Depressões DANIEL, ELSA e FABIEN - Dezembro de 2019

Tópico em 'Eventos Meteorológicos' iniciado por Pedro Araújo 15 Dez 2019 às 11:53.

  1. StormRic

    StormRic
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jun 2014
    Mensagens:
    13,955
    Local:
    Póvoa de S.Iria (alt. 140m)
    Na análise das 18h, a frente fria era precedida de uma linha de instabilidade.
    As temperaturas às 19h mantinham-se entre os 16ºC e os 17ºC.
    Terá o pico do vento relação com essa linha, e a frente ainda não passou (ou não vai passar)?

    [​IMG]

    Observando a imagem de radar, a frente fria não passou, na minha opinião:

    [​IMG]

    24h de Elsa:

     
  2. Between

    Between
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    17 Nov 2018
    Mensagens:
    192
    Local:
    Amarante
    https://averdade.com/tamega-e-sousa...metros-numa-hora-e-esta-a-provocar-inundacoes


    Amarante: Rio Tâmega subiu 80 centímetros numa hora e está a provocar inundações

    José Luís Gaspar, presidente da Câmara Municipal de Amarante, também com o pelouro da Proteção Civil, deu conta que o caudal do rio está a subir "um centímetro por minuto" e adianta que, caso continue a subir desta forma, "o pior cenário será toda a zona baixa da cidade ficar inundada", algo que já aconteceu em Amarante.
     
  3. StormRic

    StormRic
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jun 2014
    Mensagens:
    13,955
    Local:
    Póvoa de S.Iria (alt. 140m)
    A subida das temperaturas e o aumento do vento reforçam a conclusão de que o pico do vento observado anteriormente pode ser atribuído a uma linha de actividade maior no sector quente e não da frente:

    [​IMG]

    Veremos se a RLC continuará neste sector devido à frente não descer mais em latitude, mantendo-se a norte de Peniche:

    [​IMG]
     
  4. João Pedro

    João Pedro
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    14 Jun 2009
    Mensagens:
    5,083
    Local:
    Porto, Campo Alegre (50m)
    Vale do Tejo a reabastecer! :w00t:
    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  5. Between

    Between
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    17 Nov 2018
    Mensagens:
    192
    Local:
    Amarante
    E o Tâmega já "transborda" e afeta zonas no centro de Amarante, muitos estabelecimentos de comerciantes em risco, alguns já inundados! Neste momento não chove :rain::(

    [​IMG]
     
  6. StormRic

    StormRic
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jun 2014
    Mensagens:
    13,955
    Local:
    Póvoa de S.Iria (alt. 140m)
    Ainda vem mais precipitação:
    [​IMG]

    [​IMG]

    A RLC mantém-se em sector quente.
    Provavelmente nova ondulação da frente ou formação de segunda frente mais a norte.
    Esperemos a análise das 00h para confirmar.
    Mas a análise frontal prevista para hoje (sexta-feira 20) às 12h dá mesmo essa ideia, de formação de uma ondulação da frente com novo ramo quente. O ramo frio da anterior ondulação desceu em latitude já fora do alcance do território.
    [​IMG]
     
  7. jonas_87

    jonas_87
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    11 Mar 2012
    Mensagens:
    16,313
    Local:
    Alcabideche, Cascais - cota 119 mts
    Valores de rajada máxima superiores a 100 km/h registados ontem 19-12-2019.

    • Fajao, Pampilhosa da Serra: 150,1 km/
    • Fóia, Monchique: 122,4 km/h
    • Mogadouro: 116,6 km/h
    • São Pedro de Moel: 111,2 km/h
    • Bandarra, Trancoso: 109,4 km/h
    • Cabeceiras de Basto: 108,7 km/h
    • Dois Portos, Torres Vedras: 107,3 km/h
    • Cabo da Roca: 104,8 km/h
    • Cabril: 104 km/h
    • Mirandela: 102,6 km/h
    • Santa Barbara, Pinhão: 101,2 km/h

    A rajada de Pampilhosa da Serra ficou certamente bem posicionada no top de rajadas máximas de sempre, liderada por Figueira da Foz (176 km/h 2018) e cabo da Roca (169 km/h 2016)
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  8. Duarte Sousa

    Duarte Sousa
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    8 Mar 2011
    Mensagens:
    5,937
    Local:
    Loures
    Precipitação acumulada 19/12/2019 - rede IPMA

    [​IMG]

    Rajada máxima 18/12/2019 - rede IPMA

    11 estações acima dos 100km/h, com Pampilhosa da Serra (Fajão) a liderar com 150,1km/h.

    [​IMG]

    [​IMG]
     
  9. romeupaz

    romeupaz
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    5 Set 2008
    Mensagens:
    413
    Local:
    Leiria (76 m)
    O Liz já transbordou na zona "fusível" ontem antes das 00h. Certamente, com o que chove e falta chover, vai deitar fora em mais sítios[​IMG][​IMG][​IMG][​IMG]

    Enviado do meu Mi MIX 2S através do Tapatalk
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  10. joralentejano

    joralentejano
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Set 2015
    Mensagens:
    7,003
    Local:
    Arronches (272m) | Leiria


    Chove bem, de forma persistente.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  11. Snifa

    Snifa
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    16 Abr 2008
    Mensagens:
    10,065
    Local:
    Porto-Marquês:145 m Mogadouro:749 m
    Tornado varreu 40 casas seguidas em Vila do Conde

    Ana Trocado Marques
    Hoje às 08:25

    Telhados, vidros e persianas arrancadas pelo vento em Vila Chã, numa intempérie "nunca vista", que deixou desalojados e prejuízos avultados.

    Partiu vidros e persianas, arrancou telhados, derrubou varandas e deixou cobertos no chão. Pela rua, acumulam-se telhas, vidros e galhos de árvores. Contas feitas, são cerca de 40 as casas atingidas, numa faixa de 150 metros de largura ao longo de um quilómetro, entre as ruas da Praia Nova e Trás do Fieiro, em Vila Chã, Vila do Conde.

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera disse ao JN que são marcas de tornado.


    "Tinha tudo fechado. O vento partiu a persiana e o vidro", atira Clementina Santos. Em 80 anos, nunca viu tal. As telhas do vizinho foram-lhe parar ao jardim e até a placa "vende-se" da casa em frente acabou no quarto. Acordou com o barulho. Eram 2.20 horas. Agora, tem a casa sem janela da frente. Ali, na Rua Nova, a um quilómetro do mar, quase todas as casas perderam telhas.


    Junta à praia, na praceta do Côjo, Ana Teixeira não ganhou para o susto. "Foi um estrondo enorme!", conta. A água começou a entrar logo a seguir. A casa alagou. Os enormes buracos no telhado confirmam. Temeu por ela e, sobretudo, pelos dois filhos, de dois e quatro anos. Os pequenos acabaram a dormir na sala, "o único sítio em que não chove". Os pais tentaram salvar móveis e eletrodomésticos. Tão cedo a família não vai poder regressar a casa. A carrinha, comprada há duas semanas, levou com as telhas da casa do vizinho. "Ficou desfeita", conta Ana.

    Na praceta nenhuma casa escapou. A 100 metros, na Rua da Praia Nova, Vera Maia viu destruídos os anexos. A sólida cobertura voou toda. "Estragaram-se roupas, eletrodomésticos, móveis", lamenta.

    Durante todo o dia, o presidente da Junta, Joaquim Moreira, andou a ajudar como podia e a Câmara de Vila do Conde diz estar a acompanhar o caso.


    Vacarias destruídas

    Em Mindelo e Gião, duas vacarias sofreram prejuízos avultados. Às 7.30 horas, quando se levantou, José Dias viu a "vacaria a voar", as telhas partiram parte do telhado da outra. Os prejuízos são de "muitos milhares de euros". As 40 vacas estão agora, provisoriamente, todas acomodadas num mesmo espaço, mas a produção de leite "vai continuar".

    https://www.jn.pt/local/noticias/po...casas-seguidas-em-vila-do-conde-11639331.html
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  12. MSantos

    MSantos
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    3 Out 2007
    Mensagens:
    9,534
    Local:
    Azambuja / Mte. Barca (Coruche)
    Pedia a todos os membros que tivessem fotos, dados meteorológicos, gifs de imagens radar/satélite, notícias etc. referentes a esta depressão que nos afectou nos últimos dias, que os partilhasse neste tópico.

    No fundo o objectivo é ser um tópico de resumo da depressão Elsa, para consulta futura. Venham de lá esses registos! :)
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #87 MSantos, 20 Dez 2019 às 11:10
    Última edição: 20 Dez 2019 às 11:16
  13. jonas_87

    jonas_87
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    11 Mar 2012
    Mensagens:
    16,313
    Local:
    Alcabideche, Cascais - cota 119 mts
    Valores de rajada máxima superiores a 100 km/h registados ontem 19-12-2019.

    • Fajao, Pampilhosa da Serra: 150,1 km/
    • Fóia, Monchique: 122,4 km/h
    • Mogadouro: 116,6 km/h
    • São Pedro de Moel: 111,2 km/h
    • Bandarra, Trancoso: 109,4 km/h
    • Cabeceiras de Basto: 108,7 km/h
    • Dois Portos, Torres Vedras: 107,3 km/h
    • Cabo da Roca: 104,8 km/h
    • Cabril: 104 km/h
    • Mirandela: 102,6 km/h
    • Santa Barbara, Pinhão: 101,2 km/h

    A rajada de Pampilhosa da Serra ficou certamente bem posicionada no top de rajadas máximas de sempre, liderada por Figueira da Foz (176 km/h 2018) e cabo da Roca (169 km/h 2016)

    ----

    Por cá tive rajada máxima de 105 km/h (Pai do Vento, Alcabideche - Cascais).
    Não sendo nada de extraordinário para o clima da minha zona, não deixam de ser valores algo perigosos.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #88 jonas_87, 20 Dez 2019 às 11:14
    Última edição: 20 Dez 2019 às 11:19
  14. Duarte Sousa

    Duarte Sousa
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    8 Mar 2011
    Mensagens:
    5,937
    Local:
    Loures
    Boa sugestão! :thumbsup: Já tinha pensado em criar um tópico destes com alguns GIFs de cartas de modelos, imagens de satélite, etc., mas só o conseguiria fazer amanhã :(

    Entretanto o staff decidiu encerrar o tópico para evitar mensagens excessivas, ficando assim apenas com os posts que forem copiados para aqui. Este processo pode levar algum tempo, visto que teremos de filtrar dezenas e dezenas de mensagens, por todos os seguimentos existentes.
     
  15. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    8,158
    Local:
    Torres Novas(75m)
    Bom dia,

    Por aqui começou a cair aguaceiros fracos a moderados por volta das 8 da manhã, e ainda continua, sem interrupções.
    Depois de ver aqui os ribeiros da minha localidade, posso afirmar que foi a maior enchente dos últimos 6 anos pelo menos, agora já voltaram ao seu leito, mas estão no limite, basta chover novamente com mais intensidade para voltarem a galgar.
    Nem deu para tirar umas fotos, pois ainda nunca parou de chover.

    O rio Almonda, aqui já próximo da Reserva Natural do Paúl do Boquilobo, á muito que não via a água subir a este nível.



    Há mais de 10 a 12 anos, que não via a água, chegar ao ponto de submergir esta estrada.





    Um açude totalmente coberto com tanta água, no centro da cidade de Torres Novas.

    [​IMG]

    Créditos: Isabel Jorge
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    guisilva5000 gostou disto.

Partilhar esta Página