Avisos, Alertas e Previsões oficiais - Janeiro 2014

CptRena

Nimbostratus
Registo
16 Fev 2011
Mensagens
1,510
Local
Gafanha da Encarnação, Aveiro
Informação especial

Comunicado válido entre 2014-01-14 19:09:00 e 2014-01-18 19:09:00

Assunto: Forte agitação marítima no Atlântico Norte

O IPMA prevê a manutenção de forte agitação marítima no Atlântico Norte para os próximos dias. No dia 16 de janeiro a costa ocidental do continente será atingida por ondas de 4 a 5 metros, prevendo-se também a formação de uma depressão a sul da Gronelândia que se irá deslocar em direcção à costa de África, originando vento muito forte e agitação marítima com altura significativa superior a 8 metros e período próximo de 13 segundos. Esta situação poderá afetar o arquipélago da Madeira nos dias 17 e 18, estando previstas rajadas de 80 km/h e ondas de noroeste superiores a 5 metros. O IPMA irá manter a vigilância meteorológica, atualizando as previsões sempre que se justifique, recomendando-se que se sigam as orientações dos serviços de Proteção Civil.

Data de edição: 2014-01-14 19:54:20

->Comunicados
 

Duarte Sousa

Staff
Registo
8 Mar 2011
Mensagens
5,993
Local
Loures
Guarda e Castelo Branco com aviso amarelo para "Queda de neve acimas dos 800/1000 metros de altitude", de 16 Janeiro 2014 00:00 a 18 Janeiro 2014 10:59.
 

Gerofil

Super Célula
Registo
21 Mar 2007
Mensagens
9,755
Local
Estremoz (401 metros)
Análise sinóptica e tendência do estado do tempo

17.01.2014_12h00.jpg


MetOffice

Carta Sinóptica de Superfície prevista para amanhã,
Sexta-feira, 17 de Janeiro de 2014_12h00UTC


A previsão do cavamento de um núcleo de baixas pressões para amanhã, no oceano Atlântico junto à linha de costa ocidental, irá condicionar o estado do tempo em todo o território de Portugal Continental. Assim, o dia de amanhã ficará caracterizado pelo aumento generalizado da nebulosidade e a ocorrência de precipitação, estendendo-se do litoral para o interior e de sul para o norte.
A coincidência com a presença de ar muito frio em altura (25 graus negativos aos 500 hPa, a cerca de 5000 metros de altitude) irá favorecer o desenvolvimento de nebulosidade do tipo convectivo (nebulosidade de desenvolvimento vertical), o que poderá originar a ocorrência de períodos de chuva, por vezes fortes e acompanhados de trovoada.
Atenção especial ao vento que soprará forte, com rajadas muito fortes, especialmente durante os períodos de ocorrência de precipitação, predominando do quadrante sul. O facto de o vento predominar do quadrante sul favorecerá a manutenção de temperaturas amenas à superfície.
Durante o dia de Sábado é esperado uma ligeira melhoria do estado do tempo em Portugal Continental, antecedendo um novo agravamento previsto para a noite de Sábado para Domingo, com a aproximação e passagem de um sistema frontal que traíra mais precipitação e uma descida moderada da temperatura do ar para Domingo, havendo então condições para a ocorrência de queda de neve nas terras altas do norte e centro do território do continente.
 
Última edição:

Duarte Sousa

Staff
Registo
8 Mar 2011
Mensagens
5,993
Local
Loures
gnbw.jpg


Ondulação:

Madeira (Costa Norte e Porto Santo) - Aviso Vermelho: Ondas de noroeste com 7 a 8 metros de altura significativa podendo atingir pontualmente 12 a 14 metros de altura máxima.
De Sex, 17 Janeiro 2014 18:00 UTC a Sáb, 18 Janeiro 2014 05:59 UTC.

Toda a costa Ocidental do continente - Aviso Laranja: Ondas de noroeste com 5 a 6 metros de altura significativa (de Aveiro a Lisboa)
De Sex, 17 Janeiro 2014 00:00 UTC a Sáb, 18 Janeiro 2014 08:59 UTC


Setúbal, Beja e Faro (Costa Ocidental) - Aviso Laranja: Ondas de noroeste com 5 a 7 metros de altura significativa.
De Sex, 17 Janeiro 2014 12:00 UTC a Sáb, 18 Janeiro 2014 11:59 UTC.


Neve:

Braga, Bragança, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Porto e Viana do Castelo - Aviso Amarelo: Queda de neve acima dos 800/1000 metros de altitude.
De Qui, 16 Janeiro 2014 13:00 UTC a Sáb, 18 Janeiro 2014 23:59 UTC


Precipitação:

Aveiro, Beja, Braga, Coimbra, Évora, Faro, Leiria, Lisboa, Porto, Santarém, Setúbal e Viana do castelo - Aviso Amarelo: Aguaceiros por vezes fortes acompanhados de trovoada com possibilidade de ocorrência de fenómenos extremos de vento.
De Sex, 17 Janeiro 2014 00:00 UTC a Sex, 17 Janeiro 2014 11:59 UTC
 

Duarte Sousa

Staff
Registo
8 Mar 2011
Mensagens
5,993
Local
Loures
44qy.png


Storm Forecast
Valid: Thu 16 Jan 2014 06:00 to Fri 17 Jan 2014 06:00 UTC
Issued: Wed 15 Jan 2014 23:37

A level 1 was issued for western Portugal mainly for tornadoes.

SYNOPSIS

Western Portugal

Late in the period, deepening Atlantic short-wave trough will affect western Portugal. A moist low-level south-westerly flow and increasing lapse rates from the west will lead to some instability reaching the coasts in the morning hours. Given the strong low-level vertical wind shear, mesocyclones capable of producing tornadoes are not ruled out. Convective activity will continue on Friday given low-level warm air advection.
 
  • Gosto
Reactions: Gil_Algarvio

PedroMAR

Cumulus
Registo
13 Nov 2011
Mensagens
214
Local
S. Miguel de Machede, Évora
AVISO À POPULAÇÃO
Autoridade Nacional de Protecção Civil
DATA E HORA DE EMISSÃO: 16 JAN 2014 / 13:30
AVISO Nº 03/2014

PRECIPITAÇÃO, VENTO FORTE, NEVE e AGITAÇÃO MARITIMA

No seguimento do contacto com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) realizado hoje, 16 de janeiro, no Comando Nacional de Operações de Socorro (CNOS) da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), salienta-se:
– Queda de Neve à cota 800-1000m, na serra do Gerês, Montesinho, Alvão, Montemuro e Estrela com maior intensidade durante o período 00h de dia 17JAN até 20h de dia 18JAN.
– Agitação marítima forte, com ondulação a variar entre os 5-7m na costa ocidental, podendo o pico máximo ser temporariamente de 10m, a norte do cabo Carvoeiro.
– Litoral Norte - Centro (00h-09h de dia 17JAN)
o Precipitação localmente intensa (>10mm/3h) acompanhada de queda de granizo, rajadas fortes podendo variar entre os 60-100km/h. Expectável a ocorrência de fenómenos extremos de vento.
– Litoral Centro – Sul (09h-20h de dia 17JAN)
o Precipitação localmente intensa (>10mm/3h) acompanhada de queda de granizo, rajadas fortes podendo variar entre os 60-100km/h. Expectável a ocorrência de fenómenos extremos de vento.
– Espera-se que a partir de sábado (18JAN) haja um gradual desagravamento das condições meteorológicas.
Acompanhe as previsões meteorológicas em www.ipma.pt.

EFEITOS EXPECTÁVEIS

Face à situação acima descrita, poderão ocorrer os seguintes efeitos:
– Piso rodoviário escorregadio e eventual formação de lençóis de água;
– Possibilidade de cheias rápidas em meio urbano, por acumulação de águas pluviais ou insuficiências dos sistemas de drenagem;
– Possibilidade de inundação por transbordo de linhas de água nas zonas historicamente mais vulneráveis;
– Danos em estruturas montadas ou suspensas;
– Possíveis acidentes na orla costeira;
– Inundações de estruturas urbanas subterrâneas com deficiências de drenagem;
– Possibilidade de queda de ramos ou árvores.
– Fenómenos geomorfológicos causados por instabilização de vertentes associados à saturação dos solos, pela perda da sua consistência.

MEDIDAS PREVENTIVAS

A ANPC recorda que o eventual impacto destes efeitos pode ser minimizado, sobretudo através da adoção de comportamentos adequados, pelo que, e em particular nas zonas historicamente mais vulneráveis, se recomenda a observação e divulgação das principais medidas de autoproteção para estas situações, nomeadamente:
– Garantir a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais e retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculos ao livre escoamento das águas;
– Adotar uma condução defensiva, reduzindo a velocidade e tendo especial cuidado com a possível formação de lençóis de água nas vias;
– Não atravessar zonas inundadas, de modo a precaver o arrastamento de pessoas ou viaturas para buracos no pavimento ou caixas de esgoto abertas;
– Garantir uma adequada fixação de estruturas soltas, nomeadamente, andaimes, placards e outras estruturas suspensas;
– Ter especial cuidado na circulação junto de áreas arborizadas, estando atento para a possibilidade de queda de ramos e árvores, em virtude de vento mais forte;
– Ter especial cuidado na circulação junto da orla costeira e zonas ribeirinhas historicamente mais vulneráveis a inundações rápidas;
– Não praticar atividades relacionadas com o mar, nomeadamente pesca desportiva, desportos náuticos e passeios à beira-mar, evitando ainda o estacionamento de veículos na orla marítima;
– Estar atento às informações da meteorologia e às indicações da Protecção Civil e Forças de Segurança.

Face à presente previsão, a ANPC eleva o Estado de Alerta Especial (EAE), no Nível AMARELO, do Sistema Integrado de Operações de Socorro (SIOPS) para o Dispositivo Integrado de Operações de Protecção e Socorro (DIOPS) para todos os distritos entre as 20H00 de 16JAN2014 e as 12H00 de 18JAN14.:
A ELEVAÇÃO do EAE pressupõe um incremento da monitorização e a intensificação, por parte do dispositivo de resposta, de ações preparatórias para eventuais intervenções.

Fonte: www.prociv.pt
 
  • Gosto
Reactions: Gerofil

PedroMAR

Cumulus
Registo
13 Nov 2011
Mensagens
214
Local
S. Miguel de Machede, Évora
- AVISOS LARANJA -
PRECIPITAÇÃO
Nos distritos de LISBOA, SETÚBAL, BEJA e FARO Desde as 02:00UTC de 17.01.14 até as 03:00UTC de 18.01.14
Aguaceiros, por vezes fortes, acompanhados de trovoada, com possibilidade de ocorrência de fenómenos extremos de vento.

Nos distritos de LEIRIA
Desde as 02:00UTC de 17.01.14 até as 00:00UTC de 18.01.14
Aguaceiros, por vezes fortes, acompanhados de trovoada, com possibilidade de ocorrência de fenómenos extremos de vento.

Nos distritos de ÉVORA
Desde as 02:00UTC de 17.01.14 até as 03:00UTC de 18.01.14
Aguaceiros, por vezes fortes, acompanhados de trovoada, com possibilidade de ocorrência de fenómenos extremos de vento.

Nos distritos de SANTARÉM
Desde as 02:00UTC de 17.01.14 até as 00:00UTC de 18.01.14
Aguaceiros, por vezes fortes, acompanhados de trovoada, com possibilidade de ocorrência de fenómenos extremos de vento.
 

Gerofil

Super Célula
Registo
21 Mar 2007
Mensagens
9,755
Local
Estremoz (401 metros)
EDIT: ESTA PREVISÃO É CONSIDERADA INVÁLIDA PORQUE A SITUAÇÃO SINÓPTICA FOI INCORRECTAMENTE MODELADA.


PORTUGAL CONTINENTAL (regiões centro/sul): Aviso de tempo severo

18_19Jan2014.JPG


MetOffice

O rápido cavamento de uma profunda depressão ao oeste de Portugal Continental (queda de 15 hPa entre as 18h00 de hoje e as 06h00 de amanhã no seu centro), que ocorrerá a partir do final da tarde de hoje e que se deslocará para sueste irá influenciar o estado do tempo nas regiões do centro e sul de Portugal Continental ao longo da noite e madruga da próxima noite (Sábado para Domingo).
Conjugado com a presença de ar muito frio nas camadas intermédias e superiores da troposfera, esta depressão terá tendência para a ocorrência de tempo severo, com ocorrência de precipitação potencialmente forte a muito forte, especialmente no Baixo Alentejo e Algarve, podendo ser acompanhada pela ocorrência de trovoadas e queda de granizo. Durante os períodos de precipitação mais forte poderão ocorrer fenómenos de ventos muito fortes ou extremos.
A combinação da humidade existente com o ar frio presente na troposfera favorecerá a ocorrência de precipitação de neve nas terras altas do interior.
Recomenda-se o seguimento das recomendações emanadas pelas autoridades oficiais para situações de mau tempo.
 
  • Gosto
Reactions: CptRena

David sf

Staff
Registo
8 Jan 2009
Mensagens
5,163
Local
Oeiras / VN Poiares
PORTUGAL CONTINENTAL (regiões centro/sul): Aviso de tempo severo

18_19Jan2014.JPG


MetOffice

O rápido cavamento de uma profunda depressão ao oeste de Portugal Continental (queda de 15 hPa entre as 18h00 de hoje e as 06h00 de amanhã no seu centro), (...)

Não é isso que as cartas mostram, a depressão às 18h ainda não está formada, nota-se a ondulação que lhe dará origem que andará a rondar os 996 hpa. Doze horas depois tem 989 hpa, uma queda de 7 hpa. Será relevante a queda de 6 hpa entre as 00z e as 06z, mas não se trata de algo excepcional.

Mais relevante que o cavamento previsto pode ser algum evento convectivo a ocorrer na região sudoeste do território continental.
 

Gerofil

Super Célula
Registo
21 Mar 2007
Mensagens
9,755
Local
Estremoz (401 metros)
PORTUGAL CONTINENTAL (regiões centro/sul): Aviso de tempo severo

EDIT: Com as imagens actuais que se podem observar por satélite constata-se que a evolução sinóptica prevista pelos modelos apresenta algumas discrepâncias relativamente à realidade. Assim, o centro da depressão formada no Atlântico deverá fazer a sua trajectória para sueste mas numa posição mais para leste, seguindo uma trajectória aproximada Leiria – V.R.S. António.
Estas circunstâncias reflectem-se nas previsões feitas às 12h33, diminuindo consideravelmente a situação de instabilidade prevista inicialmente, uma vez que o centro depressionário fará uma trajectória mais continental (sobre superfície terrestre emersa), o que diminuirá significativamente o seu poder convectivo por perder grande parte da sua base de alimentação de vapor de água procedente do oceano.
No entanto, continuam previstas significativas precipitações para as regiões do centro/sul.

Imagens de Satélite: SAT24 AIRMASS