Instabilidade convectiva, Lapa - Sernancelhe, 13, 14 e 15 Agosto 2009

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,049
Local
Odivelas (140m) / Várzea da Serra (900m)
Como tem sido hábito nos últimos anos, passo sempre um período de 10 dias do mês de Agosto, na localidade da Lapa, em Sernancelhe, no distrito de Viseu.
Trata-se de uma aldeia pequena, a 900m de altitude, com vista privilegiada para a Serra da Estrela, Caramulo, Montemuro... :D

Semttulo2-1.png


Este ano, tive a oportunidade de assistir a 3 tardes de instabilidade convectiva na região, nos dias 13, 14 e 15 de Agosto. Na madrugada do dia 13 também vi um verdadeiro espectáculo de trovoadas a este e sudeste da minha localização, que pelo que li no Seguimento Interior Norte e Centro - Agosto de 2009, a *Marta* também viu. :D
Infelizmente dessa madrugada não tenho fotografias.

Ficam então alguns registos, que consegui, em escapadelas que dava durante o meu trabalho de voluntariado. :p


-----------------------------------

Dia 13 de Agosto

14:00/14:15 - Altura em que o céu começou a encobrir.

13-1.jpg


13-2.jpg


13-3.jpg




Por volta das 14h30 foi quando deu o primeiro trovão! A partir daí, estavam-se constantemente a ouvir trovões. Ainda choveu durante alguns minutos. Com cada pingo. Parecia quase granizo. Mas o grosso da precipitação caiu toda a sul. Ali era apenas a rampa de lançamento para a formação da nebulosidade.


13-5.jpg


13-6.jpg


14:36
13-4.jpg


-----------------

15:39, Post do Vince sobre o tema.

Forte actividade convectiva. O André reportou trovoada em Sernancelhe. O Spiritmind trovoada forte em Gois e Pampilhosa da Serra.
A direcção das células é mais ou menos WSW ou SW.


Animação

sat.gif


Mapa com divisões distritais:

69937638.jpg

Nessa altura o céu estava assim:

13-7.jpg



Mais tarde, entre as 16h e as 17h:




As células de Viseu, vistas do lugar onde eu estava:

13-8.jpg



Sudeste:
13-9.jpg



Sul:
13-10.jpg



A oeste, Montemuro:
13-11.jpg



Pequenas mammatus
13-12.jpg


Nordeste:
13-13.jpg



Sentido sul, direcção de Viseu:
13-14.jpg



Vista a norte:
13-15.jpg
 

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,049
Local
Odivelas (140m) / Várzea da Serra (900m)
Dia 14 de Agosto


Nesse dia a animação começou mais tarde, e foi mais fraco. Apesar de ainda assim se terem ouvido imensos trovões.

Post do Vince sobre com as imagens de satélite ao início da tarde:

Há imensas semelhanças com ontem, mas a esta mesma hora ontem já estava tudo mais avançado

Ontem/hoje 15:00 (14z)

54680107.gif


Descargas eléctricas dessa tarde:



Algumas fotografias entre as 16h20 e as 18horas.

A sul: (16:24)
14-1.jpg


A sudeste: (16:30)
14-2.jpg


A este: (16:47)
14-3.jpg


A oeste: (16:47)
14-4.jpg


A este: (17:42)
14-5.jpg


A nordeste: (17:26)
14-6.jpg


A norte: (18:02)
14-7.jpg



Apesar da intensidade ter sido menor, nesse dia, consegui apanhar este raio num pequeno vídeo que fiz:

14-8.jpg
 

Fil

Cumulonimbus
Registo
26 Ago 2005
Mensagens
3,926
Local
Bragança (740 m)
Excelentes fotos, bem apanhada a do raio em plena luz do dia. :thumbsup: Escolheste bem o local para os últimos dias de férias, quase no centro da acção. ;)
 

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,049
Local
Odivelas (140m) / Várzea da Serra (900m)
André, posso picar um pouco :D

Que tal tentares por ai uma estação a bombar :) a debitar dados para a net?:thumbsup:

Ainda que eu tivesse poder económico para isso, ia precisar de inventar a net lá. É que não há mesmo nada.

Talvez um dia, porque não... :rolleyes:

Mas já agora, uma curiosidade, mesmo à entrada da aldeia, há uma estação meteorológica do INAG em óptimo estado.
E até está na rede da página do snirh. Pena não emitir dados desde Dezembro de 2007. :(
 

joseoliveira

Cumulonimbus
Registo
18 Abr 2009
Mensagens
2,889
Local
Loures (Moninhos) 128m
Desejoso de uma caçada com este tipo de condições pelo interior resta-me a expectativa desse dia chegar!

Pelas imagens Sat colocadas pelo Vince, certamente também se verificaram o mesmo tipo de condições bem perto de Coimbra.
Recordo que muitas vezes tais células se deslocavam de Este e quando o topo das mesmas já se avistava por cima das Serras a nascente da cidade, não raro, à medida que continuavam o seu percurso ganhavam ímpeto e descarregavam a sua fúria acumulada no interior.

Simplesmente fantástico para um dos poucos destemidos por ali a não querer que escapasse nenhum pormenor! :p

Interessantes registos AnDré... :thumbsup: