Episódio de Neve - 22 de Janeiro de 2013

CptRena

Nimbostratus
Registo
16 Fev 2011
Mensagens
1,510
Local
Gafanha da Encarnação, Aveiro
p1160228p.jpg

Podia ser um painel de instrumentos de uma aeronave, mas não é :p
 

ACAR

Cirrus
Registo
11 Jan 2010
Mensagens
14
Local
Braga
Re: Seguimento Litoral Norte - Janeiro 2013

Boa noite,

Deixo algumas imagens do evento de ontem:

Granizo - Covelas, Trofa - final da tarde (fotos de telemóvel fraquinho)
mini22012013352.jpg


mini22012013353.jpg


Neve - Serra do Viso, Celorico de Basto - início da noite
minip1080008.jpg


minip1080009.jpg


minip1080017.jpg


minip1080028.jpg


minip1080033.jpg



No Viso, tinha neve contínua a partir dos 700m +/-, mas pelo que me contaram, durante o dia chegou a acumular a partir dos 500m.
 

actioman

Cumulonimbus
Registo
15 Fev 2008
Mensagens
2,052
Local
Elvas (~300m)
Boa noite e Bom Ano Novo caros colegas meteoeloucos! :w00t:

Apesar da minha falta de tempo, não poderia deixar de passar um evento destes, sem vir aqui deixar a minha gotinha de água e os meus registos da queda de neve no ponto mais alto do Alentejo, a Serra de São Mamede.
Não pude por lá estar no dia 22 a assistir à sua queda ao vivo e a cores, mas graças à dedicação e esforço do Nuno e do Trepkos, aos quais agradeço muito pela partilha desinteressada :thumbsup:, pudemos vê-la e saber das suas aparições pelo extremo Norte do Alto Alentejo!
Sei bem que não é muito quando comparado com os registos de latitudes mais a Norte do nosso território, mas é neve alentejana e mais não preciso de dizer! :D

Estive pela Serra dia 23 de Janeiro e quando lá cheguei, pelas 11h ainda alguns acessos estavam cortados pela GNR.

12_S_Mamede_23_JAN13.jpg



Havia neve visível nas zonas mais abrigadas ou onde mais acumulou desde os 800m, mas já em escassa quantidade

01_S_Mamede_23_JAN13.jpg


04_S_Mamede_23_JAN13.jpg


03_S_Mamede_23_JAN13.jpg


05_S_Mamede_23_JAN13.jpg


06_S_Mamede_23_JAN13.jpg


07_S_Mamede_23_JAN13.jpg



Aqui o resultado dos dois últimos eventos meteorológicos, a depressão “Gong” e a queda de neve a cotas médias baixas.

02_S_Mamede_23_JAN13.jpg



A cerca de 9km de distância, em linha recta, a altaneira Marvão, aparentemente já sem neve.

08_S_Mamede_23_JAN13.jpg



Faço aqui um aparte e lhes deixo estas 3 fotos de Marvão nevado, duas durante o dia e uma à noite. A sua autora é a página do Facebook: Mercearia de Marvão de Catarina Machado:


321457_482818005098227_2002428854_n_Small.jpg


265066_482818415098186_2118602008_n_Small.jpg


408555_483154738397887_826428642_n_Small.jpg



Algumas zonas ainda na cota dos 800m apresentavam um pouco mais de acumulação, mas derretia a bom ritmo. A temperatura rondava os 5ºC e havia um ventinho por vezes mais intenso que resultava numa sensação térmica negativa certamente. :cold:

10_S_Mamede_23_JAN13.jpg


11_S_Mamede_23_JAN13.jpg



Como não podia deixar de ser tive de a “experimentar” e realmente era neve alentejana da melhor qualidade! :p

09_S_Mamede_23_JAN13.jpg



Já eram 12h04 quando apareceu uma patrulha da GNR e lá retirou a bendita da interdição, subi então até aos 1025m de São Mamede e pelo caminho foi aumentando a quantidade de neve no solo, certamente que na noite de 22 de Janeiro haveria uma boa camada a partir dos 900m de altitude.

13_S_Mamede_23_JAN13.jpg


15_S_Mamede_23_JAN13.jpg


16_S_Mamede_23_JAN13.jpg



E ei-la então, a placa que indica o caminho para o ponto mais alto do Alentejo.

14_S_Mamede_23_JAN13.jpg



E cerca de 1Km mais à frente, lá cheguei então ao alto da Serra de S. Mamede:

17_S_Mamede_23_JAN13.jpg


20_S_Mamede_23_JAN13.jpg


21_S_Mamede_23_JAN13.jpg


22_S_Mamede_23_JAN13.jpg


23_S_Mamede_23_JAN13.jpg



Aqui a neve já abundava mais e assim a “olhómetro” rondava os 10cm/15cm. Isto apesar do nevoeiro que ajudava a derreter o branco elemento de forma mais acelerada. :sad:

18_S_Mamede_23_JAN13.jpg


19_S_Mamede_23_JAN13.jpg



Este é o marco geodésico de 2ª Ordem, que referencia o ponto mais alto, 1025m, da serra.

24_S_Mamede_23_JAN13.jpg


Só a título de curiosidade e para quem não sabe, os marcos geodésicos marcam pontos de terreno em locais elevados e em linha de visão para com outros vértices, formando em conjunto a rede geodésica portuguesa.
Esta nossa rede é formada por vértices geodésicos que se dividem em três ordens de importância:

1ª Ordem - pirâmides quadrangulares distando 30 a 60 km
2ª Ordem - cilindro + cone listados distando 20 a 30 km
3ª Ordem - cilindro + cone distando 5 a 10 km



Estive lá no alto até cerca das 13h e ainda caiu alguma fraca precipitação, mormente no estado líquido mas também com pequenos cristais de gelo à mistura, pois a temperatura variava entre os 2ºC e os 3ºC (medidos com o temómetro do carro).

25_S_Mamede_23_JAN13.jpg


26_S_Mamede_23_JAN13.jpg


27_S_Mamede_23_JAN13.jpg


28_S_Mamede_23_JAN13.jpg


29_S_Mamede_23_JAN13.jpg


30_S_Mamede_23_JAN13.jpg



O que mais gosto em plena natureza é adentrar-me em plena mata e desfrutar dos sons da natureza e do silêncio reinante. Apesar de uma imagem ser melhor que mil palavras, não se alcança a transmitir totalmente, mas consegue-se ter alguma percepção do que me refiro. É um misto de magia e e pequenez...

31_S_Mamede_23_JAN13.jpg


32_S_Mamede_23_JAN13.jpg


33_S_Mamede_23_JAN13.jpg



Por aqui termino com um grande abraço a toda a família meteoPT. Um bem haja a todos e renovados parabéns por tantas melhorias que encontrei.
Grande trabalho sem dúvida! :uau:

34_S_Mamede_23_JAN13.jpg



MeteoPT.gif