Brisas Marítimas

Tópico em 'Aprendizagem e Formação' iniciado por Relâmpago 6 Set 2007 às 00:33.

  1. Relâmpago

    Relâmpago
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    19 Mai 2007
    Mensagens:
    584
    Local:
    Lisboa (80m)
    Olá a todos

    Nestes dias estamos a assistir , no litoral algarvio, a temperaturas sensivelmente mais baixas que no resto do País.

    Quais são os fenómenos que desencadeiam as brisas marítimas no litoral sul? A existência de uma depressão térmica que está presente mais a norte?

    Eu próprio tenho observado uma curiosa inversão térmica no litoral sul algarvio, no verão. Ao princípio do dia, a temperatura é já alta (27/30º). Durante a tarde lavanta-se uma brisa marítima (SW) que a faz baixar para cerca de 22º. Para o fim da tarde torna a subir para valores na ordem dos 30º, descendo pouco durante a noite, fazendo com que as noites no litoral sul algarvio sejam quentes, com vento fraco, normalmente de norte.
    Curiosamente, fenómeno idêntico observei-o na península de Tróia, Setúbal.
     
  2. Minho

    Minho
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    6 Set 2005
    Mensagens:
    4,091
    Local:
    Melgaço
    Re: Algarve mais fresco

    Olá Relâmpago!
    É sempre bom ver-te por aqui com perguntas extremamente pertinentes :thumbsup:


    Para a existência de uma brisa marítima têm de se dar dois factores:

    1) Ventos sinópticos fracos ou inexistentes

    Facilmente se verifica olhando para o pântano barométrico (ausência de isobaras muito próximas) sobre o Algarve. Com ventos sinópticos são anulados quaisquer ventos de carácter local

    [​IMG]


    2) Aquecimento do ar em terra provocando uma expansão do ar e consequentemente uma diferença de pressão entre a terra e o mar

    [​IMG]


    Com o ar a circular desde o mar, estando este a apenas 20ºC causa um arrefecimento quando este chega a terra.

    Portanto estavas certo quando pensaste que a Depressão Térmica é uma das causadoras da brisa que se tem feito sentir...
     
    Collapse Signature Expand Signature
  3. algarvio1980

    algarvio1980
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mai 2007
    Mensagens:
    7,148
    Local:
    Olhão (24 m)
    Re: Brisa Marítima - Algarve mais fresco

    Olá Relâmpago:thumbsup:, deixo aqui a resposta pelo IM a essa situação que referiste que eu já tinha mencionado aqui no forum.

    O fenómeno que referiu ocorre de facto com alguma frequência durante o Verão em algumas regiões da faixa costeira do Algarve. A subida acentudada de temperatura num curto intervalo de tempo é originada pela rotação do vento do quadrante sul para o quadrante norte. Por um lado, o vento do quadrante sul (do mar para terra) transporta uma massa de ar húmido e fresco do Atlântico. Por outro lado, o vento do quadrante norte transporta uma massa de ar seco e quente do interior do Algarve e do Alentejo. Desta forma, a rotação de vento origina uma substituição muito brusca da massa de ar, que se traduz na subida acentuada de temperatura na região costeira.

    É de referir ainda que o vento do quadrante sul que ocorre durante a tarde na costa sul do Algarve corresponde em geral a um fenómeno de brisa, que é um fenómeno local e afecta apenas as regiões costeiras. Se a brisa enfraquece e o fluxo predominante sobre Portugal Continental é de norte, então verifica-se a referida rotação do vento.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  4. rozzo

    rozzo
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    11 Dez 2006
    Mensagens:
    1,902
    Local:
    Lisboa
    Re: Brisa Marítima - Algarve mais fresco

    pois.. é normal qd se passa dias de Praia no Algarve reparar que por volta da hora de almoço refresca bastante, e depois ao fim da tarde volta a aquecer mt..
    explicaçao da brisa ja foi aqui dada com mt jeitinho e boas figuras, portanto nao é preciso dizer mt mais ;)
    qto ao arrefecer a hora de almoço pela normal brisa costeira de SW (que raramente nao "vence" a circulaçao sinoptica nestes casos) acaba por acontecer acho eu tanto na zona W como na E, pois no fundo é o equivalente à Nortada que arrefece toda a costa Oeste, mas em menor escala e intensidade..
    quanto ao aquecimento ao fim da tarde, acho que se nota e é mais frequente na metade W do Algarve, pois no fundo é forçamento pela nossa brisa de maior escala e intensidade, a Nortada, que como ja aqui foi bem dito, se no litoral Oeste força ar frio do mar a entrar, no Algarve, pela sua trajectória, acaba por empurrar ar quente do Alentejo! e ainda a isto há a juntar fenomenos termodinamicos do ar quente e seco do alentejo vir de niveis mais altos e descer, portanto, aquece mais.bla bla, mas isto ja sao outras conversas:D
    mas la ta, raramente a brisa de SW nao vence durante grande parte do dia na costa algarvia.. so qd ha situaçoes ou de E/SE intensas (que nunca deixam aquecer mt o Algarve, enqto o resto do pais torra), ou de Norte intensas que aquece bem o Algarve, conseguindo "vencer" bem a brisa de SW (aquece bem o Algarve e no resto do pais voamos com a Nortada):D. melhor exemplo disto acho que é o dia 25/7/2004 (se nao me engano na data) em que uma massa de ar muito quente sobre Portugal se "juntou" a uma circulaçao forte de Norte.. resultado, recordes de temperatura batidos no Algarve por bastantes graus, algo nunca visto, numa conjunçao de factores raros. os algarvios certamente nao esquecem esse dia infernal!:eek:
    e já agora tal como qd temos situaçoes sinopticas de Norte no verao a Nortada massacra a costa W, qd temos situaçoes sinopticas de W no verao, esta brisa algarvia tb se acentua bastante, pelo menos ja passei tardes IMPOSSIVEIS de praia pq so se come areia com o vendaval de W, ali na zona de Manta Rota/Monte Gordo:confused:

    ja agora, um aparte.. o que falaram aqui neste topico do Algarve, curiosamente acontece com mta frequencia aqui na minha praianha a frente, em Carcavelos. apesar de estarmos pode-se dizer na costa Ocidental, a linha do Estoril está orientada a Sul. e em dias deste tipo o padrao é bastante semelhante ao do Algarve.. ou seja aquece com vento de E/NE ate hora de almoço, levanta-se a brisa ligeira de SW arrefecendo bastante.. depois vai mantendo ou aquecendo ligeiramente, ate a Nortada chegar e aquecer bastante la para meio/fim da tarde! a diferença é que aqui o aquecimento apesar de significativo nao dura mt.. pois o ar quente trazido de terra pela Nortada, rapidamente é substituido pelo ar maritimo que ela acaba por trazer, arrefecendo mais rapidamente.. e mtas vezes com o vendaval que bem conhecemos:lmao:

    bem, desculpem o testamento:p
     
  5. algarvio1980

    algarvio1980
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mai 2007
    Mensagens:
    7,148
    Local:
    Olhão (24 m)
    Re: Brisa Marítima - Algarve mais fresco


    Não esquecerei esse dia registei 45,6ºC :hehe::hehe: ar sufocado e alimentado pelos incêndios que cobriram o Sotavento Algarvio com cinza, calor em casa insuportável, a única solução foi ir dormir para a praia de Faro onde milhares de pessoas pernoitaram na praia, espero nunca mais voltar a essa situação:D:D
     
    Collapse Signature Expand Signature
  6. Relâmpago

    Relâmpago
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    19 Mai 2007
    Mensagens:
    584
    Local:
    Lisboa (80m)
    Re: Brisa Marítima - Algarve mais fresco

    Olá a todos

    Nestes últimos dias, em Lisboa, tenho assistido a um fenómeno pouco comum no verão, penso eu. O regime de nortada tão habitual, não se faz sentir e, tal como na costa algarvia, assiste-se a um vento do quadrante S/SW durante a tarde, acalmando durante a noite. Penso que se trate de uma brisa marítima mais localizada do que a nortada.
     
  7. rozzo

    rozzo
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    11 Dez 2006
    Mensagens:
    1,902
    Local:
    Lisboa
    Re: Brisa Marítima - Algarve mais fresco

    sim.. acho que a pressao a superficie por natureza ta um pouco a tender para SE aqui na regiao de Lisboa, ja por si "contrariando" e cortando o habitual NW..
    e depois estando as isobaras tao separadas, numa "calmaria" tao grande.. aparece mais a brisa mais local de SW/W (devido a orientaçao aproximandamente a sul de toda a linha de Estoril/Cascais). assim acresce à situaçao sinoptica.. favorecendo o que disseste, em especial a tarde.. como normal nas brisas!
    digo eu podendo estar errado é claro.. :p
     
  8. triskelion

    triskelion
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    11 Mai 2008
    Mensagens:
    6
    Local:
    Castanheira do Ribatejo
    Boas tardes a todos.

    Sou novo nisto da meteorologia e descobri este fórum há muito pouco tempo. Estou a tirar um curso de meteorologia na marinha e tenho de fazer um trabalho sobre "Brisas Marítimas".

    Gostaria de saber onde posso arranjar informação acerca disso para fazer uma apresentação em PowerPoint para dar uma "aula" sobre o assunto.

    Obrigado.
     
  9. Minho

    Minho
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    6 Set 2005
    Mensagens:
    4,091
    Local:
    Melgaço
    Collapse Signature Expand Signature
  10. rbsmr

    rbsmr
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    6 Ago 2007
    Mensagens:
    555
    Local:
    Cabeça Gorda, Torres Vedras (140m)
    Olá! Bem vindo ao Forum.

    Penso que será incontornável abordar a chamada "Nortada". Esta surge no Litoral Oeste, durante o Verão, a partir da tarde (aproximadamente tem início a partir das 15h-16h) e, em especial, no litoral a norte do sistema Sintra -Montejunto-Estrela. Caracteriza-se, "grosso modo", por um vento moderado fresco e a entrada de nebulosidade, vinda/formada sobre o oceano, por contacto entre o ar quente continental e frio/húmido oceânico.
    Esta situação provoca geralmente situações díspares em termos térmicos, em localidades relativamente próximas. A título de exemplo, pode estar 30ºC ou mais em Lisboa e, em Torres Vedras (cerca de 40 km de Lisboa) ou Sintra cerca de 18ºC/20ºC.

    Esta informação é meramente indicativa, pois como não sou meteorologista. Deves, por isso, procurar informação sobre estes assunto, em termos mais científicos e outros membros do forum serão mais avalizados para acrescentar algo sobre este assunto.

    Encontrei alguma coisa neste site:http://www.fpcolumbofilia.pt/meteo/escola14.htm
     
    Collapse Signature Expand Signature
  11. triskelion

    triskelion
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    11 Mai 2008
    Mensagens:
    6
    Local:
    Castanheira do Ribatejo
  12. Levante

    Levante
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    17 Fev 2008
    Mensagens:
    452
    Local:
    Olhão
    A famosa Nortada do litoral oeste tinha de constar neste tema! :thumbsup: Em relação a essa informação acrescento apenas que ela chega com muita frequência à zona de Sagres (muita mesmo!), mas óbvio que as condições locais (clima de Cabo) também são propícias a uma quase "aceleração" ou "afunilamento", como quiserem chamar, do vento Norte nessa zona. Esse regime de ventos ainda ainda se faz sentir em Lagos (embora com menor regularidade), sendo q a partir de Portimão começa a virar gradualmente para o quadrante oeste, de acordo com a linha de costa. De referir que entretanto já perdeu toda e qualquer nebulosidade que pudesse haver. deixando a nortada sossegada, coitada já é muito falada, passo então a deixar o meu contributo acerca das condições locais. A partir do Cabo de Santa Maria(zona de Faro), existe um regime estival bem marcado de brisa marítima-brisa terrestre.
    Dia clássico 1 (maioria dos dias): manha com temperaturas geralmente elevadas (por vezes máxima do dia), com situação de calma ou vento muito fraco variável, ou de SE/S; por volta do meio-dia entra vento de SW-W, de intensidade variável (pode ser fraco ou moderado, chegando aos 25km/h ou mais), que nao deixa subir a temperatura ou faz mesmo desce-la (para valores em torno dos 28º); por volta das 18h o vento vira para NW/N, em regime de rajadas e geralmente provoca uma elevação da temperatura, que pode subir para os 29-30º ou mesmo para valores perto dos 36º, consoante a massa de ar q esteja sobre a peninsula; à noite o vento N mantém-se até por volta das 2h, a só a partir daí a temperatura desce, para cerca de 22º.
    Dia clássico 2 (boa parte dos dias- LEVANTE): manhã com vento moderado de E, até às 14h (ou até ao fim do tarde, consoante a intensidade do levante no estreito (menos frequente)) e temperatura nos 28-32º; vento variável ou fraco de W que se transforma em situação de calma a partir das 18h; noite calma, húmida e quente (24º)
    Dias atípicos: oeste moderado o dia inteiro e temperaturas q não utrapassam os 25º (raro); vento sem qualquer padrão definido, amanhecendo quente (30º); vento Norte a meio da tarde (16h) em vez da habitual brisa terrestre de fim da tarde/inicio de noite, que provoca uma elevação de temperaturas para valores que podem chegar aos 37º (situação frequente no final de Junho de 2007).
    Dias ainda mais atípicos: vento norte com 45º, Julho de 2003 :hehe:
    Essencial a reter da zona de Cabo de Santa Maria-VRSA (grande parte do Sotavento algarvio-Ria Formosa/Ilhas): vento variável de manha, vento SW-W fraco-moderado àtarde, vento NW-N com rajadas a partir do final da tarde, noites geralmente calmas :thumbsup:
     
  13. Agreste

    Agreste
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    29 Out 2007
    Mensagens:
    8,037
    Local:
    Aljezur (48m) - Faro (11m)
  14. Agreste

    Agreste
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    29 Out 2007
    Mensagens:
    8,037
    Local:
    Aljezur (48m) - Faro (11m)
    Ontem (14/06/2008) foi um bom exemplo disso... :cool:

    [​IMG]

    Anoitecer a cerca de 30º e depois por pouco que não tinhamos uma noite tropical (>21º)... provavelmente já ter havido algumas este ano...
     
  15. twister

    twister
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    23 Mai 2007
    Mensagens:
    10
    Local:
    famalicao
    Brisas maritimas

    Bom dia,

    Estou a fazer uma pesquisa sobre as brisas maritimas, na costa norte de Portugal.
    Tenho algumas duvidas em relação a um aumenta de intensidade de vento com a contribuição e (dependo) da direcção da brisa maritima.
    Li num topico que se o vento sinoptico tiver uma intensidade forte, isto provoca a que a brisa maritima nao venha a ser formada, ou se tal acontecer a brisa maritima é de pouca intensidade.
    Ora estou a fazer um estudo sobre essa matéria e queria averiguar se os meus argumentos que vou passar a expor, são validos:

    Se o vento sinoptico aumentar de intensidade na direcção E(na costa), por exemplo num dia de ceu limpo (condição necessaria a formação de brisa) isto seria devido a brisa maritima "soprar" na mesma direcção do vento, i.é, de W para E. Então, como é que nesse caso, o vento possa ser mais forte se a brisa maritima é uma espécie de "célula" que esta em constante movimento e que consequentemente passa a ser uma barreira que não deixa passar o vento sinoptico?
    Ou entao, como tem o mesmo sentido passam a somar (ha algums 100 km longe da costa) e quando atinge a costa, o vento passa a ser mais forte!
    Por outro lado, quando o vento sinoptico sopre de E para W, com a brisa maritima a atingir a costa e até mais além, isto é, 20-30 km, este ( o vento)passa a subir devido ao movimento da "célula" da brisa que também sobe alguns metros (100m!), o que leva a que o vento sinoptico não chega a atingir a costa e que ao mesmo tempo acaba por "inclinar" a célula ascendente da brisa maritima.

    Bem, espero que perceberam mais ou menos isto para que me digam se ao fim ao cabo algumas afirmaçoes que pus são verdadeiros (ou falsas!)

    Obrigado!:)
     

Partilhar esta Página