Seguimento - Incêndios 2017

Tópico em 'Biosfera e Atmosfera' iniciado por bigfire 17 Jan 2017 às 18:18.

  1. AJB

    AJB
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    5 Mar 2009
    Mensagens:
    743
    Local:
    Baião
    muito muito bom!!

    1. A incapacidade para debelar o fogo nascente na primeira meia hora após a eclosão, dado o tempo decorrido desde a ignição e os meios empregues em ataque inicial, que foram insuficientes para as condições do dia.
    2. Passado esse momento o controlo do incêndio foi-se tornando progressivamente mais difícil pelo crescimento rápido do perímetro, com a cabeça praticamente sempre acima da capacidade de extinção e projeções em número significativo. O combate ao então flanco direito do incêndio foi descurado, o que foi decisivo para a sua rápida expansão, o que se verificou após a mudança na direção do vento registada às 18 horas. Na verdade, após as 16 horas, e particularmente após as 17 horas, a probabilidade de sucesso em deter o incêndio seria sempre reduzida, mesmo na presença de ataque ampliado bem organizado e dispondo de um conjunto reforçado de meios.
    3. Eram diminutas as perspetivas de vir a dominar rapidamente o incêndio, informadas pelas suas características, pela leitura das condições em que evoluía e pelas previsões meteorológicas existentes. Assim, as necessárias medidas de proteção civil (disposições relativas à circulação na rede viária, acompanhamento da população rural, preparação de evacuações) deveriam ter sido equacionadas logo às 16h00-17h00 e cumpridas a partir das 18 horas. 4. As deficiências no comando e gestão da operação de socorro foram agravadas pelas dificuldades de comunicação. Porém, e em face do ponto 2, se a atuação tivesse seguido os padrões em vigor, pouco teria aumentado a efetividade das operações de controlo do incêndio. Pelo contrário, as consequências catastróficas do incêndio não são alheias às opções táticas e estratégicas que foram tomadas."
     
    Collapse Signature Expand Signature
    Dias Miguel e joselamego gostaram disto.
  2. AJB

    AJB
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    5 Mar 2009
    Mensagens:
    743
    Local:
    Baião
    Para os que acham que não ha limites ao combate, para os que acham que MUITOS meios significam incendios mais pequenos...leiam, leiam bem
     
    Collapse Signature Expand Signature
    joselamego gostou disto.
  3. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    5,270
    Local:
    Fatima
    Eu não sou técnico e por isso não tenho soluções, mas se não tomarmos precauções e não adaptarmos o nosso sistema de combate ás alterações climáticas como referem no relatório, vamos assistir atónitos a passar-se cá o mesmo que está a acontecer na Califórnia, e ver arder uma cidade inteira... este ano estivemos perto de ver isso em Coimbra!
     
    joselamego e Cinza gostaram disto.
  4. AJB

    AJB
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    5 Mar 2009
    Mensagens:
    743
    Local:
    Baião
    Não são precisas nenhumas alterações climáticas para tal acontecer!
    O desconhecimento técnico que grassa no principal agente de proteção civil é tão abissal que nada precisa de mudar para a tragédia se repetir!
    Enquanto acharmos que ao dar para peditórios que ajudamos e mudamos o que quer que seja...mal vai o país...
    Relativamente ás causas...tanta "pancada" já aqui levei...curioso que estes dois incendios analisados neste relatorio (Pedrogão e Gois, respetivamente os segundo e oitavo maiores de sempre)sejam provocados direta e indiretamente por causa natural...
    É do caraças, desculpem a linguagem...
     
    Collapse Signature Expand Signature
    joselamego gostou disto.
  5. AJB

    AJB
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    5 Mar 2009
    Mensagens:
    743
    Local:
    Baião
    Parece que mesmo que o SIRESP tivesse funcionado 200% bem...nada da tragédia teria sido alterada...
    Qual será agora o bode expiatório???
    Aceitam se apostas!!!!
     
    Collapse Signature Expand Signature
    joselamego gostou disto.
  6. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    5,270
    Local:
    Fatima
    O fogo e o seu comportamento é em si impressionante. Nesta foto do fogo na Califórnia-Sonoma, casas totalmente incineradas coexistem ao lado de outras intocadas... (não consegui postar a foto, por isso deixo o link) https://ibb.co/n8eNkb
     
    Cinza, rick80 e joselamego gostaram disto.
  7. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    5,270
    Local:
    Fatima
    O problema foi do comando da protecção civil e da falta de ataque no início do fogo!
     
    Cinza, joselamego e AJB gostaram disto.
  8. huguh

    huguh
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    1 Out 2015
    Mensagens:
    1,825
    Local:
    Godim - Peso da Régua
    Atualização

    Montalegre, 39 operacionais
    São Pedro do Sul, 143op, 2MA
    Baião, 37op
    Castro Daire, 110op, 1MA
    Montalegre, 28op, 2MA
    Gondomar, 26op
     
    joselamego e luismeteo3 gostaram disto.
  9. Snifa

    Snifa
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    16 Abr 2008
    Mensagens:
    7,973
    Local:
    Porto-Marquês:145 m Mogadouro:749 m
    Vejo uma enorme coluna de fumo, grossa e alta para os lados de Braga.

    Não me digam que é o Incêndio de Montalegre.. :unsure:
     
    Collapse Signature Expand Signature
    luismeteo3 gostou disto.
  10. huguh

    huguh
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    1 Out 2015
    Mensagens:
    1,825
    Local:
    Godim - Peso da Régua
    2 frentes em São Pedro do sul

    Montalegre, 39 operacionais
    São Pedro do Sul, 182op, 2MA
    Castro Daire, 163op, 3MA
    Castelo Branco, 37op
     
    luismeteo3 gostou disto.
  11. Snifa

    Snifa
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    16 Abr 2008
    Mensagens:
    7,973
    Local:
    Porto-Marquês:145 m Mogadouro:749 m
    Penso que seja este:

    Incêndio ameaça autoestrada que liga Braga a Guimarães

    [​IMG]

    Um incêndio está a ameaçar a autoestrada A11, que liga Braga a Guimarães, esta quinta-feira à tarde, na freguesia vimaranense de Leitões.

    Elementos da Divisão de Trânsito da GNR de Braga encontram-se no local, caso seja necessário cortar a circulação, já que as chamas chegaram a atingir aos railes de proteção da via, no sentido Guimarães-Braga.

    O fogo teve início em dois pontos distintos dentro da freguesia de Leitões, sendo que num dos locais as chamas já estão dominadas. O segundo foco de incêndio continua a evoluir com intensidade.

    No local, estão elementos dos Bombeiros Famalicenses, Voluntários de Braga e das Taipas.

    https://www.jn.pt/local/noticias/br...trada-que-liga-braga-a-guimaraes-8838573.html
     
    Collapse Signature Expand Signature
    joselamego e luismeteo3 gostaram disto.
  12. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    2,805
    Local:
    Torres Novas(75m)




    "Ribolhos
    A população pede ajuda ."
     
    Collapse Signature Expand Signature
    joselamego e luismeteo3 gostaram disto.
  13. robinetinidol

    robinetinidol
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    30 Jun 2015
    Mensagens:
    503
    Local:
    Fátima / Coimbra
    Como é que em 3h se consomem 8 000 ha em Pedrógão Grande??
     
    joselamego gostou disto.
  14. Nickname

    Nickname
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    2 Fev 2012
    Mensagens:
    1,370
    Local:
    Rio de Loba, Viseu (520m)
    joselamego gostou disto.
  15. SpiderVV

    SpiderVV
    Expand Collapse
    Staff

    Registo:
    26 Ago 2010
    Mensagens:
    5,772
    Local:
    Portalegre / Lisboa


    Edit: Entretanto novo incêndio no Sardoal já com 70 operacionais.
     
    Collapse Signature Expand Signature
    joselamego e guisilva5000 gostaram disto.

Partilhar esta Página