Previsões segundo os modelos (até 2 semanas) - Janeiro 2023



StormRic

Furacão
Registo
23 Jun 2014
Mensagens
22,548
Local
Póvoa de S.Iria (alt. 140m)
Queda brutal da pressão central prevista para esta ciclogénese: 48 hPa = 2 hPa/hora em média, durante pelo menos 24 horas.

5v24nTz.png
 

StormRic

Furacão
Registo
23 Jun 2014
Mensagens
22,548
Local
Póvoa de S.Iria (alt. 140m)
Das 18h de hoje às 3h de amanhã, a ciclogénese vai descer a pressão central à razão de 10 hPa cada 3 horas, segundo o ECMWF.
A fase explosiva abranda às 9h de amanhã, tendo o cavamento atingido os 40 hPa em 15 horas; descerá ainda a menos de 945 hPa nas 6 horas seguintes, mantendo-se neste valor até às 21h e inferior a 950 hPa durante mais 12 horas, até às 9h de Sábado. É todo este tempo em que se mantém nestes valores de pressão central muito baixa que se gera a ondulação marítima maior.
 

srr

Nimbostratus
Registo
10 Jan 2012
Mensagens
1,123
Local
Abrantes
Até dia 19, o GFS 06z de hoje totaliza um acumulado no Noroeste igual ao acumulado normal do mês de Janeiro. A somar-se ao que já acumulou nos dois primeiros dias do mês, teremos assim, caso esta previsão se concretize, um acumulado acima da média normal.


Aqui os vizinhos metem este Mapa, a dizer que estamos abaixo da média !!??
 

StormRic

Furacão
Registo
23 Jun 2014
Mensagens
22,548
Local
Póvoa de S.Iria (alt. 140m)
Aqui os vizinhos metem este Mapa, a dizer que estamos abaixo da média !!??

Qual é a data desta previsão a médio/longo prazo? (Não é a data da partilha do facebook...). Já não estará ultrapassada, tal como foram ultrapassadas anteriores previsões para o Outono 2022? Aliás, só com os dois primeiros dias de Janeiro e o que vai caír no fim de semana, aquele mapa já fica esburacado pelo menos no Noroeste. As previsões a médio/longo prazo estão pouco credíveis no actual quadro de mudança.
 
Última edição:

Snifa

Furacão
Registo
16 Abr 2008
Mensagens
11,837
Local
Porto-Marquês:145 m Mogadouro:749 m
IPMA

Informação especial
Comunicado válido entre 2023-01-06 15:51:00 e 2023-01-08 23:59:00
Assunto: Novo episódio de precipitação no fim de semana em Portugal Continental
Depois de alguns dias sem precipitação, a passagem de sistemas frontais pelo continente no fim de semana (7 e 8 de janeiro) irá dar origem à ocorrência de precipitação forte e persistente no litoral a norte do Cabo Mondego, em especial na região do Minho.

Nestes locais, a precipitação forte irá ocorrer entre a madrugada e o princípio da tarde de sábado e entre a madrugada e tarde de domingo, podendo os valores acumulados variar entre 100 e 180 mm nas regiões montanhosas e entre 80 e 100 mm nas regiões não montanhosas (Figura 1).

Estes eventos de precipitação serão também acompanhados de vento forte, com rajadas que poderão atingir 85 km/h no litoral da região Norte e nas terras altas.

Haverá também forte agitação marítima na costa ocidental a partir do final de dia 7 e durante todo o dia 8, com ondas de 5 a 6 metros de altura significativa a norte do Cabo da Roca e 4 a 5 metros a sul do referido cabo.

Data de edição: 2023-01-06 15:51:26


Para mais detalhes sobre a previsão meteorológica para os próximos dias consultar:



Para mais detalhes sobre os avisos meteorológicos emitidos consultar:

Para mais detalhes sobre a previsão para a navegação marítima consultar:
 
Última edição:

StormRic

Furacão
Registo
23 Jun 2014
Mensagens
22,548
Local
Póvoa de S.Iria (alt. 140m)
Sistema frontal começa a entrar hoje à noite, frente quente-sector quente estreito mal definido durante a madrugada e início da manhã, frente fria ao início da tarde. Ambas as frentes trarão acumulados volumosos ao Noroeste:

HIjs5XK.gif

X1Uc7IY.gif

aeWX5wC.gif


A frente fria dissipa-se antes de chegar ao Algarve e mesmo do vale do Tejo para sul terá actividade reduzida.
Breve intervalo na chuva moderada/forte até à meia-noite, voltando então novamente com a chegada do sistema frontal alargado que trará chuva persistente durante todo o dia de Domingo terminando só na 2ªfeira de madrugada. Não só devido a este sistema mas também, logo a seguir, a uma nova frente fria com orientação Oeste-leste e pós-frontal empurrado por crista de altas pressões, projectada para norte pelo AA, e que virá separar a anterior depressão atlântica muito cavada de outra nova.

NRJa05a.gif

04X2civ.gif

Pux8rRN.gif


2ª ao meio-dia, o continente estará sob essa crista de altas pressões.
Os Açores estarão no grande sector quente, associado à nova depressão, em movimento para nordeste. Ainda é bastante incerto se as frentes deste sistema chegam o suficiente a sul para atingirem o continente de forma significativa. Depende do AA ganhar rapidamente posição sobre a Península Ibérica, como está previsto a médio prazo pelo ECM.

C7vRGDn.gif
 

StormRic

Furacão
Registo
23 Jun 2014
Mensagens
22,548
Local
Póvoa de S.Iria (alt. 140m)
Situação para a próxima madrugada e manhã é condicionada por esta ondulação da frente. O resultado é típico, com chuva persistente, e forte na passagem ou permanência das frentes. Há ainda assinalada um linha de instabilidade no sector quente alargado, indicação de que nesta massa de ar há condições para células fortes e talvez trovoada.

U1eoXJW.gif


tpLhhbV.gif
 

Snifa

Furacão
Registo
16 Abr 2008
Mensagens
11,837
Local
Porto-Marquês:145 m Mogadouro:749 m
Muito interessante esta saída do GFS 6 z, para quem gosta de frio e neve que tanto têm estado ausentes neste Inverno, ainda falta tempo, é só para a proxima semana.

Esta entrada fria é vista por vários modelos, embora com diferentes intensidades.

animmwg6.gif


animyrc1.gif


Já se sabe que neve a cotas baixas é raro, mas não descartaria umas cotas médias se tal se confirmar, e naturalmente houver precipitação suficiente.

Este Outono/Inverno têm sido tão atípicos, em termos de temperaturas acima da média e chuvas persistentes, que não me admiraria nada que passemos para o outro "extremo" (mais frio e que tem faltado) :unsure:
 
Última edição:

Dias Miguel

Cumulonimbus
Registo
26 Jan 2015
Mensagens
2,593
Local
Portalegre
não me admiraria nada que passemos para o outro "extremo" (mais frio e que tem faltado)
Basta ver o gráfico que o Orion publicou no Seguimento Livre para perceber que qualquer sítio pode passar dos 8 para os 80 em questão de dias, para não dizer em poucas horas...

Mas também digo que, nos últimos dias, o GFS está constantemente a prometer frio, mas "chutando" sempre para além das 100 horas... Mas, como sabemos, esse síndrome do adiamento acaba por realizar-se, mais semana, menos semana.