Previsões longo prazo (Outono-Inverno 2015/2016)

Tópico em 'Seguimento Meteorológico' iniciado por Dias Miguel 29 Set 2015 às 09:50.

  1. jamestorm

    jamestorm
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    12 Jan 2010
    Mensagens:
    1,556
    Local:
    Lisboa e Alenquer
    eu sei que me apontam sempre evidencias dos números, mas ha demasiada evidencia empírica, qualquer pessoa mais velha vai dizer que estes Invernos não têm sido normais...têm sido consistentemente mais quentes desde ha uma década ou mais.
     
    frederico e StormyAlentejo gostaram disto.
  2. Brito

    Brito
    Expand Collapse
    Cumulus

    Registo:
    11 Fev 2010
    Mensagens:
    185
    Local:
    Viseu
    a primeira metade de dezembro será seca e amena... mas a partir dai penso que poderá mudar :cold:
     
  3. Gustave Coriolis

    Gustave Coriolis
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    30 Nov 2015
    Mensagens:
    95
    Local:
    setúbal
    Boa tarde. Acompanho com agrado desde há algum tempo este fórum. Permitam-me juntar aos vossos comentários algumas considerações. Julgo que nas nossas latitudes estamos sujeitos a grandes variações de estado do tempo de ano para ano (principalmente na estações de transição), decorrentes das lutas entre centros de pressão. Na verdade por muito que tentemos extrapolar do ano X, ou Y, para o ano presente, não passará de especulação ou mero desejo de ver repetidas determinadas condições – especialmente chuva. Como sabemos, os anos não se repetem e mesmo as secas ou episódios de chuva intensa nunca são iguais. Tenho lido com frequência, aqui no fórum, uma equiparação do outono deste ano ao de 2013, quando tivemos, de facto, um novembro e primeira quinzena de dezembro secos (naquele ano também frios), seguido de um inverno de ciclogénese. Contudo, como disse acima, julgo que de pouco nos vale comparações. Isto porque, julgo, vamos enfrentar nos próximos meses um cenário insólito em termos meteorológicos (julgo até que já o estamos a viver). De há semanas a esta parte os vários modelos têm sucessivas saídas com uma configuração anticiclónica atípica. Todas as perspetivas de chuvas, mesmo débeis, caem em cenários acima das 200 horas o que, como também sabemos, são pouco verosímeis. Aquilo que lanço é uma mera observação empírica e pessoal, apenas fundamentada em muitos anos a acompanhar diariamente estas questões meteorológicas.
     
  4. james

    james
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    16 Set 2011
    Mensagens:
    4,541
    Local:
    Viana Castelo(35 m)/Guimarães (150 m)
    Nos próximos tempos, o AA está resistente, sem dúvida. Apenas algumas pequenas bolsas de instabilidade no NO, mas muito efémeras.

    Algum dia há - de quebrar, isso não há dúvida nenhuma. O que eu temo e que, mais uma vez, o AA só quebre quando passar a melhor fase para a entrada de massas de ar frio e lá fiquemos novamente a espera do ano seguinte.

    P. S. - O Outono - inverno 2013 / 2014 foi excecional, com um Novembro gélido, com recordes negativos de temperatura para a época ( rigorosamente nada a ver com o tempo que estamos a ter) .


    P.S. Atenção que não só Portugal, mas também quase toda a Europa está também com tempo monótono e não muito frio ( tendo em conta os diversos climas, como é óbvio) . Parece que, neste momento, estamos todos no mesmo barco.

    Será que a Europa terá um inverno Historicamente pouco frio ou, pelo contrário, acontecerá ali um clique na passagem de ano ( que é aqui que costuma acontecer, quando ocorre) e a Europa começa repentinamente a tremer de frio?

    Vamos ver...
     
    #64 james, 30 Nov 2015 às 16:02
    Última edição: 30 Nov 2015 às 16:12
  5. algarvio1980

    algarvio1980
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    21 Mai 2007
    Mensagens:
    10,195
    Local:
    Olhão (24 m)
    Nem frio nem chuva.
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    TekClub e joralentejano gostaram disto.
  6. Sunnyrainy

    Sunnyrainy
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    24 Out 2009
    Mensagens:
    591
    Local:
    Ajuda, Lisboa (112 m) /Ribeira, P. de Lima (107 m)
    A continuar assim, este inverno ainda vai ser pior que o 2011/2012, ja que poderá nem sequer ter frio. Que tristeza :(
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  7. Scan_Ferr

    Scan_Ferr
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    8 Ago 2010
    Mensagens:
    1,217
    Local:
    Maceda (Ovar)
    A continuar assim? Mas o inverno ainda nem começou...
     
    jonas_87, COENTRO, Garcia e 2 outras pessoas gostaram disto.
  8. Sunnyrainy

    Sunnyrainy
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    24 Out 2009
    Mensagens:
    591
    Local:
    Ajuda, Lisboa (112 m) /Ribeira, P. de Lima (107 m)
    No noticiário da TSF, apareceu um técnico de previsões meteorológicas de longo prazo a dizer que este inverno iria entrar ameno e seco, mas que a partir de meados de janeiro as condições iam mudar. Referiu que nessa altura a circulação de tempestades ira descer a latitudes mais baixas de que a atual, e que algumas destas algo violentas, iriam afetar a península ibérica! Veremos...

    http://www.tsf.pt/programa/noticiarios/emissao/noticiario-das-08h00-4946946.html
    10 minutos e 10 segundos
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
    #68 Sunnyrainy, 22 Dez 2015 às 08:21
    Última edição: 22 Dez 2015 às 09:06
    MIGUEL_DKs gostou disto.
  9. james

    james
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    16 Set 2011
    Mensagens:
    4,541
    Local:
    Viana Castelo(35 m)/Guimarães (150 m)

    Isso vai de encontro à previsão de longo prazo do IPMA.

    Em 2005/ 2006 aconteceu isso. Após um inverno seco e ameno, segiu -se um final inverno / início primavera extremamente chuvosos.
     
    MIGUEL_DKs gostou disto.
  10. Sunnyrainy

    Sunnyrainy
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    24 Out 2009
    Mensagens:
    591
    Local:
    Ajuda, Lisboa (112 m) /Ribeira, P. de Lima (107 m)
    Só é pena as temperaturas estarem sempre acima da média. Mas já percebemos que enquanto houver El Niño, essa será a nossa sina!
     
    Collapse Signature Expandir Assinatura
  11. jonas

    jonas
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    14 Jul 2015
    Mensagens:
    2,150
    Local:
    paredes (200 m) Mouriz (202 m) Bitarães (185 m)
    Tambem tenho andado a seguir este topico e queria agradecer pelas informacoes; pois nao tinhamos nenhuma do genero ate agora
     
  12. Gustave Coriolis

    Gustave Coriolis
    Expand Collapse
    Cirrus

    Registo:
    30 Nov 2015
    Mensagens:
    95
    Local:
    setúbal
    As intenções deste técnico/investigador podem ser as melhores, mas quanto a mim são pura arte adivinhatória. Julgo que ele se apoia nos mesmos modelos que nós seguimos e estes, como todos sabemos, mudam a cada run. Crendo até que se baseia em outra informação (em si já assimilada nos modelos) não me parece que possa afirmar de forma tão peremptória uma mudança brusca (com ciclogénese incluída) a partir de meados de Janeiro. Mas, talvez, seja a minha costela céptica a falar.
     
  13. Vince

    Vince
    Expand Collapse
    Furacão

    Registo:
    23 Jan 2007
    Mensagens:
    10,624
    Local:
    Braga
    Não ouvi, mas se foi realmente dito dessa forma, prever tempestades algo violentas num Inverno roça a charlatanice. É como prever que nos próximos meses vai cair um avião. Estatisticamente a probabilidade é sempre de cair algum.
     
    james gostou disto.
  14. james

    james
    Expand Collapse
    Cumulonimbus

    Registo:
    16 Set 2011
    Mensagens:
    4,541
    Local:
    Viana Castelo(35 m)/Guimarães (150 m)
    O IPMA, baseando - se no europeu, penso eu, também crê numa mudança de padrão lá para a frente.

    Na sua previsão de longo prazo, para o Norte e Centro fala em precipitacao acima da média até abril.

    Ora, como Novembro e Dezembro vão ser meses com precipitacao abaixo da média, o modelo deve vislumbrar mais para a frente algures uma descida acentuada da zonal na latitude ( como ocorreu em 2006) e com uma auto - estrada aberta para as depressões, pelo menos no Norte e Centro.
     
  15. Iceberg

    Iceberg
    Expand Collapse
    Nimbostratus

    Registo:
    5 Jun 2006
    Mensagens:
    784
    Local:
    Braga
    Não ouvi a reportagem, mas …

    … habitualmente, e muitas vezes por estas alturas do ano (Natal, Páscoa, Agosto), aparece um certo membro/administrador de um outro fórum (que já foi membro deste há muitos, muitos anos) com previsões espantosas a longo prazo, e com algum acesso à comunicação social (mais do género Correio da Manhã, nunca TSF)…

    Não sei se é o mesmo, mas quando leio «…apareceu um técnico de previsões meteorológicas de longo prazo…», desconfio sempre!

    Mais um péssimo serviço aos serviços meteorológicos em particular e à comunidade em geral.
     
    Gustave Coriolis gostou disto.

Partilhar esta Página