Previsões curto prazo: até 3 dias (Março 2016)

Tópico em 'Seguimento Meteorológico' iniciado por Thomar 1 Mar 2016 às 14:56.

  1. Orion

    Orion
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    5 Jul 2011
    Mensagens:
    16,317
    Local:
    Ponta Delgada, Açores
    Fazendo uma antevisão das próximas 72 horas para os Açores mediante o GFS 18z (certas coisas podem mudar na próxima saída daí que isto não deve ser entendido como previsão final):

    - Uma depressão em lento cavamento vai-se aproximando do arquipélago de oeste. Mais ou menos no dia 15, terça-feira, a depressão deverá começar a mover-se para norte. Não há ainda consenso no que respeita à tipologia do sistema frontal que afetará inicialmente o arquipélago (frente fria/frente fria com ondulações/frente oclusa...);

    - A frente deverá começar a afetar o arquipélago na madrugada de terça-feira, dia 15. É intensa, não obstante a pouca variação térmica nos níveis baixos, e ao longo da atmosfera há uma continuação de ventos muito fortes. O jet poderá contribuir para a força da frente. Contudo, o jet e o cisalhamento serão mais após a passagem da frente;

    - A frente empurrará mais um fluxo de ar muito húmido, com uma água precipitável a rondar os 30/35 milímetros. À medida que se desloca para este, aparenta perder algum suporte dos ventos mais fortes acima. A sul do arquipélago deverá haver uma concentração semi-permanente de SBCAPE a rondar os 500 e MLCAPE entre os 250 e os 500. Assumo que parte disto irá para norte nos restantes grupos já que os valores mais altos estarão no G. Ocidental;

    - A frente tenderá a ter bolsas de ar muito saturado nos níveis baixos. Contudo, nos níveis médios (500 hPa) há uma camada de ar muito seco que parece acompanhar a frente no seu trajeto ao longo de todo o arquipélago. Como tal, a chuva tenderá a ser moderada a forte, sendo esta última intensidade bastante limitada;

    - Em termos de tempo severo, as diferenças térmicas parecem-me bastante interessantes nos níveis mais baixos especialmente para o G. Ocidental (e nem tanto para o G. Oriental). Valores interessantes de helicidade são modelados (por volta dos 260 a 300). Juntando todos os fatores, incluindo a (adveção de) vorticidade, penso que há condições favoráveis (marginais, logo, com uma baixa probabilidade) para a ocorrência de um tornado. Para tal, todas as condições medianas (cisalhamento - que estará nos 20 m/s quando a frente passar no G. Ocidental - humidade, CAPE...) têm que se juntar, especialmente para vencer o ar seco nos níveis médios cuja espessura desconheço. Se e onde surgirem células mais intensas, rajadas de vento e chuva forte também podem ocorrer;

    - Após a passagem da frente, todas as ilhas irão ser afetadas mais diretamente pelo núcleo depressionário. Nota para a força do vento e para a ondulação. Ainda é cedo para especular sobre isto. Mas aparentemente será um cenário onde ocorrerá convecção dispersa. Poderá ser um evento interessante especialmente para o G. Ocidental.

    - A evolução da frente ao longo do arquipélago também está sujeito a mudanças. É possível que não enfraqueça tanto como escrevi.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #31 Orion, 13 Mar 2016 às 22:55
    Última edição: 13 Mar 2016 às 23:05
    rafathunderstorm, TekClub e Tiagolco gostaram disto.
  2. Orion

    Orion
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    5 Jul 2011
    Mensagens:
    16,317
    Local:
    Ponta Delgada, Açores
    Enquanto a frente passa pelos Açores com alguma ventania e chuva, o GFS modela um aumento súbito na precipitação a este do G. Oriental na madrugada de amanhã. Não acho que a distância modelada seja muita, portanto, alguma da chuva pode afetar as ilhas. Um aumento da saturação do ar a 700 hPa e da água precipitável, em conjunção com os ventos mais fortes que se localizam nos níveis baixos, parecem ser o principal responsável por esta precipitação extra.

    O G. Ocidental já está no pós-frontal. As ilhas mais a oeste do G. Central estão quase lá. Poderá ocorrer convecção, e possivelmente atividade elétrica, dispersa como tem ocorrido até agora a oeste do arquipélago. Na carta de superfície para amanhã às 12h, o ECM modela uma linha de instabilidade. Aguaceiros e possibilidades de trovoada para todos os grupos estão na previsão descritiva com especial destaque para os Grs. Ocidental e Central (grupos mais afetados por este evento convectivo).

    Em relação a essa linha de instabilidade, o GFS também a modela. A linha de instabilidade deverá surgir imediatamente atrás da linha de ar seco em altitude que abordei anteriormente. Não deve haver uma saturação consistente do ar. O cisalhamento mais forte acompanhará a língua de ar seco, aparentando o mesmo ser fraco (<12 m/s) aquando da passagem da linha. O SBCAPE rondará os 500/600 e o MLCAPE os 250 a 500. A atividade mais intensa estará nos níveis baixos. A elevada vorticidade nos níveis médios certamente compensará alguma da pouca convecção global. A atmosfera terá um ritmo de arrefecimento bastante interessante com uma bolsa de ar quase polar a 500 hPa.

    Isto traduz-se numa previsão muito semelhante à do IPMA. Convecção com uma intensidade fraca a moderada (e ocasionalmente moderada a forte), com possibilidade de haver aguaceiros mais intensos e alguma trovoada isolada e dispersa (a linha de instabilidade tenderá a agregar mais instabilidade). As células mais intensas deverão dissipar-se rapidamente. Não parece haver condições suficientes para fenómenos meteorológicos severos.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #32 Orion, 15 Mar 2016 às 16:46
    Última edição: 15 Mar 2016 às 17:01
    rafathunderstorm e TekClub gostaram disto.
  3. Thomar

    Thomar
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    19 Dez 2007
    Mensagens:
    1,984
    Local:
    Cabanas - Palmela (75m)
    As previsões do IPMA para este fim-de-semana são muito interessantes, aguaceiros, granizo, neve, trovoada, vamos ver... ;)

    Continente
    Previsão para sábado, 19.março.2016
    INSTITUTO PORTUGUÊS DO MAR E DA ATMOSFERA

    Períodos de céu muito nublado.
    Aguaceiros que poderão ser por vezes de granizo e que serão de
    neve acima de 1200/1400 metros.

    Condições favoráveis à ocorrência de trovoada.
    Vento em geral fraco (inferior a 20 km/h) do quadrante oeste,
    soprando temporariamente moderado (20 a 35 km/h) nas terras
    altas das regiões Centro e Sul.
    Pequena subida da temperatura mínima na região Norte.

    GRANDE LISBOA:
    Períodos de céu muito nublado.
    Aguaceiros, que poderão ser por vezes de granizo.
    Condições favoráveis à ocorrência de trovoada.
    Vento em geral fraco (inferior a 20 km/h) do quadrante oeste.

    GRANDE PORTO:
    Períodos de céu muito nublado.
    Aguaceiros, que poderão ser por vezes de granizo.
    Condições favoráveis à ocorrência de trovoada.
    Vento em geral fraco (inferior a 20 km/h) do quadrante oeste.
    Pequena subida da temperatura mínima.

    ESTADO DO MAR
    Costa Ocidental: Ondas de oes-noroeste com 2 metros.
    Temperatura da água do mar: 13/14ºC
    Costa Sul: Ondas de sudoeste com 1 a 1,5 metros.
    Temperatura da água do mar: 14/15ºC

    METEOROLOGISTA: Ângela Lourenço
    INFORMACAO DO INSTITUTO PORTUGUÊS DO MAR E DA ATMOSFERA.

    Atualizado a 18 de março de 2016 às 6:29 UTC

    Previsão para domingo, 20.março.2016

    Períodos de céu muito nublado.
    Aguaceiros, em especial durante a tarde e nas regiões Centro e
    Sul, que poderão ser por vezes de granizo e que serão de
    neve acima de 1200/1400 metros.
    Condições favoráveis à ocorrência de trovoada.

    Vento fraco (inferior a 15 km/h).
    Formação de gelo ou geada nas regiões do interior Norte e Centro.
    Neblina ou nevoeiro matinal.
    Pequena descida da temperatura mínima.

    Atualizado a 18 de março de 2016 às 11:47 UTC
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  4. david 6

    david 6
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    22 Jan 2013
    Mensagens:
    7,712
    Local:
    Fajarda - Coruche(57m)
    Estofex para hoje:

    [​IMG]

    Over the SW Europe, a cut-off travels southwardly and develops a thermodynamic instability over most of the W Iberian Peninsula. A steepening lapse rates up to 7.5 K/km along with low-level inflow of 7-8 g/kg mixing ratios results in a CAPE up to 400-800 J/kg. Most of instability area in the core of the trough lies under weakly sheared environment thus limiting the probability for the severe weather phenomena. A "jet" of the DLS on the southern and southeastern flank of the trough runs along SW Spanish coast. Although NWP models provide a weak CI within this area, a marginal and only local low-topped CAPE inhibits from issuing a level threat. Isolated thunderstorms may develop over marine areas along E Spanish coast during the evening hours. Although E Spain will be mostly under stable air mass during the forecast period a superimposment of stratiform and locally convective excessive precipitation cannot be ruled out.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  5. Orion

    Orion
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    5 Jul 2011
    Mensagens:
    16,317
    Local:
    Ponta Delgada, Açores
    Açores nas próximas 72 horas... o anticiclone será rei (e aparenta sê-lo até ao final do mês, o que é uma grande novidade :rolleyes:). Portanto, e em geral, bom tempo. A combinação da pouca convecção e reduzida/inconstante saturação do ar significa que a chuva deverá ser dispersa e muito inconstante (quando ocorrer). Ainda assim, deverá ocorrer um rio atmosférico 'light':

    [​IMG]

    A primavera chega às 04:30 UTC de amanhã, 20 de Março. Como tal, feliz primavera a todos :p
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  6. david 6

    david 6
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    22 Jan 2013
    Mensagens:
    7,712
    Local:
    Fajarda - Coruche(57m)
    Extofex para hoje:

    [​IMG]

    A blocking pattern of ridge extending from Azores to British Isles continue to separate Europe from warm marine Atlantic air masses. DMC and thus thunderstorms are only expected within Iberian Peninsula and SW France where a stationary cut-off provides a source of steep lapse rates and QG-lift. Boundary layer's moisture up to 6-7 g/kg allows CAPE only up to 400-800 J/kg, mostly in weakly sheared environment. Threat for thunderstorms with the potential of producing isolated severe wind gusts falls on SW and E Spanish coastal zone where a "jet" of DLS (up to 30 m/s) associated with S flank of the trough will be placed. However, due to mostly low-topped convection in these area, it will be unlikely for the updrafts to benefit from such shear. Hail up to 2 cm is possible over entire Iberian Peninsula within the forecast period.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  7. jonas_87

    jonas_87
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    11 Mar 2012
    Mensagens:
    15,431
    Local:
    Alcabideche, Cascais - cota 119 mts
    Vamos lá ver se nas próximas horas isto anima um pouco. :trovao:

     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  8. david 6

    david 6
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    22 Jan 2013
    Mensagens:
    7,712
    Local:
    Fajarda - Coruche(57m)
    Estofex para hoje:

    [​IMG]

    Under the influence of a high pressure system west of Ireland and low pressure over Finland and northern Russia, disturbances are carried with a northwesterly flow in a corridor east of the line Netherlands-Austria-Romania. A cut-off low manifests itself over the Iberian Peninsula. Thunderstorms can form thanks to steep lapse rates, allowing weakly capped but modest MLCAPE. The larger CAPE is found closer to the center of the upper cold pool, but the stronger lifting motion shall occur along the eastern gradient of the potential vorticity bubble, over central to eastern Spain, which shapes from a positive to a negative tilt between 12Z and 00Z. Small hail is likely to be observed and can accumulate locally as storms will be moving relatively slowly.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    guisilva5000, TekClub e joralentejano gostaram disto.
  9. stormy

    stormy
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Ago 2008
    Mensagens:
    5,116
    Local:
    Lisboa
    Esta 2a poderá ser bastante interessante no litoral norte e centro, já que os modelos estão consistentes em colocar uma faixa de convergência à superficie, associada à frente de brisa marítima, sobreposta com um ramo do jet em altura que limita a cut-off colocada sobre o interior sul de PT continental.

    O contexto dinâmico é caracterizado pela presença de forçamento favorecido pela convergência á superficie mas limitado por condições neutras ou ligeiramente convergentes em altura, num ambiente de shear com algum carácter rotacional e marginalmente condutivo para a organização da convecção em multicélulas ou mesmo uma ou outra estrutura supercelular, principalmente junto da frente de brisa, onde se potencia o shear vertical e horizontal.

    As condições termodinâmicas também parecem favoráveis, com desenvolvimento de SBCAPE até 1000-1200J/kg na mesoescala, presença de gradientes de temperatura e humidade na média troposfera acentuados pelo transporte de ar seco vindo de leste acima da camada limite com gradientes até 7.5ºC/Km aos 800-600hpa e pontos de orvalho á superficie até 10-13ºC...a fraca inibição convectiva deverá permitir o desenvolvimento de convecção a partir de meio da manhã, que dadas as condições deverá tomar um carácter bastante explosivo, capaz de produzir granizo e microbursts, não sendo de excluir uma tromba ou tornado fraco em células que beneficiem de uma melhor interação com a frente de brisa.

    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #39 stormy, 21 Mar 2016 às 03:49
    Última edição: 21 Mar 2016 às 03:56
  10. david 6

    david 6
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    22 Jan 2013
    Mensagens:
    7,712
    Local:
    Fajarda - Coruche(57m)
    Estofex para hoje:

    [​IMG]

    a descritiva já nem fala quase, tem só isto:

    "A very interesting weather pattern is found over Europe during this outlook. Several short-wave troughs affect the North Europe with high PV advection and create quite unstable conditions with marginal low topped storms, as well as this cut-off cold pool over Spain, which will eventually fade during Tuesday."

    Mas como ainda afecta um pouco de Portugal deixo a imagem
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    guisilva5000, TekClub e joralentejano gostaram disto.
  11. stormy

    stormy
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Ago 2008
    Mensagens:
    5,116
    Local:
    Lisboa
    Hoje é outro dia que parece interessante, concentro a minha atenção em especial no sotavento Algarvio e áreas do Golfo de Cadiz e vale do Guadalquivir, mas estendi o nível amarelo para áreas do interior sudoeste da Península onde as condições serão ainda marginalmente condutivas ao desenvolvimento de convecção organizada.

    Na realidade a atividade já começou a surgir em partes do litoral sudoeste, deverá manter-se sub-severa devido ás condições termodinamicas desfavoráveis sobre terra, mas no oceano as estruturas convectivas poderão ser organizadas e severas em alguns momentos.

    Nas próximas horas o contexto dinâmico será marcado pela presença de uma onda/banda de deformação à superficie, com transporte de ar relativamente mais quente e húmido do oceano para terra á frente de uma frente fria que se desloca vinda de NW e que entrará pelo território durante a tarde.
    Neste regime de advecção pré frontal teremos uma inestabilização da atmosfera por advecção diferencial sobre um cold core nos níveis altos, surgirá então instabilidade, em especial a partir da manhã, com SBCAPE até 500-1000J/Kg na mesoescala.
    Gradientes térmicos nos niveis médios até 7-7.5ºC/Km com pouco ou nenhum CIN deverão garantir iniciação convectiva expontanea e capaz de produzir updrafts profundos e capazes de suportar granizo e rajadas severas a partir de meio/fim da manhã.

    O shear vai aumentar gradualmente já que se vai aproximar uma faixa de escoamento mais intenso em altura, associado a um jet de niveis médios e altos na margem oeste do cold core, o shear deverá ser máximo durante a tarde e em especial na frente de brisa de sudoeste que se vai desenvolver entre o Algarve e o vale do Guadalquivir, nestes locais esperam-se até 15-25m/s de 0-6km shear com forte carácter rotacional nos níveis baixos.

    Durante a tarde, a entrada da frente de brisa de NW/frente fria pelo Alentejo e a convergencia das brisas de sudoeste e noroeste no vale do Guadiana, Guadalquivir e litoral de Huelva-Cadiz, em conjunto com a presença de alguma divergência na entrada do jet em altura, gerarão um contexto favorável ao desenvolvimento de estruturas convectivas lineares e discretas junto ás convergencias principais, que poderão tomar um caracter supercelular em especial nas areas de maior shear entre o sotavento Algarvio e o Guadalquivir...com esta atividade esperamos que possam ocorrer rajadas severas, granizo e possibilidade de tornados.

    Os modelos ( especialmente ECMWF) não suportam que esta atividade tenha grau de concentração suficiente para introduzir um nivel laranja, e o GFS/WRF apesar de darem um melhor suporte à previsão estão a modelar uma área muito limitada de condições mais favoráveis entre VRSA-Huelva pelo que não arriscarei um upgrade e manterei um nível amarelo generalizado.

    Deixo abaixo a previsão como a fiz pelo BestWeather e mantenho-a sem alterações.


    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  12. dopedagain

    dopedagain
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    2 Jan 2016
    Mensagens:
    484
    Local:
    Fornelos - Ponte de Lima(200m)
    Na nova actualização do meteograma para o alto minho prevêem se 110mm em um dia ( segunda - Feira ) :rain::rain::rain:
     
  13. Orion

    Orion
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    5 Jul 2011
    Mensagens:
    16,317
    Local:
    Ponta Delgada, Açores
    Para os próximos dias o padrão meteorológico vai continuar o mesmo. Plumas tropicais sucessivas:

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    [​IMG]

    O noroeste continental será o maior beneficiado. Os Açores terão um evento de intensidade fraca a moderada:

    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  14. Snifa

    Snifa
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    16 Abr 2008
    Mensagens:
    9,226
    Local:
    Porto-Marquês:145 m Mogadouro:749 m
    Bom dia,

    para amanhã, e segundo o IPMA, chuva por vezes forte e persistente a norte do Mondego.:rain:

    Em algumas zonas aqui do Noroeste é provável que se acumulem mais de 100 mm no total acumulado dos dias de amanhã e terça feira :rain:

    REGIÕES NORTE E CENTRO:
    Céu muito nublado.
    Períodos de chuva, sendo persistente e por vezes forte
    a norte do Rio Mondego.

    Queda de neve nos pontos mais altos da Serra da Estrela.
    Vento fraco a moderado (10 a 25 km/h) de sudoeste, soprando
    moderado a forte (30 a 50 km/h) na litoral a norte do Cabo Carvoeiro
    e nas terras altas até ao início da tarde.
    Neblina ou nevoeiro.
    Pequena subida da temperatura mínima, em especial no litoral.

    REGIÃO SUL:
    Céu em geral muito nublado, temporariamente pouco nublado
    até meio da manhã.
    Períodos de chuva fraca no Alto Alentejo e litoral a norte de Sines
    a partir da tarde.
    Vento fraco a moderado (10 a 25 km/h) do quadrante oeste.
    Neblina matinal.

    GRANDE LISBOA:
    Céu em geral muito nublado.
    Períodos de chuva, em geral fraca.
    Vento fraco a moderado (10 a 25 km/h) do quadrante oeste.
    Subida da temperatura mínima.

    GRANDE PORTO:
    Céu muito nublado.
    Períodos de chuva, por vezes forte.
    Vento fraco a moderado (10 a 25 km/h) de sudoeste,
    soprando moderado a forte (30 a 50 km/h) até ao início da tarde.
    Neblina ou nevoeiro.
    Subida da temperatura mínima.

    ESTADO DO MAR
    Costa Ocidental: Ondas de noroeste com 4 a 5 metros.
    Temperatura da água do mar: 13/14ºC
    Costa Sul: Ondas de sudoeste com 1 a 1,5 metros.
    Temperatura da água do mar: 15ºC

    METEOROLOGISTA: Paula Leitão.
    INFORMAÇÃO DO INSTITUTO PORTUGUÊS DO MAR E DA ATMOSFERA

    Atualizado a 27 de março de 2016 às 6:28 UTC

    http://www.ipma.pt/pt/otempo/prev.descritiva/
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #44 Snifa, 27 Mar 2016 às 11:30
    Última edição: 27 Mar 2016 às 11:53
    TekClub gostou disto.
  15. Snifa

    Snifa
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    16 Abr 2008
    Mensagens:
    9,226
    Local:
    Porto-Marquês:145 m Mogadouro:749 m
    A previsão para Terça-feira dia 29 também menciona chuva por vezes forte e persistente no Minho e Douro Litoral, perante isto penso que não tardará a ser lançado um aviso para estes locais relativamente à precipitação :rain:

    IPMA:

    Previsão para 3ª feira, 29.março.2016

    Céu geralmente muito nublado, diminuindo de nebulosidade nas regiões
    Centro e Sul a partir da tarde.
    Períodos de chuva, nas regiões Norte e Centro, sendo persistente e
    por vezes forte no Minho e Douro litoral até ao início da manhã.

    Vento fraco a moderado (10 a 30 km/h) de sudoeste, soprando moderado
    a forte (30 a 45 km/h) nas terras altas.
    Neblina ou nevoeiro.
    Pequena subida de temperatura.

    Atualizado a 27 de março de 2016 às 10:59 UTC

    Para Quarta-feira dia 30/03 uma excelente cota de neve, tendo em conta a época do ano :cold:

    Previsão para 4ª feira, 30.março.2016

    Céu em geral muito nublado, com abertas nas regiões Centro e Sul
    até meio da manhã.
    Períodos de chuva ou aguaceiros, sendo fracos e pouco frequentes
    no Baixo Alentejo e Algarve.
    Queda de neve acima de 1400/1600 metros a partir da tarde, descendo
    gradualmente a cota para os 400/600 metros.

    Vento fraco a moderado (10 a 30 km/h) de sudoeste, rodando para
    noroeste e tornando-se moderado a forte (30 a 45 km/h), com rajadas
    até 65 km/h a partir do final da manhã no litoral e terras altas.
    Pequena descida de temperatura.

    METEOROLOGISTAS: Madalena Rodrigues/Joana Sanches.
    INFORMAÇÃO DO INSTITUTO PORTUGUÊS DO MAR E DA ATMOSFERA.

    Atualizado a 27 de março de 2016 às 10:59 UTC

    http://www.ipma.pt/pt/otempo/prev.descritiva/
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    TekClub e dopedagain gostaram disto.

Partilhar esta Página