1300 relâmpagos em 5 minutos

Mário Barros

Furacão
Registo
18 Nov 2006
Mensagens
12,501
Local
Cavaleira (Sintra)
Eu não me lembro se este vídeo já aqui foi colocado mas caso tenha sido deve andar para aí perdido algures nalgum tópico, fica aqui um tópico merecido para algo deverás impressionante para quem não conhece ficar a conhecer :D. Eu raramente vejo vídeos americanos de tempestades pois não gosto de ver coisas que nunca irei ver se não for lá, mas isto é deveras brutal para não ver.

 
Editado por um moderador:

Lightning

Cumulonimbus
Registo
25 Jul 2008
Mensagens
4,114
Local
Corroios
Sempre tive curiosidade em saber as "causas" de tanto aparato eléctrico em tão pouco tempo numa célula...

Quando estive nos EUA isto era o dia-a-dia (neste caso a noite-a-noite :D) e que me lembre foram à volta de umas 3 ou 4 noites em que apanhámos estas condições.

Uma pessoa aqui em Portugal com tanto azar para apanhar um raio, coisa raríssima que é tão difícil de acontecer que se se conseguir fotografar um que seja já ficamos contentes, e outros países com coisas destas em que basta abrir a lente da máquina uns 10 segundos para capturar 50 ou 100 raios... :lmao:

A última que me lembro de assistir em Portugal foi em 2007, em Setembro, no fim do mês (dias 20 e 21).

Há alguma explicação possível para algumas células terem assim tanta energia?
 

ecobcg

Cumulonimbus
Registo
10 Abr 2008
Mensagens
4,862
Local
Sitio das Fontes e Carvoeiro (Lagoa - Algarve)
Já agora, deixo aqui também um. O destaque não vai para o número de relâmpagos (que não é igual ao dos vídeos acima), mas pela quantidade de relâmpagos ascendentes e com origem aparente no mesmo local. :thumbsup:

 
Editado por um moderador:

camrov8

Cumulonimbus
Registo
14 Set 2008
Mensagens
3,288
Local
Oliveira de Azeméis(278m)
condições optimas em darwin há tempestades (não me lembro a altura do ano) que são tão regulares que teem nome calor e humidade em ambundância, por cá é uma combinação rara ou esta calor e esta seco ou há humidade e não há calor é na primavera ou outono que temos as melhores condições