Aldeia mais fria do mundo chega aos 50 graus negativos

DaniFR

Nimbostratus
Registo
21 Ago 2011
Mensagens
1,874
Local
Coimbra (75 m)

Vídeo - SIC Notícias


E se vivesse num sítio que chega aos 50 graus negativos?


Em Portugal não estamos habituados ao frio a sério. Pelo menos não como na Sibéria, onde se encontra a aldeia mais fria do mundo, podendo chegar aos 50 graus negativos, relata a SIC Notícias.

Chama-se Oymyakon, fica na Sibéria, e é a aldeia habitável mais fria do mundo, podendo chegar aos 50 graus negativos, mas já chegou aos 72 graus negativos, conta a SIC Notícias.

Nesta aldeia, que detém o recorde da temperatura mais baixa numa zona permanentemente habitada (-72º), vivem cerca de 500 pessoas.

E como é que se seca a roupa, por exemplo, não havendo máquinas de secar roupa? Estende-se, deixa-se ficar na rua três dias (fica mesmo rija e congelada) e depois leva-se para perto do calor, que faz com fique ligeiramente húmida mas quase seca. Dizem os locais que fica o mais fresca possível.

A temperatura média, em janeiro, são 50 graus negativos. A partir desta temperatura, diz a mesma estação, a tinta das canetas e os combustíveis ficam congelados.

Com menos de 50 graus negativos, as escolas encerram, pois as deslocações tornam-se muito complicadas (não há combustíveis). A alimentação dos habitantes desta aldeia baseia-se em carne de cavalo e de rena. Só durante um curto período há acesso a alguns vegetais.

fonte