Neve em CHAVES

Tópico em 'Portugal' iniciado por Meteo Trás-os-Montes 12 Jul 2007 às 22:50.

  1. GranNevada

    GranNevada
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    27 Ago 2005
    Mensagens:
    335
    Local:
    Braga
    Aqui sem neve , a 18-03-07 : (foto do mesmo autor )

    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  2. Meteo Trás-os-Montes

    Meteo Trás-os-Montes
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    28 Jan 2007
    Mensagens:
    4,393
    Local:
    Carcavelos /Chaves / Vilardevós - Galiza
    Sempre pensei que quando se falava no Geres como sendo a segunda serra mais alta do continente se errava, assim sendo a o Majestoso Larouco fica-se pelo 3º lugar mas ainda no pódio...

    Mais outra da cidade de Chaves, desta feita da nossa milenar ponte romana:

    [​IMG]

    Bons velhos tempos...

    Fonte: Blog Chaves Antiga (Parabéns ao meu amigo Fernando Ribeiro, autor do mesmo).

    :cold::cold::cold: Olhem para os pilares, que aragem fresca!
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  3. Meteo Trás-os-Montes

    Meteo Trás-os-Montes
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    28 Jan 2007
    Mensagens:
    4,393
    Local:
    Carcavelos /Chaves / Vilardevós - Galiza
    Mais Chaves... A minha terra! Que saudade!

    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  4. Meteo Trás-os-Montes

    Meteo Trás-os-Montes
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    28 Jan 2007
    Mensagens:
    4,393
    Local:
    Carcavelos /Chaves / Vilardevós - Galiza
    Mais fotos! Deste feita da Freguesia de Gralhas, em pleno Barroso:

    [​IMG]

    Esta sei a data, é de 26 de Dezembro 2004:

    [​IMG]


    :cold::cold::cold:

    Saudade!
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  5. CMSAFF

    CMSAFF
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    10 Nov 2007
    Mensagens:
    86
    Local:
    Lisboa (Olivais) e sempre que posso em Tavira.
    26 de Dezembro é o meu dia de anos! Sempre gostava de passar um Natal branco desde criança, mas tal nunca aconteceu, esteve perto em 2 natais que passei no concelho de Goís, entre as Serras da Lousã e Açor e onde a geada se mantinha até às 11 da manhã cobrindo todo o panorama de branco, dando a impressão que tinha mesmo nevado!
     
  6. karkov

    karkov
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    15 Nov 2007
    Mensagens:
    410
    Local:
    Guimarães
    o meu 1º post :)

    neve neve neve... é por ela que este fim de semana vou passar a noite a Bragança para estar mais perto de Sanabria que é para onde vou Domingo pela manhã... pelo que tenho visto nos poucos sites metereologicos que conheço, prevejo que haja queda de neve no Domingo por aqueles lados... se alguém andar por lá ;)

    entretanto, se alguém me conseguir dar mais info sobre a metereologia daquela zona agradeço ;)

    PS- desculpem o off topic e quanto ao tópico, as fotos estão lindissimas!!
     
  7. Dan

    Dan
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    26 Ago 2005
    Mensagens:
    9,700
    Local:
    Bragança (675m)
    Bem-vindo ao fórum.

    Pare essa região, as previsões apontam alguma neve já no domingo, mas mais para o fim do dia. Na segunda-feira continua a precipitação. Para esses dias o INM está a prever neve para cotas de 1200 / 1300m.

    http://www.inm.es/cgi-bin/p06hesp1.sh.2001

    Na sexta ou no sábado as previsões serão mais fiáveis.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  8. Z13

    Z13
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    20 Set 2006
    Mensagens:
    3,027
    Local:
    Bragança - 690m


    Apenas uma nota de "rodapé"....

    Gralhas é em pleno Larouco. - (Tenho um grande amigo de lá!):)

    e fica bem acima dos 1000 metros, creio eu:thumbsup:
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  9. Meteo Trás-os-Montes

    Meteo Trás-os-Montes
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    28 Jan 2007
    Mensagens:
    4,393
    Local:
    Carcavelos /Chaves / Vilardevós - Galiza
    [​IMG]

    Fotografia da zona termal de Chaves, no final da década de 1950, ou início da década de 1960, uma época em que A Balada da Neve, o poema de Augusto Gil (1873-1929) evocado no título e inserido em Luar de Janeiro (1909), ainda era texto obrigatório nos manuais do ensino oficial:


    Batem leve, levemente,
    como quem chama por mim.
    Será chuva? Será gente?
    Gente não é, certamente
    e a chuva não bate assim.

    É talvez a ventania:
    mas há pouco, há poucochinho,
    nem uma agulha bulia
    na quieta melancolia
    dos pinheiros do caminho...

    Quem bate, assim, levemente,
    com tão estranha leveza,
    que mal se ouve, mal se sente?
    Não é chuva, nem é gente,
    nem é vento com certeza.

    Fui ver. A neve caía
    do azul cinzento do céu,
    branca e leve, branca e fria...
    Há quanto tempo a não via!
    E que saudades, Deus meu!

    Olho-a através da vidraça.
    Pôs tudo da cor do linho.
    Passa gente e, quando passa,
    os passos imprime e traça
    na brancura do caminho...

    Fico olhando esses sinais
    da pobre gente que avança,
    e noto, por entre os mais,
    os traços miniaturais
    duns pezitos de criança...

    E descalcinhos, doridos...
    a neve deixa inda vê-los,
    primeiro, bem definidos,
    depois, em sulcos compridos,
    porque não podia erguê-los!...

    Que quem já é pecador
    sofra tormentos, enfim!
    Mas as crianças, Senhor,
    porque lhes dais tanta dor?!...
    Porque padecem assim?!...

    E uma infinita tristeza,
    uma funda turbação
    entra em mim, fica em mim presa.
    Cai neve na Natureza
    e cai no meu coração.


    Fonte: Chaves Antiga
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  10. Pedro

    Pedro
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    15 Abr 2009
    Mensagens:
    6,105
    Local:
    .
  11. Z13

    Z13
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    20 Set 2006
    Mensagens:
    3,027
    Local:
    Bragança - 690m
    [


    Batem leve, levemente,
    como quem chama por mim.
    Será chuva? Será gente?
    Gente não é, certamente
    e a chuva não bate assim.

    É talvez a ventania:
    mas há pouco, há poucochinho,
    nem uma agulha bulia
    na quieta melancolia
    dos pinheiros do caminho...

    Quem bate, assim, levemente,
    com tão estranha leveza,
    que mal se ouve, mal se sente?
    Não é chuva, nem é gente,
    nem é vento com certeza.

    Fui ver. A neve caía
    do azul cinzento do céu,
    branca e leve, branca e fria...
    Há quanto tempo a não via!
    E que saudades, Deus meu!

    Olho-a através da vidraça.
    Pôs tudo da cor do linho.
    Passa gente e, quando passa,
    os passos imprime e traça
    na brancura do caminho...

    Fico olhando esses sinais
    da pobre gente que avança,
    e noto, por entre os mais,
    os traços miniaturais
    duns pezitos de criança...

    E descalcinhos, doridos...
    a neve deixa inda vê-los,
    primeiro, bem definidos,
    depois, em sulcos compridos,
    porque não podia erguê-los!...

    Que quem já é pecador
    sofra tormentos, enfim!
    Mas as crianças, Senhor,
    porque lhes dais tanta dor?!...
    Porque padecem assim?!...

    E uma infinita tristeza,
    uma funda turbação
    entra em mim, fica em mim presa.
    Cai neve na Natureza
    e cai no meu coração.


    Fonte: Chaves Antiga[/QUOTE]

    É a primeira vez que leio esse poema na totalidade, e que belo que ele é...:)

    Obrigado pela partilha!:thumbsup:
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  12. joseoliveira

    joseoliveira
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    18 Abr 2009
    Mensagens:
    2,889
    Local:
    Loures (Moninhos) 128m
    Olá Flaviense21

    Nunca fui de poemas na "restrita varanda larga das palavras" ; a minha leitura passa prioritariamente por outras vertentes, mas admito que o que deixaste são belas palavras... ;)
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  13. MSantos

    MSantos
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    3 Out 2007
    Mensagens:
    9,534
    Local:
    Azambuja / Mte. Barca (Coruche)
    Nunca tinha lido esse poema na totalidade:hehe:, Eu não sou umgrande apreciador de poesia mas gostei bastante:)

    Belas fotos de nevões de outrora:rolleyes:
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  14. Meteo Trás-os-Montes

    Meteo Trás-os-Montes
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    28 Jan 2007
    Mensagens:
    4,393
    Local:
    Carcavelos /Chaves / Vilardevós - Galiza
    Para quem ainda não conhece!;)

    [​IMG]

    O último Inverno foi memorável! Imagens da Freguesia de Travancas (Chaves):











    No dia seguinte ao do forte nevão, em 25 de Janeiro de 2009, a camioneta que leva as crianças para a escola de Mairos (Chaves) não foi buscá-las a São Cornélio. Retido em casa, o menino ajudou a família, levando as cabras ao gestal para se alimentartem de giestas e prendeu-as à corda para não se perderem.



    :p
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #44 Meteo Trás-os-Montes, 20 Jul 2009 às 23:12
    Editado por um moderador: 21 Set 2014 às 03:58
  15. Veterano

    Veterano
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    2 Fev 2009
    Mensagens:
    4,026
    Local:
    Porto-Aviz-2,5 km do mar (46 m)/Matosinhos
    Magníficos videos!:thumbsup: Só é pena a neve não aparecer mais vezes pela zona de Chaves:(.
     

Partilhar esta Página