Previsões médio prazo (Dezembro 2015)

lserpa

Cumulonimbus
Registo
29 Dez 2013
Mensagens
3,449
Local
Horta, Matriz, (90m)
Não houve furacão no Verão mas esta depressão seria igualmente problemática:

TOrNzgb.png


WXbssj4.gif
Está a ser um inverno de extremos térmicos... E de vastos rios atmosféricos no atlântico norte, e os modelos a médio prazo continuam a bater na mesma tecla :) hell yeah
 

lserpa

Cumulonimbus
Registo
29 Dez 2013
Mensagens
3,449
Local
Horta, Matriz, (90m)
Extremos térmicos?Queres dizer anomalia positiva um pouco por todo o lado. No hemisfério norte, o frio continua contido na zona do anticiclone polar.
Sim, anomalias positivas... Referia-me a isso mesmo... A fonte dos sucessivos rios atmosféricos.
 

Orion

Furacão
Registo
5 Jul 2011
Mensagens
19,748
Local
Açores
Está a ser um inverno de extremos térmicos... E de vastos rios atmosféricos no atlântico norte, e os modelos a médio prazo continuam a bater na mesma tecla :) hell yeah

Ciclogénese explosiva. 1003 hPa para 977 hPa. Não acredito que isso venha a acontecer.

gZuEJav.png


AvtcXZC.png


Extremos térmicos?Queres dizer anomalia positiva um pouco por todo o lado. No hemisfério norte, o frio continua contido na zona do anticiclone polar.

Cá já foram batidos recordes de temperatura mínima e máxima em Outubro (1º caso) e Junho (2º caso).
 

Mr. Neves

Cumulonimbus
Registo
22 Jan 2013
Mensagens
3,860
Local
Tondela-290m
Extremos térmicos?Queres dizer anomalia positiva um pouco por todo o lado. No hemisfério norte, o frio continua contido na zona do anticiclone polar.

Agora surgiu-me aqui uma dúvida. Afinal o frio que origina as vagas de ar frio polar vem do vórtice polar, ou da zona de altas pressões polar? Sempre que os EUA gelam fala-se no vórtice polar pelo que fiquei agora confuso...

Outra coisa que eu nunca entendi é porque é que nos subpolos o ar tem ainda tendência a subir e a gerar o dito vórtice polar, como sabemos o ar frio tem tendência a descer mas neste caso não é isso que acontece.

Obrigado pela atenção e desculpem-me a ignorância:o
 
Última edição:

Orion

Furacão
Registo
5 Jul 2011
Mensagens
19,748
Local
Açores
Última edição:
  • Gosto
Reactions: Thomar e Mr. Neves

Orion

Furacão
Registo
5 Jul 2011
Mensagens
19,748
Local
Açores
Outra coisa que eu nunca entendi é porque é que nos subpolos o ar tem ainda tendência a subir e a gerar o dito vórtice polar, como sabemos o ar frio tem tendência a descer mas neste caso não é isso que acontece.

Nos subpolos há a interação entre o ar polar e o ar das latitude médias. Daí que seja uma zona com tendência para ser tempestuosa.

hGeUeEZ.jpg
 

Paulo H

Cumulonimbus
Registo
2 Jan 2008
Mensagens
3,159
Local
Castelo Branco 386m(489/366m)
Ciclogénese explosiva. 1003 hPa para 977 hPa. Não acredito que isso venha a acontecer.

gZuEJav.png


AvtcXZC.png




Cá já foram batidos recordes de temperatura mínima e máxima em Outubro (1º caso) e Junho (2º caso).

Sim, mas ISerpa estava a referir-se ao Inverno..

No presente existem poucas incursões de ar frio para latitudes médias. A existência de um anticiclone mais ou menos junto ao polo norte, parece-se um pouco com o que normalmente acontece no pólo sul, onde até as correntes marítimas circundam a antártida, isolando o frio e sem grandes incursões para norte.
 
  • Gosto
Reactions: lserpa

Snifa

Furacão
Registo
16 Abr 2008
Mensagens
10,279
Local
Porto-Marquês:145 m Mogadouro:749 m
Acumulações muito significativas até ao dia 17/12

Valores superiores a 300 mm no Minho:rain:

Todo o Noroeste com acumulados elevados, segundo o GFS 6z :

93n4STn.gif


Isto vai de encontro à previsão mensal do IPMA, com valores acima da média para regiões a Norte do sistema Montejunto - Estrela. Neste caso o Noroeste a ser o mais beneficiado :rain:
 
Registo
30 Nov 2015
Mensagens
104
Local
setúbal
Acumulações muito significativas até ao dia 17/12

Valores superiores a 300 mm no Minho:rain:

Todo o Noroeste com acumulados elevados, segundo o GFS 6z :

93n4STn.gif


Isto vai de encontro à previsão mensal do IPMA, com valores acima da média para regiões a Norte do sistema Montejunto - Estrela. Neste caso o Noroeste a ser o mais beneficiado :rain:
Com a consistência que temos visto nos modelos temo que este seja mais um cenário que se esfuma. Mesmo no sul, por exemplo em Setúbal, onde os acumulados têm sido muito menos significativos, ontem à noite tínhamos uma previsão de 51 mm. Entretanto, de madrugada, o meteograma avançava 1,5 mm, entretanto agora sobe para 25,00 mm. O que temos tido como certo é um adiar constante da entrada das perturbações frontais, com reforço do anticiclone sobre a Península e grande parte da Europa Ocidental
 

qwerl

Nimbostratus
Registo
6 Abr 2015
Mensagens
892
Local
Canelas(100m)
Boa noite
Que bela frente que vem sendo desenhada pelo GFS há vários dias. Chuva intensa por todo o país, a frente seria bastante democrática.

126-574SP.GIF

132-574SP.GIF


Acumulados da frente e seu pós-frontal (até às 150h)

150-777SP.GIF


A frente viria também acompanhada de vento forte

126-289SP.GIF


Este é um cenário que vem sendo modelado há bastantes dias pelo GFS, com algumas mudanças na trajetória da depressão como seria de esperar. Apesar de ainda faltar 5 dias, uma coisa é certa: Vamos ter um início de semana molhado, resta saber com que intensidade chegará a frente e se todo o país será contemplado com a tão precisa chuvinha :rain:
 

james

Cumulonimbus
Registo
16 Set 2011
Mensagens
4,541
Local
Viana Castelo(35 m)/Guimarães (150 m)
Más saídas do GFS e ECM, onde além de cortar na precipitação, indiciam que após 2 / 3 dias de precipitação para a semana, o AA deve regressar de seguida. E ainda para mais a 240 h, com temperaturas bem altas para a época às portas do Natal( quase 20 graus às portas do Natal) .

Não há dúvida, este AA não nos quer largar, de modo algum ( está muito difícil mesmo, o AA não quer largar a sua posição de modo algum ; apenas no Litoral Norte, em especial e ocasionalmente, uma bolsa de instabilidade consegue irromper, mas o AA recupera rapidamente a sua posição ; e os próximos tempos parece que não vão fugir disto e ainda para mais sem temperaturas muito baixas para a época :facepalm:)

Ainda estamos um pouco longe, mas, por este andar, caminhamos a passos largos para o Natal mais quente de sempre.
 
Última edição: