Furacão LESLIE (Atlântico 2018 #AL13)

Tópico em 'Tempo Tropical' iniciado por luismeteo3 23 Set 2018 às 21:40.

  1. Aurélio Carvalho

    Aurélio Carvalho
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    5 Out 2018
    Mensagens:
    33
    Local:
    Faro
    Pela observação aos modelos neste o mais provável será a curva para sul antes ou após a madeira já com a Leslie bastante debilitada. Diversas frentes deixam mais precipitação do que a Leslie na madeira. Mas caso a Leslie não se debilitar e apesar de bem pequena poderá deixar acumulados muito significativos nas zonas montanhosas. O menos provável nesta altura será que venha para o continente
     
    Wessel1985, luismeteo3 e pe5cinco5 gostaram disto.
  2. c0ldPT

    c0ldPT
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    20 Out 2017
    Mensagens:
    1,027
    Local:
    Gandra - Paredes (132 m) / Valongo (140 m)
    Na minha opinião o ipma está a ter a atitude correta de modo a evitar alarmismos sobre algo que dificilmente acontecerá. Senão já andava aí a comunicação social a falar que íamos ser afetados por furacões/tufões/trombas etc, como de costume.
     
  3. Intruso

    Intruso
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    6 Mar 2016
    Mensagens:
    174
    Local:
    Maia
    Esse comunicado é de dia 9 de Outubro. Está no final do comunicado. Vamos a dia 11 de Outubro, portanto passaram dois dias, sendo que já há desenvolvimentos. Já não deveria haver atualizações?
    Devo ser eu que estou a pensar mal então.
    Como disse acima e cintado "Mas tudo bem, está tudo bem assim."
     
    pe5cinco5 gostou disto.
  4. pe5cinco5

    pe5cinco5
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    14 Nov 2014
    Mensagens:
    106
    Local:
    Caparica (40m) | Miranda do Douro (730m)
    Eu até concordo que o IPMA não lance, para já, avisos ou notas preventivas.

    O problema aqui não é o IPMA, que até geralmente fazem bons trabalhos, mas sim a comunicação social que se aproveita de palavras baratas e leves para as "transformar" em algo pesado e preocupante, criando trabalhos desnecessários.

    Já sabemos o que é a comunicação social, nem os dedos da minha mão consegue contar os exageros/enganos que já fizeram à população nos últimos anos.

    Agora, se houver certeza com maior probabilidade que tal fenómeno irá acontecer, aí sim, deve-se avisar a população.
     
    Rajujas e Wessel1985 gostaram disto.
  5. Intruso

    Intruso
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    6 Mar 2016
    Mensagens:
    174
    Local:
    Maia
    Não concordo. Foi esta inércia que levou à catástrofe do ano passado. Não custa nada prevenir.
    O Furacão Leslie até pode ir dar uma volta novamente ao Atlântico, ou então não. Custa alguma coisa alertar as autoridades competentes da possibilidade de tal acontecer?
    Eu falo como agente de proteção civil, que acumulado com muitas outras funções, também acumulo. Ainda nem um sequer memorando de alerta para o que pode, ressalvo, PODE acontecer há. Não há nada. Uma linha de atuação, algo a que se pode recorrer em caso de catástrofe. Ou acham que se faz tudo de um momento para o outro? Não se faz, todos sabemos disso.
     
    pe5cinco5 gostou disto.
  6. pe5cinco5

    pe5cinco5
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    14 Nov 2014
    Mensagens:
    106
    Local:
    Caparica (40m) | Miranda do Douro (730m)
    GFS(P) a afastar a Leslie para Oeste de Marrocos

    Run das 6h

    [​IMG]

    O ECM, na run das 00h a Leslie fica em cima da Madeira, desfazendo-se após trespassar o arquipélago:

    [​IMG]



    Desta vez, se a Leslie ficar a Oeste de Marrocos, os efeitos são baixos ou praticamente nulos a Portugal, no que diz respeito ao vento. Apenas teria alguma intensidade no Litoral Oeste:

    [​IMG]

    Quanto à precipitação, ainda iria trazer alguma, mas apenas para o Norte e Centro de Portugal:

    [​IMG]



    Enfim, a curto prazo, tudo é possível.
     
    1337, Wessel1985 e luismeteo3 gostaram disto.
  7. Dias Miguel

    Dias Miguel
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    26 Jan 2015
    Mensagens:
    1,634
    Local:
    Portalegre
    Pessoalmente, sempre fui entusiasta e curioso acerca do cosmos, talvez por causa de um grande senhor do conhecimento que influenciou positivamente a minha geração. É claro que falo de Carl Sagan. Recordo muitas coisas desse então e a interacção entre galáxias tem vindo à minha memória por causa da Leslie.
    É verdade que a atmosfera e o universo regem-se por diferentes regras e princípios, mas cada vez que vejo os modelos, é a analogia de interacção das galáxias e dos sistemas depressionários que observo na evolução. Posso estar a dizer uma grande barbaridade, mas gostava de deixar a minha opinião:
    Observem a evolução no seguinte GIF da última run do GFS:
    [​IMG]
    O início da interacção entre a Leslie e a superfície frontal da depressão que está ao largo das costas da Irlanda irá ocorrer durante a próxima madrugada, fazendo que a Leslie ganhe velocidade. Com o avançar das horas, parece haver uma transferência de ar tropical da Leslie para a linha de instabilidade, originando o incremento das precipitações desde os Açores até à Grã-Bretanha (quase como uma linha recta de precipitações mais fortes entre os 5 e os 8 mm/hora). Simultaneamente, a Leslie parece "perder gás" quando, na aproximação para a Península, a ligação perde-se dada à transferência de energia para a depressão que irá formar-se no norte da Escócia.
    Creio que, na intensidade e na concretização desta interacção entre a Leslie e a superfície frontal fria, reside a incerteza generalizada na previsão nos próximos dias. Acredito que amanhã, após o estabelecimento ou não desta ligação, poderão os entendidos pronunciar-se adequadamente e prever a evolução da Leslie.
    Nota: a previsão para o grupo Oriental dos Açores para dentro de 36 horas parece, segundo o GFS e esta run, bastante chuvosa. Com a orografia de S. Miguel, creio que haverá bastante precipitação num período curto de tempo.
     
    1337, Wessel1985, Gerofil e 3 outras pessoas gostaram disto.
  8. pe5cinco5

    pe5cinco5
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    14 Nov 2014
    Mensagens:
    106
    Local:
    Caparica (40m) | Miranda do Douro (730m)
    Então a Depressão no Norte da Escócia irá, literalmente, tirar precipitação para o nosso país? :confused:

    Se assim o for, por um lado até é bom, pois não deixa a Leslie entrar em Portugal. Mas se tira a chuva que estava prevista, menos bom.
     
    guisilva5000, Wessel1985 e luismeteo3 gostaram disto.
  9. mirones

    mirones
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    24 Nov 2006
    Mensagens:
    926
    Local:
    Setúbal
    A meu ver a chave está a 36h. Depende da posição em latitude da Leslie às 36h...mais acima virá para Portugal, mais abaixo poderá ir em direção a Marrocos, Madeira ou curvar de volta para o Atlântico. Amanhã de manhã penso que já haverá mais indícios do que poderemos esperar.
     
    vitoreis, Wessel1985 e luismeteo3 gostaram disto.
  10. AMFC

    AMFC
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    2 Nov 2012
    Mensagens:
    487
    Local:
    Queijas/Oeiras
    Aumentam as hipóteses de seguir rumo em direção à europa

    Hurricane Leslie Discussion Number 61
    NWS National Hurricane Center Miami FL AL132018
    1100 AM AST Thu Oct 11 2018

    For days now, it has been clear that Leslie will accelerate
    east-northeastward on the south side of a mid-latitude trough
    moving across the North Atlantic. That acceleration is well underway
    now, and the initial motion estimate is 060/14 kt. It has been
    unclear, however, when (or if) Leslie could separate from this
    trough and begin to drift southward over the eastern Atlantic. The
    model spread has remarkably increased since yesterday, and nearly
    1/3 of the members of the most recent GFS and ECMWF ensemble runs no
    longer forecast Leslie to separate from the trough at all, instead
    showing the cyclone approaching western Europe as an extratropical
    low
    . Even the deterministic model spread has increased, and the
    two NOAA regional hurricane models, the HWRF and HMON, are nearly
    2300 miles apart at day 5. Through 48 h, the official track forecast
    is very similar to the previous advisory, but it has been adjusted
    eastward beyond that time, to bring it closer to the most recent
    deterministic multi-model consensus. Confidence in the track
    forecast is not high at 72 h and beyond, and it's possible that
    large changes could still be required to future advisories.
     
    guisilva5000, Wessel1985 e luismeteo3 gostaram disto.
  11. joralentejano

    joralentejano
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    21 Set 2015
    Mensagens:
    4,729
    Local:
    Arronches, Portalegre (272m)
    Comunicado da AEMET sobre a Leslie, lançado hoje de tarde: http://www.aemet.es/documentos_d/enportada/20181011115359_p52tesp1.pdf

    O comunicado do IPMA não é atualizado desde dia 9. Praticamente todos os modelos mostram, na run 12z a Leslie sobre a Madeira, falta saber se o ECM mantêm o mesmo que na saída 00z. Provavelmente aguardam por isso visto ser o modelo em que se baseiam.
     
    Collapse Signature Expand Signature
    Wessel1985 e luismeteo3 gostaram disto.
  12. Snifa

    Snifa
    Expand Collapse
    Super Célula

    Registo:
    16 Abr 2008
    Mensagens:
    8,804
    Local:
    Porto-Marquês:145 m Mogadouro:749 m
    Se as previsões se confirmarem, só espero que não ocorram problemas de maior na Madeira.

    Todos sabemos as consequências desastrosas (e de má memoria) das chuvas intensas, potenciadas pela orografia da ilha, e consequentes enxurradas:

    [​IMG]




    [​IMG]


    [​IMG]

    Só espero que a prevenção esteja já em andamento, pois não falta assim tanto tempo.
     
    Collapse Signature Expand Signature
  13. Orion

    Orion
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    5 Jul 2011
    Mensagens:
    14,423
    Local:
    Ponta Delgada, Açores
    Por onde começar?

    Consenso no ensemble das 12z? Negativo. Tudo na mesma.

    Falta 1 hora e alguns minutos para o aviso 62. Do 61, mais do mesmo:

    Em termos da intensidade, mantém-se o mesmo prognóstico -> TT moderada a forte tendencialmente muito cisalhada.

    Em termos de trajeto, infelizmente continua-se na mesma ignorância mas mesmo que o cone de incerteza inclua a Madeira (já acontece) vai ser preciso muita pontaria para que a zona convectiva passe por cima da ilha. O principal risco é o habitual -> precipitação orográfica excessiva.

    Felizmente há radar.
     
    Collapse Signature Expand Signature
    #119 Orion, 11 Out 2018 às 20:45
    Última edição: 11 Out 2018 às 20:53
  14. Orion

    Orion
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    5 Jul 2011
    Mensagens:
    14,423
    Local:
    Ponta Delgada, Açores
    Compósito das 17:31z. O olho nos níveis baixos tem muito melhor aspeto que nos níveis altos.

    [​IMG]

    Não é excitante estar incluído no cone de incerteza de um ciclone tropical com uma probabilidade bastante significativa de se ser diretamente afetado por um? Oportunidade quiçá única para alguns meteomalucos tugas :D*

    *(é sarcasmo)
     
    Collapse Signature Expand Signature

Utilizadores a ler este tópico (Membros: 2, Visitantes: 1)

  1. Wessel1985

Partilhar esta Página