Seg. Previsão do Tempo e Modelos - Dezembro 2012

David sf

Staff
Registo
8 Jan 2009
Mensagens
5,163
Local
Oeiras / VN Poiares
A semana que hoje se inicia manterá as características deste fim de semana, com precipitação a norte e tempo mais estável, mas sempre com a possibilidade de alguma precipitação fraca, a sul.

As temperaturas em altitude estarão bem acima da média, à superfície a anomalia poderá não ser tão grande, principalmente no que toca às máximas, devido à nebulosidade e à possibilidade de formação de nevoeiros persistentes.

Note-se a importante entrada de ar quente vinda de sul prevista para o próximo fim-de-semana:

ECM0-168_mxl3.GIF


Iso 16 a 850 hpa bem perto do Algarve. E, olhando para o ensemble e para os restantes modelos, não se trata de um outlier. Sendo assim, no próximo fim-de-semana deveremos ter temperaturas bem altas para a época, podendo ultrapassar os 20ºC em muitas regiões do país, onde não exista nebulosidade nem nevoeiro.

Trata-se de uma situação pouco comum, mas não inédita, basta ver o Natal de 1977, a minha mãe lembra-se de ter andado de manga curta na noite de Consoada:

X0kN0.png


É provável que até ao Ano Novo não haja novidades na circulação atmosférica, pelo menos no que ao Atlântico diz respeito. No início de janeiro, começam a haver indícios de tempos mais interessantes, com o aquecimento estratosférico, a negativização da AO, e o deslocamento do vórtice polar para o hemisfério oriental, com consequente bloqueio do Atlântico.
 

Manditu

Cumulus
Registo
18 Jan 2009
Mensagens
171
Local
Caxinas - Vila do Conde (70 metros do oceano)
Nova actulização do ECMWF mantem a previsão de que se se irá amnter o fluxo de Oeste com a passagens de sistemas frontais em especial no norte a peninsula.
A vespera como no dia de Natal será de precipitação.

Devido ao mesmo fluxo / corrente as temperaturas irão se manter amenas e humidade elevada, em especial nas regiões do litoral Norte e Centro.

Entretanto analisei outros modelos de previsão que diferem logo a partir do medio prazo para frente, indica-me / entendo que bastantes incertezas para esse periodo não permitindo obter informaçoes muito certas do que se irá passar a partir de um prazo de daqui a 5 dias para o futuro.

Pegando na exposição do David, leva-me a deduzir que por haver esse aquecimento dos níveis estratosfericos essa alteraçao influenciará as condições meteorológicas na camada inferior, mas como a informação / obtenção de dados dos niveis estratosfericos são muito poucos, relativamente aos recolhidos à superficie isso implica que, penso eu, numa maior incerteza e disparidade entre dos diferentes organismos de previsão.

Outra constatação, é que se verificarmos apenas um organismos e acompanharmos sempre as actualizações, já verifiquei que na actualização seguinte a previsão já difere significativamente a partir do 4º - 5º para o futuro.
 

stormy

Super Célula
Registo
7 Ago 2008
Mensagens
5,117
Local
Lisboa
É interessante esta repetição de 1977....será que mais para a frente teremos uma lembrança dos 40/50´s:lmao::D
 

stormy

Super Célula
Registo
7 Ago 2008
Mensagens
5,117
Local
Lisboa
As tendencias a longo prazo apontam para a possibilidade interessante de um colapso do vortice polar, talvez de uma maneira bastante "explosiva".

Analisando as anomalias de temperatura á superficie do mar, e em alguns pontos continentais, podemos ter uma noção do padrão global que tem preponderado ao longo das ultimas semanas:

Segundo a carta de hoje:

OMaSe.jpg


Vermelho- A
Azul- B
Roxo- Bloqueio

Temos vindo a observar uma tendencia crescente de bloqueios mistos na Asia, e de bloqueios Anticiclonicos sobre regiões do Atlantico NE/Canada/Gronelandia.

No Pacifico o fortalecimento das anomalias positivas de temperatura no Equador teem fortalecido muito um anticiclone de bloqueio proximo ao antimeridiano de Greewich, e este padrão global tem resultado num acumular de ar frio em faixas da America do norte, extendendo-se desde o Alaska a regões do W Americano, tal como num fortalecimento do AT Siberiano, com anomalias negativas em boas porções da Asia.

Por outro lado tem havido uma acumulação de energia no Pacifico central e no Atlantico central e NE.

O bloqueio extenso na Asia deverá, segundo o GFS resultar numa gradual distorção do vortice polar:

UHXfh.jpg


Isto da-se pois a circulação desorganizada ( Jet aos "saltos" na Troposfera) gera atrito com a circulação em altura do vortice, que aquece e distorce a circulação em altura...como o ar é rarefeito uma pequena entrada de energia por atrito pode aquecer a massa de ar em varias dezenas de graus num curto espaço de tempo.


Sucede que este aquecimento sobre a Asia tende a roper o vortice na região, promovendo uma atmosfera mais estavel, que arrefece mais e potencia o fortalecimento do AT Siberiano.

A asia deverá gelar nas proximas semanas portanto...

Por outro lado se o Pacifico continua quente, e a circulação hemieferica vai empurrando ar gelado da Siberia para o Pacifico...deverá haver uma intensificação das ciclogeneses no Japão, que promovem uma reacção em cadeia para haver bloqueio no Paficico, e para haver mais aquecimento estratosferico a progredir sobre o Pacifico.

Ora...isto irá desestabilizar o vortice polar e pode ser que se atinga um limite em que este se começe a desintegrar...

O padrão actual promove uma distribuição das anomalias termicas tal que é muito favoravel a um episodio de colapso do vortice e negativização extrema da AO, algures em Janeiro.

Se isso acontecer deverá haver uma grande desestabilização da circulação Atmosferica pelo Hemisferio, gerando uma situação muito complexa mas possivelmente favoravel á ocorrencia de um periodo de tempo mais movido sobre a nossa faixa Subtropical.

Este esboço indica a tendencia que se poderá desenvolver após a rotura do VP:

lWLVb.jpg


Mas é apenas um esboço, pois em essencia estes eventos levam a situações imprevisiveis...essa carta mostra o que tenderá a ser mais expressivo no que toca ao padrao com base na distribuição das regiões onde se tem manifestado uma maior acumulação de energia ou de frio...os pontos de fronteira geralmente dão-nos uma ideia do tipo de fluxos e do tipo de sinoptica que tendencialmente é mais facil de se desenvolver numa região.


Resumindo a coisa...penso qie Janeiro poderá ser um mes bastante activo, com muita precipitação e temperaturas tendencialmente abaixo da média.
 

boneli

Nimbostratus
Registo
12 Jan 2008
Mensagens
871
Local
Braga. Lomar
Dias quentes no Natal e Ano Novo.....eu olho para IM e dá ca para Braga máxima de 13 e minima de 11, olho para o GFS e vejo a ISO 4/2 no nosso território e possiblidade de chuva pelo menos para dia 24. Já nem falo para a passagem de ano porque faltam 12 DIAS!

Será que vai ser assim tão quente?
 

martinus

Cumulus
Registo
22 Dez 2006
Mensagens
438
Local
Portugal
Dias quentes no Natal e Ano Novo.....eu olho para IM e dá ca para Braga máxima de 13 e minima de 11, olho para o GFS e vejo a ISO 4/2 no nosso território e possiblidade de chuva pelo menos para dia 24. Já nem falo para a passagem de ano porque faltam 12 DIAS!

Será que vai ser assim tão quente?

11-13 Não é assim tão quente. Aqui há uns anos lembro-me de ver umas ladys em biquini a bronzear na Apúlia em meados de Fevereiro. Nessa altura andava por uns 14-24.
 

João Sousa

Cumulus
Registo
1 Dez 2010
Mensagens
199
Local
Covilhã
:shocking::shocking:

Estamos à beira de ter um dos natais mais quentes de sempre.


Boa noite,
Parece que estamos algures no Magrebe. lool
Agora a sério, penso que até nem será assim tão anormal o estado do tempo que termos. A tendência será, na minha opinião de o GFS, se encostar ao ECM e nesse sentido poder haver uma frente a atravessar o continente. No fundo tempo normal para a época.
Obviamente, que as regiões do sul terão menor probabilidade de sofrer os efeitos desta potencial entrada de noroeste.

Abraço:thumbsup:
 

martinus

Cumulus
Registo
22 Dez 2006
Mensagens
438
Local
Portugal
Aqui para o noroeste (Braga) o Freemeteo já aposta num cenário bastante credível para a época: chuva, algum vento, trovoada, fresco (10 a 13C.).
 

boneli

Nimbostratus
Registo
12 Jan 2008
Mensagens
871
Local
Braga. Lomar
Um regalo quando vejo os modelos. Eu sei que ela não vem de forma democrática...mais no Norte do que no Sul e quase nada para os colegas Algarvios, mas pelo menos até Sexta vamos ter chuva.
Parece haver um pequeno interregno no Fim de Semana para no dia 24 estar de volta, mas até lá ainda falta algum tempo.
De referir também que para dia 24 e 25 podemos ter a iso 0 por cá o que vem contrariar o que os modelos mostravam à um tempo atrás em que havia a possiblidade de um Natal ameno. A ver vamos se as coisas se mantêm.
 

Manditu

Cumulus
Registo
18 Jan 2009
Mensagens
171
Local
Caxinas - Vila do Conde (70 metros do oceano)
Não sei que modelos andam a consultar, mas na minha analise nos mapas agora, verifico que os dias quentes serão o sábado (22) e domingo (23).
Prevesse que chegue aos 17-18ºC litoral norte. Proximo dos 20ºC no algarve.

Entretanto tenho um registo de 1998 de 19,7ºC em dezembro. Mas ainda longe do recorde de ~23ºC / 21ºC (s.pilar / p.rubras).

A vespera de natal nao será muito mais fria mas a vinda de precipitação em especial no norte e centro.

Agora voltando a visão geral. Penso que este possa ser um dos dezembros mais quentes (quanto à média e média mínima) em especial nas estações do litoral.
 

Manditu

Cumulus
Registo
18 Jan 2009
Mensagens
171
Local
Caxinas - Vila do Conde (70 metros do oceano)
É interessante esta repetição de 1977....será que mais para a frente teremos uma lembrança dos 40/50´s:lmao::D

Referes-te ao 15 de Fevereiro de 1941?!

Na serra do pilar (gaia), unica estaçao do porto na altura, a rajada de vento ultrapassou os 186kmh (anemometro avariou), mas por calculos de aproximação de outro que passou a escala apurou-se os 227km/h

Vento médio de 126km/h (em 1 hora) entre as 05h e as 06h...


A pressão minima não estou certo do valor, mas tenho dados para confirmar, mas penso que foi abaixo dos 970mb


que lindo dia....