Neve a cotas baixas em Portugal

cactus

Nimbostratus
Registo
7 Jan 2009
Mensagens
561
Local
setubal (40 m)
Estava a falar de Lisboa. ;)
Em 2006 não nevou em grande parte da zona costeira, centro, zona oeste e sul... Pode-se dizer que foi um fenómeno algo dividido, mas não generalizado. E isto após 53 anos sem neve...


PS: Desculpem o Offtopic.

Alguem sabe dizer se este fenomeno tambem se deu no argarve ( costeiro) ??. Mas há uma coisa que ainda nos dias de hoje me pergunto , pois presenciei aqui no inverno de 1993 . Eu tabalhava aqui numa radio local e se bem me lembro estava na janela num intervalo dum programa , lá fora chovia bem, notei que durante 5 ou 10 minutos todo ficou branco, nao era como o granizo k bate e salta, mas ficava tipo derretido, muitas pesoas telefonaram para a radio, e comentaram que era neve . Telefonamos para o instituto de meteorologia e disseram-nos que nao tinham conhecimento de nada parecido, o assunto morreu logo ali, pois nao havia base cientifica nem registo de nada. Até hoje me pergunto se terá mesmo nevado naqueles 5 ou 10 minutos... Eu sei que é off topic , desculpem :confused:
 

Dan

Staff
Registo
26 Ago 2005
Mensagens
9,743
Local
Bragança (675m)
Alguem sabe dizer se este fenomeno tambem se deu no argarve ( costeiro) ??. Mas há uma coisa que ainda nos dias de hoje me pergunto , pois presenciei aqui no inverno de 1993 . Eu tabalhava aqui numa radio local e se bem me lembro estava na janela num intervalo dum programa , lá fora chovia bem, notei que durante 5 ou 10 minutos todo ficou branco, nao era como o granizo k bate e salta, mas ficava tipo derretido, muitas pesoas telefonaram para a radio, e comentaram que era neve . Telefonamos para o instituto de meteorologia e disseram-nos que nao tinham conhecimento de nada parecido, o assunto morreu logo ali, pois nao havia base cientifica nem registo de nada. Até hoje me pergunto se terá mesmo nevado naqueles 5 ou 10 minutos... Eu sei que é off topic , desculpem :confused:

Normalmente é fácil identicar quando são flocos de neve. Pode ter sido graupel.
 

Dan

Staff
Registo
26 Ago 2005
Mensagens
9,743
Local
Bragança (675m)
Obrigado Dan

Aparentemente vai de encontro ao que referi...

Só gostava agora de saber a certeza se o meu raciocínio ficou correcto.

No caso do graupel, o cristal de neve, a partir de um determinado momento, começa a crescer por acreção de gotículas de água em sobrefusão que gelam e formam a partícula de graupel. Na neve o cristal de neve vai crescendo sempre pela sublimação do vapor de água.
 

cdm

Cirrus
Registo
25 Jan 2009
Mensagens
45
Local
Mafra, 217 metros
Vós, que seguem o Fórum há mais tempo, e tendo em conta os vários "quase encontros" entre chuva e frio polar que já ocorreram neste Outono/Inverno, acham que este Inverno poderemos assistir a neve em baixas quotas, tipo como em 2006?

Saudações
 

rozzo

Staff
Registo
11 Dez 2006
Mensagens
2,466
Local
Montijo/Lisboa
Vós, que seguem o Fórum há mais tempo, e tendo em conta os vários "quase encontros" entre chuva e frio polar que já ocorreram neste Outono/Inverno, acham que este Inverno poderemos assistir a neve em baixas quotas, tipo como em 2006?

Saudações

Situações dessas são uma raridade em Portugal infelizmente..
E as que vão ocorrendo são localizadas regra geral..
2006 apenas a Sul de Coimbra.. 2007 apenas arredores de Lisboa.. 2009 apenas Norte..
Como sabemos dada a nossa localização, entradas frias o suficiente para cotas baixas já não são muitas.. Húmidas então menos ainda..
E como já foi falado.. Estas situações virão não directamente das entradas frias (secas) mas da feliz coincidência de num desses episódios se formarem pequenas depressões perto de nós que provoquem precipitação nesse ar continental gélido.. Raras e localizadas..

Além disso, para responder à pergunta.. Dado isto tudo, são sempre situações vistas "em cima da hora"..
Estas pequenas depressões associadas a massas de ar frio continental têm pouca expressão e raramente aparecem nos modelos a pouco mais que uns diazitos..

Ou seja.. Se a chance de prever coisas à distância já é reduzida.. Ainda mais reduzida de arriscar chances de cotas baixas num determinado Inverno..

Resumindo.. São pequeníssimas sempre, e em alguns Invernos.. Olha.. Pode calhar a lotaria a alguma parte do país!
Mas sendo episódios curtos e localizados.. Diria que antes de ocorrerem ou estarem em vésperas de ocorrer.. Me parecem tão prováveis num Inverno que esteja a ser quente e chuvoso como num que esteja a ser frio e seco, ou outra combinação qualquer!
:D
 

cdm

Cirrus
Registo
25 Jan 2009
Mensagens
45
Local
Mafra, 217 metros
Situações dessas são uma raridade em Portugal infelizmente..
E as que vão ocorrendo são localizadas regra geral..
2006 apenas a Sul de Coimbra.. 2007 apenas arredores de Lisboa.. 2009 apenas Norte..
Como sabemos dada a nossa localização, entradas frias o suficiente para cotas baixas já não são muitas.. Húmidas então menos ainda..
E como já foi falado.. Estas situações virão não directamente das entradas frias (secas) mas da feliz coincidência de num desses episódios se formarem pequenas depressões perto de nós que provoquem precipitação nesse ar continental gélido.. Raras e localizadas..

Além disso, para responder à pergunta.. Dado isto tudo, são sempre situações vistas "em cima da hora"..
Estas pequenas depressões associadas a massas de ar frio continental têm pouca expressão e raramente aparecem nos modelos a pouco mais que uns diazitos..

Ou seja.. Se a chance de prever coisas à distância já é reduzida.. Ainda mais reduzida de arriscar chances de cotas baixas num determinado Inverno..

Resumindo.. São pequeníssimas sempre, e em alguns Invernos.. Olha.. Pode calhar a lotaria a alguma parte do país!
Mas sendo episódios curtos e localizados.. Diria que antes de ocorrerem ou estarem em vésperas de ocorrer.. Me parecem tão prováveis num Inverno que esteja a ser quente e chuvoso como num que esteja a ser frio e seco, ou outra combinação qualquer!
:D


Obrigado pela resposta :D
Lembro-me que em 2006 nada estava previsto, foi um pequeno desvio de uma massa de ar húmido em cima da hora.
Na altura 1 meteorologista disse que era cada vez mais provável isso acontecer em Portugal por causa das alterações climáticas, blá blá blá...Mas como ainda não sou parvo para acreditar em meteorologia feita anos antes de 1 dado fenómeno ocorrer ou não ocorrer, sempre duvidei das palavras do senhor.

De qualquer forma, estou sempre à espera de neve a baixas quotas como 2006 ou até como 1954 (ainda eu estava longe de existir, mas dizem que aqui por Mafra foi em grande...). Situações imprevisíveis acontecem sempre :p
 

nimboestrato

Nimbostratus
Registo
8 Jan 2008
Mensagens
1,865
Local
Pedras Rubras-Aeroporto
... De qualquer forma, estou sempre à espera de neve a baixas quotas como 2006 ou até como 1954 (ainda eu estava longe de existir, mas dizem que aqui por Mafra foi em grande...)

Fevereiro de 1954 e 1956 foram dois meses de todos os extremos.
Esses são históricos.
Mas há muitos episódios que não duraram tantos dias , mas que igualmente
terão marcado determinadas datas.
Serve esta introdução para falar aqui da série da RTP 1 aos domingos à noite "conta-me como foi" que no episódio de hoje,a acção estava
centrada na passagem de ano de 1970 para 1971.E por entre a trama principal,lá se foi fazendo referência ao frio que fazia nessa altura em Lisboa e à neve em abundância em todo o norte mesmo a cotas baixas ,
mostrando imagens de Guimarães e Vieira do Minho cobertas de neve.
Como na altura tinha 10 aninhos , já não há memória que registe,
lá fui eu , de imediato ver ao arquivo se aquilo não seria contado avulsamente:

postop.gif
[/URL]http://[/IMG]

Sim senhor. A Série televisiva , para além do excelente elenco ,
para além do rigor histórico politico-social, tem também rigor histórico meteorológico...