Nossa Língua, Nossa Pátria - vamos todos escrever melhor

Duarte Sousa

Staff
Registo
8 Mar 2011
Mensagens
6,013
Local
Loures
Algumas dicas que são básicas mas que são fundamentais para uma boa escrita e para uma melhor leitura por parte do público, que muita gente do fórum se esquece delas:

- As frases começam por letra maiúscula;
- As reticências têm apenas 3 pontos;
- Meter um espaço depois de utilizar a vírgula;
- As frases apenas terminam com: ponto final ("."), ponto de interrogação (em caso de questão) ("?"), ponto de exclamação ("!"), reticências ("..."). Frases que não terminam com pontuação, não são frases;
- Os nomes de terras, cidades, países, rios, serras, etc, iniciam-se com letra maiúscula, assim como o Sol que tanta gente gosta (no antigo A.O., agora não sei);
- Realço também a importância da acentuação e do uso do "ç", como colegas aqui do fórum já o frisaram.

Apelo a que todos os utilizadores do fórum façam no mínimo um esforço para escrever um português correcto, pois por vezes torna-se agressivo e doloroso ler certas gralhas que são inadmissíveis na escrita da nossa língua portuguesa.
 
  • Gosto
Reactions: MSantos e SpiderVV

SpiderVV

Staff
Registo
26 Ago 2010
Mensagens
8,291
Local
Portalegre (400m)
I — A letra inicial maiúscula é utilizada:
(...)
7.º Na letra inicial de palavras pertencentes a qualquer das seguintes categorias:
(...)
e) Nomes astronómicos: Capricórnio; Estrela Polar; Lua; Marte; Sol; Terra; Via Láctea. Certos nomes astronómicos também têm formas de substantivo comum, e neste caso escrevem-se com inicial minúscula: Lua (planeta) e lua (luz da Lua, luar); Sol (astro) e sol (luz ou calor do Sol); Terra (planeta) e terra (solo).

Fonte: https://www.incm.pt/actos/acordo_ortografico.html
 
  • Gosto
Reactions: Duarte Sousa

"Charneca" Mundial

Cumulonimbus
Registo
28 Nov 2018
Mensagens
3,815
Local
Corroios (cota 26); Aroeira (cota 59)
Há que recordar as diferenças entre o português brasileiro e o português europeu, já que há certas pessoas que, pelo corretor ortográfico ou por outra razão, esquecem-se de algumas coisas.
Algumas diferenças no vocabulário: :)
portugues.jpg

Outras questões a recordar:
- Em Portugal é "chegar a", e não "chegar em";
- As diferenças do vocabulário podem variar de acordo com a região. Eu, por exemplo, uso às vezes regionalismos - acho isso completamente correto;
- Em Portugal, "oxigénio", "hidrogénio", "pluviómetro", "Polónia" têm acento agudo, e não aquele "chapeuzinho" brasileiro;
- Os determinantes possessivos em Portugal levam sempre artigo antes (ex: A minha casa, e não Minha casa);
- O pronome "todo" e as suas derivações levam sempre artigo à frente (ex: Toda a Europa, e não Toda Europa).

Eu, sinceramente, estou-me a lixar para a maneira como se escreve. Eu tento sempre fazer o meu melhor, mas se outros não querem ou não conseguem fazer, o problema é deles... :D

Outra questão complicada no português europeu é a colocação dos pronomes nos verbos. Não tem nada a ver com a regra do Brasil. No Brasil, os pronomes normalmente vêm antes do verbo, e não depois (muito semelhante ao espanhol). No português de cá é bem mais complicado e são várias as regras. Infelizmente, não encontrei nada relativo ao português europeu. O mais próximo que encontrei foi este vídeo publicado pela televisão galega que, apesar de não ser um vídeo português, as regras são claramente idênticas. A única diferença é mesmo a grafia... :eek:
Falta salientar que, em algumas regiões de Portugal, o pronome vem dentro do verbo em certas situações. Em Lisboa, por exemplo, diz-se "Eu fazer-te-ia uma coisa boa." No entanto, isto varia um pouco por todas as regiões de Portugal. Quando era mais pequeno, na minha região dizia-se quase sempre "Eu irei-lhe dizer que isto é uma estupidez!". Infelizmente, eu e muita gente perdemos este hábito por causa da escola e dos meios de comunicação. :disgust: