Seguimento Brasil - 2010

Tópico em 'Brasil e outros países de expressão portuguesa' iniciado por Rafael Santos 1 Jan 2010 às 20:57.

  1. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,692
    Local:
    Arroja, Odivelas (140m); Várzea da Serra (900m)
    O Correio da Manhã fala já em 82 mortos. :(

     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  2. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,692
    Local:
    Arroja, Odivelas (140m); Várzea da Serra (900m)
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  3. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    http://g1.globo.com/Noticias/Rio/0,,MUL1559331-5606,00.html
     
  4. Chasing Thunder

    Chasing Thunder
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    13 Mai 2008
    Mensagens:
    4,285
    Local:
    Couço
    É lamentável o numero de mortes que já houve:sad:.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  5. Rafael Santos

    Rafael Santos
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    16 Nov 2006
    Mensagens:
    50
    Local:
    Nova Friburgo - RJ
  6. Teles

    Teles
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    7 Dez 2007
    Mensagens:
    2,210
    Local:
    Rio Maior
    Sei que há membros do Brasil aqui; deixo desde já as minhas condolências ao povo Brasileiro.
     
  7. Rafael Santos

    Rafael Santos
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    16 Nov 2006
    Mensagens:
    50
    Local:
    Nova Friburgo - RJ
    Obrigado amigo!
     
  8. Rafael Santos

    Rafael Santos
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    16 Nov 2006
    Mensagens:
    50
    Local:
    Nova Friburgo - RJ
    Tragédia
    Desabamento soterra dezenas de casas em Niterói

    Publicada em 08/04/2010 às 04h04m
    Antônio Werneck, Carla Rocha, Claudio Motta, Vera Araújo e Waleska Borges - O GloboCBNGloboNews TV

    Um deslizamento de terra, na noite desta quarta-feira, soterrou dezenas de casas no Morro do Bumba, próximo à garagem da Viação Santo Antônio, na localidade conhecida como Viçoso Jardim, no bairro do Cubango, em Niterói. Pelo menos seis corpos, de cinco mulheres e uma criança, foram retirados do local, segundo o Corpo de Bombeiros. Foram resgatadas com vida dos escombros 21 pessoas, entre elas oito crianças de uma creche que funcionava no lugar. Os feridos foram levados para três hospitais do município. Com esse deslizamento, sobe para 153 o número de mortos por causa das chuvas no estado. A tragédia deixou pelo menos 160 feridos e mais de 15 mil desabrigados.

    Imagens da tragédia dessa noite
    http://oglobo.globo.com/rio/fotogaleria/2010/11394/

    A avalanche carregou cerca de 50 casas, e o morro foi praticamento todo abaixo. O comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Pedro Machado, não sabe o número exato de desaparecidos. De acordo com o militar, antes de o morro ser ocupado irregularmente, o local serviu de vazadouro de lixo, há 30 anos, e não era considerado área de risco. No momento em que houve o deslizamento, as pessoas contaram que ouviram pequenas explosões, provavelmente de gás metano.

    Segundo Machado, além dos 80 bombeiros que trabalham no resgate das vítimas, parentes e vizinhos auxiliaram nas buscas aos sobreviventes. Também há policiais militares, técnicos da Defesa Civil do município e do estado e integrantes da Força Nacional ajudando nas buscas.

    Os bombeiros utilizam pás, retoescavadeiras e, principalmente, as mãos. Abalado, o funcionário de um supermercado, Wilder Jaime de Almeida, de 25 anos, procurava a noiva, a operadora de caixa, Poliana Carla Felizberto, de 24. Wilder contou que ela chegou a telefonar para ele, desesperada, na hora do deslizamento. "Está caindo tudo aqui", teria dito Poliana. Ela encerrou a ligação gritando: " Caiu tudo". O rapaz tentou falar com Poliana de novo, mas não conseguiu.

    Segundo o coronel Alves Souza, que comanda a operação de resgate por lá, o trabalho é muito difícil, devido ao grande volume de terra:

    - A remoção tem que ser feita com cuidado - disse.

    O jornalista Brener Lemos, morador do local, contou que tinha acabado de jantar com a família quando ouviu o barulho da avalanche, por volta das 21h. Ele conseguiu sair de casa com a família. O secretário de Segurança, José Mariano Beltrame, disse que o policiamento foi reforçado no local, assim como a quantidade de peritos para fazerem as necrópsias com mais rapidez.

    Outro lugar de Niterói onde a tragédia das chuvas se abateu com força foi o bairro de Santa Rosa. Ali, na Travessa Beltrão, 11 casas desabaram, arrastadas por uma queda de barreira. O pintor Igor Brito de Moura, de 30 anos, perdeu três filhas - de 3, 5 e 10 anos - no deslizamento. Igor e a mulher estavam em Friburgo, na Região Serrana, quando souberam do deslizamento. As filhas do casal tinham ficado na comunidade com a avó, retirada viva dos escombros.

    Sem esperanças de encontrar vivos o cunhado e o sobrinho soterrados, Arlindo da Silva Filho, de 32 anos, acompanhava desolado o trabalho dos bombeiros ontem à tarde.

    - Diferente de um terremoto onde tudo fica seco, o deslizamento da chuva traz uma avalanche de lama e água. É muito difícil sobreviver a uma situação dessas - lamentou Arlindo contando que sua sobrinha, de 17 anos, e cunhada morreram soterradas.

    Irmã de Arlindo, Ana França era ex-mulher de José Carlos de Paula, de 39 anos, e tia de Márcio dos Santos Silva, de 24. Até ontem à tarde, ambos continuavam soterrados. Ana conta que, na madrugada de terça-feira, quando soube que a casa dos parentes tinha desabado tentou ir de ônibus de Duque de Caxias, onde mora, para Niterói.
    Leitores mostram caos provocado pelas chuvas no Rio

    Na capital, a situação está mais crítica no bairro de Santa Teresa, onde sete pessoas ainda não foram encontradas.

    Em Jacarepaguá, cães farejadores ajudam a localizar cerca de dez vítimas de deslizamentos. Há ainda duas pessoas que estão sendo procuradas na Rocinha e uma em Vila Cosmos.

    Das 17h de segunda-feira até o meio-dia desta quarta-feira, a Defesa Civil recebeu 806 ocorrências, sendo a maior parte sobre desabamentos de imóveis, rachaduras, deslizamentos de barreiras e quedas de muros. Até o momento, 180 imóveis foram interditados e 1.778 pessoas estão desabrigadas.

    O governador Sérgio Cabral decretou luto oficial de três dias pelos mortos na catástrofe. Em caso de emergência, a população deve ligar para a Defesa Civil no telefone 199, que funciona 24 horas.

    Oito bombeiros ficaram feridos ao resgatarem vítimas em Niterói. O prefeito da cidade, Jorge Roberto Silveira, decretou estado de calamidade pública. Em Maricá, o prefeito Washington Quaquá decretou estado de emergência . O mesmo ocorreu em Araruama, onde mais de cem pessoas estão desabrigadas. O prefeito André Mônica disse que foi preciso evacuar o Pronto Socorro Municipal e o PAM. O Hospital Regional, a Delegacia de Polícia e outras repartições públicas estão ilhadas.
    http://oglobo.globo.com/rio/mat/201...rra-dezenas-de-casas-em-niteroi-916276951.asp
     
  9. Rafael Santos

    Rafael Santos
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    16 Nov 2006
    Mensagens:
    50
    Local:
    Nova Friburgo - RJ
    Temporais
    Chuva causa estragos na Bahia, Pernambuco e Sergipe

    Publicada em 09/04/2010 às 15h34m
    Cleide Carvalho, O Globo, Ibahia, pe360graus, Jornal Hoje

    SÃO PAULO, SALVADOR, RECIFE - A frente fria que causou tragédia no Rio já provoca transtornos e deixa vítimas no Nordeste. Temporais atingiram cidades da Bahia, Pernambuco e Sergipe. No Espírito Santo, o mar ficou agitado.

    Na Bahia, três pessoas morreram desde o início das chuvas, na quinta-feira. Em Salvador, uma encosta deslizou e causou desabamento de parte de um viaduto sobre um ônibus na manhã desta sexta-feira, perto do Shopping Salvador. Pelo menos cinco pessoas ficaram feridas, segundo a Transalvador. O bloco de concreto, que despregou da lateral, atingiu o teto do coletivo que passava pelo local por volta de 11h20m..

    De acordo com a Defesa Civil de Salvador, as equipes atenderam nesta sexta-feira 66 ocorrências de deslizamento de terra. Um imóvel desabou totalmente e outro parcialmente. Pelo menos 26 áreas alagaram. Pelo menos 48 famílias estão desabrigadas ou desalojadas por causa das chuvas. As aulas foram suspensas em Salvador e em Feira de Santana, também atingida pelas chuvas. Vários bairros de Salvador estão sem energia elétrica e a empresa Coelba informa que a prioridade serão hospitais e clínicas.

    Até o zoológico de Salvador ficará fechado este fim de semana por causa da chuva.

    Desde quinta-feira, pelo menos três pessoas morreram em decorrência das chuvas na Bahia.

    ( Leia também: Raio cai em casa e deixa dois feridos graves em Pernambuco )

    Em Feira de Santana, um homem morreu arrastado pela correnteza ao tentar atravessar um córrego. Em Prado, no Sul da Bahia, uma pessoa morreu e cerca de 500 ficaram desabrigadas.

    Duas represas que ficam no córrego da Ribeira do Campinho transbordaram e as águas invadiram diversas casas. Na BR-489, a chuva abriu cratera de 30 metros e a travessia agora tem de ser feita com barcos. Uma mulher de 42 anos também morreu ao pisar em um fio elétrico caído no chão, que seria de uma rede clandestina.

    Ventania e temporal em Pernambuco

    Em Pernambuco, um casal foi atingido dentro de casa pela queda de um raio. Vários eletrodomésticos explodiram, a fiação e até a antena parabólica queimou. Os dois desmaiaram, mas receberam alta na manhã desta sexta. O Agreste foi a parte mais atingida do estado pelas chuvas . Em Pesqueira, a chuva de três horas foi equivalente a prevista para o mês todo. A água invadiu as casas e muita lama ficou acumulada nas ruas e um muro foi derrubado pela correnteza. Entrou água na delegacia da cidade, que ficou restrita a uma sala. Em Riacho das Almas, um municípiop de apenas 18 mil habitantes, a cruz de uma igreja foi arrancada pela força do vento, assim como parte do telhado e do forro. Em Garanhuns, a força da água abriu um buraco de 100 metros. Os moradores ficaram assustados, e algumas casas, por pouco, não desabaram. Sete famílias tiveram que sair da área.

    Alagamentos em Aracaju

    Em Sergipe, a frente fria chegou um dia antes do previsto. Desde a tarde de ontem chove forte em Aracaju e nos municípios de Tobias Barreto, Propriá, Maruim, Socorro, Carmópolis, Laranjeiras e Poço Verde. A previsão é que a chuva fique ainda mais forte à noite. Na capital sergipana, em alguns lugares era impossível distinguir o que era rua e o que era rio. O Hospital da Criança da Hildete Falcão foi inundado.

    Moradores do bairro Industrial, em Aracaju, aproveitaram as fortes chuvas que deixaram a praça Liberato Costa alagada para pegar cocos que estavam boiando no local. Perto da praça existe um depósito de coco e, com a enchente, eles foram arrastados e ficaram boiando nas ruas.

    - A frente fria que está estacionada sobre Sergipe é a mesma que saiu do Rio de Janeiro e que passou pela Bahia. Em Sergipe, a intensidade está muito grande e as chuvas devem continuar nos próximos dias - explica o meteorologista Overland Amaral.

    No Espírito Santo, a ressaca deixou o mar com cor de lama na Praia de Camburi, em Vitória. Apesar do perigo, surfistas decidiram aproveitar as ondas.

    Normalmente, as frentes frias se dissipam bem antes. Desta vez, porém, até o Sul da Amazônia sentiu os efeitos, com queda na temperatura.

    - Essa frente fria é a mais forte do ano até agora. Por ser bem estruturada e não ter encontrado nenhum bloqueio ao longo do caminho, ela já avança pelo Nordeste, o que não é comum, e já causa queda da temperatura no Sul da Amazônia - diz o meteorologista Marcelo Pinheiro, da Climatempo.

    A frente teve origem no Rio Grande do Sul, no fim da última semana, e avançou rapidamente pelo Sul e Sudeste.

    http://oglobo.globo.com/cidades/mat...gos-na-bahia-pernambuco-sergipe-916288082.asp
     
  10. Rafael Santos

    Rafael Santos
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    16 Nov 2006
    Mensagens:
    50
    Local:
    Nova Friburgo - RJ
  11. AnDré

    AnDré
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    22 Nov 2007
    Mensagens:
    10,692
    Local:
    Arroja, Odivelas (140m); Várzea da Serra (900m)
    Fonte: Público
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  12. Rafael Santos

    Rafael Santos
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    16 Nov 2006
    Mensagens:
    50
    Local:
    Nova Friburgo - RJ
    [BOrvalho no Estado do Rio de Janeiro - Nova friburgo[/B] - 07-06

    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]
    [​IMG]

    Mínima de 5,9°C (local das fotos). Na estação da UERJ 5,6°C.
     
  13. Rafael Santos

    Rafael Santos
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    16 Nov 2006
    Mensagens:
    50
    Local:
    Nova Friburgo - RJ
    Mínimas hoje em Brasil:

    RS :

    Canela (Castelinho) : -00,2
    Farroupilha (Vicentina) : 01,2
    Vacaria : 01,7
    Bom Jesus : 01,8
    Quarai : 02,5
    Santa Rosa : 03,1
    Alegrete : 04,4
    São José dos Ausentes : 04,7
    Bento Gonçalves : 05,0
    São Gabriel : 05,0
    Canela (Quinta da Serra) : 05,1
    Lagoa Vermelha : 05,3
    Frederico Westphalen : 05,5
    Passo Fundo : 05,6
    Santa Maria : 05,7
    Erechim : 05,9
    Canela : 06,1
    Uruguaiana : 06,3
    Dom Pedrito : 06,3
    Jaguarão : 06,9
    Bagé : 07,0
    Cruz Alta : 07,2
    Soledade : 07,4
    Rio Pardo : 07,4
    Santo Augusto : 07,5
    Torres : 07,7
    São Borja : 07,7
    Palmeira das Missões : 08,0
    Santana do Livramento : 08,0
    São Luiz Gonzaga : 08,3
    Camaquã : 08,3
    Chuí : 08,6
    Canguçu : 08,7
    Porto Alegre : 08,9
    Caçapava do Sul : 10,0
    Tramandai : 10,1
    Mostardas : 10,8

    SC :

    Campo Alegre : -4,1°C
    Pericó : -2,0°C
    Rio Negrinho : -1,2°C
    São Bento do Sul : -1,2°C
    Papanduva : -1,1°C
    Urupema : -1,0°C
    Monte Castelo : -00,7°C
    São Joaquim (Vl Francionni) : -00,3°C
    Irineópolis : -00,3°C
    Curitibanos : -00,2°C
    São Joaquim (Climaterra) -00,1°C
    Rio Negrinho : 00,2
    Caçador : 00,3
    Major Vieira : 00,6
    Lages : 00,9
    São Joaquim (Cruzeiro) : 02,2
    Joaçaba : 03,0
    São Joaquim (Conv) : 03,8
    Rio do Campo : 04,1
    São Joaquim (Aut) : 04,2
    Campos Novos : 05,0
    Ituporanga : 06,0
    Joinville : 06,6
    Ararangua : 06,9
    Urussanga : 07,5
    Morro da Igreja : 07,7
    Xanxerê : 08,2
    São Miguel do Oeste : 08,7
    Novo Horizonte : 08,9
    Florianópolis (Conv) : 09,4
    Indaial : 09,7
    Dionisio Cerqueira : 09,8

    PR :

    Guarapuava : 0,00
    General Carneiro : 00,7
    Castro : 00,7
    Curitiba (Aero) : 01,0
    Fernandez Pinheiro : 01,5
    Ponta Grossa : 01,5
    Joaquim Tavora : 01,6
    Entre Rios : 01,9
    Irati : 02,5
    Palmas : 02,6
    Palotina : 03,0
    Pinhais : 03,4
    Curitiba (Sim) : 03,4
    Jaguariaiva : 03,6
    Curitiba (Conv) : 03,9
    Curitiba (Aut) : 04,1
    Ivai : 04,2
    Cianorte : 04,3
    Londrina : 04,5
    Campo Mourão : 04,6
    Foz do Iguaçu : 04,9
    Dois Vizinhos : 05,2
    Inacio Martins : 05,3
    Paranapoema : 05,4
    Clevelandia : 05,5
    Cerro Azul : 05,6
    São Miguel do Iguaçu : 05,9
    Planalto : 06,5
    Goioêre : 06,9
    Marechal Candodo Rondon : 06,9
    Morretes : 07,6
    Cidade Gaucha : 07,8
    Ibaiti : 09,1
    Maringá : 09,3
    Guaratuba : 09,4

    SP :

    Campos do Jordão (Vl Inglesa) : -02,8
    Campos do Jordão (Horto) : -02,4
    Campos do Jordão (Cptec) : -01,5
    Campos do Jordão (Aut) : -00,2
    Campos do Jordão (Conv) : -00,2
    Tapiraí : 0,00
    Itapetininga : 00,1
    Itararé : 00,3
    São Lourenço da Serra : 00,9
    São Roque : 01,0
    Tatuí : 01,4
    Itapevi : 01,5
    Mandurí : 02,1
    Palmital : 02,2
    Juquitiba : 02,4
    Barra do Turvo : 02,5
    Cordeirópolis : 02,6
    Limeira : 02,6
    Rancharia : 02,6
    São Miguel do Arcanjo : 03,1
    Itatiba : 03,2
    São Luis do Paraitinga : 03,4
    Sumaré : 03,5
    Taquarituba : 03,6
    Assis : 03,7
    Monte Alegre do Sul : 03,7
    Capão Bonito : 03,8
    São Pedro do Turvo : 03,8
    São Simão : 03,8
    Capivari : 04,0
    Maracaí : 04,0
    Pindorama : 04,0
    Piracicaba : 04,0
    Taubaté : 04,0
    Vargem Grande do Sul : 04,1
    São Paulo (Parelheiros) : 04,3
    São Pedro : 04,3
    Itaberá : 04,5
    Jaguariúna : 04,6
    Nova Odessa : 04,6
    Piracaia : 04,6
    Sertãozinho : 04,6
    Descalvado : 04,7
    Monteiro Lobato : 05,0
    Pradópolis : 05,0
    Paraguaçú Paulista : 05,0
    Pedrinhas Paulista : 05,0
    Tietê : 05,0
    Guarulhos (Cumbica) : 05,0
    Cândido Mota : 05,1
    Ourinhos : 05,1
    Gália : 05,2
    Bom Jesus dos Perdões : 05,2
    Ituverava : 05,2
    São Paulo (Iag / Usp) : 05,2
    Bragança Paulista : 05,3
    Paranapanema : 05,7
    Itapeva : 05,7
    Vargem : 05,8
    Ariranha : 05,9
    Pariquera-Açu : 05,9
    São José do Rio Pardo : 05,9
    Monte Aprazível : 06,0
    Indaiatuba : 06,0
    São Paulo (Campo de Marte) : 06,0
    Buritama : 06,2
    Sorocaba : 06,2
    Atibaia : 06,3
    Adamantina : 06,3
    Valparaiso : 06,3
    Miracatú : 06,6
    Ribeirão Preto : 06,6
    Espírito Santo do Pinhal : 06,7
    Nazaré Paulista : 06,7
    Ipaussu : 06,8
    Matão : 06,8
    Campinas : 06,9
    Itariri : 06,9
    Amparo : 06,9
    Mococa : 06,9
    Pirajú : 07,0
    Jales : 07,0
    Santa Cruz do Rio Pardo : 07,0
    Guarulhos : 07,2
    Dracena : 07,2
    São João da Boa Vista : 07,2
    Caraguatatuba : 07,3
    Iguape : 07,3
    São Carlos : 07,3
    Sete Barras : 07,4
    Araçatuba : 07,5
    Jacupiranga : 07,6
    Bauru : 07,7
    Juquiá : 07,8
    Presidente Prudente : 07,9
    São Paulo (Congonhas) : 08,0
    Votuporanga : 08,0
    Registro : 08,3
    Cananéia : 08,6
    Mirassol : 08,6
    São Paulo (Aut) : 08,7
    Peruibe : 08,8
    Tupi Paulista : 09,0
    Ubatuba : 09,1
    Valparaíso : 09,3
    Monte Azul Paulista : 09,7
    Paulo de Faria : 09,7
    Marília : 09,8
    Santa Fé do Sul : 10,2
    Auriflama : 10,5
    Osvaldo Cruz : 11,0
    São Sebastião : 11,7
    Fernandópolis : 12,0
    Santos : 12,0
    Ilhabela : 13,6

    MG :

    Monte Verde : -01,3
    Poços de Caldas : 00,0
    Maria da Fé : 00,9
    Caldas : 01,3
    Extrema (Minha estação abrigada - 930m, inaugurada sab) : 01,7
    Extrema : 02,0
    São Lourenço : 02,7
    Passa Quatro : 03,4
    Florestal : 03,9
    Bambui : 04,2
    Passos : 04,3
    Patrocinio : 04,3
    São João del Rei : 04,4
    Machado : 05,1
    Barbacena : 05,3
    Divinópolis : 05,5
    Guanhães : 06,0
    Formiga : 06,4
    Curvelo : 06,8
    Varginha : 06,8
    Conceição das Alagoas : 07,1
    Ituitaba : 07,3
    Caratinga : 07,9
    Dores do Indaia : 08,1
    Belo Horizonte (Pampulha) : 08,2
    Ouro Branco : 08,7
    Sacramento : 08,7
    Campina Verde : 09,0
    Guarda-Mor : 09,1
    Juiz de Fora : 09,5
    Araxá : 09,8
    Diamantina : 09,9

    RJ :

    Nova Friburgo (Uerj 980m): 5,6°C
    Teresópolis : 06,3
    Corceiro : 07,8
    Itatiaia : 09,9
    Resende : 10,8
    Itaperuna : 10,9
    Rio de Janeiro (Vl Militar) : 11,3
    Valença : 11,3
    Xerem : 12,0
    Macaé : 12,8
    Campos : 14,4
    Rio de Janeiro (Jacarepagua) : 14,5
    Rio de Janeiro (Galeão) : 15,0
    Rio de Janeiro (F Copacabana) : 17,7
     
  14. Fernandobrasil

    Fernandobrasil
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    22 Fev 2009
    Mensagens:
    57
    Local:
    brasil
    Rafael, buenas.....lindas fotos.

    Rafael ou (carlos dias)

    Existe uma fórmula mágica de acessar o

    www.abaixodezero.com
     
  15. Gerofil

    Gerofil
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mar 2007
    Mensagens:
    9,644
    Local:
    Estremoz (401 metros)
    Novo site traz informações sobre o clima em tempo real: Gaúchos e catarinenses têm acesso a dados de 18 estações meteorológicas

    Condições climáticas de Santa Catarina e Rio Grande do Sul atualizadas em tempo real

    Para obter informações detalhadas e instantâneas sobre o clima, a partir de hoje gaúchos e catarinenses poderão abrir uma simples janela — não mais de casa, mas do computador.
    Um site com dados de 18 estações meteorológicas do Grupo RBS e link para a previsão do tempo já está no ar trazendo dados como temperatura, chuva e vento de forma instantânea (HIPERLIGAÇÃO). É possível até monitorar a possibilidade de formação de um nevoeiro.
    Na página inicial do site, o usuário encontrará um mapa dos dois Estados com um resumo das medições oferecidas pelas estações localizadas nas sedes regionais da RBS. Se desejar maior variedade e detalhamento dos dados, bastará clicar sobre o nome da cidade pretendida e se abrirá uma nova janela com medições atualizadas a cada 10 minutos. Conforme a meteorologista Estael Sias, da Central de Meteorologia, essa instantaneidade é um dos recursos mais importantes do novo site.
    — Não havia até agora, de forma gratuita, esse nível de atualização de informações meteorológicas. É uma inovação desse projeto — avalia.
    Além de consultar as condições do tempo em um determinado momento, o internauta também poderá verificar a chuva acumulada, a evolução de temperatura e de velocidade do vento ao longo do dia. Quem tiver interesse na previsão poderá acessar um link para o site do clicTempo, que também a partir de hoje contará com um layout renovado. A variedade de dados, porém, possibilita até avaliar o risco de um nevoeiro se formar — informação importante para quem precisa pegar a estrada ou tem uma viagem de avião programada.
    O site informa qual é o ponto de orvalho — isto é, com qual temperatura a umidade invisível é capaz de se condensar e formar o nevoeiro. Quando a temperatura registrada fica a menos de um grau de diferença do ponto de orvalho, e o vento está abaixo dos 5 km/h, é sinal de que pode ocorrer o fenômeno. Os recursos incluem ainda o horário em que o sol nasce e se põe e a fase em que a lua se encontra.

    ClicRBS
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura

Partilhar esta Página