Suiça de Comboio - Dezembro 2017 e 2018

Tópico em 'Natureza e Viagens' iniciado por David sf 11 Fev 2019 às 20:12.

  1. David sf

    David sf
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    8 Jan 2009
    Mensagens:
    3,910
    Local:
    Oeiras / Portel
    Fui a primeira vez à Suiça num fim de semana prolongado, aproveitando o feriado de 8/12, em 2017. Confesso que o principal objectivo dessa viagem foi ir ver neve, tanto que apenas marquei a viagem com 3 dias de antecedência, quando já era praticamente certo que esta ia ocorrer. Sabia, como toda a gente, das maravilhas deste país, mas foi só ao longo deste fim de semana que me fui apercebendo da espectacularidade dos caminhos de ferro suíços, bem como da sua fácil utilização. Três dias não deram para ver quase nada, e então resolvi voltar um ano depois. Entre 15 e 24 de dezembro de 2018 percorri quase todas as linhas míticas do país, por montes e vales cheios de neve e vilarejos pitorescos.

    [​IMG]

    Os caminhos de ferro suíços são, como não poderiam deixar de ser, extremamente pontuais, o que aliado à boa articulação entre conexões permite visitar praticamente todo o país de forma rápida e eficaz. E é mesmo praticamente todo o país, porque o relevo do país não foi impedimento ao desenvolvimento do caminho de ferro. É na Suiça que se situa a mais alta estação de comboio da Europa, a 3454m de altitude.

    [​IMG]

    Para facilitar ainda mais, a aquisição do Swiss Travel Pass permite, por determinado número de dias (de 3 a 15), circular em praticamente todos os comboios do país, em todos os transportes públicos de cerca de 80 cidades, várias travessias de barco e utilizar alguns teleféricos. Quando se chega à estação, é olhar para o quadro das partidas e decidir para onde se quer ir. E a oferta é vasta, por exemplo da estação central de Zurique chegam a partir mais de 60 composições por hora nos horários mais concorridos.

    O problema: é tudo caríssimo. O Swiss Travel Pass custa quase 400 euros para 8 dias. Uma refeição no McDonald's chega facilmente aos 15 euros, e até um pequeno almoço comprado num supermercado fica muito próximo dos 10 euros. Mas vale claramente a pena.

    Em 2017 fiquei hospedado em Zurique, e a partir daí visitei várias cidades na proximidade, incluindo Berna, Lucerna e o principado do Liechtenstein. Em 2018 dei a volta ao país quase todo, começando em Genebra e acabando em Zurique.

    Deixo umas fotos para abrir o apetite, conforme for tendo tempo juntarei mais fotos e descrições mais pormenorizadas.

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]
     
    AnDré, Snifa, Serrano e 14 outras pessoas gostaram disto.
  2. Tiagolco

    Tiagolco
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    15 Jul 2015
    Mensagens:
    5,158
    Local:
    Carnaxide, Oeiras/ Sta Mta de Penaguião, Vila Real
  3. hurricane

    hurricane
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    11 Nov 2007
    Mensagens:
    931
    Local:
    Bruxelas, Bélgica
    @David sf este post veio mesmo a calhar! Dia 28 de fevereiro parto 6 dias para a Suica e quero fazer exactamente a mesma coisa. Vou ficar em varias cidades: Zurique, Luzern, Iterlaken, Zermatt e Montreux. Quero obviamente tambem ver alguns dos sitios onde foste. Apesar de tambem ir pela neve, confesso que queria sol para poder apreciar bem as paisagens no topo das montanhas :D.

    Ja vi que compraste o Swiss Travel Pass?.Mas eu estava inclinado para o Half Fare. O que recomendas?

    No aviao de Bruxelas pela easyjet e nos hoteis ate ficou em conta, mas ja vi que o comboio e a comida é uma fortuna. Mas pelas imagens vale a pena gastar o dinheiro.
     
    MSantos gostou disto.
  4. David sf

    David sf
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    8 Jan 2009
    Mensagens:
    3,910
    Local:
    Oeiras / Portel
    Eu fiz utilização intensiva do comboio, logo comprei o Travel Pass. Depende da quantidade de viagens que faças, simula aqui os percursos e compara o Half Fare Card + Bilhetes com o preço do Travel Pass, mas acho extremamente provável que o Travel Pass seja mais compensador (permite também entradas gratuitas em vários museus).
     
    MSantos gostou disto.
  5. hurricane

    hurricane
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    11 Nov 2007
    Mensagens:
    931
    Local:
    Bruxelas, Bélgica
    Obrigado. Pois eu museus nao vou ter muito tempo, talvez em Zurique ou Luzern. E sei que nos telefericos o preco é normalmente metade quer com um ou outro passe. Mas vou andar muito de comboio entre as cidades portanto se calhar tens razao. Vou comparar obrigado :)
     
  6. MSantos

    MSantos
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    3 Out 2007
    Mensagens:
    8,454
    Local:
    Sto. Estêvão(Benavente) Aveiras de Cima
    Boas fotos de um País muito interessante a vários níveis! :thumbsup:

    Os relatos e fotos das tuas viagens são sempre espetaculares! :)
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  7. Serrano

    Serrano
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    9 Nov 2005
    Mensagens:
    1,792
    Local:
    Covilhã - 775m
    Excelentes fotografias de belas paisagens. Nunca estive na Suíça, mas está na lista para uma futura visita.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura

Partilhar esta Página