Sinkholes Around the World

Tópico em 'Sismologia e Vulcanismo' iniciado por Gerofil 8 Jun 2010 às 01:04.

  1. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    17,112
    Local:
    Fatima (320m)
    É no Paquistão.
     
    Wessel1985 e lserpa gostaram disto.
  2. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    17,112
    Local:
    Fatima (320m)


    Huge sinkhole swallows part of road in Vladivostok, Russia (AERIAL VIDEO)

    A vast sinkhole estimated to be 15 meters wide and 20 meters deep has caused a major road collapse in the city of Vladivostok in Russia’s Far East.
    The incident took place during excavation works while a building was being constructed, the local administration said on its website.

    People at the nearby Seaside Regional Institute of Education Development were evacuated following the collapse. The collapsed part of the road was cordoned off by police.

    https://www.rt.com/news/377348-russia-sinkhole-collapse-video/
     
    fablept e bluejay gostaram disto.
  3. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    17,112
    Local:
    Fatima (320m)
    Existe uma cratera gigante a abrir-se na Sibéria. E não pára de crescer
    25/2/2017, 14:11146
    1
    Na Sibéria existe uma cratera que está a aumentar a grande velocidade. Cientistas acreditam que se deve às alterações climáticas, o fenómeno que, ao mesmo tempo, a cratera permite conhecer melhor.

    Partilhe
    [​IMG]
    O gelo que está a derreter tem imenso carbono armazenado que, após ser libertado, aumenta o processo de aquecimento global

    Junto da bacia do rio Yana, na Sibéria, numa área de solo congelado, existe uma cratera em expansão, batizada de Batagaika. E a sua dimensão está a criar preocupação: um quilómetro de comprimento e 86 metros de profundidade que, segundo conta a BBC, estão a aumentar com o passar do tempo. Os cientistas veem-na como um risco, mas também como uma oportunidade.

    Se, por um lado, os moradores locais não se querem nem aproximar (porque dizem que esta é uma porta para o submundo), por outro, os cientistas consideram o fenómeno uma ajuda preciosa para conhecer melhor a evolução do clima. Numa análise preliminar do fenómeno, publicada este mês no “Quaternary Research”, os cientistas que têm estudado a cratera garantem que pela observação das várias camadas do solo que a compõem, é possível entender outro fenómeno: o das alterações climáticas (que é, aliás, o que os especialistas dizem que está a provocar o crescimento do imenso buraco). As várias camadas da cratera permitem o “registo contínuo da história geológica, o que é bastante pouco comum” de encontrar, explica Julian Murton, cientista da Universidade de Sussex, do Reino Unido, citado pela BBC. Aliás, os especialistas acreditam que o estudo da cratera permite revelar 200 mil anos da história do clima, só pela análise das várias camadas.


    [​IMG]

    E porquê? Porque a cratera abre uma janela no solo terrestre, expondo camadas congeladas de forma permanente (que os geólogos classificam de pergelissolo). Este solo é constituído por gelo, rochas e sedimentos, e na cratera existe pergelissolo congelado mais recentemente, mas também com milhares de anos, chegando mesmo da era glacial. A abertura da cratera começou com algumas fissuras no terreno por volta de 1960 , que aceleraram quando a rápida desflorestação expôs demasiado o local à luz solar. O sol entrou diretamente no solo, derretendo-o progressivamente até se chegar ao buraco que existe hoje.

    [​IMG]

    Frank Günther, do Instituto Alfred Wegener, na Alemanha, tem monitorizado o local, juntamente com a sua equipa, há uma década, através de imagens de satélite. O objetivo é acompanhar as mudanças que vão ocorrendo, fazendo medições constantes. Num encontro de geólogos, no final do ano passado, apresentou algumas conclusões e, entre elas, a dimensão do problema: nos últimos 10 anos, essa análise detalhada permitiu aferir que a cratera cresceu a alta velocidade, ou seja, cerca de 10 metros,por ano. “A cratera está a crescer de forma contínua e isso significa que está a ficar mais profunda a cada ano que passa”, explica também em declarações à BBC.

    Mas apesar de os especialistas terem ali um precioso elemento de estudo sobre o clima, sobretudo avisam para os riscos que a cratera traz ao mesmo fenómeno que ajuda a perceber melhor: o das alterações climáticas. E isto porque os blocos de gelo que estão agora a ser expostos e que remontam à era glacial têm muita matéria orgânica armazenada, nomeadamente carbono.

    Segundo Günther, a quantidade de carbono armazenada no gelo é a mesma que existe na atmosfera e à medida que o carbono vai sendo libertado, sendo consumido por micróbios que, por seu lado, produzem metano e dióxido de carbono que são libertados para a atmosfera, acelerando o aquecimento global. Os especialistas chamam-lhe o “feedback positivo: aquecimento acelera o aquecimento”, explica Frank Günther. O mesmo cientista garante que não há infraestruturas que possam resolver a situação, pelo que acreditam que o futuro da Sibéria está comprometido.
    http://observador.pt/2017/02/25/exi...-a-abrir-se-na-siberia-e-nao-para-de-crescer/
     
    Wessel1985 e rokleon gostaram disto.
  4. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    17,112
    Local:
    Fatima (320m)
    Em atualização Lisboa: Buraco de grandes dimensões corta trânsito no eixo Norte-Sul
    10 mar 2017 · 15:34

    O pavimento na saída do eixo norte-sul para a avenida de Ceuta, em Lisboa, abateu provocando um buraco de grandes dimensões que levou ao corte do trânsito.

    [​IMG]

    O Diário de Notícias avança, de acordo com fonte dos Bombeiros Sapadores de Lisboa, que o buraco terá cerca de 9 metros quadrados, e entre 10 a 15 metros de profundidade.

    Nenhuma viatura caiu no buraco.

    O trânsito está cortado naquele acesso e as autoridades já estão presentes no local.
    http://24.sapo.pt/atualidade/artigo...es-dimensoes-corta-transito-no-eixo-norte-sul
     
    Wessel1985 gostou disto.
  5. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    17,112
    Local:
    Fatima (320m)
    Wessel1985 gostou disto.
  6. Wessel1985

    Wessel1985
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    21 Set 2013
    Mensagens:
    948
    Local:
    Angra do Heroismo, Ilha Terceira, Açores
    Quando vi esta notícia pensei logo neste fenómeno ... Nunca pensei que fosse tão comum como pelos vistos é ... Ainda bem que ninguém se magoou nesta situação ... :shocking::confused::shocking:
     
    luismeteo3 gostou disto.
  7. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    17,112
    Local:
    Fatima (320m)
    Sim, é milagre nenhum carro ter lá caído!
     
    Wessel1985 gostou disto.
  8. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    17,112
    Local:
    Fatima (320m)
  9. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    17,112
    Local:
    Fatima (320m)
  10. Orion

    Orion
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    5 Jul 2011
    Mensagens:
    16,968
    Local:
    Ponta Delgada, Açores
    :D

    O rebentamento de uma canalização de água provocou esta tarde a cedência de uma parte do passeio interior da Avenida Marginal de Ponta Delgada, obrigando a Polícia a estabelecer um perímetro de segurança na zona.

    A situação ocorreu por volta das 13h30 no passeio em frente à Delegação do Turismo de São Miguel. A água jorrava com intensidade por um buraco que já tinha aberto no passeio e era visível a barriga que se formava por cima da canalização, o que obrigou a que se provocasse um abatimento controlado do passeio, abrindo um buraco na zona inundada.

    Segundo apurou o Açoriano Oriental junto dos Bombeiros de Ponta Delgada, os Serviços Municipalizados de Água e Saneamento (SMAS) já tomaram conta da ocorrência. A situação chamou a atenção de quem passava na Avenida Marginal, sendo que hoje a baixa de Ponta Delgada se encontra cheia de turistas, que estão passar o fim de semana de Páscoa na ilha de São Miguel.

    AO
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    Wessel1985 e luismeteo3 gostaram disto.
  11. luismeteo3

    luismeteo3
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    14 Dez 2015
    Mensagens:
    17,112
    Local:
    Fatima (320m)

Partilhar esta Página