Local mais húmido de Portugal

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,049
Local
Odivelas (140m) / Várzea da Serra (900m)
Penso que é toda a água do orvalho, nevoeiro, neblina, etc..

Portanto o psm deve estar a referir-se àquele "nevoeiro molhado" característico especialmente das encostas norte que molham e molham bem?!
Realmente se calhar esse tipo de precipitação é mesmo oculto, mas por exemplo, na Serra de Sintra às vezes o nevoeiro traz tanta água que as árvores pingam como se tivesse a chover, e chega mesmo a correr água na calçada.
Este fenómeno não deve ser contabilizado?

E será que essa precipitação oculta, tem um peso tão significativo nessa precipitação?:huh:
 

psm

Nimbostratus
Registo
25 Out 2007
Mensagens
1,509
Local
estoril ,assafora
Vou dar o verdadeiro significado de precipitação oculta,ou melhor, o verdadeiro nome é precipitação horizontal, isto depois de andar a pesquisar,retirei do livro "arvores e florestas de portugal" "Açores e Madeira"



"Precipitação Horizontal
Quantidade de agua retirada das particulas liquidas duma massa da atmosfera,por superficies de intercepção,que,pela sua dimensão,não cairam pela gravidade(chuva).Essas particulas podem ser goticulas dos nevoeiros ou as próprias nuvens que se formam a altitudes tão baixas que tocam as montanhas.As superficies interceptoras podem ser o próprio solo ou rochas mas , mais frequentemente serão as copas mais exteriores da vegetação.A quantidade de agua retirada por esta intercepção depende,principalmente,da dimensão das goticulas e da sua densidade,da velocidade da massa de ar e da estrutura da vegetação.Nos Açores este fenómeno tem uma grande importante,podendo,nas zonas montanhosas fornecer um acrescimo de agua para os ecossistemas muito significativa.Alguns tipos de vegetação destes meios estão adaptados a colectar esta água,como os bosques de JUNIPEROS"





Este fenomono ocorre muitas vezes não só como disse o André, na serra de Sintra, mas a norte dela, e nas montanhas em Portugal,no entanto tem maior insidencia na Madeira e Açores.
 

Azorean

Cirrus
Registo
17 Jun 2008
Mensagens
15
Local
Palmela/Ilha do Pico
Olá a todos os cúmulos e cirrus!

Já tinha andado a bisbilhotar este fórum, mas foi este tópico que me fez inscrever. :)

E será que não há ninguém afixionado por meteorologia na Ilha do Pico?
Ai se eu fosse de lá...
Minava a ilha de penicos

Não podia deixar passar isto em branco... Minavas a minha ilha de penicos? Francamente! :shocking:

Agora a sério: Eu considero-me um aficionado da meteorologia, mas não ao ponto (ainda) de espalhar estações portáteis por aí. E sim, sou da Ilha do Pico, embora, infelizmente, nos últimos anos só vá lá no verão. Tenho saudades das diferentes estações e principalmente de ver o Pico com neve.

Uma vez que o vento dominante é de sul-sudoeste, e que as nuvens vêm dessa parte, antes da passagem de uma frente, sempre pensei que chovesse muito mais do lado sul da montanha, mas pelos vistos é ao contrário...

Bem, aqui fica o meu primeiro post neste fórum.

Abraço ;)
 

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,049
Local
Odivelas (140m) / Várzea da Serra (900m)
Olá a todos os cúmulos e cirrus!

Já tinha andado a bisbilhotar este fórum, mas foi este tópico que me fez inscrever. :)



Não podia deixar passar isto em branco... Minavas a minha ilha de penicos? Francamente! :shocking:

Agora a sério: Eu considero-me um aficionado da meteorologia, mas não ao ponto (ainda) de espalhar estações portáteis por aí. E sim, sou da Ilha do Pico, embora, infelizmente, nos últimos anos só vá lá no verão. Tenho saudades das diferentes estações e principalmente de ver o Pico com neve.

Uma vez que o vento dominante é de sul-sodoeste, e que as nuvens vêm dessa parte, antes da passagem de uma frente, sempre pensei que chuvesse muito mais do lado sul da montanha, mas pelos vistos é ao contrário...

Bem, aqui fica o meu primeiro post neste fórum.

Abraço ;)

Olá Azorean:)

Bem-vindo ao fórum!
Acho que és o primeiro membro com raízes no Pico!:)

Apesar de nunca ter ido aos Açores, também tinha ideia que a vertente sul da ilha do Pico era a que mais precipitação acumulava. Também me enganei!:hehe:
Quanto ao "minava a ilha de penicos", referia-me a colocar uns talvez 5 pluviometros naquela encosta tão diversificada ao nível da precipitação.
Afinal em linha recta, aquilo não são mais que 20 quilometros, nos quais temos uma diferença de 5000mm anuais! Não me referia a estações complexas... Nada disso. Apenas simples pluviometros.
Ninguém ia dar por eles:D:D:D
 

Azorean

Cirrus
Registo
17 Jun 2008
Mensagens
15
Local
Palmela/Ilha do Pico
Não sei se já existe algum pluviómetro no local, mas é pouco provável. As medições que foram feitas creio que não serão permanentes. O que existe de forma permanente são algumas estações sísmicas.

Em relação a percipitações ocultas, creio que não estão contabilizadas nesse mapa. Se assim fosse deveria haver uma diferença mais drástica entre as cotas mais baixas e as cotas com nevoeiro quase diário. A diferença existe, mas de forma gradual. Na zona que conheço melhor, a região a norte da montanha, os nevoeiros são raros abaixo da altitude de cerca de 700 metros. A zona do planalto central da ilha, com altitudes médias de uns 800 metros, está quase permanentemente com nuvens.

O que penso que será recorde no Pico, para além da chuva, é certamente o vento. Existe uma estação na cratera da montanha, o Pico Nare. Foi usada pelos Estados Unidos em parceria com a Universidade dos Açores, para medições de poluição atmosférica na zona do Atlântico Norte. Actualmente essa investigação já acabou, mas a estação permanece lá e estava a ser usada pela Universidade dos Açores para outros tipos de medições, meteorológicas e sísmicas, penso.

Mas a zona do planalto central da ilha é fascinante de facto. :thumbsup:
 

martinus

Cumulus
Registo
22 Dez 2006
Mensagens
438
Local
Portugal
Re: Seguimento Litoral Norte - Dezembro 2012

Do lado português, a estação de Castro Laboreiro segue com 404,0mm este mês.

Acredito que a Portela do Homem tenha um valor superior, embora não haja como prova-lo. Infelizmente.
E quem diz a Portela do Homem, diz outros recantos do Gerês.

No que respeita ao Parque da Peneda-Gerês creio que as regiões mais pluviosas são as vertentes ocidentais das serras da Peneda e Soajo. Em tempos conheci um senhor que foi guarda florestal nessa zona (nos tempos do Estado Novo) e um dos filhos disse-me que o pai todos os anos apresentava os registos de pluviosidade mais elevados do país. Todas as casas de guarda faziam registos meteorológicos e na área do Parque havia algumas dezenas de casas.
 

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,049
Local
Odivelas (140m) / Várzea da Serra (900m)
Re: Seguimento Litoral Norte - Dezembro 2012

No que respeita ao Parque da Peneda-Gerês creio que as regiões mais pluviosas são as vertentes ocidentais das serras da Peneda e Soajo. Em tempos conheci um senhor que foi guarda florestal nessa zona (nos tempos do Estado Novo) e um dos filhos disse-me que o pai todos os anos apresentava os registos de pluviosidade mais elevados do país. Todas as casas de guarda faziam registos meteorológicos e na área do Parque havia algumas dezenas de casas.

Sabes como se chama a localidade exacta onde era essa casa florestal?

Nas normais (71-00), tenho os seguintes valores para os lugares com mais precipitação anual: (>=2400mm)

1º Leonte (874m): 2863,9mm
2º São Bento da Porta Aberta (357m): 2742,8mm
3º Zebral (857m): 2580,4mm
4º Peneda (697m): 2536,4mm
5º Penedo (536m): 2480,8mm

Todos se situam nas vertentes sul do Gerês à excepção da Peneda.

Para a série 51-80, tenho:
1º Leonte: 3373,8mm
2º Portela do Homem: 3314,6mm
3º Junceda, Covide: 3193,0mm
 

Aristocrata

Super Célula
Registo
28 Dez 2008
Mensagens
6,164
Local
Paços de Ferreira, 292 mts
Re: Seguimento Litoral Norte - Dezembro 2012

Sabes como se chama a localidade exacta onde era essa casa florestal?

Nas normais (71-00), tenho os seguintes valores para os lugares com mais precipitação anual: (>=2400mm)

1º Leonte (874m): 2863,9mm
2º São Bento da Porta Aberta (357m): 2742,8mm
3º Zebral (857m): 2580,4mm
4º Peneda (697m): 2536,4mm
5º Penedo (536m): 2480,8mm

Todos se situam nas vertentes sul do Gerês à excepção da Peneda.

Para a série 51-80, tenho:
1º Leonte: 3373,8mm
2º Portela do Homem: 3314,6mm
3º Junceda, Covide: 3193,0mm

Por falar em leonte, o udómetro responsável por estas medições teve este fim de vida - e não tem substituto:
xtxqh.jpg

Há dias dei uma volta por lá, na casa de Leonte, e encontrei-o neste lastimável estado. Triste!:sad:
Se ele estivesse solto, tinha-o "adoptado"!
Vejam aqui mais imagens...http://www.meteopt.com/forum/seguimento-meteorologico/seg-previsao-do-tempo-modelos-dezembro-2012-a-6836-11.html#post354876-------

Sobre o estado do tempo em Paços de Ferreira...
Ao início da noite começou a chover e o vento lentamente a aumentar de intensidade.
O acumulado de ontem, dia 19, foi de 8,4 mm. Entretanto ultrapassei os 280 mm de precipitação no total do mês.
Hoje acumulei mais 3,3 mm, num aguaceiro forte mas de curta duração e acompanhado de vento moderado (média de 26 km\h) e rajada máxima de 40 km\h.
O vento está agora a rodar lentamente de SO para O e a temperatura está em queda.
Existe uma massa de ar frio logo aqui ao lado, sobre o atlântico e vinda de NO.
Deveremos ter um ou outro aguaceiro, mas para já não se perspectiva nada de especial.
 

martinus

Cumulus
Registo
22 Dez 2006
Mensagens
438
Local
Portugal
Re: Seguimento Litoral Norte - Dezembro 2012

Sabes como se chama a localidade exacta onde era essa casa florestal?

Nas normais (71-00), tenho os seguintes valores para os lugares com mais precipitação anual: (>=2400mm)

1º Leonte (874m): 2863,9mm
2º São Bento da Porta Aberta (357m): 2742,8mm
3º Zebral (857m): 2580,4mm
4º Peneda (697m): 2536,4mm
5º Penedo (536m): 2480,8mm

Todos se situam nas vertentes sul do Gerês à excepção da Peneda.

Para a série 51-80, tenho:
1º Leonte: 3373,8mm
2º Portela do Homem: 3314,6mm
3º Junceda, Covide: 3193,0mm

Não era numa localidade. Era uma casa no meio do monte a 882 metros, na encosta ocidental da Serra do Soajo. Concelho dos Arcos de Valdevez. Povoações mais próximas: Bostelinhos e Lombadinha.

41°54'54.34"N
8°19'41.66"W

É esta casa: http://carris-geres.blogspot.pt/2010/11/o-patrimonio-perdido-da-peneda-geres.html

Esta casa deve ter deixado de fazer medições logo em 1975, ou mesmo antes. Quando a vi pela primeira vez, talvez em 1982, já estava desativada há vários anos.
 

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,049
Local
Odivelas (140m) / Várzea da Serra (900m)
Re: Seguimento Litoral Norte - Dezembro 2012

Não era numa localidade. Era uma casa no meio do monte a 882 metros, na encosta ocidental da Serra do Soajo. Concelho dos Arcos de Valdevez. Povoações mais próximas: Bostelinhos e Lombadinha.

41°54'54.34"N
8°19'41.66"W

É esta casa: http://carris-geres.blogspot.pt/2010/11/o-patrimonio-perdido-da-peneda-geres.html

No snirh não há nenhuma estação a essa altitude.
Há uma chamada Lombadinha que se situa um pouco mais a oeste e a uma cota de 659m de altitude.
As coordenadas são: 41.915, -8.351.

Comparação entre a precipitação registada no período de funcionamento dessa estação (40-59), com Castro Laboreiro e Peneda.
semttulo4a.png
 

martinus

Cumulus
Registo
22 Dez 2006
Mensagens
438
Local
Portugal
Re: Seguimento Litoral Norte - Dezembro 2012

Lombadinha fica "perto". Uns 45 minutos a pé, por caminhos de monte, e é sempre a descer. Lombadinha é uma aldeia. Tinha escola primária e penso que tinha outra casa de guarda que deve ser a origem dessas medições. Lombadinha fica mais baixo e é mais abrigado. De qualquer modo aí são valores todos eles muito elevados e da parte ocidental da Peneda-Gerês. A parte central e oriental tem que ser menos húmida.
 

AnDré

Staff
Registo
22 Nov 2007
Mensagens
11,049
Local
Odivelas (140m) / Várzea da Serra (900m)
Re: Seguimento Litoral Norte - Dezembro 2012

Lombadinha fica "perto". Uns 45 minutos a pé, por caminhos de monte, e é sempre a descer. Lombadinha é uma aldeia. Tinha escola primária e penso que tinha outra casa de guarda que deve ser a origem dessas medições. Lombadinha fica mais baixo e é mais abrigado. De qualquer modo aí são valores todos eles muito elevados e da parte ocidental da Peneda-Gerês. A parte central e oriental tem que ser menos húmida.

Atenção que as coordenadas da estação que referi da Lombadinha, não ficam exactamente na localidade de Lombadinha.
Lombadinha, localidade, fica a 570m de altitude, e Lombabinha (estação) fica a 659m, na vertente oeste da serra.

A casa de guarda que referiste fica a 882m, e a 1,9km em linha recta da estação.
Apesar da pouca distância, concordo contigo que nessa lugar os valores de precipitação sejam maiores.

O que não concordo é que seja a região ocidental a mais pluviosa.
Se assim fosse, como é que São Bento da Porta Aberta, situada a 357m de altitude e em pleno coração do Gerês, aparece no top das regiões que mais precipitação acumula?

Apesar do ar húmido vir de oeste (Atlântico), é sob um vento de componente sul que cai mais precipitação no país. E isso é tão mais notório, quando mais para norte nos dirigirmos.
Por isso, não acho estranho que sejam as vertentes sul a acumular mais precipitação.
Na região ocidental, é na Peneda (localidade encaixada num vale com direcção sul), que ocorre mais precipitação. Mais que em Lamas de Mouro ou Castro Laboreiro, que se encontram a altitudes superiores.

Na região central, toda a região de Vilarinho das Furnas, Mata da Albergaria e até às Minas dos Carris, serão a zona com mais precipitação em Portugal continental.

semttulo2gp.jpg
 

belem

Cumulonimbus
Registo
10 Out 2007
Mensagens
4,311
Local
Sintra/Carcavelos/Óbidos
Vou dar o verdadeiro significado de precipitação oculta,ou melhor, o verdadeiro nome é precipitação horizontal, isto depois de andar a pesquisar,retirei do livro "arvores e florestas de portugal" "Açores e Madeira"



"Precipitação Horizontal
Quantidade de agua retirada das particulas liquidas duma massa da atmosfera,por superficies de intercepção,que,pela sua dimensão,não cairam pela gravidade(chuva).Essas particulas podem ser goticulas dos nevoeiros ou as próprias nuvens que se formam a altitudes tão baixas que tocam as montanhas.As superficies interceptoras podem ser o próprio solo ou rochas mas , mais frequentemente serão as copas mais exteriores da vegetação.A quantidade de agua retirada por esta intercepção depende,principalmente,da dimensão das goticulas e da sua densidade,da velocidade da massa de ar e da estrutura da vegetação.Nos Açores este fenómeno tem uma grande importante,podendo,nas zonas montanhosas fornecer um acrescimo de agua para os ecossistemas muito significativa.Alguns tipos de vegetação destes meios estão adaptados a colectar esta água,como os bosques de JUNIPEROS"





Este fenomono ocorre muitas vezes não só como disse o André, na serra de Sintra, mas a norte dela, e nas montanhas em Portugal,no entanto tem maior insidencia na Madeira e Açores.


Interessante.

Aqui o psm, é que nunca mais se viu.
Até tinha participações boas e era uma presença assídua.
 

Aristocrata

Super Célula
Registo
28 Dez 2008
Mensagens
6,164
Local
Paços de Ferreira, 292 mts
Aqui no meu concelho, um planalto com uma orientação predominande de SO-NE, da zona mais baixa para a mais alta (sensivelmente), a precipitação é tendencialmente maior se a entrada for de SO ou SSO.
Apenas na face O\NO é que se apresenta a serra que culmina no ponto mais elevado, sendo também muito boa para as entradas de O, mas aqui já não tão expressivas na precipitação da zonas mais a E do concelho.
De qualquer forma, tanto as entradas de O como de SSO\SO são as melhores para a acumulação da precipitação.

Em relação à zona central do Gerês, tanto na Vila homónima como em S. Bento da Porta Aberta, Leonte e Portela do Homem, estas são beneficiadas pelas entradas de S\SSO e SO, as predominantes entre o Outono e a fase inicial da Primavera devido à sua orografia, começando no vale da Caniçada e acabando nos cumes que rodeiam e fecham estas zonas.