Tornado em Sesimbra - 5 de Março 2010

Vince

Furacão
Registo
23 Jan 2007
Mensagens
10,624
Local
Braga
Um ou vários Tornados (conforme os testemunhos) formaram-se ontem em Sesimbra pelas 16:50/17:00 horas chegando a provocar alguns danos num bar de praia. Um utilizador do youtube, Frankas333, fez uma boa reportagem de três vídeos.


sesimbratornado.jpg

(c) Blog Ondajovem/CM Sesimbra




Um tornado apareceu no horizonte, formou-se e foi aumentando o seu tamanho caminhando em direcção a terra. Quando finalmente chegou a terra destruiu um telhado de um bar de praia. O tornado foi visto as 16:54 e terminou pelas 17:00

http://www.youtube.com/user/Frankas333




[strike]Mini[/strike] tornado atinge Sesimbra
Os ventos fortes não provocaram vítimas ou danos materiais significativos


Um tornado de fraca intensidade atingiu, esta sexta-feira, a região de Sesimbra, levantando as chapas que serviam de telhado a alguns edifícios junto à praia. Contudo, não provocou vítimas nem prejuízos significativos, disse à Lusa o vereador da Protecção Civil, Francisco Luís.

«Por volta das 17:00, foi visto, vindo do mar, um [strike]mini[/strike]-tornado a aproximar-se de Sesimbra. Imediatamente a Protecção Civil, Bombeiros e Polícia Marítima deslocaram-se para o sítio onde era previsível que o [strike]mini[/strike]-tornado atingisse terra», disse o autarca sesimbrense.

«O [strike]mini[/strike]-tornado levantou apenas as chapas que serviam de telhado a alguns edifícios, mas sem consequências de maior», frisou o vereador, adiantando que já esteve no local, onde verificou que não houve consequências de maior.

Uma testemunha que passou em Sesimbra, Sofia Mendes, colaboradora da rádio «Sesimbra FM», citada pela Lusa, afirmou que «não era apenas um, mas três ou quatro [strike]mini[/strike]-tornados». «Começámos a ver o céu um pouco estranho por cima da zona do porto de abrigo, muita neblina, tudo muito cinzento. Desloquei-me à janela e vi que estavam três ou quatro cones - há quem diga que era só um mas nós aqui de cima vimos três ou quatro», disse.

«Na zona da praia há um restaurante que ficou sem telhado - as telhas foram parar à encosta do castelo e ao parque de estacionamento do Hotel do Mar. As pessoas que estavam no hotel assustaram-se mas houve apenas um vidro partido», acrescentou Sofia Mendes.

http://diario.iol.pt/sociedade/tornado-sesimbra-vento-praia-tvi24-mini-tornado/1144902-4071.html


Empresário filmou tromba d'água em Sesimbra
"A água estava a subir"

A tromba d' Agua que esta sexta-feira se fez sentir em Sesimbra foi captada em vídeo por Luís Miguel Santos, de 36 anos. O empresário estava a distribuir material da sua firma num bar junto à praia quando viu o cone que se erguia desde o mar até às nuvens. "Comecei a ver ainda a tromba d'água estava a 2/3 km da praia e comecei logo a filmar com o telemóvel. Pensei que fosse uma coluna de chuva no mar, que se vê muito por aqui, mas depois percebi que a água não estava a descer mas a subir", contou ao CM.

Já João Sabino estava dentro do carro num parque de estacionamento junto à praia, ao lado do Restaurante Baía, onde trabalha. "Estava a ler o Correio da Manhã, mais propriamente a lista de premiados do concurso 'Carro Cheio'. Quando vi aquilo apanhei um grande susto e fui a correr para o restaurante", relatou.

O fenómeno natural fez voar o telhado de uma esplanada na praia e de uma casa no Zambujal e partiu alguns vidros do Hotel do Mar. Se tivesse atravessado uma zona mais central da vila de Sesimbra os estragos teriam sido maiores.

António Pinto, pescador sesimbrense de 63 anos nunca tinha visto nada assim. "O tornado vinha a puxar o mar para cima. Passou junto ao farol, entrou pelo porto de abrigo e pela praia, arrancou o telhado da esplanada, passou pelo Hotel do Mar e desapareceu. Era fininho em baixo mas depois engrossava como um cogumelo e trazia coisas no ar", contou.

Miguel Ferreira, de 50 anos, também empregado no Restaurante Baía, lembra-se de que "antes do tornado passar caiu uma grande chuvada e ficou muito escuro". "Não era muito rápido, acho que demorou um minuto e meio desde que apareceu no mar até desaparecer", remata.

http://www.cmjornal.xl.pt/noticia.a...ontentid=B848B4A8-B905-4A8A-988E-D67D1A552B13
 
Editado por um moderador:

actioman

Cumulonimbus
Registo
15 Fev 2008
Mensagens
2,052
Local
Elvas (~300m)
Excelentes relatos e imagens! :surprise::thumbsup:

Acrescentaria uma correcção. Ao formar-se na água, como mostram estas excelentes imagens, chama-se Tromba de Água ou Tromba Marinha. Algumas vezes conseguem fazer pequenas incursões em terra, mas logo perdem as suas características e acabam. ;)

Uma boa literatura das diferenças entre ambos os fenómenos do fórum espanhol Meteored

:thumbsup:

Obrigado pela partilha desta pérola! :thumbsup:
 

Vince

Furacão
Registo
23 Jan 2007
Mensagens
10,624
Local
Braga
Acrescentaria uma correcção. Ao formar-se na água, como mostram estas excelentes imagens, chama-se Tromba de Água ou Tromba Marinha. Algumas vezes conseguem fazer pequenas incursões em terra, mas logo perdem as suas características e acabam. ;)

Uma boa literatura das diferenças entre ambos os fenómenos do fórum espanhol Meteored

Sempre houve grande discussão e pouco consenso em redor desse tema da Tromba Marinha (Waterspout) versus Tornado. Há tornados super-celulares (gerados por um mesociclone) e há outros com diferentes géneses. No mar a maioria não são supercelulares e são tornados de fraca intensidade, EF0 ou EF1, mas também existem trombas supercelulares no mar. E em terra a mesma coisa, em Portugal muitos dos Tornados não nascem de supercelulas e quando são fracos também se poderiam então chamar landspout (trombas terrestes?) em vez de Tornados. O que se calhar não faz muito sentido.

Por causa dessas confusões todas numerosas organizações como por exemplo a NOAA ou a Royal Meteorological Society consideram que uma tromba marinha é um Tornado de qualquer forma, embora nos registos apenas o considerem como tal se tocar em Terra, registando-o como Tromba Marinha, mas não deixa de ser um Tornado.

E eu pessoalmente concordo em chamar tornados às trombas, até porque em Portugal a confusão ainda é maior, porque "tromba de água" tem um significado completamente distinto de Tornado na cultura popular portuguesa, significando uma chuvada diluviana, e "tromba marinha" poucos usam essa expressão.


NOAA:

What is a waterspout? A waterspout is a tornado over water -- usually meaning non-supercell tornadoes over water. Waterspouts are common along the southeast U.S. coast -- especially off southern Florida and the Keys -- and can happen over seas, bays and lakes worldwide. Although waterspouts are always tornadoes by definition; they don't officially count in tornado records unless they hit land. They are smaller and weaker than the most intense Great Plains tornadoes, but still can be quite dangerous. Waterspouts can overturn boats, damage larger ships, do significant damage when hitting land, and kill people. The National Weather Service will often issue special marine warnings when waterspouts are likely or have been sighted over coastal waters, or tornado warnings when waterspouts can move onshore.

http://www.spc.noaa.gov/faq/tornado/


Royal Meteorological Society:


TORNADO
A violent spiral of wind, about 100 m in diameter, which moves over land, causing much damage.
A tornado at sea is called a waterspout.
http://www.metlink.rmets.org/images/pics/glossarycomplete.pdf
 

actioman

Cumulonimbus
Registo
15 Fev 2008
Mensagens
2,052
Local
Elvas (~300m)
Tudo muito certo no que dizes Vince e quem seria eu, com falta de conhecimentos e apenas um curioso, para fazer do tema uma celeuma. No entanto, eu entendo que cabe a nós em boa parte, ajudar a que a opinião geral aprenda a chamar os fenómenos pelos seus nomes correctos.
E mais além da génese e propriedades intrínsecas de cada um dos fenómenos, eu concordo que apenas pelo facto de um se formar na água e o outro em terra, tenham nomes distintos. Quanto ao nome Tromba Marinha, ai já concordo que o nome não é muito feliz, pois este tipo de fenomenologia acontece também sobre rios ou lagos.
 

joseoliveira

Cumulonimbus
Registo
18 Abr 2009
Mensagens
2,889
Local
Loures (Moninhos) 128m
É sempre uma diferença que vale a pena observar, entre uma imagem estática e os vídeos deste tipo de manifestações que mostram a sequência real das diversas fases, porque a grosso modo há características comuns a todos eles mas o fascínio por observar cada detalhe à sua passagem marca sempre essa diferença; obviamente elas existem...

Excelentes registos. :thumbsup::thumbsup: