Seguimento Meteorológico Livre 2019

Tópico em 'Seguimento Meteorológico' iniciado por Davidmpb 1 Jan 2019 às 17:12.

  1. Aurélio Carvalho

    Aurélio Carvalho
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    5 Out 2018
    Mensagens:
    458
    Local:
    Faro
    A língua portuguesa parece ser para alguns muito difícil de interpretar.
    Se não foi referido em nenhum momento precipitação no que escrevi... E preciso ser muito tendencioso para retirar das minhas palavras e analogia que o proferi estava errado.
    Na altura em 2011 esse maio extraordinariamente chuvoso foi só o mais quente na altura até ser ultrapassado extraordinariamente pelo maio de 2015.
    Apenas é so referi a temperatura!!
     
    MSantos e "Charneca" Mundial gostaram disto.
  2. Aurélio Carvalho

    Aurélio Carvalho
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    5 Out 2018
    Mensagens:
    458
    Local:
    Faro
    Bom dia
    Os dias frescos já passaram e agora vamos entrar pelo verão a dentro. Felizmente os modelos têm vindo a adiar aquele calor mais difícil de suportar e pelos menos até ao fim de semana não teremos máximas superiores a 30 c salvo algum local isolado mais propício.
    Na próxima semana senão continuar a ser adiado já teremos máximas na ordem dos 35c.
    Boa continuação para todos
     
    Pedro1993 gostou disto.
  3. Gerofil

    Gerofil
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mar 2007
    Mensagens:
    9,558
    Local:
    Estremoz (401 metros)
    Hoje já aqueceu bastante... Estando em Maio, eleva-se a probabilidade de instabilidade convectiva nas regiões do interior; teremos já hoje possibilidade de alguma instabilidade nas regiões do interior? O modelo GFS aponta já para muita humidade relativa aos 700 hPa no interior norte e centro, mas parece existir ainda pouco calor... O AROME também não descarta alguma precipitação para as regiões montanhosas do interior norte e centro.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  4. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    6,642
    Local:
    Torres Novas(75m)
    Portugal está “a viver de água que não tem”
    Portugal encontra-se “parcialmente em situação de seca, devido a anos pouco chuvosos cujos efeitos são agravados pelas alterações climáticas”. Para ajudar a reverter a situação, a WWF recomenda que sejam tomadas medidas — não só a nível doméstico, mas também a nível político e empresarial.


    A Associação Natureza Portugal, representante do Fundo Mundial para a Natureza (ANP/WWF), alertou esta quarta-feira que o país “está a viver além da água que tem” e apresenta recomendações aos políticos, empresas e cidadãos para inverter a situação.

    Num comunicado divulgado esta quarta-feira, por ocasião do Dia Mundial da Biodiversidade, a ANP/WWF recomenda a conservação e reabilitação dos ecossistemas aquáticos saudáveis, o não-financiamento de novos regadios em zonas de escassez e sempre que não se garantam sistemas de uso eficiente da água e pela redução da procura através do aumento de eficiência de utilização nos diferentes sectores.

    Sublinhando que Portugal se encontra “parcialmente em situação de seca, devido a anos pouco chuvosos cujos efeitos são agravados pelas alterações climáticas”, as empresas são aconselhadas a participar em projectos e iniciativas de pagamento de serviços dos ecossistemas (nomeadamente fluviais), integrar a gestão da água na sua cadeia de valor, bem como assumir o risco hídrico da actividade e as responsabilidades sobre o uso da água nos planos social e ambiental.

    https://www.publico.pt/2019/05/22/c...ZTeE6ImrETlO7RFh0JVQ0YT8pmrwOmF4ZmvhmYrT7e6ac
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    joralentejano gostou disto.
  5. "Charneca" Mundial

    "Charneca" Mundial
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    28 Nov 2018
    Mensagens:
    1,037
    Local:
    Corroios (cota 26); Aroeira (cota 59)
    Para compreendermos o quão "pasmacento" este ano está a ser, basta compararmos o seguimento meteorológico livre do ano passado com o deste ano. :sono:
    Por esta altura, o SML 2018 tinha mais de 200 páginas, o de 2019 tem apenas 88. :)
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    Pedro1993 gostou disto.
  6. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    6,642
    Local:
    Torres Novas(75m)
    Pois só fazendo essa comparação, se consegue ver mesmo, com este ano está a ser tão "secante".
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    "Charneca" Mundial gostou disto.
  7. FSantos

    FSantos
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    16 Ago 2006
    Mensagens:
    488
    Local:
    Gondomar (115m)
    Mas se forem à página do Meteo do Barroso vem aí o fim do mundo.
    (Ah e o moderador não gosta que chamem aquilo a CMtv da meteorologia.)
     
  8. algarvio1980

    algarvio1980
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    21 Mai 2007
    Mensagens:
    9,472
    Local:
    Olhão (24 m)
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    Ricardo Carvalho gostou disto.
  9. Aurélio Carvalho

    Aurélio Carvalho
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    5 Out 2018
    Mensagens:
    458
    Local:
    Faro
    Pois cada pessoa acredita naquilo que quer. Existe quem acredite que teremos vários dias seguidos com temperaturas superiores a 43c... Como se o ano passado não tivéssemos tido.. Looll
    Outros acham que se calhar teremos nortada e tempo mais fresco..
    Cada pessoa é livre de pensar o que quiser.
    Mas deixo uma dica... Análise o que se tem passado nos últimos 20 anos em relação a temperatura máxima nos meses de maio e Outubro.
    Verão?
    Cada vez mais os meses de Maio e Outubro.. Se vão tornando meses mais quentes.
    O que acredito que acontecerá este verão?
    Bem não passa certamente por tempo fresco mas também não espero temperaturas assim tão elevadas quanto isso.
    Um verao normal mas longo e o que espero!!
     
  10. Snifa

    Snifa
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    16 Abr 2008
    Mensagens:
    9,150
    Local:
    Porto-Marquês:145 m Mogadouro:749 m
    Verão escaldante? Professor da Universidade de Aveiro critica AccuWeather, jornalistas e IPMA

    Alfredo Rocha salienta que “as únicas previsões sérias com alguns meses de avanço” são realizadas por centros de referência e têm “muito pouca utilidade” para prazos superiores a um mês

    Calor intenso e temperaturas recorde vão marcar o verão da Europa este ano. A ameaça de incêndio será elevada em Portugal e as ondas de calor vão durar vários dias”, anunciou o site norte-americano AccuWeather, num artigo assinado pelo meteorologista Eric Leister e que foi citado por vários órgãos de comunicação em Portugal a partir desta terça-feira. Num comunicado enviado ao Expresso, Alfredo Rocha, professor de Meteorologia e Clima do Departamento de Física da Universidade de Aveiro, critica a falta de sustentação do texto e a ausência de contraditório sobre o que classifica ser apenas uma “opinião”.

    “As notícias não mencionam como foram obtidas tais previsões, nomeadamente, qual o centro de previsão, modelo meteorológico e método científico para chegar às conclusões publicadas. Seria de esperar que, ao ler o artigo, os jornalistas contactassem o IPMA, ou acrescentassem ciência antes de as publicarem. Também seria desejável o IPMA pronunciar-se explicitamente sobre estas notícias. Tal não aconteceu, salvo algumas exceções”, declara.

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera não se pronunciou através de qualuqer notícia ou comunicado no respetivo site, mas responsáveis da instituição comentaram a notícia a vários órgãos de comunicação, entre os quais a SIC. O Expresso também não deu conta do artigo da AccuWeather, mas publicou, esta quarta-feira, um texto tendo como base a análise da ‘startup’ I-Climate, a única entidade em Portugal que faz previsões a três meses. A avaliação de longo prazo da AccuWeather é desmistificada e é concluído que o verão “não será tórrido” e talvez tenha “uma a duas ondas de calor”, o que é “normal”.



    O parecer de Alfredo Rocha segue o mesmo padrão: “o número e intensidade das ondas de calor estão e irão aumentar”, pelo que, estatisticamente, “até será de esperar que os recordes de temperatura venham a acontecer”. Porém, não é possível garantir isso “deterministicamente”: “As únicas previsões sérias com alguns meses de avanço são aquelas realizadas e divulgadas pelos centros de referência (IPMA, ECMWF, NOAA, etc.) e que, para já, têm muito pouca utilidade para horizontes temporais para além de um mês”.

    A METEOROLOGIA ‘COOL’ DA ACCUWEATHER

    Para além de criticar a falta de proatividade do IPMA, o professor de Meteorologia e Clima salienta que a AccuWeather “é uma empresa que tem um modelo de negócio baseado em subscrições e em anúncios” e que, por isso, “nem sempre as metodologias usadas para o fazer são as mais responsáveis”.

    “Estas empresas recorrem a previsões de tempo e clima realizadas por institutos e centros de meteorologia de referência (embora nem sempre isso seja dito) e publicam essas previsões dando-lhes uma roupagem mais ‘cool’. Nada de mal com isso desde que identifiquem as fontes e os métodos utilizados”, sublinha.

    O IPMA tem disponível uma previsão mensal e outra sazonal. Também o Centro Europeu para a Previsão de Tempo a Médio Prazo (ECMWF) divulga uma previsão sazonal de anomalias de temperatura e precipitação e cartas de longo prazo.



    https://expresso.pt/sociedade/2019-...tica-AccuWeather-jornalistas-e-IPMA#gs.dbhe4m
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #1315 Snifa, 23 Mai 2019 às 18:21
    Última edição: 23 Mai 2019 às 18:38
  11. Aurélio Carvalho

    Aurélio Carvalho
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    5 Out 2018
    Mensagens:
    458
    Local:
    Faro
    Junho e Julho mais frescos que o habitual é depois Agosto e Setembro super escaldantes. Sim realmente foi um fresco louco no sul do continente..
    As previsões neste momento também em Maio apontam para uma 2a metade do Verão mais quente do que a primeira.
    Não espero extremos como o ano mas um maior prolongar do verão este ano.
    Para já Maio vai sendo bastante quente.. E posteriormente veremos o comportamento que em principio será normal.
     
    "Charneca" Mundial gostou disto.
  12. Orion

    Orion
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    5 Jul 2011
    Mensagens:
    16,200
    Local:
    Ponta Delgada, Açores
    O problema dessa crítica é que nos EUA o setor da previsão e seguimento meteorológico é extremamente competitivo e não me parece que o AW tenha grandes negócios na Europa nem grande necessidade de sensacionalismos bacocos. A especificidade das temperaturas previstas é um grande tiro no escuro com grande probabilidade de erro mas isso não invalida o cenário sugerido. Essa sim é uma crítica mais equilibrada.

    Em outras palavras, equiparar o AW com um Daily Mail ou um Daily Express não é propriamente justo ou realista.

    Sendo assim, as previsões das épocas de furacões são todas uma trampa porque vão de Junho a Novembro.

    Reação do IPMA? O AW é uma instituição privada com as suas próprias metodologias de previsão. Já nós prevemos o seguinte (...).

    Em suma, haja mais ponderação no que se diz até porque as previsões mensais e sazonais do IPMA são uma trampa descomunal que enfatizam o jargão estatístico em detrimento de informações (mais) simples e diretas. Nisso a AEMET está numa outra realidade.

    Por fim, desde quando é que o IPMA é um 'centro de referência'? :D Está-se no final de Maio e ainda não foi publicado nenhum boletim dos Açores.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #1317 Orion, 23 Mai 2019 às 20:24
    Última edição: 23 Mai 2019 às 20:39
    "Charneca" Mundial gostou disto.
  13. Orion

    Orion
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    5 Jul 2011
    Mensagens:
    16,200
    Local:
    Ponta Delgada, Açores
    'Não sabemos bem o que vai acontecer. Se calhar para Agosto - que é quando publicamos uma nova previsão - teremos uma ideia mais concreta' :D

    [​IMG]

    Esta lista foi anteriormente utilizada em 2013.

    Foi uma temporada interessante para os Açores na medida em que os ciclones vieram tarde. Jerry no princípio de Outubro, Melissa no meio/fim de Novembro e esta tempestade subtropical no início de Dezembro que acabou por não ser nomeada:

    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    bandevelugo gostou disto.
  14. "Charneca" Mundial

    "Charneca" Mundial
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    28 Nov 2018
    Mensagens:
    1,037
    Local:
    Corroios (cota 26); Aroeira (cota 59)
    Mais um motivo para as pessoas irem votar (à tarde). :lmao:
    ____________________________________________________________
    Espero que nenhuma das previsões que aponta para calor extremo em Portugal se concretize, pois a situação a nível da seca não está boa.
    Este ano está a ser dos mais secos desde 2005, no período de janeiro a maio. Apenas 2005, 2012, 2007 e 2015 foram mais secos que este ano. O problema é que neste ano hidrológico temos um passado de secura que, se calhar, não tivemos noutros anos. :intrigante:
    [​IMG]
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    Ricardo Carvalho gostou disto.
  15. Pedro1993

    Pedro1993
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    7 Jan 2014
    Mensagens:
    6,642
    Local:
    Torres Novas(75m)
    A humidade foge a "olhos vistos", do solo, basta vere os terrenos que são preparados para se fazer as hortas, em que nesse mesmo dia ainda persite alguma humidade, e no dia seguinte, o solo já está completamente seco.
    E o mesmo acontece com as regas, mesmo nas árvores, que tem uma boa camada de mulching(palha, ou estilha), a humidade vai-se embora rapidadamente.
    Hoje dei começei a regar as macieras que plantei á cerca de 1 mes e meio atrás, pois é a 1ª rega que lhes dou depois, da chuva.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    Ricardo Carvalho e joralentejano gostaram disto.

Partilhar esta Página