
2011-10-30 15:43:00
O Instituto de Meteorologia informa que no dia 30-10-2011 pelas 15:43 (hora local) foi registado nas estações da Rede Sísmica do Arquipélago dos Açores, um sismo de magnitude 2.0 (Richter) e cujo epicentro se localizou a cerca de 4 km a Norte de Água de Alto (S. Miguel).

Este sismo, de acordo com a informação disponível até ao momento, não causou danos pessoais ou materiais e foi sentido com intensidade máxima II (escala de Mercalli modificada) na região de Vila Franca do Campo e Água d'Alto.

Se a situação o justificar serão emitidos novos comunicados.

Sugere-se o acompanhamento da evolução da situação através da página do IM na Internet (www.meteo.pt) e a obtenção de eventuais recomendações junto do Serviço Regional de Protecção Civil e Bombeiros (www.srpcba.pt).

Aviso de Sismo Sentido no Arquipélago dos Açores 30-10-2011 15:28
2011-10-30 15:28:11
O Instituto de Meteorologia informa que no dia 30-10-2011 pelas 15:28 (hora local) foi registado nas estações da Rede Sísmica do Arquipélago dos Açores, um sismo de magnitude 2.1 (Richter) e cujo epicentro se localizou próximo de Ribeira Seca (V.F.Campo) (S. Miguel).

De acordo com a informação disponível, este sismo foi sentido, devendo em breve ser emitido novo comunicado com informação instrumental e macrossísmica actualizada.

Se a situação o justificar serão emitidos novos comunicados.

Sugere-se o acompanhamento da evolução da situação através da página do IM na Internet (www.meteo.pt) e a obtenção de eventuais recomendações junto do Serviço Regional de Protecção Civil e Bombeiros (www.srpcba.pt).

Aviso de Sismo Sentido no Arquipélago dos Açores 30-10-2011 15:08
2011-10-30 15:08:00
O Instituto de Meteorologia informa que no dia 30-10-2011 pelas 15:08 (hora local) foi registado nas estações da Rede Sísmica do Arquipélago dos Açores, um sismo de magnitude 2.2 (Richter) e cujo epicentro se localizou próximo de Água de Alto (S. Miguel).

Este sismo, de acordo com a informação disponível até ao momento, não causou danos pessoais ou materiais e foi sentido com intensidade máxima II (escala de Mercalli modificada) na região de Vila Franca do Campo.

Se a situação o justificar serão emitidos novos comunicados.

Sugere-se o acompanhamento da evolução da situação através da página do IM na Internet (www.meteo.pt) e a obtenção de eventuais recomendações junto do Serviço Regional de Protecção Civil e Bombeiros (www.srpcba.pt).

3 sismos muito próximos em 35 minutos.
 

Snowy

Cumulus
Registo
28 Set 2011
Mensagens
272
Local
Ponta Delgada
O mais curioso é que são todos sismos de muito baixa magnitude e todos eles foram sentidos, mesmo o último que nem chega à magnitude 2.0 (segundo o site do CVARG, 1,7). O nível de profundidade deve realmente ter sido bastante baixo uma vez que nenhum outro foi sentido até hoje e já lá vão uns bons dias que esta crise dura.
 

Snowy

Cumulus
Registo
28 Set 2011
Mensagens
272
Local
Ponta Delgada
Do CVARG

30-10-2011 16:00
Ponta Delgada
Três sismos de fraca intensidade sentidos na costa S da ilha de S. Miguel
O Centro de Informação e Vigilância Sismovulcânica dos Açores informa que na tarde de hoje, dia 30 de Outubro, foram sentidos três sismos, respectivamente, às 15:08h, 15:28h e 15:43h (hora local; UTC-1), com região epicentral localizada a cerca de 2-3 km a NE de Ribeira Chã, ilha de S. Miguel. O sismo registado às 15:08h, atingiu uma intensidade máxima III na (Escala de Mercalli Modificada) nas freguesias de Ribeira Chã e Água d’Alto.

De acordo com a informação disponível os sismos, de fraca intensidade, foram sentidos numa faixa que se estende entre Ribeira Chã e Vila Franca do Campo.

O CIVISA informa que os referidos eventos se enquadram na actividade sísmica que se vem desenvolvendo na parte central da ilha de S. Miguel, na zona Fogo-Congro, desde o passado mês de Setembro, e correspondem a mais um pico de libertação de energia.

O CIVISA e o Serviço Regional de Protecção Civil e Bombeiros dos Açores continuam a acompanhar o desenrolar da situação.


Fontes
CIVISA - Centro de Informação e Vigilância Sismovulcânica dos Açores
 

Vince

Furacão
Registo
23 Jan 2007
Mensagens
10,624
Local
Braga
Esta crise parece bastante pequena ou mesmo insignificante face a outras no passado, como a de 2005 ou 1998 se não estou em erro, em que houve centenas de sismos e até evacuações de populações devido a imensas derrocadas, sem que nada de mesmo grave tivesse ocorrido posteriormente.

Por exemplo um mapa da crise sísmica de 2005, que durou uns 5 ou 6 meses, com centenas de sismos:

figure7s.jpg



Como infelizmente não temos acesso aos sismos todos de menor magnitude (nem pelo CVARG nem pelo IM) como acontece noutros países, é difícil de avaliar o que se passa, e portanto não podemos fazer grandes análises ou especulações.

Pelo pouco que sei (quase nada) e pelo que temos, eu na minha opinião penso que estes sismos são puramente geológicos, toda esta região é extremamente instável, e até as chuvas recentes podem ter enchido a caldeira e apenas o peso ou infiltração da agua pode gerar micro-sismos na estrutura (esse tipo de coisas estão até documentadas em vários estudos).
Mas como disse, não temos muitos dados ao público... o CVARG nem a profundidade dos sismos agora dá....



Mas apesar do que disse, espero que os micaelenses estejam consciencializados, que é apenas uma questão de tempo, mais um ano ou mais 50 ou 100 ou 200 anos, um dia acontecerá de novo, senão é com vocês, será com os vossos filhos ou netos, estatisticamente vulcões como o das Furnas até estão probabilisticamente atrasados. Um dia haverá uma erupção em São Miguel, mais cedo ou mais tarde.
 

Snowy

Cumulus
Registo
28 Set 2011
Mensagens
272
Local
Ponta Delgada
Esta crise parece bastante pequena ou mesmo insignificante face a outras no passado, como a de 2005 ou 1998 se não estou em erro, em que houve centenas de sismos e até evacuações de populações devido a imensas derrocadas, sem que nada de mesmo grave tivesse ocorrido posteriormente.

Por exemplo um mapa da crise sísmica de 2005, que durou uns 5 ou 6 meses, com centenas de sismos:

figure7s.jpg



Como infelizmente não temos acesso aos sismos todos de menor magnitude (nem pelo CVARG nem pelo IM) como acontece noutros países, é difícil de avaliar o que se passa, e portanto não podemos fazer grandes análises ou especulações.

Pelo pouco que sei (quase nada) e pelo que temos, eu na minha opinião penso que estes sismos são puramente geológicos, toda esta região é extremamente instável, e até as chuvas recentes podem ter enchido a caldeira e apenas o peso ou infiltração da agua pode gerar micro-sismos na estrutura (esse tipo de coisas estão até documentadas em vários estudos).
Mas como disse, não temos muitos dados ao público... o CVARG nem a profundidade dos sismos agora dá....



Mas apesar do que disse, espero que os micaelenses estejam consciencializados, que é apenas uma questão de tempo, mais um ano ou mais 50 ou 100 ou 200 anos, um dia acontecerá de novo, senão é com vocês, será com os vossos filhos ou netos, estatisticamente vulcões como o das Furnas até estão probabilisticamente atrasados. Um dia haverá uma erupção em São Miguel, mais cedo ou mais tarde.

Sim, esta crise parece pequena, mas estranhamente só ontem é que foram sentidos sismos pela população. Essas crises repetem-se com alguma frequência mas normalmente há sempre mais sismos sentidos do que tem havido desta vez. Recordo-me da última crise e rara era a semana que quem vivia para os lados da Povoação não sentia nem que fosse um abalo pequeno. Da crise de 97-98 (Banco D.João de Castro e Sete Cidades) lembro-me perfeitamente porque vivia na zona e recordo-me que começou com 1-3 sentidos/semana (às vezes mais de um no mesmo dia), depois espaçava 2 semanas etc, sendo que no pico da crise sentimos 3 abalos fortes quase seguidos (VI escala mercalli). Eu não consigo interpretar o significado desses padrões e não sei até que ponto os especialistas o conseguem, mas quando "vivemos" essas situações, acabamos por notar certos padrões e tentamos perceber o que podem eventualmente indiciar e se é "familiar" ou não. Lembro-me que uma vez não me assustei com o abalo em si mas sim com o forte ruído que ouvi quando senti literalmente o chão a levantar-se...é que também nem todos os sismos são iguais e são sentidos da mesma forma.
Facto é que o último grande terramoto foi em 98 no Faial pelo que estamos "dentro" da estatística de 1 terramoto grande por década e sabemos que mais dia menos dia volta a acontecer, só não sabemos o dia certo. Em vulcanologia mesma coisa, durante o último século houve apenas 1 grande erupção até hoje, a dos Capelinhos. De qualquer forma, espero que a crise do Fogo-Congro não passe muito de uma crise pequena como as outras porque um terramoto de grandes dimensões naquela área seria mais catastrófico do que em qualquer outra zona da ilha uma vez que estamos a falar de uma zona que atinge uma área muito vasta de população.
 

Vince

Furacão
Registo
23 Jan 2007
Mensagens
10,624
Local
Braga
Sim, esta crise parece pequena, mas estranhamente só ontem é que foram sentidos sismos pela população.

Pela ausência de uma crise sísmica anterior e consistente, atribuí por isso mesmo os sismos sentidos a meros movimentos geológicos da estrutura do edifício vulcânico. Eu nem sou especialista, nem de perto nem de longe, e não temos dados ao público para avaliar, como não temos um historial de sismicidade que possa ter antecedido estes sismos superficiais, parece-me que pelos poucos dados que temos que é apenas um pequeno ajustamento geológico/tectónico e não vulcânico. Quando houver uma crise a sério, acho eu que teremos centenas de sismos, a começar por grandes profundidades até às menores.

Estes sismos dos últimos dias estão a ocorrer a baixas profundidades, sem antecedentes, não me parece que tenham origem vulcânica, parecem um ajustamento de massas por outras razões.
 

Snowy

Cumulus
Registo
28 Set 2011
Mensagens
272
Local
Ponta Delgada
É verdade, ao contrário dos espanhóis e islandeses, temos muito poucos dados acessíveis, só se consegue aceder aos relatórios sísmicos mensais através do site do IM, basta estar registado e pedir senha mas levam algum tempo a serem publicados. Além do mais, os Açores são muito complexos em termos sismológicos, por mais que se esteja habituado ou à espera, surpreende sempre sem aviso...Um bom exemplo foi o Faial em 98. Andávamos nós aqui na costa sul de São Miguel com abalos há quase um ano, uns mais fortes que outros, alguns à espera que um dia fosse mesmo um terramoto e de repente, do nada, acordamos, acendemos a tv e vemos o Faial em ruínas...mas preparados, creio que só quem ignora de propósito não está pois aqui as pessoas em geral estão cientes de onde vivem, sempre fez parte da realidade e creio que não há açoriano que, se não passou por uma tragédia, tem pelo menos um familiar que algum dia ficou sem nada e reconstruiu a sua vida.
 

fablept

Nimbostratus
Registo
12 Nov 2008
Mensagens
1,311
Local
Ponta Delgada - Açores
Se a crise seja de origem vulcânica ou tectónica, é sempre bom avisar a população/turistas de certos perigos e talvez mesmo fechar alguns pontos turísticos. Ontem duas horas antes dos sismos estava a pensar se havia de descer à Lagoa de Fogo e hoje sem ter conhecimento desses sismos desci à Lagoa do Congro (suponho que tenha sido muito perto do epicentro)..nota-se perfeitamente uma pequena derrocada na encosta, pode não ter sido provocada pelo sismo, mas notava-se que era recente.. quem já foi à Lagoa do Congro sabe que aquilo é uma estrutura muito instável (só árvores caídas por todo o lado). Só por curiosidade a água da lagoa não estava quente :lol: