Seg. Previsão do Tempo e Modelos - Novembro 2012

Tópico em 'Seguimento Meteorológico' iniciado por David sf 30 Out 2012 às 09:03.

  1. David sf

    David sf
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    8 Jan 2009
    Mensagens:
    3,514
    Local:
    Oeiras / Portel
    Regras deste tópico:


    ->Regras Análise Modelos, Previsão e Alertas
    ->Nota sobre a utilização dos dois tópicos de Previsões


    Aviso MeteoPT

    As análises, previsões ou alertas neste forum são apenas a opinião dos utilizadores que as proferem e são da sua inteira responsabilidade. Não são previsões ou alertas de entidades oficiais, salvo indicação em contrário, não devendo portanto ser usadas como tal.
    Para previsões, avisos e alertas oficiais, consulte sempre os produtos do Instituto de Meteorologia, Protecção Civil ou outras entidades com essa função.
     
  2. stormy

    stormy
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Ago 2008
    Mensagens:
    5,100
    Local:
    Lisboa-Encarnação // Lagoa de sto André
    Re: Seg. Previsão do Tempo e Modelos - Outubro 2012

    Para 6f-Dom-

    Mantem-se tudo ainda algo indefenido, continuo com a opinião de que qualquer coisa ainda pode suceder, e talvez só nas runs das 12z de amanhã a situação se começe a delinear.


    Quanto á convecção-

    Assim a olho, segundo o padrão actual, a região a sul dos 39ºN ( Torres Vedras-Portalegre) será a mais beneficiada no que toda á instabilidade.
    O GEM12z, com o ECMWF12z proximo, coloca um padrão que poderia ser compativel com convecção pré frontal localmente severa e, depois, com uma frente organizada em linhas convectivas com tambem potencial severo.

    Por outro lado, o GFS12z/18z e o UKMO12z estão mais calmos, com o GFS a colocar uma situação que poderia dar em algumas células mais activas eventualmente, mas nada de mais.


    Vento-


    Tambem assim a olho...olhando para o tipo de sinoptica que os modelos preveem,poderemos ter algum vento, a sul potenciado por alguma célula convectiva, e a norte associado a uma depressão que se geraria por traz da pluma de ar tropical ( sinoptica complexa, para já dificil de assegurar).


    Chuva-


    Quanto a este ponto os modelos, independentemente da sinoptica exata, colocam bastante chuva.
    A sul devido á pluma tropical, que não é preciso muito para inestabilizar e condensar aquele ar saturado e quente.
    A norte, porque algum desse tal ar tropical talvez consiga penetrar nos niveis médios, gerando nimboestratus com muita chuva associada, e depois, devido á situação de pós frontal com advecção fria em altura.

    Falamos assim em valores generalizados de 20 a 50mm/12h com valores até 80mm/12h em algumas regiões, tais como as vertentes S/SW do sistema central e as serras costeiras do norte/centro.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  3. Aurélio

    Aurélio
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    23 Nov 2006
    Mensagens:
    4,335
    Local:
    Faro
    Re: Seg. Previsão do Tempo e Modelos - Outubro 2012

    Bom dia,

    Olhando aos modelos para já noto uma clara diferença entre os modelos (todos) e o ECM a partir de Domingo.

    Para hoje e amanhã teremos chuva a norte e algumas nuvens a sul.

    Na Sexta teremos o choque entre as duas massas de ar (quente e fria), sendo que no inicio do dia teremos alguma chuva a norte, e a sul um aumento da nebulosidade, com chuva a partir da tarde, ou inicio da noite consoante os modelos podendo ser forte e acompanhada de trovoada. A intensidade depende muito do modelo a que se olhe, pois alguns dão a entrada da chuva pelo sudoeste, pelo litoral entre Sagres e Sines, e outros abrangendo até a Andaluzia espanhola.

    No Sábado seria forte a norte e centro e persistente nas regiões mais a sul.

    No Domingo aí surge as diferenças entre o ECM e todos os outros modelos, pois no ECM toda aquela pluma tropical é empurrada para leste, e a depressão a noroeste cava mais para sul e absorve-a (penso eu !!), e empurra tudo para leste, enquanto todos os outros modelos (GFS, UKMO, NOGAPS, modelo australiano, GEM, ect ...) isso não acontece ....
    Se tal acontecer continuariamos em especial a sul, com entrada de bandas de instabilidade convectiva, mas o que me preocupa é que o ECM tem mantido esta linha de terminar com a instabilidade no Domingo de manhã !

    Acho que apenas as run das 12h ajudarão a clarificar muito melhor esta questão pois está claro que o ECM está seguindo um caminho completamente diferente dos outros modelos, começando logo pelo local de entrada da chuva na Sexta Feira !
     
  4. algarvio1980

    algarvio1980
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mai 2007
    Mensagens:
    7,152
    Local:
    Olhão (24 m)
    Re: Seg. Previsão do Tempo e Modelos - Outubro 2012

    O GFS na run das 6 cortou mais a precipitação, agora só 24 mm. O Hirlam já começa a dar mais precipitação na zona de Cádiz do que aqui. :lmao:
     
    Collapse Signature Expand Signature
  5. Aurélio

    Aurélio
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    23 Nov 2006
    Mensagens:
    4,335
    Local:
    Faro
    Re: Seg. Previsão do Tempo e Modelos - Outubro 2012

    Este mês de Outubro foi um mês perfeitamente dentro do normal na maior parte do país, segundo os dados recolhidos no site da NOAA, que mostra a precipitação dentro dos parâmetros normais, no Porto, Bragança, Lisboa, Beja e Faro .....

    Como a estação de Faro/Aeroporto está marada, os dados estão errados sendo que a precipitação neste mês em Faro rondou os 80 a 90 mm, graças áquela manhã que davam 2 mm, e cairam 40 mm :lmao:, só que foi apenas a zona de Sagres e Faro afectadas, e por isso penso que a média no Algarve deverá andar na ordem dos 50 mm que caíram.

    Bom mas voltando aos modelos parece-me que a nível de precipitação os modelos estão ainda bastante inseguros, mas também é certo que os principais modelos não dão nada de especial em termos de precipitação, e está ao nível da outra depressão que prometia muito mas depois afinal o GFS tinha razão e acabou por não ser nada de especial, mas sim dias normais de chuva.

    De salientar ainda estas ultimas actualizações do GFS e do NOGAPS que se colaram ao ECM, no que toca ao término da precipitação no próximo Domingo !
     
  6. miguel

    miguel
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    4 Fev 2006
    Mensagens:
    11,978
    Local:
    Setúbal
    Re: Seg. Previsão do Tempo e Modelos - Outubro 2012

    Eu não dava por tão banal a chuva que irá cair entre o fim do dia de sexta e o inicio do dia de Domingo!!! Penso que irá surpreender muita gente!! E até causar alguns problemas, depois de Domingo parece cada vez mais certo tempo estável mas frio!!
     
    Collapse Signature Expand Signature
  7. Thomar

    Thomar
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    19 Dez 2007
    Mensagens:
    1,602
    Local:
    Ponte de Sôr (125m)
    Re: Seg. Previsão do Tempo e Modelos - Outubro 2012

    Pois é miguel, segundo o IM na previsão descritiva para sexta e sábado é realmente de esperar muita chuva, principalmente no centro e sul do país:


     
    Collapse Signature Expand Signature
  8. stormy

    stormy
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Ago 2008
    Mensagens:
    5,100
    Local:
    Lisboa-Encarnação // Lagoa de sto André
    Re: Seg. Previsão do Tempo e Modelos - Outubro 2012

    Pois...
    A depressãozinha que era suposto nascer no Med ocidental hoje, alimentada em parte com ar de origem tropical que tem estado pela Madeira/Canárias, tornou-se numa besta de 980/985hpa, quando o GFS, o ECMWF e o Hirlam todos a colocavam nuns modestos 990-985hpa.

    Portanto estamoa a ver que os modelos substimaram a depressão por +-5hpa, o que pode sempre fazer alguma diferença.

    A nossa situação do fim de semana é em tudo similar, temos um cavado forte a descer de norte e ar tropical a vir de SW, sendo que essa massa tropical é anormalmente quente e humida para a epoca do ano.

    Qualquer coisa pode suceder...e nas ultimas saidas das 00z-06z temos bastante divergencia, uns modelos mais agressivos, outros mais frouxos.

    Na minha opinião poderá ser um evento significativo especialmente no centro e sul..continuaremos a acompanhar com atenção.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  9. Aristocrata

    Aristocrata
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    28 Dez 2008
    Mensagens:
    4,547
    Local:
    Paços de Ferreira, 292 mts
    Re: Seg. Previsão do Tempo e Modelos - Outubro 2012

    Essa depressão foi aquela depressão formada ao largo do nosso NO, que nos afectou de 2ª para 3ª feira, e que migrou para o mediterrâneo ocidental, alimentando-se com ar tropical que passou entre o sul de Espanha e o norte de Marrocos.
    O GFS já apresentava cartas onde cavava de forma interessante esta depressão - e nomeadamente quanto à precipitação era muito generosa com a França mediterrânica e com a costa ocidental de Itália.;)
     
    Collapse Signature Expand Signature
  10. Norther

    Norther
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    25 Nov 2010
    Mensagens:
    1,460
    Local:
    Tortosendo 550m Encosta Sul Serra da Estrela
    Re: Seg. Previsão do Tempo e Modelos - Outubro 2012

    Nesta saída das 12Z do GFS aumentou a quantidade de ar tropical, chegando mais ao norte

    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expand Signature
  11. supercell

    supercell
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    3 Mai 2012
    Mensagens:
    1,091
    Local:
    Aveiro
    Segundo o IM:

     
  12. Aurélio

    Aurélio
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    23 Nov 2006
    Mensagens:
    4,335
    Local:
    Faro
    Bom analisando os modelos parece que ainda não existe consenso nos modelos em especial no que toca á precipitação, e penso que isso se deve ao facto do que aquilo que está previsto, não ser sistemas frontais bem definidos, mas sim sistemas convectivos com células embebidas, e por isso neste momento a unica coisa que se sabe, é que toda aquela mancha nebulosa que neste momento se encontra a Sudoeste da Madeira, e prestes a entrar na Madeira, vai progredir para Noroeste e começar a afectar a região sul a partir do meio da tarde de amanhã ainda com intensidade bastante incerta.

    Destaque ainda para a possível ocorrência de dois períodos mais intensos, de acordo com as ultimas informações, que serão entre o final do dia de amanhã e a madrugada de Sábado, e o final do dia de Sábado e a madrugada de Domingo.

    Em ambos os casos a região centro parece ser a que tem mais possibilidades de ser afectada, em especial as região Lisboa, Setubal, Ribatejo, Leiria, Portalegre e Castelo Branco.

    Mas em todo o caso como isto está sempre a mudar penso que somente amanhã teremos a situação melhor definida em termos de precipitação.

    Destaque ainda para a possibilidade de ventos fortes associados ás linhas de maior instabilidade e ás trovoadas que poderão acompanhar no centro e sul, as linhas de instabilidade mais severa !

    Em relação á Madeira, a partir desta tarde poderão ter linhas de instabilidade severa até ao meio dia de Sábado, isto devido a células embebidas nas linhas de instabilidade.

    Obviamente tratando-se de aguaceiros e trovoadas tudo pode passar ao lado e nem sequer chover, ou pouco chover, mas existem condições para tal acontecer !
     
  13. David sf

    David sf
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    8 Jan 2009
    Mensagens:
    3,514
    Local:
    Oeiras / Portel
    A partir de amanhã o território continental português ficará sob a influência de uma massa quente e húmida, proveniente de sudoeste. Durante alguns dias, chegou-se a modelar uma ciclogénese interessante, devido ao choque desta massa com uma fria polar presente no Atlântico, mas tal não deverá suceder, o que não quer dizer que não haja motivos de interesse.

    Espera-se então, a partir da tarde/noite de amanhã (curioso que a maior divergência entre os modelos ocorre na previsão para amanhã, estando em relativa sintonia para os dias seguintes) precipitações localmente fortes acompanhadas de trovoadas e de subida generalizada das temperaturas. As regiões mais afectadas serão provavelmente o centro e o sul, já que no norte do país, a massa de ar quente e húmida será rapidamente substituída pela massa de ar frio polar que lentamente se instalará na península durante o fim de semana.

    Olhando aos modelos, o ECMWF começa a afectar as regiões a sul do Tejo logo amanhã ao início da tarde, estendendo-se a precipitação às demais regiões ao longo da noite e madrugada. O dia de sábado deverá ser marcado por aguaceiros, que vão perdendo importância no extremo norte ao longo do dia, com a entrada de ar frio. Ao fim do dia de sábado, dá ideia que ocorre uma frontogénese na transição entre as duas massas de ar, que segundo a run das 00z do ECMWF se situará nas proximidades do sistema montanhoso Montejunto-Estrela, permanecendo o regime de aguaceiros a sul da frente, e o tempo menos húmido e mais frio a norte. Essa frente, durante o dia de domingo, movimentar-se-á para sueste, afectando as regiões a sul do Tejo, instalando-se o ar frio em todo o país no fim desse dia. O movimento da frente, principalmente enquanto afecta o centro do país, deverá ser lento, pelo que pode originar bons acumulados.

    Previsão da precipitação, ECMWF, run das 00z:

    [​IMG]

    Carta do Theta-E a 850 hpa, ECMF, run das 00z, onde se podem ver claramente as duas massas de ar:

    [​IMG]

    (Estas e outras cartas relativos a outros parâmetros do ECMWF podem ser consultadas aqui http://www.tiempohoy.es/es/home/tiempo/modelos-meteorologicos/ecmwf.html, disponível para membros registados, o registo é gratuito.)

    O GFS modela tudo de forma idêntica, a nível sinóptico e global, mas localmente tem algumas diferenças. Não só tem muito pouca precipitação na sexta-feira (tem valores de CAPE inferiores aos do ECMWF), como prevê acumulados menores no fim-de-semana, e mete a acção toda um pouca mais a norte.

    Previsão da precipitação, GFS , run das 06z:

    [​IMG]

    O WRF da MeteoGalicia, está na mesma linha do GFS, sendo um modelo mesoscalar, percebe-se melhor a heterogeneidade do evento, com locais com acumulados enormes de precipitação, e outros quase secos:

    [​IMG]
     
  14. trovoadas

    trovoadas
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    3 Out 2009
    Mensagens:
    1,739
    Local:
    loule-caldeirao
    Bom de um modo geral todos os modelos metem a precipitação mais intensa em zonas do litoral oeste sul e centro e também algumas zonas do interior sul e centro, ficando o sotavento e sueste Alentejano com quantidades de precipitação muito menos significativas.
    A acontecer isto outra vez não sei o que se passa por esta região, porque para o outro lado da fronteira, sudoeste/sul e oeste da Andaluzia as quantidades de precipitação previstas são bem mais generosas.
    O único modelo optimista para aqui é o hirlam mas parece que anda um bocado sozinho.
     
  15. rozzo

    rozzo
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    11 Dez 2006
    Mensagens:
    1,902
    Local:
    Lisboa
    Mais alguma informação para completar a que o David muito bem já colocou.

    Os modelos de mesoscala apontam todos para uma zona de precipitação intensa na noite/madrugada de 6ª para Sábado, algures no eixo Lisboa-Setúbal. Valem o que valem, muitas vezes inventam, dada a sua resolução, mas é um sinal de alerta, pois são todos mesmo.

    Deixo o exemplo do ALADIN (fonte: IM)

    [​IMG]


    De resto, será de esperar sempre um evento bastante chuvoso devido à tal origem da massa de ar (latitudes bastante a Sul, portanto carregada de ar bem húmido). Como se vê pela indefinição dos modelos nestes últimos dias em relação ao evento, é difícil prever com exactidão onde ocorrerão (caso ocorram claro) precipitações mais severas, pois com uma massa de ar destas, a diferença entre muita ou pouca chuva está em ocorrer ou não (e onde) forçamento vertical importante, porque potencial para "despejar" imensa água há bastante. Somando ainda o facto da faixa de instabilidade ficar bastante tempo sobre a nossa região, como também já foi dito.

    Mapa com água precipitável na atmosfera (o tal potencial para chover muito caso haja forçamento). Também aqui se vê que o potencial para acumulados mais importantes decresce rapidamente no extremo Norte da península, onde está a outra massa de ar mais fria:

    [​IMG]
     

Partilhar esta Página