Assentiz selvagem

StormRic

Furacão
Registo
23 Jun 2014
Mensagens
14,197
Local
Póvoa de S.Iria (alt. 140m)
(Clicar nas fotos para ver na página original)

A Enseada de Assentiz situa-se a sul do Cabo da Roca, depois da Malhada do Louriçal. Rodeada de falésias até 150m de altura é caracterizada pelo seu isolamento e acesso pouco conhecido embora este não seja dos mais difíceis. O encanto desta enseada está na beleza da sua água e areia. A única praia de areia abundante entre o Abano, no Guincho, e a Roca. Só alguns pescadores costumam frequentá-la e mesmo esses preferem ficar nas Arribas Direitas, falésias que limitam a praia a sul.

O acesso pode ser feito pela Roca ou pela Azóia, sendo mais fácil por esta, por caminhos muito bonitos entre vegetação ainda original e pouco invadida pelo diabólico chorão das praias.


15 de Outubro de 2011
Pela Roca desce-se o trilho a sul do Cruzeiro até à Ribeira do Louriçal, acima da cascata, atravessa-se nos caniçais e sobe-se o trilho na encosta oposta.
Do alto dessa encosta tem-se uma nova e vertiginosa perspectiva da Pedra da Azóia (cuidado com as vertigens):


Olhando então para o lado sul, avista-se o promontório do Espinhaço e descobre-se a bela enseada de águas cor de esmeralda:






Para trás fica a última visão da Pedra da Azóia e dos pináculos do Louriçal:


Descendo para a praia, morada e refúgio de colónia de gaivotas:




O pequeno paraíso selvagem de Assentiz:


Pescadores nas Arribas Direitas:


Passagem impossível para o Louriçal:


Poente dos tempos primevos:







(Clicar nas fotos para ver na página original)
 
Última edição:

StormRic

Furacão
Registo
23 Jun 2014
Mensagens
14,197
Local
Póvoa de S.Iria (alt. 140m)
Descida a Assentiz e vistas do lado sul.

27 de Dezembro de 2012
Vindos da Azóia, procurar lá no fim do monte com vista para a Roca, o "ponto vermelho" e descer o caminho para noroeste que começa aí (deixo sempre o prazer da descoberta completa a cada um porque é assim que eu também gosto de conhecer novos lugares ;) , em estilo "Caça ao Tesouro", alguém se lembra?)



Descemos lá de cima:


O trilho, depois de uma passagem difícil:


Olhando para trás:


Extremo norte:


Vista desde o extremo sul. O trilho da descida está na encosta de avalanche do lado direito:


À sombra das Arribas Direitas, vista para a falésia do Louriçal com um ângulo invulgar da Pedra Pombeira ou Ciclope, do lado esquerdo. Nesta imagem pode ver-se quatro fases da formação dos rochedos isolados da costa, como a referida Pedra.
Da direita para a esquerda:
1- sulcos da escorrência modelam pequenas cristas;
2- uma crista isola-se cada vez mais pelos desmoronamentos ao longo dos sulcos;
3- um rochedo começa a ficar destacado da falésia;
4- o rochedo está completamente separado da falésia e é rodeado pelas ondas que o transformarão numa pequena ilha mais tarde e finalmente em um escolho ou baixio à medida que for sendo rebaixado.


O vale suspenso denuncia ao mesmo tempo o recuo rápido da falésia e a regressão marinha:


Já sobre a crista daquela falésia, aspecto que mostra a o início da formação de uma nova falésia, processo de erosão muito mais rápido do que aquele que arredondou as formas da paisagem. Em ambos os casos o agente de erosão foi a água, da escorrência das chuvas, no arredondamento, ou do embate das ondas que vai subtraindo suporte à encosta pela sua base causando desmoronamentos e avalanches. No topo do cabeço arredondado vê-se a pedra do ponto vermelho e pela encosta abaixo o trilho de descida. Mas é na formação de pedra mais branca que está o segredo da descida.


A praia em maré muito alta e mar com ondulação. A cor é sempre esmeralda:


Regresso pelo Louriçal, de onde já se vê o rebordo quase vertical do Promontório da Lua e a Pedra da Azóia:


Vale da Ribeira do Louriçal com os caniçais que é preciso atravessar e o trilho de subida à Roca:
 
Última edição:

actioman

Cumulonimbus
Registo
15 Fev 2008
Mensagens
2,052
Local
Elvas (~300m)
Todas estas "visitas guiadas" juntas já davam um belo livro de trilhos e escapadas nessa zona da costa!

Até eu, que não sou um grande apaixonado pelo mar, começo a pensar diferente com estas magnificas imagens! Realmente tenho de olhar para o nosso mar com outros olhos...

Obrigado pela partilha e pela transmissão de conhecimentos! :thumbsup:

Abraço!
 
  • Gosto
Reactions: StormRic

StormRic

Furacão
Registo
23 Jun 2014
Mensagens
14,197
Local
Póvoa de S.Iria (alt. 140m)
É fantástico ver estas fotos, mas torna-se muito mais agradável ler ao mesmo tempo as descrições que fazes... ;)

Muitos parabéns... :palmas::palmas::palmas::palmas::palmas:

Todas estas "visitas guiadas" juntas já davam um belo livro de trilhos e escapadas nessa zona da costa!

Até eu, que não sou um grande apaixonado pelo mar, começo a pensar diferente com estas magnificas imagens! Realmente tenho de olhar para o nosso mar com outros olhos...

Obrigado pela partilha e pela transmissão de conhecimentos! :thumbsup:

Abraço!

Muito obrigado pelo vosso incentivo! :cheers: espero que tenham também o prazer destas descobertas como eu tenho! A nossa costa é inesgotável de aventuras e cenários fascinantes!
 

João Pedro

Super Célula
Registo
14 Jun 2009
Mensagens
5,168
Local
Porto, Campo Alegre (50 m) | Samora Correia (10 m)
(...)
Poente dos tempos primevos:



Magníficas! :w00t: :palmas: Adoro quando o sol fica assim vermelhinho! :)

27 de Dezembro de 2012
Vindos da Azóia, procurar lá no fim do monte com vista para a Roca, o "ponto vermelho" e descer o caminho para noroeste que começa aí (deixo sempre o prazer da descoberta completa a cada um porque é assim que eu também gosto de conhecer novos lugares ;) , em estilo "Caça ao Tesouro", alguém se lembra?)
Então não? Não perdia um! :D
Já sobre a crista daquela falésia, aspecto que mostra a o início da formação de uma nova falésia, processo de erosão muito mais rápido do que aquele que arredondou as formas da paisagem.
Muito interessante! :cool:
 
  • Gosto
Reactions: StormRic