Avisos, Alertas e Previsões oficiais - Junho 2013

David sf

Staff
Registo
8 Jan 2009
Mensagens
5,167
Local
Oeiras / VN Poiares
Regras deste tópico:


->Regras Análise Modelos, Previsão e Alertas
->Nota sobre a utilização dos dois tópicos de Previsões


Aviso MeteoPT

As análises, previsões ou alertas neste forum são apenas a opinião dos utilizadores que as proferem e são da sua inteira responsabilidade. Não são previsões ou alertas de entidades oficiais, salvo indicação em contrário, não devendo portanto ser usadas como tal.
Para previsões, avisos e alertas oficiais, consulte sempre os produtos do IPMA, Protecção Civil ou outras entidades com essa função.
 

Gerofil

Super Célula
Registo
21 Mar 2007
Mensagens
9,755
Local
Estremoz (401 metros)
Sete ilhas dos Açores sob aviso amarelo por causa da chuva

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) alertou hoje para o agravamento do tempo nos Açores, já a partir da próxima madrugada, colocando sete ilhas sob aviso amarelo por causa da chuva.
Segundo o IPMA, o agravamento do estado do tempo nos Açores deve-se à "passagem de uma frente fria de atividade moderada", pelo que as ilhas do grupo central (Terceira, Graciosa, S. Jorge, Pico e Faial) ficam sob aviso amarelo, o segundo menos grave numa escala de quatro, referente a precipitação, entre as 00:00 de segunda-feira e a 01:00 de terça-feira.
Também as ilhas do grupo ocidental (Corvo e Flores) ficam sob aviso amarelo, por causa da chuva, mas entre as 00:00 e as 15:00 de segunda-feira.

DESTAK
 

Gerofil

Super Célula
Registo
21 Mar 2007
Mensagens
9,755
Local
Estremoz (401 metros)
Tempo instável típico da Primavera

18.06.2013_00h00_500hpa.JPG


Carta aos 500 hPa prevista para 18.06.2013_00h00UTC (MeteoPT - Modelo GFS)

18.06.2013_00h00.JPG


Carta Sinóptica de Superfície prevista para 18.06.2013_00h00UTC (MetOffice)

Um núcleo de ar frio em altitude (20º C negativos a 500 hPa, sensivelmente a 5500 metros de altitude), a que corresponde um centro de baixa pressão atmosférica em superfície, encontra-se esta Segunda-feira em aproximação ao noroeste da Península Ibérica; tal facto em muito se deve ao posicionamento do anticiclone localizado estes dias sobre o Arquipélago dos Açores, quando geralmente se localiza mais próximo da Península Ibérica e em cunha sobre o Golfo da Biscaia.
Assim, o estado do tempo em Portugal Continental vai ficar condicionado pela passagem de uma superfície frontal que penetrará pelo noroeste às ultimas horas de hoje e que atravessará as regiões do norte e centro ao longo da próxima noite, madrugada e manhã de Terça-feira, caracterizando-se por um aumento da nebulosidade e do vento.
O elevado gradiente térmico entre as temperaturas registadas à superfície com o ar muito frio em altitude, aliado à presença de humidade, irá favorecer o desenvolvimento de nebulosidade do tipo vertical (cumulonimbos) que estarão na origem de aguaceiros e trovoadas, pontualmente fortes e acompanhadas de queda de granizo. A temperatura do ar registará uma significativa descida, nomeadamente nas regiões do interior e nos valores máximos.
 

Mário Barros

Furacão
Registo
18 Nov 2006
Mensagens
12,501
Local
Cavaleira (Sintra)
Assunto: Tempo quente
Para o dia 24 de Junho, prevê-se uma subida da temperatura máxima que deverá atingir valores acima de 30 ºC em quase todo o território do continente, sendo entre 35 e 40 ºC no interior do Alentejo e no Vale do Tejo. A semana deverá continuar com tempo quente e seco, céu limpo e vento fraco a moderado, predominando de nordeste e rodando para noroeste na faixa costeira ocidental durante a tarde. Para mais informações, consulte as previsões do estado do tempo e os avisos meteorológicos, no site do IPMA.